SlideShare uma empresa Scribd logo
1Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org
Lição 6 Religião no lar Sábado, 11 de maio de 2013
VERSO ÁUREO: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; têm bom entendimento todos os
cumprem os seus preceitos; o Seu louvor subsiste para sempre.” Salmos 111:10.
LEITURA INTRODUTÓRIA: “A religião é necessária no lar. Só ela pode prevenir os dolorosos erros que tantas
vezes amarguram a vida conjugal. Unicamente onde Cristo reina pode haver amor profundo, verdadeiro,
altruísta. Então uma pessoa e outra se unirão, e as duas vidas se fundirão em harmonia.”—
Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 5, p. 362.
ESTUDO ADICIONAL: O lar adventista, pp. 224-228; 240-250 (“A espécie de marido que não se deve ser”; “Mãe
– rainha do lar”).
1. PRINCÍPIOS IMPORTANTES
1A. Qual é o princípio básico da verdadeira religião no lar? Salmos 111:10; Jó 28:28.
(SL 111:10) - O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus
mandamentos; o seu louvor permanece para sempre.
(JÓ 28:28) - E disse ao homem: Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e apartar-se do mal é a inteligência.
“Pais e mães que põem a Deus em primeiro lugar na família, que ensinam os filhos a considerarem o temor de
Deus como o princípio da sabedoria, glorificam a Deus diante dos anjos e dos homens, oferecendo ao mundo o
espetáculo de uma família bem dirigida e bem educada – uma família que ama e obedece a Deus, e contra Ele
não se rebela. [...] Essas famílias têm direito à promessa: ‘aos que Me honram, honrarei’ (1 Samuel 2:30).”—
Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 5, p. 424.
1B. Que atitude, se associada ao temor do Senhor, tornará a religião de Cristo atrativa no lar? Provérbios 15:13
(primeira parte).
(PV 15:13) - O coração alegre aformoseia o rosto, {...}.
“Seja o lar um lugar em que existam a alegria, a cortesia e o amor. Isto se tornará atrativo às crianças. […]O
domínio próprio por parte de todos os membros da família tornará o lar quase um paraíso. Tornai vossas salas o
mais alegre possível. Fazei com que as crianças considerem o lar o lugar mais atrativo da Terra.”—Counsels on
Health(Conselhos sobre saúde), p. 100.
2. RELIGIÃO DOMÉSTICA
2A. De que modo Abraão governou sua casa? Gênesis 18:18 e 19. Que lições podemos aprender de seu exemplo?
(GN 18:18) - Visto que Abraão certamente virá a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão benditas todas as
nações da terra?
(GN 18:19) - Porque eu o tenho conhecido, e sei que ele há de ordenar a seus filhos e à sua casa depois dele, para que
guardem o caminho do SENHOR, para agir com justiça e juízo; para que o SENHOR faça vir sobre Abraão o que acerca
dele tem falado.
“Quando tivermos boa religião no lar, teremos excelentes reuniões religiosas. Sustentai a fortaleza do lar.
Consagrai vossa família a Deus, e então falai e agi em casa como cristãos. Sede bondosos, longânimos e
pacientes no lar, sabendo que sois professores.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 319.
“[...] deveis mostrar em vossa vida que Jesus é tudo para vós, que Seu amor torna-vos paciente, bondoso,
perdoador e, não obstante, firme em ordenar a vossos filhos depois de vós, como o fez Abraão.”— Ibidem, p.
317.
2B. Como o apóstolo Paulo confirma o efeito que as influências do lar têm na igreja? 1 Timóteo 3:4 e 5; 1
Tessalonicenses 2:10-13.
(1TM 3:4) - Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia
2Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org
(1TM 3:5) - (Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?);
(1TS 2:10) - Vós e Deus sois testemunhas de quão santa, e justa, e irrepreensivelmente nos houvemos para convosco, os
que crestes.
(1TS 2:11) - Assim como bem sabeis de que modo vos exortávamos e consolávamos, a cada um de vós, como o pai a
seus filhos;
(1TS 2:12) - Para que vos conduzísseis dignamente para com Deus, que vos chama para o seu reino e glória.
(1TS 2:13) - Por isso também damos, sem cessar, graças a Deus, pois, havendo recebido de nós a palavra da pregação
de Deus, a recebestes, não como palavra de homens, mas (segundo é, na verdade), como palavra de Deus, a qual
também opera em vós, os que crestes.
“No lar é posto o fundamento da prosperidade da igreja. As influências que regem a vida no lar são levadas
para a vida da igreja; portanto, os deveres eclesiásticos devem começar no lar.”—Ibidem, p. 318.
2C. Que tema deve ocupar lugar central na educação de nossos filhos? 1 Coríntios 2:2; Romanos 16:25 e 26.
(1CO 2:2) - Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado.
(RM 1:25) - Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é
bendito eternamente. Amém.
(RM 1:26) - Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no
contrário à natureza.
“Falem às crianças do grande campo missionário e contem-lhes do amor de Cristo e do grande sacrifício que,
por Ele nos haver amadoe por querer que tenhamos um lar com Ele em Seu reino, foi feito. Ele veio a nosso
mundo para abençoá-lo com Sua divina presença, para trazer paz, luz e alegria; mas o mundo não O quis
receber, e matou o Príncipe da Vida. Essa morte aconteceu para trazer os tesouros do Céu ao alcance de todos
os que cressem em Jesus. Tornem claro a seus filhos esse glorioso tema; e ao expandir-se o jovem coração deles
em amor a Deus, deixem que apresentem suas pequenas ofertas, para que possam desempenhar sua parte em
enviar a preciosa luz da verdade a outros.”—The Review and Herald, 11 de dezembro de 1888.
3. ENSINANDO RELIGIÃO NO LAR
3A. Que grande responsabilidade temos para com nossos filhos, e de que maneira Deus abençoará nossos
esforços? Provérbios 4:1-8.
(PV 4:1) - OUVI, filhos, a instrução do pai, e estai atentos para conhecerdes a prudência.
(PV 4:2) - Pois dou-vos boa doutrina; não deixeis a minha lei.
(PV 4:3) - Porque eu era filho tenro na companhia de meu pai, e único diante de minha mãe.
(PV 4:4) - E ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e
vive.
(PV 4:5) - Adquire sabedoria, adquire inteligência, e não te esqueças nem te apartes das palavras da minha boca.
(PV 4:6) - Não a abandones e ela te guardará; ama-a, e ela te protegerá.
(PV 4:7) - A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de
entendimento.
(PV 4:8) - Exalta-a, e ela te exaltará; e, abraçando-a tu, ela te honrará.
“Pai e mãe são responsáveis pela manutenção da religião no lar.”—The Adventist Home(O lar adventista), p.
321.
“Os que ocupam posições de confiança na causa de Deus devem aperfeiçoar a vida segundo a imagem divina.
No lar, na igreja, perante o mundo, cumpre-lhes [aos professores, ministros e médicos] revelar o poder dos
3princípios cristãos para transformar a vida.”—Counsels to Parents, Teachers, and Students(Conselhos aos
pais, professores e estudantes), p. 397.
“Deus fará grandes coisas pelos que abrirem o coração à Sua Palavra, permitindo que ela tome posse do templo
da alma.”— Ibidem, p. 396.
3B. O que a instrução religiosa no lar fará por nossos filhos? Provérbios 4:10-13. Explique quão importante é que
os pais ensinem aos filhos como aproximar-se de Jesus.
3Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org
(PV 4:10) - Ouve, filho meu, e aceita as minhas palavras, e se multiplicarão os anos da tua vida.
(PV 4:11) - No caminho da sabedoria te ensinei, e por veredas de retidão te fiz andar.
(PV 4:12) - Por elas andando, não se embaraçarão os teus passos; e se correres não tropeçarás.
(PV 4:13) - Apega-te à instrução e não a largues; guarda-a, porque ela é a tua vida.
“Quando os pais são diligentes e vigilantes em sua instrução, e educam os filhos tendo em vista a glória de
Deus, cooperam com Deus, e Deus coopera com eles na salvação da alma das crianças por quem Cristo morreu.
Instrução religiosa significa muito mais que instrução comum. Significa que deveis orar com vossos filhos,
ensinando-lhes como se aproximar de Jesus e contar-Lhe todas as suas necessidades. Significa ainda que deveis
mostrar em vossa vida que Jesus é tudo para vós, que Seu amor torna-vos paciente, bondoso, perdoador e, não
obstante, firme em ordenar a vossos filhos depois de vós, como o fez Abraão.
Tal como vos conduzis em vossa vida no lar, sois registrados nos livros do Céu. Aquele que espera tornar-se
um santo no Céu deve primeiro tornar-se santo em sua própria família. [...] Pais, não permitais que vossa
religião seja simplesmente uma profissão, mas sim uma realidade.”—The Adventist Home(O lar adventista), p.
317.
“Sem os princípios vitais da verdadeira religião, sem o conhecimento de como servir e glorificar o Redentor, a
educação é mais nociva que benéfica.”—Counsels to Parents, Teachers, and Students(Conselhos aos pais,
professores e estudantes), p. 412.
4. ESSENCIAL CONHECIMENTO DAS ESCRITURAS
4A. Quão cedo devemos levar a luz do conhecimento de Deus a nossos filhos? 2 Timóteo 3:15.
(2TM 3:15) - E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé
que há em Cristo Jesus.
“Tão logo sejam os pequenos capazes de compreender, devem os pais contar-lhes a história de Jesus, a fim de
que bebam nas preciosas verdades concernentes à Criança de Belém.Imprimi na mente das crianças sentimentos
de singela piedade adaptados aos seus anos e possibilidades.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 320 e
321.
4B. Quão diligentes devemos ser como pais ao ensinar as Sagradas Escrituras a nossos filhos? Isaías 34:16
(primeira parte); Deuteronômio 6:6-9.
(IS 34:16) - Buscai no livro do SENHOR, {...}.
(DT 6:6) - E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração;
(DT 6:7) - E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e
levantando-te.
(DT 6:8) - Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos.
(DT 6:9) - E as escreverás nos umbrais de tua casa, e nas tuas portas.
4C. Em que consiste a religião familiar? Provérbios 22:6.
(PV 22:6) - Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
“Religião em família consiste em criar os filhos na doutrina e admoestação do Senhor. Cada membro da família
deve ser nutrido pelas lições de Cristo, e o interesse de cada alma deve ser estritamente guardado [...].”—
Ibidem, p. 317.
“A religião é na família um maravilhoso poder. A conduta do esposo para com a esposa e desta para com
aquele pode ser tal que torne a vida no lar uma preparação para pertencer à família de cima.
Corações cheios do amor de Cristo nunca podem estar em desarmonia. Religião é amor, e o lar cristão é aquele
onde o amor reina e encontra expressão em palavras e atos de solícita bondade e gentil cortesia.”— Ibidem, p.
94.
“O esforço de fazer do lar o que ele deve ser – um símbolo do lar celeste – prepara-nos para trabalhar em uma
esfera mais ampla. A educação recebida mediante o mostrar terna consideração uns pelos outros habilita-nos a
saber atingir os corações que precisam aprender os princípios da verdadeira religião. A igreja necessita de todas
as cultivadas energias espirituais que se possam obter, para que todos, e em especial os membros mais novos da
4Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org
família do Senhor, sejam cuidadosamente guardados. A verdade vivida em casa se faz sentir em abnegado
serviço lá fora. Aquele que vive o cristianismo no lar será em toda parte uma brilhante luz.”— Ibidem, pp. 38 e
39.
5. UMA RELAÇÃO DE CAUSA E EFEITO
5A. No que concerne à educação de uma criança, mencione um exemplo de cooperação entre marido e esposa.
Juízes 13:8-12. Do que os pais devem ter certeza antes que estejam qualificados a educar seus filhos?
Deuteronômio 4:9.
(JZ 13:8) - Então Manoá orou ao SENHOR, e disse: Ah! Senhor meu, rogo-te que o homem de Deus, que enviaste, ainda
venha para nós outra vez e nos ensine o que devemos fazer ao menino que há de nascer.
(JZ 13:9) - E Deus ouviu a voz de Manoá; e o anjo de Deus veio outra vez à mulher, e ela estava no campo, porém não
estava com ela seu marido Manoá.
(JZ 13:10) - Apressou-se, pois, a mulher, e correu, e noticiou-o a seu marido, e disse-lhe: Eis que aquele homem que veio
a mim o outro dia me apareceu.
(JZ 13:11) - Então Manoá levantou-se, e seguiu a sua mulher, e foi àquele homem, e disse-lhe: És tu aquele homem que
falou a esta mulher? E disse: Eu sou.
(JZ 13:12) - Então disse Manoá: Cumpram-se as tuas palavras; mas qual será o modo de viver e o serviço do menino?
(DT 4:9) - Tão-somente guarda-te a ti mesmo, e guarda bem a tua alma, que não te esqueças daquelas coisas que os
teus olhos têm visto, e não se apartem do teu coração todos os dias da tua vida; e as farás saber a teus filhos, e aos filhos
de teus filhos.
“O pai de família não deve deixar à mãe todo o cuidado na ministração de ensino espiritual. Grande obra deve
ser feita por pais e mães, e ambos devem desempenhar sua parte individual em preparar os filhos para a grande
revisão do juízo.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 321.
5B. Que influência a verdadeira religião doméstica exercerá sobre a sociedade? Deuteronômio 4:5-8.
(DT 4:5) - Vedes aqui vos tenho ensinado estatutos e juízos, como me mandou o SENHOR meu Deus; para que assim
façais no meio da terra a qual ides a herdar.
(DT 4:6) - Guardai-os pois, e cumpri-os, porque isso será a vossa sabedoria e o vosso entendimento perante os olhos dos
povos, que ouvirão todos estes estatutos, e dirão: Este grande povo é nação sábia e entendida.
(DT 4:7) - Pois, que nação há tão grande, que tenha deuses tão chegados como o SENHOR nosso Deus, todas as vezes
que o invocamos?
(DT 4:8) - E que nação há tão grande, que tenha estatutos e juízos tão justos como toda esta lei que hoje ponho perante
vós?
“Se é esperadoque a religião influencie a sociedade, deve ela influenciar primeiro o lar. Se os filhos forem
ensinados no lar a amar a Deus e temê-lO, quando saírem para o mundo estarão preparados para educar sua
própria família para Deus, e assim o princípio da verdade será implantado na sociedade e exercerá influência
marcante no mundo. A religião não deve estar divorciada da educação do lar.”— Ibidem, p. 318.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Arquivos Secretos da IASD
Arquivos Secretos da IASDArquivos Secretos da IASD
Arquivos Secretos da IASD
ASD Remanescentes
 
