SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
A NECESSIDADE E A URGÊNCIA
DO CULTO DOMÉSTICO
TEXTO ÁUREO
E ensinai-as a vossos filhos, falando delas
assentado em tua casa, e andando pelo caminho,
e deitando-te, e levantando-te;
(Deuteronômio 11.19)
VERDADE PRÁTICA
Se não nos voltarmos com urgência à prática do
culto domestico, nossas famílias não poderão
resistir às investidas das trevas nestes últimos
dias. A adoração no lar é imprescindível.
Esboço :
LIÇÃO 10
“A NECESSIDADE E A URGENCIA DO CULTO DOMÉSTICO”
INTRODUÇÃO
I. O CULTO DOMÉSTICO
1 . Adoração e família
2 . A restauração da instrução domestica
3 . A prática da adoração domestica
II. O CULTO NO LAR
1 . Organizando oculto domestico
2 . Ganhando os que ainda não são crentes
3 . Eu eminha casa servindo ao Senhor
III. BENÇÃO ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO
1 . Fortalece os laços familiares
2 . Santifica e protege a família
3 . Torna a família piedosa
CONCLUSÃO
INTRODUÇÃO
→ A negligência para com o culto doméstico tem
esfriado espiritualmente a família cristã.
→ A comunhão, que deveria ser intensa no lar, é
substituída, hoje, pela televisão
e pelas longas horas de
navegação na internet.
Conseqüentemente, o culto
ao Senhor em nossas casas
outrora tão prioritário,
praticamente desapareceu.
INTRODUÇÃO
→ Muitos pais optam por terceirizar a formação
espiritual e moral dos seus filhos. Não querem ter
trabalho algum com suas crianças, adolescente e
jovens. E, para se justificarem,
alegam falta de tempo. O que
Será dessa nova geração sem
o ensino bíblico?
É necessário resgatarmos com
urgência o culto domestico. Caso
contrário nossas famílias não
poderão subsistir nesses dias
difíceis, maus e tenebrosos.
I . O CULTO DOMÉSTICO
1 . Adoração e família
2 . A restauração da instrução doméstica
3 . A prática da adoração doméstica
O Culto Doméstico
promove a adoração em
família, a instrução
doméstica e uma prática
consciente da comunhão
cristã.
1 . Adoração em família
→ Moisés reuniu o povo e fez-lhe saber a
vontade de Deus através dos estatutos e dos juízos
divinos (Lv 19.37). O lar judaico, por conseguinte, teria
de ser para as crianças
aprenderem a temer e a amar
ao Senhor (Dt 6.7; 11.18,19).
→ Lamentavelmente, já
não se ver o mesmo zelo e
determinação nas famílias
cristãs atuais. Não há uma
I . O CULTO DOMÉSTICO
1 . Adoração e família
→ A Bíblia Sagrada destaca o valor do ensino
divino cultivado no coração humano (Pv 4.20-23).
→ A palavra de Deus deve ser o livro-texto dos
pais na educação dos seus
filhos, pois ela é “viva e eficaz”
e produz um poderoso efeito
na vida de quem a observa
e a pratica (Hb 4.12).
I . O CULTO DOMÉSTICO
2 . A restauração da instrução doméstica
→ A respeito do ensino divino a ser ministrado no
lar, o Senhor ordena: “E estas palavras, que hoje te
ordeno, estarão no teu coração. E as ensinarás a teus
filhos e delas falarás assentado
em tua casa, e andando pelo
caminho, e deitando-te e
levantando-te” (Dt 6.6,7).
→ Mais do que nunca,
torna-se imperativo o ensino da
palavra de Deus no lar (Pv 22.6).
I . O CULTO DOMÉSTICO
2 . A restauração da instrução doméstica
→ Nossos filhos precisam aprender com a
máxima urgência a amar a Deus como Ele o requer:
“Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu
coração, e de toda a tua alma,
e de todas as tuas forças”
(Dt 6.5).
I . O CULTO DOMÉSTICO
3 . A prática da adoração doméstica
→ Muitos casais supõem que, pelo fato de ainda
não serem pais, acham-se dispensados do culto
domestico. Na verdade, o culto doméstico não
apresenta qualquer restrição
no tocante à quantidade de
membros em uma família.
→ Portanto, quer você
tenha filhos, quer não, a
devoção na família não pode
esperar.
I . O CULTO DOMÉSTICO
3 . A prática da adoração doméstica
→ Quando há filhos a Palavra deverá ser
ministrada com o objetivo de alcançá-los também,
com uma linguagem própria para cada faixa etária.
I . O CULTO DOMÉSTICO
II . O CULTO NO LAR
1 . Organizando oculto doméstico
2 . Ganhando os que ainda não são crentes
3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor
O Culto Doméstico deve
ser prioridade em todo lar
cristã. Ali, a família adora
a Deus e cresce em graça
e conhecimento.
1 . Organizando oculto doméstico
Tendo em vista a prática do culto doméstico, a
primeira coisa a fazer é :
1) Definir um dia e horário em que todos os membros
da família possam participar
2) Deve haver uma liturgia (o louvor, a mensagem e a
oração)
3) Procure não utilizar o momento do culto para
discutir problemas familiares
4) Faça estudos bíblicos
II . O CULTO NO LAR
1 . Organizando oculto doméstico
5) Incentive os filhos a falarem a cerca de sua fé
6) Ouça as instruções dos mais velhos
