SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
USP / Maio 2015
Cenário atual da Auditoria Contínua em Bancos no Brasil
Itaú-Unibanco Holding S.A
Agenda
Tendências (Análise de Dados)
Tendências (Big DATA)
Tendências (Encapsulamento de inteligência)
Overview Auditoria Contínua
Auditoria Eletrônica e Contínua
Overview
ATEC Sistemas
SAS
ACL
File Server
Sala Segura
indicadores
Testes
CAATS
Área de
negócios
Controles
Internos
Planilhas
Dashboard
Auditor
Extração de
dados
Análise de
Indicadores
MIS
Auditoria
Eletrônica
Contínua
Memorandos
Programa de
Trabalho
(Auditoria)
Biblioteca
CAAT
Cenário da Auditoria Eletrônica e Continua
Assunto Mercado ITAU UNIBANCO
Estrutura de
Auditoria Contínua
Equipes centralizadas, como foco na automação de testes. • Equipe centralizada com foco no
desenvolvimento de indicadores, suporte,
treinamento e CAATs complexas. CAATs
descentralizadas
Perfil dos auditores Auditores oriundos de TI
Dificuldade para encontrar auditores com conhecimento de dados.
• Desenvolvedores e análise de dados.
Ferramentas de
Auditoria Contínua
Spot Fire, Qlikview, SAS, Tableau e ACL • ACL, SAS, Tableau
Procedimentos de
auditoria contínua
Realiza testes nos controles de TI, em todas unidades externas,
baseado nas políticas corporativas (Programa Periódico de Auditoria
de Controles). Resultados são reportados através de memorandos à
Administração, que deve estabelecer planos de ação
• Descentralizou a elaboração das CAATs, possui
suporte centralizado.
• Prioriza o monitoramento contínuo através de
indicadores
Avaliação de Riscos Forte tendência de sinergia entre segunda e terceira linha de defesa.
Interesse de uso de indicadores como complemento das avaliações de
assurance.
• Alinhando conceitos entre segunda e terceira
linha de defesa, inclusive com sinergia entre
diversas estruturas de monitoramento.
• Implantando Planejamento Contínuo que visa
manter a visão de riscos atualizada frente às
mudanças do ambiente de controle.
Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências)
Análise de Dados
Uso de dados com propósito de identificar:
 Não conformidade com políticas, normativos, resoluções, leis, etc
 Integridade de dados (validação de entrada, processamento e interface sistêmica)
 Padrão comportamental (outliers)
 Etc
Principais Ferramentas:
 SAS
 ACL
 TABLEAU
Futuro:
 Uso de Big Data
 Execução de testes com utilização de técnicas de Data Mining
 Utilização de métodos estatísticos para definição de amostras (identificação de exceções)
 Análises automáticas
Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências)
Big DATA
Características:
 Grande volume de dados
 Podem ser voláteis ou não voláteis
 Grande velocidade de acesso
 Dados não estruturados
Desafios:
 Custo de replicação de bases
 Segurança física e lógica sobre dados replicados
 Método de utilização dos dados
Futuro:
 Auditorias realizadas com análises mais profundas
 Foco nas exceções e correlações
 Maior sinergia na troca de informações entre as 3 linhas de defesa
 Análises tempestivas
Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências)
Inteligência Artificial
Uso de aplicativos de auditoria com propósitos específicos como:
 Identificação automática de exceções
 Identificação automática de tendências
 Identificação automática de correlações
Benefícios
 Análises assertivas, foco exclusivo nas exceções
 Esforço do auditor concentrado na análise das exceções e não no processo de identificação
 Identificação de exceções em tempo real
Auditoria Interna
Itaú Unibanco

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Cenário atual da Auditoria Contínua em Bancos no Brasil Itaú-Unibanco Holding S.A. - 12th CONTECSI 34th WCARS

4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
Dimas Francisco
 
Inteligência Analítica
Inteligência AnalíticaInteligência Analítica
Inteligência Analítica
Cesar Patiño
 

Semelhante a Cenário atual da Auditoria Contínua em Bancos no Brasil Itaú-Unibanco Holding S.A. - 12th CONTECSI 34th WCARS (20)

Virtualização de dados para Advanced Analytics e Machine Learning
Virtualização de dados para Advanced Analytics e Machine LearningVirtualização de dados para Advanced Analytics e Machine Learning
Virtualização de dados para Advanced Analytics e Machine Learning
 
Qualidade de dados - data quality & GDPR
Qualidade de dados - data quality & GDPRQualidade de dados - data quality & GDPR
Qualidade de dados - data quality & GDPR
 