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
ASD Remanescentes
 
Logo da IASD e Ellen White
Logo da IASD e Ellen WhiteLogo da IASD e Ellen White
Logo da IASD e Ellen White
José Silva
 
A trindade
A trindadeA trindade
A trindade
Jose Moraes
 
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
ASD Remanescentes
 
Iasd rejeitará o sábado (3)
Iasd rejeitará o sábado (3)Iasd rejeitará o sábado (3)
Iasd rejeitará o sábado (3)
Jose Moraes
 
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
ASD Remanescentes
 
Dois povos adventistas
Dois povos adventistasDois povos adventistas
Dois povos adventistas
Eduardo Sousa Gomes
 
O batismo bíblico
O batismo bíblicoO batismo bíblico
O batismo bíblico
alessenior
 
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
ASD Remanescentes
 
➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.
ASD Remanescentes
 
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
ASD Remanescentes
 
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo DiaHistória da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
Walter Mendes
 
4 textos de Ellen White que não são dela...
4 textos de Ellen White que não são dela...4 textos de Ellen White que não são dela...
4 textos de Ellen White que não são dela...
José Silva
 
Lista de heresias da Igreja Católica
Lista de heresias da Igreja CatólicaLista de heresias da Igreja Católica
Lista de heresias da Igreja Católica
Alberto Simonton
 
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
ASD Remanescentes
 
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de JesusSermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Geziel Diocreciano de Jesus
 
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROSEM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
ASD Remanescentes
 
CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
 CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
Projeto Preparar um Povo
 
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITEIASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
ASD Remanescentes
 

Mais procurados (20)

Arquivos Secretos da IASD
Arquivos Secretos da IASDArquivos Secretos da IASD
Arquivos Secretos da IASD
 
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
Ellen White e os Pioneiros Adventistas Confirmam o Espírito Santo é o Espírit...
 
