Novas métricas para uma nova comunicação

1.902 visualizações

Publicada em

Apresentação feita no Web Analytics Wednesday, em 20/05/2009.

Publicada em: Negócios
0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.902
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Novas métricas para uma nova comunicação

  1. 1. Novas métricas para uma nova comunicação WAW - 20/05/2009
  2. 2. O problema da web é que ela pode ser medida
  3. 3. Anh?
  4. 4. O problema da web é que ELE podia ser medido
  5. 5. “0,5% de qualquer coisa não é, definitivamente, um bom resultado” Michel Lent, 2001
  6. 6. O ROI roeu a roupa do rei da home.
  7. 7. Qual a taxa de clique? Quantos sutiãs vendeu? Alcançou o break even? Qual o CPM? CTR? Qual o GRP? CPC? PQP!?
  8. 8. Ainda vivemos sob a sombra dos banners
  9. 9. Quando a métrica é mais real que aquilo que ela mede, algo está errado.
  10. 10. Fracasso no Ibope
  11. 11. E assim grandes projetos terminam na gaveta.
  12. 12. Não por não darem resultados. Mas por terem sido avaliados pela régua errada.
  13. 13. 17 milhões de exibições 108 mil comentários 2,6 mil posts em blogs
  14. 14. 21 milhões de exibições 45 mil comentários 3,8 mil posts em blogs
  15. 15. 21 milhões de exibições 61 mil comentários 5,7 mil posts em blogs
  16. 16. 100+ milhões de exibições 4 vezes a audiência da final de American Idol na TV dos EUA.
  17. 17. Apesar disso, a internet não é mídia de massa. E não devíamos usar métricas de mídia de massa.
  18. 18. A internet é fragmentada.
  19. 19. A internet é interativa.
  20. 20. Qual o ROI da Stephany?
  21. 21. A internet é participativa.
  22. 22. A internet não precisa da gente.
  23. 23. O legal da web é que ela pode ser medida
  24. 24. Podemos ter o quantitativo
  25. 25. E o qualitativo. Juntos.
  26. 26. Podemos medir diferentes elementos: - Alcance - Interação - Engajamento - Boca-a-boca - Presença - Espalhabilidade - Disseminação - ROI
  27. 27. Índice de Marcas em Mídias Sociais Segmentos monitorados Automóveis ● Celulares ● Operadoras ● Cervejas ● Alimentos - Fast Food ● Moda esportiva ● Rádios jovens e adultas ● Refrigerantes ● Editoras ● Pneus ● Financeiro - Bancos ● Alimentos - Biscoitos ● Cursos de idiomas ● Tecnologia ● Linha branca ● Banda Larga ● Varejo de eletrônicos
  28. 28. Índice de Marcas em Mídias Sociais Coca-Cola 1800 Abril 1600 1400 Apple 1200 Nokia Oi 1000 Itaú Renault 800 600 400 200 0 A disposição das 150 marcas monitoradas segue a clássica forma da “cauda longa”, com algumas marcas altamente presentes nos diálogos e comunidades e uma grande maioria com presença apenas moderada.
  29. 29. Índice de Marcas em Mídias Sociais TOP 25 marcas Marca Segmento Pontuação Variação Coca-cola Refrigerantes 1.676 - Segmentos ligados a produtos iPhone Celulares 1.383 - de consumo, em especial Apple Tecnologia 1.014 2 tecnologia, telefonia e Sony Tecnologia 796 - McDonald’s Alimentos - fast-food 786 -2 automóveis, lideram o Skol Cervejas 779 4 ranking. Chevrolet Automóveis 764 2 Nokia Celulares 721 -1 Importante notar que a Adidas Moda esporte 713 -3 Nike Moda esporte 664 -2 grande maioria das marcas e Ford Automóveis 661 - segmentos gera números Oi Operadoras 610 - pequenos de menções, o que Fiat Automóveis 485 - denota grande oportunidade Volkswagen Automóveis 476 - Bob's Alimentos - fast-food 457 para se destacar. novo LG Tecnologia 424 -1 Honda Automóveis 394 - Samsung Tecnologia 371 -2 Itaú Bancos 364 -1 Toyota Automóveis 363 1 Claro Operadoras 357 -2 Speedy Banda Larga 353 novo Vivo Operadoras 350 -3 Renault Automóveis 342 -2 Telefônica Operadoras 331 novo
  30. 30. Índice de Marcas em Mídias Sociais Coca-cola 25 marcas com maior afiliação McDonald’s Adidas Neste critério, as marcas são agrupadas por Cerveja Skol sua capacidade de atrair pessoas para Nike comunidades em redes sociais. Bob's Chevrolet Trakinas São aquelas que despertam identificação Sony com as pessoas e que fomentam as chamadas Volkswagen “comunidades-crachá” no Orkut. Fiat Ford Importante notar como marcas com modesto Nokia investimento em marketing ou reduzido LG market share pontuam fortemente, como Fanta Cerveja Brahma Bohemia, Skol, McDonalds, Trakinas e Fanta. Pepsi Cerveja Bohemia Itaú Vivo Honda Peugeot Tim Toyota Oi
  31. 31. Índice de Marcas em Mídias Sociais 25 marcas com maior buzz iPhone Apple Neste critério, as marcas são agrupadas por Coca-cola sua capacidade gerar boca-a-boca. Desde sua Nokia Sony chegada ao Brasil, o iPhone é líder Oi inconteste, com quase o triplo de pontuação Ford do terceiro colocado. Chevrolet Speedy Os segmentos de telefonia/celulares, Fiat automóveis e eletrônicos dominam as Samsung discussões sobre marcas. Volkswagen Renault Aqui, market share, investimentos em Honda marketing e relação de contato direto com o LG ABN Real consumidor (ex: serviços financeiros ou Telefônica telefônicos/banda larga) forçam a geração Nike de boca-a-boca, seja ele positivo ou Claro negativo. Toyota Cerveja Skol O Speedy, por exemplo, tem forte presença Itaú no índice de buzz em função das constantes Bradesco reclamações sobre a prestação do serviço. Vivo Motorola
  32. 32. Índice de Marcas em Mídias Sociais TOP3 por segmento Operadoras Celulares Automóveis Cervejas Bancos Oi iPhone /Apple Chevrolet Skol Itaú Claro Nokia Ford Brahma Bradesco Vivo Motorola Fiat Bohemia ABN Real
  33. 33. Descobertas colaterais - Nem sempre há relação entre market share e share of networks. - Notícias ruins propagam mais do que boas. Mas o amor atrai mais que o ódio. - O volume médio de citações de marcas no Twitter cresceu 80% em 6 meses. - No mesmo período, o Orkut caiu 15%. - Mais de 60% dos comentários sobre programação de TV são feitos durante os programas e de um computador.
  34. 34. CBPE* final * Coleção de Bullshits Polêmicas de Efeito
  35. 35. Informação que não se transponha pro mundo real não é informação. É curiosidade.
  36. 36. Dá para viver feliz sem apelar à karma police analítica.
  37. 37. O Analytics é seu amigo, não seu patrão.
  38. 38. O que é pior, um site sem SEO ou um site sem sentido?
  39. 39. Não há problemas em se inventar métricas*. O negócio é combinar antes. * Inventar parâmetros, não resultados.
  40. 40. Chega!
  41. 41. Obrigado! Roberto Cassano www.agenciafrog.com.br roberto.cassano@agenciafrog.com.br twitter.com/rcassano twitter.com/agenciafrog

×