7) Não deixe de ler diariamente a Bíblia com o seu
cônjuge e filhos
8) Programe a leitura diária para o ano todo
9) Aproveite as datas comemorativas, como o natal e
os aniversários, para celebrar a Deus em família e
agradecê-lo pelas vitórias conquistadas
II . O CULTO NO LAR
2 . Ganhando os que ainda não são crentes
→ Sempre é possível que haja na família pessoas
que ainda não tenham aceitado a Jesus como seu
salvador e Senhor. Apesar disso, o culto doméstico não
pode ser negligenciado.
→ Não deixe de convidar
os familiares descrentes, com
amor e sabedoria, para que
participem da adoração a Deus.
II . O CULTO NO LAR
2 . Ganhando os que ainda não são crentes
→ Siga o exemplo de Jó. Ele não forçava seus
filhos a servirem ao Senhor. Mas, ainda pela
madrugada, levantava-se para oferecer holocaustos a
Deus por todos
eles (Jó 1.4,5).
→ Não despreze os
momentos de comunhão
com o Senhor no seu lar.
Busque-o e adore-o de
todo o coração (Mc 12.30).
II . O CULTO NO LAR
3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor
→ Alguns crentes negligenciam o culto doméstico
por acharem-no antiquado e desnecessário.
→ A falta de tempo e o cansaço são as desculpas
mais utilizadas. Entretanto há
textos bíblicos contundentes
que exortam os chefes de
famílias a ensinar a palavra
de Deus a toda a sua casa
(Dt 6.7-9).
II . O CULTO NO LAR
3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor
→ O culto doméstico foi eficaz na vida de
Timóteo. Desde a mais tenra idade, ele era
zelosamente instruído nas sagradas
escrituras por sua mãe,
Eunice, e por sua avó, Lóide.
E o resultado foi maravilhoso.
O jovem Timóteo tornou-se
um grande obreiro de Cristo
(1 Tm 1.2; 2 Tm 1.2).
II . O CULTO NO LAR
3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor
→ Tomemos como exemplo a mesma atitude de
Josué. Ele deixou claro que o povo de Israel deveria
escolher a quem deveria servir quando da entrada na
terra prometida, mas fechou
a questão quando disse que
ele e sua família serviriam ao
Senhor (Js 24.15), motivando a
mesma atitude naqueles que
o ouviam.
II . O CULTO NO LAR
III . BENÇÃO ADVINDAS DO
CULTO DOMÉSTICO
1 . Fortalece os laços familiares
2 . Santifica e protege a família
3 . Torna a família piedosa
Podemos participar de
algumas bênçãos promovidas
pelo Culto Doméstico:
Fortalecimento dos laços
familiares; Santificação e
proteção da família; além de
um lar piedoso.
1 . Fortalece os laços familiares
→ O livro de Ester é um exemplo do que ocorre
quando instruímos os nossos familiares na palavra de
Deus. Embora rainha e esposa
do homem mais poderoso
daquele tempo, ela, jamais se
esqueceu dos ensinos que lhe
transmitira seu primo,
Mardoqueu, pois os laços entre
ambos eram fortes (Et 2.5-7).
III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO
DOMÉSTICO
1 . Fortalece os laços familiares
→ No momento certo ela (Ester) saiu em
defesa do povo de Israel, e Deus se manifestou em
todo o império persa.
→ Na união espiritual
do lar, sempre haverá lugar
para Deus operar e agir,
abençoando a todos
(Sl 133.1,3).
III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO
DOMÉSTICO
2 . Santifica e protege a família
→ Mas quando nos unimos para buscar a face do
Senhor, através da devoção doméstica, Satanás não
encontra espaço para destruir
nossos filhos.
→ A família que
verdadeiramente serve ao
Senhor não será abalada, pois
o Senhor santifica-a e a guarda
(Ef 6.16-18).
III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO
DOMÉSTICO
3 . Torna a família piedosa
→ Vemos que, em Israel, era comum a família
adorar ao Senhor por ocasião da Páscoa (Êx 12.14).
→ É gratificante e profundamente saudável a
adoração a Deus em família:
“Nas tendas dos justos há voz
de júbilo e de salvação; a
destra do SENHOR faz proezas”
(Sl 118.15).
III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO
DOMÉSTICO
CONCLUSÃO
→ O culto doméstico precisa ser
urgentemente resgatado, pois o mundo quer
impor sobre nossas famílias condutas totalmente
contrárias às recomendadas
pelas Sagradas Escrituras.
→ Se ensinarmos os
preceitos do Senhor aos
nossos filhos, eles jamais
serão tragados por este
século, cujo príncipe é o Diabo.
José Pereira Filho
Membro da Igreja Assembléia de Deus do Parque Piauí, em Teresina-PI – Brasil.
Evangelista e membro da CEMADEPI – Convenção Evangélica de Ministros das
Assembléia de Deus do Piauí, e com experiência em ministrações da Palavra de
Deus.
Email :
josepereiraoevangelista1@gmail.com
Canais no Youtube :
http://www.youtube.com/user/JPoEvangelista1
http://www.youtube.com/user/josepereiradiacono
http://www.youtube.com/user/atosdoisequatro?feature=mhee
Página no Facebook :
http://www.facebook.com/josepereiracomdeus