Logo da IASD e Ellen White
Logo da IASD e Ellen WhiteLogo da IASD e Ellen White
Logo da IASD e Ellen White
 
A trindade
A trindadeA trindade
A trindade
 
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
IASD irmã de Babilônia nas Profecias.
 
Iasd rejeitará o sábado (3)
Iasd rejeitará o sábado (3)Iasd rejeitará o sábado (3)
Iasd rejeitará o sábado (3)
 
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
Os IASD Movimento de Reforma e a Mudanças Doutrinarias.
 
Dois povos adventistas
Dois povos adventistasDois povos adventistas
Dois povos adventistas
 
O batismo bíblico
O batismo bíblicoO batismo bíblico
O batismo bíblico
 
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
Livro de Ellen White que não pode ser traduzido.
 
➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.➤Série de Estudos Vida Eterna.
➤Série de Estudos Vida Eterna.
 
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
A IASD não é Babilônia, nem Filha dela. é Irmã!
 
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo DiaHistória da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
História da Trindade na Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
4 textos de Ellen White que não são dela...
4 textos de Ellen White que não são dela...4 textos de Ellen White que não são dela...
4 textos de Ellen White que não são dela...
 
Lista de heresias da Igreja Católica
Lista de heresias da Igreja CatólicaLista de heresias da Igreja Católica
Lista de heresias da Igreja Católica
 
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
Analisando o termo OUTRO do grego ALLOS(ἄλλον) de João 14:16.
 
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de JesusSermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
Sermonário de mensagens que edificam Pastor Geziel de Jesus
 
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROSEM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
EM QUE ACREDITAVAM OS PIONEIROS
 
CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
 CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
CHUVA SERÔDIA ANTES DO DECRETO DOMINICAL
 
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITEIASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
IASD FAZENDO PARTE DA UNIÃO DAS IGREJAS PREVISTA POR ELLEN WHITE
 

Destaque

Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago RochaPortifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Gérson Fagundes da Cunha
 
Catalogo2012
Catalogo2012Catalogo2012
Caminhos Carroçáveis
Caminhos CarroçáveisCaminhos Carroçáveis
Caminhos Carroçáveis
Universidade Estácio de Sá
 
Cartilha de Turismo Rural
Cartilha de Turismo RuralCartilha de Turismo Rural
Cartilha de Turismo Rural
luisbramante
 
The In-depth Guide to Website On-page Optimization
The In-depth Guide to Website On-page OptimizationThe In-depth Guide to Website On-page Optimization
The In-depth Guide to Website On-page Optimization
Julia Blake
 
Executive Training - Agenda 2014
Executive Training - Agenda 2014Executive Training - Agenda 2014
Executive Training - Agenda 2014
iiR España
 
Profetas e Reis (PR)
Profetas e Reis (PR)Profetas e Reis (PR)
Profetas e Reis (PR)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saibaKevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
V
 
Curso Vsa de RevistadeTrading.com
Curso Vsa de RevistadeTrading.comCurso Vsa de RevistadeTrading.com
Curso Vsa de RevistadeTrading.com
hanzoh
 
Manual rcaa catalogacion_marc
Manual rcaa catalogacion_marcManual rcaa catalogacion_marc
Manual rcaa catalogacion_marc
Leonor Gomez
 
Hustlelin
HustlelinHustlelin
Hustlelin
charles bacaron
 
Agenda Eventos 2015
Agenda Eventos 2015Agenda Eventos 2015
Agenda Eventos 2015
iiR España
 

Destaque (12)

Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago RochaPortifólio - Palestrante Tiago Rocha
Portifólio - Palestrante Tiago Rocha
 
Catalogo2012
Catalogo2012Catalogo2012
Catalogo2012
 
Caminhos Carroçáveis
Caminhos CarroçáveisCaminhos Carroçáveis
Caminhos Carroçáveis
 
Cartilha de Turismo Rural
Cartilha de Turismo RuralCartilha de Turismo Rural
Cartilha de Turismo Rural
 
The In-depth Guide to Website On-page Optimization
The In-depth Guide to Website On-page OptimizationThe In-depth Guide to Website On-page Optimization
The In-depth Guide to Website On-page Optimization
 
Executive Training - Agenda 2014
Executive Training - Agenda 2014Executive Training - Agenda 2014
Executive Training - Agenda 2014
 
Profetas e Reis (PR)
Profetas e Reis (PR)Profetas e Reis (PR)
Profetas e Reis (PR)
 
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saibaKevin trudeau   curas naturais que eles nao querem que voce saiba
Kevin trudeau curas naturais que eles nao querem que voce saiba
 
Curso Vsa de RevistadeTrading.com
Curso Vsa de RevistadeTrading.comCurso Vsa de RevistadeTrading.com
Curso Vsa de RevistadeTrading.com
 
Manual rcaa catalogacion_marc
Manual rcaa catalogacion_marcManual rcaa catalogacion_marc
Manual rcaa catalogacion_marc
 
