SlideShare uma empresa Scribd logo
Física
GUSTAVO TRIERVEILER ANSELMO MURASKI
1ª SÉRIE
Grandezas Físicas II
Aula 2021/02
A ciência e a engenharia se baseiam em medições
e comparações. Assim, precisamos de regras para
estabelecer de que forma as grandezas devem ser
medidas e comparadas.
Temos as grandezas físicas escalares e vetoriais
Retomando
Retomando
Grandezas Físicas escalares: São aquelas em que
basta o número e a unidade de medida para defini-la.
Grandezas Físicas vetoriais: são completamente
definidas por um número, uma unidade de medida,
uma direção e um sentido.
https://brasilescola.uol.com.br/fisica/grandezas-vetoriais-escalares.htm
Exemplos de grandezas físicas escalares.
Grandezas escalares são aquelas que ficam muito bem
definidas apenas pelo módulo (intensidade) e unidade
de medida.
Toda
forma de
energia é
escalar
Exemplos de grandezas físicas vetoriais.
São grandezas que além do módulo (e unidade),
apresenta módulo direção e sentido.
Outros exemplos:
•Posição
•Deslocamento
•Velocidade
•Força
•Aceleração
Se alguém te perguntar
onde fica a farmácia e
você responder que fica a
65 m, não irá adiantar
muita coisa, normalmente
indicamos a direção e
sentido usando as mãos.
Grandeza vetorial força
1) Assinale a alternativa que contém apenas grandezas
vetoriais.
a) Aceleração, velocidade, força, impulso, empuxo e trabalho.
b) Trabalho, aceleração, campo magnético, força centrípeta e
temperatura.
c) Momento linear, campo magnético, campo elétrico e força.
d) Quantidade de movimento, campo magnético, energia e
tempo
e) Energia, massa, peso, empuxo, campo
elétrico e velocidade.
Exercícios
2) Cotidianamente as grandezas massa e peso são
confundidas como se fossem exatamente iguais. Assinale a
alternativa que indica corretamente a diferença entre massa
e peso.
a) A massa é a quantidade de matéria de um corpo, por isso,
é uma grandeza vetorial. O peso é a força com a qual o
corpo é atraído pela Terra, por isso, é uma grandeza escalar.
b) O peso é fruto do produto da massa pela
gravidade, e a massa é fruto do produto
do peso pela gravidade.
Exercícios
c) A massa é a quantidade de matéria de um corpo, por isso,
é uma grandeza vetorial. O peso é a força com a qual o corpo
é atraído pela Terra, por isso, é uma grandeza escalar.
d) O peso de um corpo é a força com a qual ele é atraído
pela Terra, sendo, por essa razão, uma grandeza vetorial. A
massa é a quantidade de matéria que compõe o corpo e é
uma grandeza escalar.
e) Massa e peso são grandezas vetoriais.
A diferença é que a definição
de peso leva em
consideração a aceleração da gravidade.
Exercícios
3) Ao perguntar a diferença entre grandezas escalares e
vetoriais, um professor de Física obteve as seguintes
respostas:
Exercícios
João: As grandezas escalares possuem apenas valores
numéricos. Já as vetoriais possuem, além de valor numérico,
direção e sentido. Força e aceleração são exemplos de
grandezas vetoriais. Massa e empuxo são exemplos de
grandezas escalares.
Pedro: As vetoriais têm duas características: módulo e
direção. As escalares possuem apenas valor numérico. Força
e velocidade são vetoriais. Massa e tempo são
escalares.
Exercícios
a) Pedro e João estão corretos.
b) Somente João está correto.
c) Somente Pedro está correto.
d) João errou as definições e acertou os exemplos, e Pedro
errou os exemplos e acertou as definições.
e) João acertou as definições e errou ao dar
os exemplos. Pedro acertou os exemplos e
errou ao dar as definições.
A partir das respostas dos alunos, marque a alternativa
correta:
Exercícios
Retomando
Grandezas Físicas
Escalares
Vetoriais
1a_serie_aula_02.pptx

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 1a_serie_aula_02.pptx

Vetores oficina - teoria
Vetores  oficina - teoriaVetores  oficina - teoria
Vetores oficina - teoria
Willington Muniz
 
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
Neli Polishop
 
Apostila estática
Apostila estáticaApostila estática
Apostila estática
lucianogaldino
 