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Como é ser uma família em cristo
Como é ser uma família em cristoComo é ser uma família em cristo
Como é ser uma família em cristo
Pr Ismael Carvalho
 
Família projeto de deus
Família projeto de deusFamília projeto de deus
Família projeto de deus
Max Pereira
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
IBMemorialJC
 

Mais procurados (20)

Pastoral familiar
Pastoral familiarPastoral familiar
Pastoral familiar
 
Ecc a família na construção do mundo
Ecc   a família na construção do mundoEcc   a família na construção do mundo
Ecc a família na construção do mundo
 
QUEM É O ESPIRITO SANTO
QUEM É O ESPIRITO SANTOQUEM É O ESPIRITO SANTO
QUEM É O ESPIRITO SANTO
 
Corpo alma espirito
Corpo alma espiritoCorpo alma espirito
Corpo alma espirito
 
Ellen White e fechamento da porta da graça
Ellen White e fechamento da porta da graçaEllen White e fechamento da porta da graça
Ellen White e fechamento da porta da graça
 
A Família e a Igreja
A Família e a IgrejaA Família e a Igreja
A Família e a Igreja
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos ser
 
Namoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slideNamoro Cristão. Palestra em slide
Namoro Cristão. Palestra em slide
 
Como é ser uma família em cristo
Como é ser uma família em cristoComo é ser uma família em cristo
Como é ser uma família em cristo
 
E Por Falar em Namoro... Como Está Seu Relacionamento com Deus?
E Por Falar em Namoro... Como Está Seu Relacionamento com Deus?E Por Falar em Namoro... Como Está Seu Relacionamento com Deus?
E Por Falar em Namoro... Como Está Seu Relacionamento com Deus?
 