Hustlelin
HustlelinHustlelin
Hustlelin
 
Agenda Eventos 2015
Agenda Eventos 2015Agenda Eventos 2015
Agenda Eventos 2015
 

Semelhante a Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri

Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Quenia Damata
 
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Silas Rodrigues
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
Rosinaldo Lima Cunha
 
A Família e a Igreja
A Família e a IgrejaA Família e a Igreja
A Família e a Igreja
Luan Almeida
 
O Lar Adventista - Estudo 02
O Lar Adventista - Estudo 02O Lar Adventista - Estudo 02
O Lar Adventista - Estudo 02
Pr. Delmar Fonseca
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
yosseph2013
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
Natalino das Neves Neves
 
Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
Escol Dominical
 
O Lar Adventista - Estudo 07
O Lar Adventista - Estudo 07O Lar Adventista - Estudo 07
O Lar Adventista - Estudo 07
Pr. Delmar Fonseca
 
Boletim Maio 2013
Boletim Maio 2013Boletim Maio 2013
Boletim Maio 2013
willams
 
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASD
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASDRevista 10 dias de Oracao 2018 IASD
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASD
Rogerio Sena
 
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a famíliaSirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Escol Dominical
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto domésticoA necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto doméstico
Moisés Sampaio
 
O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12
Pr. Delmar Fonseca
 
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp012013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
denilson matias
 
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos paisEducação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Vivaldo Linhares
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptx
CesarArajo2
 
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De TudoLiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
guest06a00c
 
Boletim Jovem Maio 2012
Boletim Jovem Maio 2012Boletim Jovem Maio 2012
Boletim Jovem Maio 2012
willams
 
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.docLição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Gérson Fagundes da Cunha
 

Semelhante a Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri (20)

Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)Lição 10  a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
Lição 10 a necessidade e a urgência do culto doméstico (1)
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
 
A Família e a Igreja
A Família e a IgrejaA Família e a Igreja
A Família e a Igreja
 
O Lar Adventista - Estudo 02
O Lar Adventista - Estudo 02O Lar Adventista - Estudo 02
O Lar Adventista - Estudo 02
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...A  necessidade  e  a  urgência  do  culto  doméstico   lição 10 - escola bíbl...
A necessidade e a urgência do culto doméstico lição 10 - escola bíbl...
 
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
2016 3 TRI LIÇÃO 10 - O PODER DA EVANGELIZAÇÃO NA FAMÍLIA
 
Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
 
O Lar Adventista - Estudo 07
O Lar Adventista - Estudo 07O Lar Adventista - Estudo 07
O Lar Adventista - Estudo 07
 
Boletim Maio 2013
Boletim Maio 2013Boletim Maio 2013
Boletim Maio 2013
 
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASD
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASDRevista 10 dias de Oracao 2018 IASD
Revista 10 dias de Oracao 2018 IASD
 
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a famíliaSirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
Sirva a Deus em todo o tempo e com toda a família
 
A necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto domésticoA necessidade e a urgência do culto doméstico
A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12O Lar Adventista - Estudo 12
O Lar Adventista - Estudo 12
 
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp012013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
2013 2tri-lio10-anecessidadeeaurgnciadocultodomstico-130524194349-phpapp01
 
Educação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos paisEducação cristã, responsabilidade dos pais
Educação cristã, responsabilidade dos pais
 
A importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptxA importancia do culto doméstico.pptx
A importancia do culto doméstico.pptx
 
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De TudoLiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
LiçãO 10 O Mais Importante De Tudo
 
Boletim Jovem Maio 2012
Boletim Jovem Maio 2012Boletim Jovem Maio 2012
Boletim Jovem Maio 2012
 
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.docLição   nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
Lição nº5 - pais e filhos (ii) (04 de maio de 2013) - 2º tri.doc
 

Mais de Gérson Fagundes da Cunha

Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Gérson Fagundes da Cunha
 
18 13
18 1318 13
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
Gérson Fagundes da Cunha
 
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Gérson Fagundes da Cunha
 
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Gérson Fagundes da Cunha
 
Refletindo a cristo (rc) mm
Refletindo a cristo (rc)   mmRefletindo a cristo (rc)   mm
Refletindo a cristo (rc) mm
Gérson Fagundes da Cunha
 
Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Jesus, meu modelo (jm) mm
Jesus, meu modelo (jm)   mmJesus, meu modelo (jm)   mm
Jesus, meu modelo (jm) mm
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Conselhos  sobre regime alimentar (cra)Conselhos  sobre regime alimentar (cra)
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Música   sua influência na vida do cristão(mi)Música   sua influência na vida do cristão(mi)
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)
Gérson Fagundes da Cunha
 
O Colportor Evangelista (CEv)
O Colportor Evangelista (CEv)O Colportor Evangelista (CEv)
O Colportor Evangelista (CEv)
Gérson Fagundes da Cunha
 
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
Gérson Fagundes da Cunha
 

Mais de Gérson Fagundes da Cunha (20)

Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
Como Encontrar a Paz Interior por Ellen G. White (Ebooks IASD-MR)
 
18 13
18 1318 13
18 13
 
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº3 - Marido e esposa (Sábado, 20 de abril de 2013) - 2º TRI
 
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº2 - Casamento uma união vitálicia (13 de abril de 2013) - 2º TRI
 