Columnar Db Para Pequenas
Columnar Db Para PequenasColumnar Db Para Pequenas
Columnar Db Para Pequenas
 
Mineração Livre de Dados
Mineração Livre de DadosMineração Livre de Dados
Mineração Livre de Dados
 
4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
4a Web Aula - Gestão de Tecnologia da Informação.pdf
 
A eficácia do uso dos métodos de previsão quantitativos x métodos qualitativo...
A eficácia do uso dos métodos de previsão quantitativos x métodos qualitativo...A eficácia do uso dos métodos de previsão quantitativos x métodos qualitativo...
A eficácia do uso dos métodos de previsão quantitativos x métodos qualitativo...
 
Inteligência Analítica
Inteligência AnalíticaInteligência Analítica
Inteligência Analítica
 
Business Analytics - PATH 2012
Business Analytics - PATH 2012Business Analytics - PATH 2012
Business Analytics - PATH 2012
 
S1 - Analise de Redes.pdf
S1 - Analise de Redes.pdfS1 - Analise de Redes.pdf
S1 - Analise de Redes.pdf
 
dq
dqdq
dq
 
Como Implementar a Análise de Dados em Tempo Real
Como Implementar a Análise de Dados em Tempo RealComo Implementar a Análise de Dados em Tempo Real
Como Implementar a Análise de Dados em Tempo Real
 
Análise essencial e análise estruturada
Análise essencial e análise estruturadaAnálise essencial e análise estruturada
Análise essencial e análise estruturada
 
Tecnologia para o processo de tomada de decisão
Tecnologia para o processo de tomada de decisãoTecnologia para o processo de tomada de decisão
Tecnologia para o processo de tomada de decisão
 
Data mining
Data miningData mining
Data mining
 
Mineração de dados_escobar2.0
Mineração de dados_escobar2.0Mineração de dados_escobar2.0
Mineração de dados_escobar2.0
 
Palestra big data_e_mineracao_dedados_5agosto13-versaoslideshare
Palestra big data_e_mineracao_dedados_5agosto13-versaoslidesharePalestra big data_e_mineracao_dedados_5agosto13-versaoslideshare
Palestra big data_e_mineracao_dedados_5agosto13-versaoslideshare
 
Palestra Cobisa-2019 - Desenvolvendo Cultura Analítica e Machine Learning
Palestra Cobisa-2019 - Desenvolvendo Cultura Analítica e Machine LearningPalestra Cobisa-2019 - Desenvolvendo Cultura Analítica e Machine Learning
Palestra Cobisa-2019 - Desenvolvendo Cultura Analítica e Machine Learning
 
[CLASS 2014] Palestra Técnica - Silvio Rocha
[CLASS 2014] Palestra Técnica - Silvio Rocha[CLASS 2014] Palestra Técnica - Silvio Rocha
[CLASS 2014] Palestra Técnica - Silvio Rocha
 
Monitoramento, Métricas e Mensuração - MBA Mkt Digital iDez - aula 03
Monitoramento, Métricas e Mensuração - MBA Mkt Digital iDez - aula 03Monitoramento, Métricas e Mensuração - MBA Mkt Digital iDez - aula 03
Monitoramento, Métricas e Mensuração - MBA Mkt Digital iDez - aula 03
 
Aula 5 - A TI nas Organizações
Aula 5 - A TI nas OrganizaçõesAula 5 - A TI nas Organizações
Aula 5 - A TI nas Organizações
 

Mais de TECSI FEA USP

Mais de TECSI FEA USP (20)

12th CONTECSI USP - Guia para publicar Andre Jun Emerald
12th CONTECSI USP - Guia para publicar  Andre Jun Emerald12th CONTECSI USP - Guia para publicar  Andre Jun Emerald
12th CONTECSI USP - Guia para publicar Andre Jun Emerald
 
12 contecsi IT Management GAESI USP Rastreabilidade de Medicamentos - Elcio...
12 contecsi  IT Management GAESI USP  Rastreabilidade de Medicamentos - Elcio...12 contecsi  IT Management GAESI USP  Rastreabilidade de Medicamentos - Elcio...
12 contecsi IT Management GAESI USP Rastreabilidade de Medicamentos - Elcio...
 