Fundamentos
FundamentosFundamentos
Fundamentos
 
As 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma famíliaAs 12 colunas que sustentam uma família
As 12 colunas que sustentam uma família
 
Apostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-freeApostila curso-casais-pronta-pdf-free
Apostila curso-casais-pronta-pdf-free
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola DominicalJESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
 
A vida do novo convertido
A vida do novo convertidoA vida do novo convertido
A vida do novo convertido
 
Família projeto de deus
Família projeto de deusFamília projeto de deus
Família projeto de deus
 
Sermão o andar do cristão
Sermão  o andar do cristãoSermão  o andar do cristão
Sermão o andar do cristão
 
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de DeusOs Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
Os Desafios de uma Família Segundo o Coração de Deus
 
Uma igreja perseguida
Uma igreja perseguidaUma igreja perseguida
Uma igreja perseguida
 

Destaque

Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
Escol Dominical
 
A casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoarA casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoar
Anita Oyaizu
 
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
Herbert de Carvalho
 
Tipos de Família
Tipos de Família Tipos de Família
Tipos de Família
Cordeiro_
 

Destaque (20)

LIÇÃO 08 – O CUIDADO COM A LÍNGUA
LIÇÃO 08 – O CUIDADO COM A LÍNGUALIÇÃO 08 – O CUIDADO COM A LÍNGUA
LIÇÃO 08 – O CUIDADO COM A LÍNGUA
 
RestauraAltarDeusnaVida
RestauraAltarDeusnaVidaRestauraAltarDeusnaVida
RestauraAltarDeusnaVida
 
FAMÍLIA NAS MÃOS DE DEUS
FAMÍLIA NAS MÃOS DE DEUSFAMÍLIA NAS MÃOS DE DEUS
FAMÍLIA NAS MÃOS DE DEUS
 
Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
 
O poder da lingua
O poder da linguaO poder da lingua
O poder da lingua
 
2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade
2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade
2013 - 2 tri - lição 9 - a família e a sexualidade
 
Os Mensageiros Cap 35 - O culto Domestico
Os Mensageiros Cap 35 - O culto DomesticoOs Mensageiros Cap 35 - O culto Domestico
Os Mensageiros Cap 35 - O culto Domestico
 
O Poder da Língua - Tiago 3.1-12
O Poder da Língua - Tiago 3.1-12O Poder da Língua - Tiago 3.1-12
O Poder da Língua - Tiago 3.1-12
 
Restaurando o Altar
Restaurando o Altar Restaurando o Altar
Restaurando o Altar
 
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto DomésticoLição 10   A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
Lição 10 A Necessidade e a Urgência do Culto Doméstico
 
O cuidado com a lingua
O cuidado com a linguaO cuidado com a lingua
O cuidado com a lingua
 
A casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoarA casa que Deus quer abençoar
A casa que Deus quer abençoar
 
O Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das PalavrasO Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das Palavras
 
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
101 Ideias para o Culto Familiar Port.ppt
 
Palestra família
Palestra famíliaPalestra família
Palestra família
 
EBD - A importância da Escola Bíblica Dominical
EBD - A importância da Escola Bíblica DominicalEBD - A importância da Escola Bíblica Dominical
EBD - A importância da Escola Bíblica Dominical
 
LIÇÃO 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
LIÇÃO 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉLIÇÃO 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
LIÇÃO 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
 
Tipos de Família
Tipos de Família Tipos de Família
Tipos de Família
 
Slides palestra família
Slides palestra famíliaSlides palestra família
Slides palestra família
 
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃOLIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
LIÇÃO 01 - A FORMAÇÃO DO CARÁTER CRISTÃO
 

Semelhante a A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíblica dominical

Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Silas Rodrigues
 
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp012013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
denilson matias
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Gérson Fagundes da Cunha
 
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a famíliaSirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Escol Dominical
 