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRILição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
Lição - nº1 - Deus, Cristo e a Humanidade (6 de abril de 2013) - 2º TRI
 
Refletindo a cristo (rc) mm
Refletindo a cristo (rc)   mmRefletindo a cristo (rc)   mm
Refletindo a cristo (rc) mm
 
Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)Medicina e salvação (ms)
Medicina e salvação (ms)
 
Jesus, meu modelo (jm) mm
Jesus, meu modelo (jm)   mmJesus, meu modelo (jm)   mm
Jesus, meu modelo (jm) mm
 
Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)Conselhos sobre saúde (c sa)
Conselhos sobre saúde (c sa)
 
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
Conselhos  sobre regime alimentar (cra)Conselhos  sobre regime alimentar (cra)
Conselhos sobre regime alimentar (cra)
 
Música sua influência na vida do cristão(mi)
Música   sua influência na vida do cristão(mi)Música   sua influência na vida do cristão(mi)
Música sua influência na vida do cristão(mi)
 
Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)Vida no campo (vc)
Vida no campo (vc)
 
Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)Serviço Cristão (SC)
Serviço Cristão (SC)
 
Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)Obreiros Evangélicos (OE)
Obreiros Evangélicos (OE)
 
Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)Evangelismo (Ev)
Evangelismo (Ev)
 
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
Testemunhos Para Ministros e Obreiros Evangélicos (TM)
 
Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)Conselhos sobre Mordomia (CM)
Conselhos sobre Mordomia (CM)
 
Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)Beneficiência Social (BS)
Beneficiência Social (BS)
 
O Colportor Evangelista (CEv)
O Colportor Evangelista (CEv)O Colportor Evangelista (CEv)
O Colportor Evangelista (CEv)
 
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
Mente, Caráter e Personalidade 2 (MCP2)
 