Aulas educafro movimento
Aulas educafro movimentoAulas educafro movimento
Aulas educafro movimento
educafro
 
Grandezas físicas escalares e vetoriais
Grandezas físicas escalares e vetoriaisGrandezas físicas escalares e vetoriais
Grandezas físicas escalares e vetoriais
Luciana Siqueira
 
Forças.pptx
Forças.pptxForças.pptx
Forças.pptx
JulianaMendes2408
 
Mecanica geral
Mecanica geralMecanica geral
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
Othon Santos Medeiros
 
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp0243640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
Fabiana Medeiros
 

Semelhante a 1a_serie_aula_02.pptx (9)

Vetores oficina - teoria
Vetores  oficina - teoriaVetores  oficina - teoria
Vetores oficina - teoria
 
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
Notas de aula_resistencia_dos_materiais_2009
 
Apostila estática
Apostila estáticaApostila estática
Apostila estática
 
Aulas educafro movimento
Aulas educafro movimentoAulas educafro movimento
Aulas educafro movimento
 
Grandezas físicas escalares e vetoriais
Grandezas físicas escalares e vetoriaisGrandezas físicas escalares e vetoriais
Grandezas físicas escalares e vetoriais
 
Forças.pptx
Forças.pptxForças.pptx
Forças.pptx
 
Mecanica geral
Mecanica geralMecanica geral
Mecanica geral
 
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
Mecanicaexerciciosresolvidos 141118162658-conversion-gate02
 
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp0243640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
43640380 mecanica-vetorial2-130410152247-phpapp02
 

Mais de Rosinaldo Pantoja

Associação de resistores.ppt
Associação de resistores.pptAssociação de resistores.ppt
Associação de resistores.ppt
Rosinaldo Pantoja
 
Fisica Moderna- pós graduação II.ppt
Fisica Moderna- pós graduação  II.pptFisica Moderna- pós graduação  II.ppt
Fisica Moderna- pós graduação II.ppt
Rosinaldo Pantoja
 
Fisica Moderna- pós graduação em física.ppt
Fisica Moderna- pós graduação em física.pptFisica Moderna- pós graduação em física.ppt
Fisica Moderna- pós graduação em física.ppt
Rosinaldo Pantoja
 
História da Física Moderna.ppt
História da Física Moderna.pptHistória da Física Moderna.ppt
História da Física Moderna.ppt
Rosinaldo Pantoja
 
1a_serie_aula_09.pptx
1a_serie_aula_09.pptx1a_serie_aula_09.pptx
1a_serie_aula_09.pptx
Rosinaldo Pantoja
 
1a_serie_aula_05.pptx
1a_serie_aula_05.pptx1a_serie_aula_05.pptx
1a_serie_aula_05.pptx
Rosinaldo Pantoja
 
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
Rosinaldo Pantoja
 
Trerj12 008 19
Trerj12 008 19Trerj12 008 19
Trerj12 008 19
Rosinaldo Pantoja
 
Prova 4 analista - área 2 - conhec gerais - manhã
Prova 4   analista - área 2 - conhec gerais - manhãProva 4   analista - área 2 - conhec gerais - manhã
Prova 4 analista - área 2 - conhec gerais - manhã
Rosinaldo Pantoja
 

Mais de Rosinaldo Pantoja (9)

Associação de resistores.ppt
Associação de resistores.pptAssociação de resistores.ppt
Associação de resistores.ppt
 
Fisica Moderna- pós graduação II.ppt
Fisica Moderna- pós graduação  II.pptFisica Moderna- pós graduação  II.ppt
Fisica Moderna- pós graduação II.ppt
 
Fisica Moderna- pós graduação em física.ppt
Fisica Moderna- pós graduação em física.pptFisica Moderna- pós graduação em física.ppt
Fisica Moderna- pós graduação em física.ppt
 
História da Física Moderna.ppt
História da Física Moderna.pptHistória da Física Moderna.ppt
História da Física Moderna.ppt
 
1a_serie_aula_09.pptx
1a_serie_aula_09.pptx1a_serie_aula_09.pptx
1a_serie_aula_09.pptx
 
1a_serie_aula_05.pptx
1a_serie_aula_05.pptx1a_serie_aula_05.pptx
1a_serie_aula_05.pptx
 