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptxafamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
Tiago Silva
 

Semelhante a A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíblica dominical (20)

Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
 
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp012013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º triLição   nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri
 
Lição 12 - As bênçãos de Deus para a Família
Lição 12 - As bênçãos de Deus para a FamíliaLição 12 - As bênçãos de Deus para a Família
Lição 12 - As bênçãos de Deus para a Família
 
Familia e espiritualidade
Familia e espiritualidadeFamilia e espiritualidade
Familia e espiritualidade
 
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
2013 - 2 tri - lição 10 - a necessidade e a urgência do culto doméstico
 
A FAMÍLIA E A IGREJA - LIÇÃO 12 – para escola dominical
A FAMÍLIA E A IGREJA - LIÇÃO 12 – para escola dominicalA FAMÍLIA E A IGREJA - LIÇÃO 12 – para escola dominical
A FAMÍLIA E A IGREJA - LIÇÃO 12 – para escola dominical
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
 
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a famíliaSirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
 
Lição 10 A Familia e a Igreja
Lição 10 A Familia e a IgrejaLição 10 A Familia e a Igreja
Lição 10 A Familia e a Igreja
 
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
[EBD Maranata] Lição 08 - O compromisso com a Palavra de Deus | Revista: Neem...
 
Lição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na famíliaLição 10 - O poder da evangelização na família
Lição 10 - O poder da evangelização na família
 
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
O poder da evangelização na família - Lição 10 - 3º Trimestre 2016
 
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptxafamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
afamliaeaigreja-130617133126-phpapp02.pptx
 
Slide Lição 10 - A Família e a Igreja
Slide Lição 10 - A Família e a IgrejaSlide Lição 10 - A Família e a Igreja
Slide Lição 10 - A Família e a Igreja
 
Lição 10
Lição 10Lição 10
Lição 10
 
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De TudoLiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
 
A família e a igreja
 A família e a igreja A família e a igreja
A família e a igreja
 

Mais de yosseph2013

Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
yosseph2013
 
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
yosseph2013
 
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
yosseph2013
 
A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade
yosseph2013
 

Mais de yosseph2013 (19)

A MÚSICA A SERVIÇO DE DEUS - por José Pereira
A MÚSICA A SERVIÇO DE DEUS - por José PereiraA MÚSICA A SERVIÇO DE DEUS - por José Pereira
A MÚSICA A SERVIÇO DE DEUS - por José Pereira
 
Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
Deus escolhe arão e seus filhos para o sacerdócio – lição 11
 
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
As Leis Civis Entregue por Moisés aos Israelitas - lição 10
 
UM LUGAR DE ADORAÇÃO A DEUS NO DESERTO – Lição 9
UM LUGAR DE ADORAÇÃO A DEUS NO DESERTO – Lição 9 UM LUGAR DE ADORAÇÃO A DEUS NO DESERTO – Lição 9
UM LUGAR DE ADORAÇÃO A DEUS NO DESERTO – Lição 9
 
CONFRONTANDO OS INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO – Lição 09 – Para Escola Dominical
CONFRONTANDO OS INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO – Lição 09 – Para Escola DominicalCONFRONTANDO OS INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO – Lição 09 – Para Escola Dominical
CONFRONTANDO OS INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO – Lição 09 – Para Escola Dominical
 
A SUPREMA ASPIRAÇÃO DO CRENTE - Lição 08 – Escola Dominical
A SUPREMA ASPIRAÇÃO DO CRENTE - Lição 08 – Escola DominicalA SUPREMA ASPIRAÇÃO DO CRENTE - Lição 08 – Escola Dominical
A SUPREMA ASPIRAÇÃO DO CRENTE - Lição 08 – Escola Dominical
 
A ATUALIDADE DOS CONSELHOS PAULINOS – Lição 07 – Escola Dominical
A ATUALIDADE DOS CONSELHOS PAULINOS – Lição 07 – Escola DominicalA ATUALIDADE DOS CONSELHOS PAULINOS – Lição 07 – Escola Dominical
A ATUALIDADE DOS CONSELHOS PAULINOS – Lição 07 – Escola Dominical
 