Lição nº6 - religião no lar (11 de maio de 2013) - 2º tri

  • 1. 1Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org Lição 6 Religião no lar Sábado, 11 de maio de 2013 VERSO ÁUREO: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; têm bom entendimento todos os cumprem os seus preceitos; o Seu louvor subsiste para sempre.” Salmos 111:10. LEITURA INTRODUTÓRIA: “A religião é necessária no lar. Só ela pode prevenir os dolorosos erros que tantas vezes amarguram a vida conjugal. Unicamente onde Cristo reina pode haver amor profundo, verdadeiro, altruísta. Então uma pessoa e outra se unirão, e as duas vidas se fundirão em harmonia.”— Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 5, p. 362. ESTUDO ADICIONAL: O lar adventista, pp. 224-228; 240-250 (“A espécie de marido que não se deve ser”; “Mãe – rainha do lar”). 1. PRINCÍPIOS IMPORTANTES 1A. Qual é o princípio básico da verdadeira religião no lar? Salmos 111:10; Jó 28:28. (SL 111:10) - O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus mandamentos; o seu louvor permanece para sempre. (JÓ 28:28) - E disse ao homem: Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e apartar-se do mal é a inteligência. “Pais e mães que põem a Deus em primeiro lugar na família, que ensinam os filhos a considerarem o temor de Deus como o princípio da sabedoria, glorificam a Deus diante dos anjos e dos homens, oferecendo ao mundo o espetáculo de uma família bem dirigida e bem educada – uma família que ama e obedece a Deus, e contra Ele não se rebela. [...] Essas famílias têm direito à promessa: ‘aos que Me honram, honrarei’ (1 Samuel 2:30).”— Testimonies(Testemunhos para a igreja), vol. 5, p. 424. 1B. Que atitude, se associada ao temor do Senhor, tornará a religião de Cristo atrativa no lar? Provérbios 15:13 (primeira parte). (PV 15:13) - O coração alegre aformoseia o rosto, {...}. “Seja o lar um lugar em que existam a alegria, a cortesia e o amor. Isto se tornará atrativo às crianças. […]O domínio próprio por parte de todos os membros da família tornará o lar quase um paraíso. Tornai vossas salas o mais alegre possível. Fazei com que as crianças considerem o lar o lugar mais atrativo da Terra.”—Counsels on Health(Conselhos sobre saúde), p. 100. 2. RELIGIÃO DOMÉSTICA 2A. De que modo Abraão governou sua casa? Gênesis 18:18 e 19. Que lições podemos aprender de seu exemplo? (GN 18:18) - Visto que Abraão certamente virá a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão benditas todas as nações da terra? (GN 18:19) - Porque eu o tenho conhecido, e sei que ele há de ordenar a seus filhos e à sua casa depois dele, para que guardem o caminho do SENHOR, para agir com justiça e juízo; para que o SENHOR faça vir sobre Abraão o que acerca dele tem falado. “Quando tivermos boa religião no lar, teremos excelentes reuniões religiosas. Sustentai a fortaleza do lar. Consagrai vossa família a Deus, e então falai e agi em casa como cristãos. Sede bondosos, longânimos e pacientes no lar, sabendo que sois professores.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 319. “[...] deveis mostrar em vossa vida que Jesus é tudo para vós, que Seu amor torna-vos paciente, bondoso, perdoador e, não obstante, firme em ordenar a vossos filhos depois de vós, como o fez Abraão.”— Ibidem, p. 317. 2B. Como o apóstolo Paulo confirma o efeito que as influências do lar têm na igreja? 1 Timóteo 3:4 e 5; 1 Tessalonicenses 2:10-13. (1TM 3:4) - Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia
  • 2. 2Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org (1TM 3:5) - (Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?); (1TS 2:10) - Vós e Deus sois testemunhas de quão santa, e justa, e irrepreensivelmente nos houvemos para convosco, os que crestes. (1TS 2:11) - Assim como bem sabeis de que modo vos exortávamos e consolávamos, a cada um de vós, como o pai a seus filhos; (1TS 2:12) - Para que vos conduzísseis dignamente para com Deus, que vos chama para o seu reino e glória. (1TS 2:13) - Por isso também damos, sem cessar, graças a Deus, pois, havendo recebido de nós a palavra da pregação de Deus, a recebestes, não como palavra de homens, mas (segundo é, na verdade), como palavra de Deus, a qual também opera em vós, os que crestes. “No lar é posto o fundamento da prosperidade da igreja. As influências que regem a vida no lar são levadas para a vida da igreja; portanto, os deveres eclesiásticos devem começar no lar.”—Ibidem, p. 318. 2C. Que tema deve ocupar lugar central na educação de nossos filhos? 1 Coríntios 2:2; Romanos 16:25 e 26. (1CO 2:2) - Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado. (RM 1:25) - Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. (RM 1:26) - Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. “Falem às crianças do grande campo missionário e contem-lhes do amor de Cristo e do grande sacrifício que, por Ele nos haver amadoe por querer que tenhamos um lar com Ele em Seu reino, foi feito. Ele veio a nosso mundo para abençoá-lo com Sua divina presença, para trazer paz, luz e alegria; mas o mundo não O quis receber, e matou o Príncipe da Vida. Essa morte aconteceu para trazer os tesouros do Céu ao alcance de todos os que cressem em Jesus. Tornem claro a seus filhos esse glorioso tema; e ao expandir-se o jovem coração deles em amor a Deus, deixem que apresentem suas pequenas ofertas, para que possam desempenhar sua parte em enviar a preciosa luz da verdade a outros.”—The Review and Herald, 11 de dezembro de 1888. 3. ENSINANDO RELIGIÃO NO LAR 3A. Que grande responsabilidade temos para com nossos filhos, e de que maneira Deus abençoará nossos esforços? Provérbios 4:1-8. (PV 4:1) - OUVI, filhos, a instrução do pai, e estai atentos para conhecerdes a prudência. (PV 4:2) - Pois dou-vos boa doutrina; não deixeis a minha lei. (PV 4:3) - Porque eu era filho tenro na companhia de meu pai, e único diante de minha mãe. (PV 4:4) - E ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e vive. (PV 4:5) - Adquire sabedoria, adquire inteligência, e não te esqueças nem te apartes das palavras da minha boca. (PV 4:6) - Não a abandones e ela te guardará; ama-a, e ela te protegerá. (PV 4:7) - A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de entendimento. (PV 4:8) - Exalta-a, e ela te exaltará; e, abraçando-a tu, ela te honrará. “Pai e mãe são responsáveis pela manutenção da religião no lar.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 321. “Os que ocupam posições de confiança na causa de Deus devem aperfeiçoar a vida segundo a imagem divina. No lar, na igreja, perante o mundo, cumpre-lhes [aos professores, ministros e médicos] revelar o poder dos 3princípios cristãos para transformar a vida.”—Counsels to Parents, Teachers, and Students(Conselhos aos pais, professores e estudantes), p. 397. “Deus fará grandes coisas pelos que abrirem o coração à Sua Palavra, permitindo que ela tome posse do templo da alma.”— Ibidem, p. 396. 3B. O que a instrução religiosa no lar fará por nossos filhos? Provérbios 4:10-13. Explique quão importante é que os pais ensinem aos filhos como aproximar-se de Jesus.