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
Pontuacao maximaminimacotaescolarenda 1
 
Trerj12 008 19
Trerj12 008 19Trerj12 008 19
Trerj12 008 19
 
Prova 4 analista - área 2 - conhec gerais - manhã
Prova 4   analista - área 2 - conhec gerais - manhãProva 4   analista - área 2 - conhec gerais - manhã
Prova 4 analista - área 2 - conhec gerais - manhã
 

Último

Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 

Último (20)

Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 

1a_serie_aula_02.pptx

  • 1. Física GUSTAVO TRIERVEILER ANSELMO MURASKI 1ª SÉRIE Grandezas Físicas II Aula 2021/02
  • 2.
  • 3. A ciência e a engenharia se baseiam em medições e comparações. Assim, precisamos de regras para estabelecer de que forma as grandezas devem ser medidas e comparadas. Temos as grandezas físicas escalares e vetoriais Retomando
  • 4. Retomando Grandezas Físicas escalares: São aquelas em que basta o número e a unidade de medida para defini-la. Grandezas Físicas vetoriais: são completamente definidas por um número, uma unidade de medida, uma direção e um sentido. https://brasilescola.uol.com.br/fisica/grandezas-vetoriais-escalares.htm
  • 5. Exemplos de grandezas físicas escalares. Grandezas escalares são aquelas que ficam muito bem definidas apenas pelo módulo (intensidade) e unidade de medida. Toda forma de energia é escalar
  • 6. Exemplos de grandezas físicas vetoriais. São grandezas que além do módulo (e unidade), apresenta módulo direção e sentido. Outros exemplos: •Posição •Deslocamento •Velocidade •Força •Aceleração Se alguém te perguntar onde fica a farmácia e você responder que fica a 65 m, não irá adiantar muita coisa, normalmente indicamos a direção e sentido usando as mãos.
  • 8. 1) Assinale a alternativa que contém apenas grandezas vetoriais. a) Aceleração, velocidade, força, impulso, empuxo e trabalho. b) Trabalho, aceleração, campo magnético, força centrípeta e temperatura. c) Momento linear, campo magnético, campo elétrico e força. d) Quantidade de movimento, campo magnético, energia e tempo e) Energia, massa, peso, empuxo, campo elétrico e velocidade. Exercícios
  • 9. 2) Cotidianamente as grandezas massa e peso são confundidas como se fossem exatamente iguais. Assinale a alternativa que indica corretamente a diferença entre massa e peso. a) A massa é a quantidade de matéria de um corpo, por isso, é uma grandeza vetorial. O peso é a força com a qual o corpo é atraído pela Terra, por isso, é uma grandeza escalar. b) O peso é fruto do produto da massa pela gravidade, e a massa é fruto do produto do peso pela gravidade. Exercícios
  • 10. c) A massa é a quantidade de matéria de um corpo, por isso, é uma grandeza vetorial. O peso é a força com a qual o corpo é atraído pela Terra, por isso, é uma grandeza escalar. d) O peso de um corpo é a força com a qual ele é atraído pela Terra, sendo, por essa razão, uma grandeza vetorial. A massa é a quantidade de matéria que compõe o corpo e é uma grandeza escalar. e) Massa e peso são grandezas vetoriais. A diferença é que a definição de peso leva em consideração a aceleração da gravidade. Exercícios
  • 11. 3) Ao perguntar a diferença entre grandezas escalares e vetoriais, um professor de Física obteve as seguintes respostas: Exercícios
  • 12. João: As grandezas escalares possuem apenas valores numéricos. Já as vetoriais possuem, além de valor numérico, direção e sentido. Força e aceleração são exemplos de grandezas vetoriais. Massa e empuxo são exemplos de grandezas escalares. Pedro: As vetoriais têm duas características: módulo e direção. As escalares possuem apenas valor numérico. Força e velocidade são vetoriais. Massa e tempo são escalares. Exercícios
  • 13. a) Pedro e João estão corretos. b) Somente João está correto. c) Somente Pedro está correto. d) João errou as definições e acertou os exemplos, e Pedro errou os exemplos e acertou as definições. e) João acertou as definições e errou ao dar os exemplos. Pedro acertou os exemplos e errou ao dar as definições. A partir das respostas dos alunos, marque a alternativa correta: Exercícios