Aula 03 planejamento agregado programação

525 visualizações

Publicada em

Aula 03 planejamento agregado programação

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
525
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • 1 Esta apresentação aborda o material do Capítulo 11. O gráfico foi traçado a partir do exemplo da Tru-Rainbow Paint usado no capítulo.
  • 8 A seqüência de slides a seguir apresenta a Figura 11.1. A seqüência se desenvolve em etapas até a figura final. Este slide avança automaticamente.
  • 9 O processo básico é o planejamento agregado.
  • 10 O conjunto de slides a seguir constrói todas as contribuições comuns ao processo de planejamento.
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 25 Seguindo a Figura 11.1, esta lista constrói os objetivos típicos de um processo de planejamento.
  • 16 Esta seqüência de slides constrói a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides constrói a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides desenvolve a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides desenvolve a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides desenvolve a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides desenvolve a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 16 Esta seqüência de slides desenvolve a tabela existente no texto, que identifica quatro estratégias básicas de planejamento. Este slide avança automaticamente.
  • 17 Esta seqüência é um fluxograma do processo de planejamento típico.
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 25 Este slide constrói os pontos importantes sobre os custos relevantes no processo de planejamento.
  • 25 Esta seqüência se baseia no Exemplo 11.1 e descreve uma estratégia de nivelamento para um centro de distribuição. Este slide avança automaticamente.
  • 26 Temos as necessidades de mão-de-obra para seis semanas. Atualmente, estão empregadas dez pessoas em tempo parcial.
  • 26 Há sete restrições.
  • 26 O primeiro passo é decidir o número de funcionários necessários na demanda de pico.
  • 26 O primeiro passo é decidir o número de funcionários necessários na demanda de pico.
  • 26 O primeiro passo é decidir o número de funcionários necessários na demanda de pico.
  • 26 Este slide apresenta a Figura 11.3, o resultado do método de solução do OM Explorer para este exemplo.
  • 42 A seqüência de slides a seguir desenvolve uma estratégia de seguir a demanda baseada no Exemplo 11.2. Este slide avança automaticamente.
  • 42
  • 42 Este slide exibe o resultado do Solver correspondente a este exemplo. Este slide avança automaticamente.
  • 42 O slide a seguir exibe uma estratégia mista de uma indústria. Este slide avança automaticamente.
  • 42 Este slide exibe o resultado do Solver correspondente à solução, Figura 11.5.
  • 54 Estes dois slides apresentam a Figura 11.6, um tableau -modelo de planejamento da produção. Este slide avança automaticamente.
  • 54
  • 55 Este slide introduz o Exemplo 11.3. Este slide avança automaticamente.
  • 55 Estes são os dados básicos do problema.
  • 87 A Figura 11.7 exibe um tableau de planejamento completo com todas as decisões de produção em vigor. Este é o resultado do software OM Explorer.
  • 92 Esta tabela apresenta os custos totais do plano, construindo um trimestre a cada vez.
  • 92
  • 92
  • 92
  • 92 Esta tabela apresenta os custos totais do plano.
  • 94 Também podemos analisar esse plano usando esta tabela. Necessidades de espaço determinaram a divisão desta tabela em duas partes.
  • 95
  • 96
  • 2 A seqüência de slides a seguir apresenta a Figura 11.8. A seqüência se desenvolve em etapas até a figura final. Este slide avança automaticamente.
  • 2
  • 2 Este slide avança automaticamente.
  • 2 Este slide avança automaticamente.
  • 2 Este slide avança automaticamente.
  • 2 Este slide avança automaticamente.
  • 2 Este slide avança automaticamente.
  • 2
  • 2 A seqüência de slides a seguir apresenta a Figura 11.9. A seqüência se desenvolve em etapas até a figura final. Este slide avança automaticamente.
  • 6 Este é o gráfico básico com os três trabalhos listados.
  • 6 Este é o código para preencher os detalhes no gráfico. Ele é mostrado ao lado do gráfico no texto impresso, mas está sobreposto aqui para tornar o gráfico mais legível.
  • 6 Os colchetes mostram o trabalho planejado.
  • 6 Periodicamente, o progresso do trabalho é plotado no gráfico. Este slide avança automaticamente.
  • 6 E o projeto é avaliado e decisões são tomadas com respeito a recursos.
  • 10
  • 10
  • 10 Este slide avança automaticamente.
  • 10
  • 89 A seqüência de slides a seguir apresenta o Exemplo 11.4. A seqüência se desenvolve em etapas até a conclusão do exemplo, exibindo o desenvolvimento de valores-chave ao longo do caminho. Este slide avança automaticamente.
  • 90
  • 91 Este gráfico foi idealizado para mesclar tanto a Tabela 11.1 como a Tabela 11.2, a fim de mostrar como foi desenvolvido o padrão de programação da força de trabalho e os resultados desse processo. Exibi-las juntas elimina o problema de avançar e retroceder para consultá-las. A primeira linha são as necessidades da Tabela 11.1.
  • 92 A segunda linha é a programação real da Tabela11.2.
  • 93
  • 94
  • 95
  • 96
  • 97
  • 98
  • 99
  • 100
  • 101
  • 102
  • 103
  • 104
  • 105
  • 106
  • 107 A tabela mostra a programação adotada para satisfazer as necessidades.
  • 108 Esta nota apresenta a análise na parte inferior da Tabela 17.3. Este slide avança automaticamente.
  • 109
  • 110
  • 111
  • 97 Esta série de slides apresenta o resultado do Explorer APO para o Problema Resolvido n. 1. O primeiro é a Figura 11.11.
  • 97 Esta série de slides apresenta o resultado do Explorer APO para o Problema Resolvido n. 1. Esta é a Figura 11.12.
  • 97 Esta série de slides apresenta o resultado do Explorer APO para o Problema Resolvido n. 1. Esta é a Figura 11.13.
  • Aula 03 planejamento agregado programação