12 contecsi Workshop Mendeley Ligia Capobianco
12 contecsi   Workshop Mendeley Ligia Capobianco12 contecsi   Workshop Mendeley Ligia Capobianco
12 contecsi Workshop Mendeley Ligia Capobianco
 
Planejamento e gestão de indicadores para projetos digitais - Workshop 12th C...
Planejamento e gestão de indicadores para projetos digitais - Workshop 12th C...Planejamento e gestão de indicadores para projetos digitais - Workshop 12th C...
Planejamento e gestão de indicadores para projetos digitais - Workshop 12th C...
 
Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP - 12th CONTECSI
Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP - 12th CONTECSI Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP - 12th CONTECSI
Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da USP - 12th CONTECSI
 
Centro Integrado de Mobilidade Urbana CIMU - 12th CONTECSI
 Centro Integrado de Mobilidade Urbana CIMU - 12th CONTECSI   Centro Integrado de Mobilidade Urbana CIMU - 12th CONTECSI
Centro Integrado de Mobilidade Urbana CIMU - 12th CONTECSI
 
The ladder of Citizens ‘smartness’ Citizens participation in smart cities - 1...
The ladder of Citizens ‘smartness’ Citizens participation in smart cities - 1...The ladder of Citizens ‘smartness’ Citizens participation in smart cities - 1...
The ladder of Citizens ‘smartness’ Citizens participation in smart cities - 1...
 
Papel de los vocabularios semánticos en la economía en red - 12th CONTECSI
 Papel de los vocabularios semánticos en la economía en red - 12th CONTECSI  Papel de los vocabularios semánticos en la economía en red - 12th CONTECSI
Papel de los vocabularios semánticos en la economía en red - 12th CONTECSI
 
Balance Innovations in Backoffice Improvement and Service Delivery A study ca...
Balance Innovations in Backoffice Improvement and Service Delivery A study ca...Balance Innovations in Backoffice Improvement and Service Delivery A study ca...
Balance Innovations in Backoffice Improvement and Service Delivery A study ca...
 
Automated Clustering Project - 12th CONTECSI 34th WCARS
Automated Clustering Project - 12th CONTECSI 34th WCARS Automated Clustering Project - 12th CONTECSI 34th WCARS
Automated Clustering Project - 12th CONTECSI 34th WCARS
 
Sistema Autenticador e Transmissor (SAT): modelo tecnológico de automação e c...
Sistema Autenticador e Transmissor (SAT): modelo tecnológico de automação e c...Sistema Autenticador e Transmissor (SAT): modelo tecnológico de automação e c...
Sistema Autenticador e Transmissor (SAT): modelo tecnológico de automação e c...
 
GAESI - Gestão em Automação e TI - 12th CONTECSI
GAESI - Gestão em Automação e TI - 12th CONTECSI GAESI - Gestão em Automação e TI - 12th CONTECSI
GAESI - Gestão em Automação e TI - 12th CONTECSI
 
Co-production: an opportunity toward better digital governance - 12th CONTECSI
 Co-production: an opportunity toward better digital governance - 12th CONTECSI  Co-production: an opportunity toward better digital governance - 12th CONTECSI
Co-production: an opportunity toward better digital governance - 12th CONTECSI
 
The Digital Transformation - Challenges and Opportunities for IS researchers ...
The Digital Transformation - Challenges and Opportunities for IS researchers ...The Digital Transformation - Challenges and Opportunities for IS researchers ...
The Digital Transformation - Challenges and Opportunities for IS researchers ...
 
Auditoria Contínua e o Sistema de Controle da Administração Pública Federal -...
Auditoria Contínua e o Sistema de Controle da Administração Pública Federal -...Auditoria Contínua e o Sistema de Controle da Administração Pública Federal -...
Auditoria Contínua e o Sistema de Controle da Administração Pública Federal -...
 
Big (huge) Data and a continuous and predictive audit: new evidence, new met...
 Big (huge) Data and a continuous and predictive audit: new evidence, new met... Big (huge) Data and a continuous and predictive audit: new evidence, new met...
Big (huge) Data and a continuous and predictive audit: new evidence, new met...
 