A FIDELIDADE DOS OBREIROS DO SENHOR - Lição 06 – Escola Donminical
A FIDELIDADE DOS OBREIROS DO SENHOR - Lição 06 – Escola DonminicalA FIDELIDADE DOS OBREIROS DO SENHOR - Lição 06 – Escola Donminical
A FIDELIDADE DOS OBREIROS DO SENHOR - Lição 06 – Escola Donminical
 
AS VIRTUDES DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 05 – Escola Dominical
AS VIRTUDES DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 05 – Escola DominicalAS VIRTUDES DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 05 – Escola Dominical
AS VIRTUDES DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 05 – Escola Dominical
 
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
O COMPORTAMENTO DOS SALVOS EM CRISTO – Lição 03
 
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
ESPERANÇA EM MEIO À ADVERSIDADE - lição 02
 
Paulo e a igreja em filipos lição 1
Paulo e a igreja em filipos   lição 1Paulo e a igreja em filipos   lição 1
Paulo e a igreja em filipos lição 1
 
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola DominicalEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
 
A família e a escola dominical - Lição 11 - para Escola Dominical
A família e a escola dominical - Lição 11 - para Escola DominicalA família e a escola dominical - Lição 11 - para Escola Dominical
A família e a escola dominical - Lição 11 - para Escola Dominical
 
A família e a sexualidade – lição 09 – para escola dominical
A família e a sexualidade – lição 09 – para escola dominicalA família e a sexualidade – lição 09 – para escola dominical
A família e a sexualidade – lição 09 – para escola dominical
 
A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade A Família Cristã e a Sexualidade
A Família Cristã e a Sexualidade
 
Educação cristã responsabilidade dos pais - lição 08 para estudo na ebd
Educação cristã   responsabilidade dos pais - lição 08 para estudo na ebdEducação cristã   responsabilidade dos pais - lição 08 para estudo na ebd
Educação cristã responsabilidade dos pais - lição 08 para estudo na ebd
 
A armadura de deus
A armadura de deusA armadura de deus
A armadura de deus
 
O divórcio lição 07 - para escola bíblica dominical
O divórcio   lição 07 - para escola bíblica dominicalO divórcio   lição 07 - para escola bíblica dominical
O divórcio lição 07 - para escola bíblica dominical
 