  • 3. 3Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org (PV 4:10) - Ouve, filho meu, e aceita as minhas palavras, e se multiplicarão os anos da tua vida. (PV 4:11) - No caminho da sabedoria te ensinei, e por veredas de retidão te fiz andar. (PV 4:12) - Por elas andando, não se embaraçarão os teus passos; e se correres não tropeçarás. (PV 4:13) - Apega-te à instrução e não a largues; guarda-a, porque ela é a tua vida. “Quando os pais são diligentes e vigilantes em sua instrução, e educam os filhos tendo em vista a glória de Deus, cooperam com Deus, e Deus coopera com eles na salvação da alma das crianças por quem Cristo morreu. Instrução religiosa significa muito mais que instrução comum. Significa que deveis orar com vossos filhos, ensinando-lhes como se aproximar de Jesus e contar-Lhe todas as suas necessidades. Significa ainda que deveis mostrar em vossa vida que Jesus é tudo para vós, que Seu amor torna-vos paciente, bondoso, perdoador e, não obstante, firme em ordenar a vossos filhos depois de vós, como o fez Abraão. Tal como vos conduzis em vossa vida no lar, sois registrados nos livros do Céu. Aquele que espera tornar-se um santo no Céu deve primeiro tornar-se santo em sua própria família. [...] Pais, não permitais que vossa religião seja simplesmente uma profissão, mas sim uma realidade.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 317. “Sem os princípios vitais da verdadeira religião, sem o conhecimento de como servir e glorificar o Redentor, a educação é mais nociva que benéfica.”—Counsels to Parents, Teachers, and Students(Conselhos aos pais, professores e estudantes), p. 412. 4. ESSENCIAL CONHECIMENTO DAS ESCRITURAS 4A. Quão cedo devemos levar a luz do conhecimento de Deus a nossos filhos? 2 Timóteo 3:15. (2TM 3:15) - E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus. “Tão logo sejam os pequenos capazes de compreender, devem os pais contar-lhes a história de Jesus, a fim de que bebam nas preciosas verdades concernentes à Criança de Belém.Imprimi na mente das crianças sentimentos de singela piedade adaptados aos seus anos e possibilidades.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 320 e 321. 4B. Quão diligentes devemos ser como pais ao ensinar as Sagradas Escrituras a nossos filhos? Isaías 34:16 (primeira parte); Deuteronômio 6:6-9. (IS 34:16) - Buscai no livro do SENHOR, {...}. (DT 6:6) - E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; (DT 6:7) - E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te. (DT 6:8) - Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos. (DT 6:9) - E as escreverás nos umbrais de tua casa, e nas tuas portas. 4C. Em que consiste a religião familiar? Provérbios 22:6. (PV 22:6) - Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele. “Religião em família consiste em criar os filhos na doutrina e admoestação do Senhor. Cada membro da família deve ser nutrido pelas lições de Cristo, e o interesse de cada alma deve ser estritamente guardado [...].”— Ibidem, p. 317. “A religião é na família um maravilhoso poder. A conduta do esposo para com a esposa e desta para com aquele pode ser tal que torne a vida no lar uma preparação para pertencer à família de cima. Corações cheios do amor de Cristo nunca podem estar em desarmonia. Religião é amor, e o lar cristão é aquele onde o amor reina e encontra expressão em palavras e atos de solícita bondade e gentil cortesia.”— Ibidem, p. 94. “O esforço de fazer do lar o que ele deve ser – um símbolo do lar celeste – prepara-nos para trabalhar em uma esfera mais ampla. A educação recebida mediante o mostrar terna consideração uns pelos outros habilita-nos a saber atingir os corações que precisam aprender os princípios da verdadeira religião. A igreja necessita de todas as cultivadas energias espirituais que se possam obter, para que todos, e em especial os membros mais novos da
  • 4. 4Clique aqui e Acesse mais no Portal Jaspe – O seu portal Cristão. | www.portaljaspe.org família do Senhor, sejam cuidadosamente guardados. A verdade vivida em casa se faz sentir em abnegado serviço lá fora. Aquele que vive o cristianismo no lar será em toda parte uma brilhante luz.”— Ibidem, pp. 38 e 39. 5. UMA RELAÇÃO DE CAUSA E EFEITO 5A. No que concerne à educação de uma criança, mencione um exemplo de cooperação entre marido e esposa. Juízes 13:8-12. Do que os pais devem ter certeza antes que estejam qualificados a educar seus filhos? Deuteronômio 4:9. (JZ 13:8) - Então Manoá orou ao SENHOR, e disse: Ah! Senhor meu, rogo-te que o homem de Deus, que enviaste, ainda venha para nós outra vez e nos ensine o que devemos fazer ao menino que há de nascer. (JZ 13:9) - E Deus ouviu a voz de Manoá; e o anjo de Deus veio outra vez à mulher, e ela estava no campo, porém não estava com ela seu marido Manoá. (JZ 13:10) - Apressou-se, pois, a mulher, e correu, e noticiou-o a seu marido, e disse-lhe: Eis que aquele homem que veio a mim o outro dia me apareceu. (JZ 13:11) - Então Manoá levantou-se, e seguiu a sua mulher, e foi àquele homem, e disse-lhe: És tu aquele homem que falou a esta mulher? E disse: Eu sou. (JZ 13:12) - Então disse Manoá: Cumpram-se as tuas palavras; mas qual será o modo de viver e o serviço do menino? (DT 4:9) - Tão-somente guarda-te a ti mesmo, e guarda bem a tua alma, que não te esqueças daquelas coisas que os teus olhos têm visto, e não se apartem do teu coração todos os dias da tua vida; e as farás saber a teus filhos, e aos filhos de teus filhos. “O pai de família não deve deixar à mãe todo o cuidado na ministração de ensino espiritual. Grande obra deve ser feita por pais e mães, e ambos devem desempenhar sua parte individual em preparar os filhos para a grande revisão do juízo.”—The Adventist Home(O lar adventista), p. 321. 5B. Que influência a verdadeira religião doméstica exercerá sobre a sociedade? Deuteronômio 4:5-8. (DT 4:5) - Vedes aqui vos tenho ensinado estatutos e juízos, como me mandou o SENHOR meu Deus; para que assim façais no meio da terra a qual ides a herdar. (DT 4:6) - Guardai-os pois, e cumpri-os, porque isso será a vossa sabedoria e o vosso entendimento perante os olhos dos povos, que ouvirão todos estes estatutos, e dirão: Este grande povo é nação sábia e entendida. (DT 4:7) - Pois, que nação há tão grande, que tenha deuses tão chegados como o SENHOR nosso Deus, todas as vezes que o invocamos? (DT 4:8) - E que nação há tão grande, que tenha estatutos e juízos tão justos como toda esta lei que hoje ponho perante vós? “Se é esperadoque a religião influencie a sociedade, deve ela influenciar primeiro o lar. Se os filhos forem ensinados no lar a amar a Deus e temê-lO, quando saírem para o mundo estarão preparados para educar sua própria família para Deus, e assim o princípio da verdade será implantado na sociedade e exercerá influência marcante no mundo. A religião não deve estar divorciada da educação do lar.”— Ibidem, p. 318.