Text Mining and Continuous Assurance Kevin Moffitt - 12th CONTECSI 34th WCARS
Text Mining and Continuous Assurance Kevin Moffitt - 12th CONTECSI 34th WCARSText Mining and Continuous Assurance Kevin Moffitt - 12th CONTECSI 34th WCARS
Text Mining and Continuous Assurance Kevin Moffitt - 12th CONTECSI 34th WCARS
 
Federal Audit in Relation to Continuous Audit - 12th CONTECSI 34th WCARS
 Federal Audit in Relation to Continuous Audit - 12th CONTECSI 34th WCARS Federal Audit in Relation to Continuous Audit - 12th CONTECSI 34th WCARS
Federal Audit in Relation to Continuous Audit - 12th CONTECSI 34th WCARS
 
O Tribunal de Contas da União e a Auditoria Contínua - 12th CONTECSI 34th WCARS
O Tribunal de Contas da União e a Auditoria Contínua - 12th CONTECSI 34th WCARSO Tribunal de Contas da União e a Auditoria Contínua - 12th CONTECSI 34th WCARS
O Tribunal de Contas da União e a Auditoria Contínua - 12th CONTECSI 34th WCARS
 
Exceptional Exceptions - 12th CONTECSI 34th WCARS
Exceptional Exceptions - 12th CONTECSI 34th WCARSExceptional Exceptions - 12th CONTECSI 34th WCARS
Exceptional Exceptions - 12th CONTECSI 34th WCARS
 

Último

Último (8)

ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 

Cenário atual da Auditoria Contínua em Bancos no Brasil Itaú-Unibanco Holding S.A. - 12th CONTECSI 34th WCARS

  • 1. USP / Maio 2015 Cenário atual da Auditoria Contínua em Bancos no Brasil Itaú-Unibanco Holding S.A
  • 2. Agenda Tendências (Análise de Dados) Tendências (Big DATA) Tendências (Encapsulamento de inteligência) Overview Auditoria Contínua
  • 3. Auditoria Eletrônica e Contínua Overview ATEC Sistemas SAS ACL File Server Sala Segura indicadores Testes CAATS Área de negócios Controles Internos Planilhas Dashboard Auditor Extração de dados Análise de Indicadores MIS Auditoria Eletrônica Contínua Memorandos Programa de Trabalho (Auditoria) Biblioteca CAAT
  • 4. Cenário da Auditoria Eletrônica e Continua Assunto Mercado ITAU UNIBANCO Estrutura de Auditoria Contínua Equipes centralizadas, como foco na automação de testes. • Equipe centralizada com foco no desenvolvimento de indicadores, suporte, treinamento e CAATs complexas. CAATs descentralizadas Perfil dos auditores Auditores oriundos de TI Dificuldade para encontrar auditores com conhecimento de dados. • Desenvolvedores e análise de dados. Ferramentas de Auditoria Contínua Spot Fire, Qlikview, SAS, Tableau e ACL • ACL, SAS, Tableau Procedimentos de auditoria contínua Realiza testes nos controles de TI, em todas unidades externas, baseado nas políticas corporativas (Programa Periódico de Auditoria de Controles). Resultados são reportados através de memorandos à Administração, que deve estabelecer planos de ação • Descentralizou a elaboração das CAATs, possui suporte centralizado. • Prioriza o monitoramento contínuo através de indicadores Avaliação de Riscos Forte tendência de sinergia entre segunda e terceira linha de defesa. Interesse de uso de indicadores como complemento das avaliações de assurance. • Alinhando conceitos entre segunda e terceira linha de defesa, inclusive com sinergia entre diversas estruturas de monitoramento. • Implantando Planejamento Contínuo que visa manter a visão de riscos atualizada frente às mudanças do ambiente de controle.
  • 5. Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências) Análise de Dados Uso de dados com propósito de identificar:  Não conformidade com políticas, normativos, resoluções, leis, etc  Integridade de dados (validação de entrada, processamento e interface sistêmica)  Padrão comportamental (outliers)  Etc Principais Ferramentas:  SAS  ACL  TABLEAU Futuro:  Uso de Big Data  Execução de testes com utilização de técnicas de Data Mining  Utilização de métodos estatísticos para definição de amostras (identificação de exceções)  Análises automáticas
  • 6. Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências) Big DATA Características:  Grande volume de dados  Podem ser voláteis ou não voláteis  Grande velocidade de acesso  Dados não estruturados Desafios:  Custo de replicação de bases  Segurança física e lógica sobre dados replicados  Método de utilização dos dados Futuro:  Auditorias realizadas com análises mais profundas  Foco nas exceções e correlações  Maior sinergia na troca de informações entre as 3 linhas de defesa  Análises tempestivas
  • 7. Auditoria Eletrônica e Contínua (Tendências) Inteligência Artificial Uso de aplicativos de auditoria com propósitos específicos como:  Identificação automática de exceções  Identificação automática de tendências  Identificação automática de correlações Benefícios  Análises assertivas, foco exclusivo nas exceções  Esforço do auditor concentrado na análise das exceções e não no processo de identificação  Identificação de exceções em tempo real