A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíblica dominical

  • 1. A NECESSIDADE E A URGÊNCIA DO CULTO DOMÉSTICO
  • 2. TEXTO ÁUREO E ensinai-as a vossos filhos, falando delas assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te, e levantando-te; (Deuteronômio 11.19)
  • 3. VERDADE PRÁTICA Se não nos voltarmos com urgência à prática do culto domestico, nossas famílias não poderão resistir às investidas das trevas nestes últimos dias. A adoração no lar é imprescindível.
  • 4. Esboço : LIÇÃO 10 “A NECESSIDADE E A URGENCIA DO CULTO DOMÉSTICO” INTRODUÇÃO I. O CULTO DOMÉSTICO 1 . Adoração e família 2 . A restauração da instrução domestica 3 . A prática da adoração domestica II. O CULTO NO LAR 1 . Organizando oculto domestico 2 . Ganhando os que ainda não são crentes 3 . Eu eminha casa servindo ao Senhor III. BENÇÃO ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO 1 . Fortalece os laços familiares 2 . Santifica e protege a família 3 . Torna a família piedosa CONCLUSÃO
  • 5. INTRODUÇÃO → A negligência para com o culto doméstico tem esfriado espiritualmente a família cristã. → A comunhão, que deveria ser intensa no lar, é substituída, hoje, pela televisão e pelas longas horas de navegação na internet. Conseqüentemente, o culto ao Senhor em nossas casas outrora tão prioritário, praticamente desapareceu.
  • 6. INTRODUÇÃO → Muitos pais optam por terceirizar a formação espiritual e moral dos seus filhos. Não querem ter trabalho algum com suas crianças, adolescente e jovens. E, para se justificarem, alegam falta de tempo. O que Será dessa nova geração sem o ensino bíblico? É necessário resgatarmos com urgência o culto domestico. Caso contrário nossas famílias não poderão subsistir nesses dias difíceis, maus e tenebrosos.
  • 7. I . O CULTO DOMÉSTICO 1 . Adoração e família 2 . A restauração da instrução doméstica 3 . A prática da adoração doméstica O Culto Doméstico promove a adoração em família, a instrução doméstica e uma prática consciente da comunhão cristã.
  • 8. 1 . Adoração em família → Moisés reuniu o povo e fez-lhe saber a vontade de Deus através dos estatutos e dos juízos divinos (Lv 19.37). O lar judaico, por conseguinte, teria de ser para as crianças aprenderem a temer e a amar ao Senhor (Dt 6.7; 11.18,19). → Lamentavelmente, já não se ver o mesmo zelo e determinação nas famílias cristãs atuais. Não há uma I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 9. 1 . Adoração e família → A Bíblia Sagrada destaca o valor do ensino divino cultivado no coração humano (Pv 4.20-23). → A palavra de Deus deve ser o livro-texto dos pais na educação dos seus filhos, pois ela é “viva e eficaz” e produz um poderoso efeito na vida de quem a observa e a pratica (Hb 4.12). I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 10. 2 . A restauração da instrução doméstica → A respeito do ensino divino a ser ministrado no lar, o Senhor ordena: “E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração. E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te” (Dt 6.6,7). → Mais do que nunca, torna-se imperativo o ensino da palavra de Deus no lar (Pv 22.6). I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 11. 2 . A restauração da instrução doméstica → Nossos filhos precisam aprender com a máxima urgência a amar a Deus como Ele o requer: “Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças” (Dt 6.5). I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 12. 3 . A prática da adoração doméstica → Muitos casais supõem que, pelo fato de ainda não serem pais, acham-se dispensados do culto domestico. Na verdade, o culto doméstico não apresenta qualquer restrição no tocante à quantidade de membros em uma família. → Portanto, quer você tenha filhos, quer não, a devoção na família não pode esperar. I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 13. 3 . A prática da adoração doméstica → Quando há filhos a Palavra deverá ser ministrada com o objetivo de alcançá-los também, com uma linguagem própria para cada faixa etária. I . O CULTO DOMÉSTICO
  • 14. II . O CULTO NO LAR 1 . Organizando oculto doméstico 2 . Ganhando os que ainda não são crentes 3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor O Culto Doméstico deve ser prioridade em todo lar cristã. Ali, a família adora a Deus e cresce em graça e conhecimento.
  • 15. 1 . Organizando oculto doméstico Tendo em vista a prática do culto doméstico, a primeira coisa a fazer é : 1) Definir um dia e horário em que todos os membros da família possam participar 2) Deve haver uma liturgia (o louvor, a mensagem e a oração) 3) Procure não utilizar o momento do culto para discutir problemas familiares 4) Faça estudos bíblicos II . O CULTO NO LAR
  • 16. 1 . Organizando oculto doméstico 5) Incentive os filhos a falarem a cerca de sua fé 6) Ouça as instruções dos mais velhos 7) Não deixe de ler diariamente a Bíblia com o seu cônjuge e filhos 8) Programe a leitura diária para o ano todo 9) Aproveite as datas comemorativas, como o natal e os aniversários, para celebrar a Deus em família e agradecê-lo pelas vitórias conquistadas II . O CULTO NO LAR
  • 17. 2 . Ganhando os que ainda não são crentes → Sempre é possível que haja na família pessoas que ainda não tenham aceitado a Jesus como seu salvador e Senhor. Apesar disso, o culto doméstico não pode ser negligenciado. → Não deixe de convidar os familiares descrentes, com amor e sabedoria, para que participem da adoração a Deus. II . O CULTO NO LAR
  • 18. 2 . Ganhando os que ainda não são crentes → Siga o exemplo de Jó. Ele não forçava seus filhos a servirem ao Senhor. Mas, ainda pela madrugada, levantava-se para oferecer holocaustos a Deus por todos eles (Jó 1.4,5). → Não despreze os momentos de comunhão com o Senhor no seu lar. Busque-o e adore-o de todo o coração (Mc 12.30). II . O CULTO NO LAR
  • 19. 3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor → Alguns crentes negligenciam o culto doméstico por acharem-no antiquado e desnecessário. → A falta de tempo e o cansaço são as desculpas mais utilizadas. Entretanto há textos bíblicos contundentes que exortam os chefes de famílias a ensinar a palavra de Deus a toda a sua casa (Dt 6.7-9). II . O CULTO NO LAR
  • 20. 3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor → O culto doméstico foi eficaz na vida de Timóteo. Desde a mais tenra idade, ele era zelosamente instruído nas sagradas escrituras por sua mãe, Eunice, e por sua avó, Lóide. E o resultado foi maravilhoso. O jovem Timóteo tornou-se um grande obreiro de Cristo (1 Tm 1.2; 2 Tm 1.2). II . O CULTO NO LAR
  • 21. 3 . Eu e minha casa servindo ao Senhor → Tomemos como exemplo a mesma atitude de Josué. Ele deixou claro que o povo de Israel deveria escolher a quem deveria servir quando da entrada na terra prometida, mas fechou a questão quando disse que ele e sua família serviriam ao Senhor (Js 24.15), motivando a mesma atitude naqueles que o ouviam. II . O CULTO NO LAR
  • 22. III . BENÇÃO ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO 1 . Fortalece os laços familiares 2 . Santifica e protege a família 3 . Torna a família piedosa Podemos participar de algumas bênçãos promovidas pelo Culto Doméstico: Fortalecimento dos laços familiares; Santificação e proteção da família; além de um lar piedoso.
  • 23. 1 . Fortalece os laços familiares → O livro de Ester é um exemplo do que ocorre quando instruímos os nossos familiares na palavra de Deus. Embora rainha e esposa do homem mais poderoso daquele tempo, ela, jamais se esqueceu dos ensinos que lhe transmitira seu primo, Mardoqueu, pois os laços entre ambos eram fortes (Et 2.5-7). III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO
  • 24. 1 . Fortalece os laços familiares → No momento certo ela (Ester) saiu em defesa do povo de Israel, e Deus se manifestou em todo o império persa. → Na união espiritual do lar, sempre haverá lugar para Deus operar e agir, abençoando a todos (Sl 133.1,3). III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO
  • 25. 2 . Santifica e protege a família → Mas quando nos unimos para buscar a face do Senhor, através da devoção doméstica, Satanás não encontra espaço para destruir nossos filhos. → A família que verdadeiramente serve ao Senhor não será abalada, pois o Senhor santifica-a e a guarda (Ef 6.16-18). III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO
  • 26. 3 . Torna a família piedosa → Vemos que, em Israel, era comum a família adorar ao Senhor por ocasião da Páscoa (Êx 12.14). → É gratificante e profundamente saudável a adoração a Deus em família: “Nas tendas dos justos há voz de júbilo e de salvação; a destra do SENHOR faz proezas” (Sl 118.15). III . BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO
  • 27. CONCLUSÃO → O culto doméstico precisa ser urgentemente resgatado, pois o mundo quer impor sobre nossas famílias condutas totalmente contrárias às recomendadas pelas Sagradas Escrituras. → Se ensinarmos os preceitos do Senhor aos nossos filhos, eles jamais serão tragados por este século, cujo príncipe é o Diabo.
  • 28. José Pereira Filho Membro da Igreja Assembléia de Deus do Parque Piauí, em Teresina-PI – Brasil. Evangelista e membro da CEMADEPI – Convenção Evangélica de Ministros das Assembléia de Deus do Piauí, e com experiência em ministrações da Palavra de Deus. Email : josepereiraoevangelista1@gmail.com Canais no Youtube : http://www.youtube.com/user/JPoEvangelista1 http://www.youtube.com/user/josepereiradiacono http://www.youtube.com/user/atosdoisequatro?feature=mhee Página no Facebook : http://www.facebook.com/josepereiracomdeus