    1. 1. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Alternatives Quarter 1 2 3 4 TotalCapacity UnusedCapacity Requirements Quarter Subcontract Overtime Regular time Subcontract Overtime Regulartime Subcontract Overtime Regulartime Subcontract Overtim e Regulartime Beginning inventory 1 2 3 4 PlanejamentoPlanejamento Agregado eAgregado e ProgramaçãoProgramação
    2. 2. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais
    3. 3. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Plano agregado
    4. 4. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Plano agregado Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing
    5. 5. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Dados sobre custos Condições financeiras da empresa Contabilidade e finanças Plano agregado Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing
    6. 6. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Condições do mercado de trabalho Capacidade de treinamento Recursos humanos Dados sobre custos Condições financeiras da empresa Contabilidade e finanças Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing Plano agregado
    7. 7. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Novos produtos Mudanças no projeto do produto Padrões das máquinas Engenharia Condições do mercado de trabalho Capacidade de treinamento Recursos humanos Dados sobre custos Condições financeiras da empresa Contabilidade e finanças Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing Plano agregado
    8. 8. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Condições do mercado de trabalho Capacidade de treinamento Recursos humanos Dados sobre custos Condições financeiras da empresa Contabilidade e finanças Capacidade dos fornecedores Capacidade de armazenamento Disponibilidade de materiais Materiais Novos produtos Mudanças no projeto do produto Padrões das máquinas Engenharia Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing Plano agregado
    9. 9. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Contribuições gerenciaisContribuições gerenciais Capacidade atual das máquinas Planos para capacidades futuras Capacidade da força de trabalho Nível atual de mão-de-obra Operações Necessidades dos clientes Previsões da demanda Comportamento da concorrência Distribuição e marketing Dados sobre custos Condições financeiras da empresa Contabilidade e finanças Condições do mercado de trabalho Capacidade de treinamento Recursos humanos Novos produtos Mudanças no projeto do produto Padrões das máquinas Engenharia Capacidade dos fornecedores Capacidade de armazenamento Disponibilidade de materiais Materiais Plano agregado
    10. 10. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Objetivos do planejamentoObjetivos do planejamento agregadoagregado • Minimizar custos/maximizar lucrosMinimizar custos/maximizar lucros • Maximizar o atendimento ao clienteMaximizar o atendimento ao cliente • Minimizar o investimento em estoqueMinimizar o investimento em estoque • Minimizar variações nos níveis de produçãoMinimizar variações nos níveis de produção • Minimizar alterações nos níveis da forçaMinimizar alterações nos níveis da força de trabalhode trabalho • Maximizar a utilização da fábrica e doMaximizar a utilização da fábrica e do equipamentoequipamento
    11. 11. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado
    12. 12. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado Alternativas possíveis Alternativas possíveis Estratégia durante a baixa estação durante a alta estação
    13. 13. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado Alternativas possíveis Alternativas possíveis Estratégia durante a baixa estação durante a alta estação 1. Seguir a demanda 1: Demissões Contratações Variar o nível da força de trabalho para igualar a produção com a demanda
    14. 14. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado Alternativas possíveis Alternativas possíveis Estratégia durante a baixa estação durante a alta estação 1. Seguir a demanda 1: Demissões Contratações Variar o nível da força de trabalho para igualar a produção com a demanda 2. Seguir a demanda 2: Demissões, horas ociosas, Contratações, horas extras, Variar o nível de produção férias subcontratações para igualar a demanda
    15. 15. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado Alternativas possíveis Alternativas possíveis Estratégia durante a baixa estação durante a alta estação 1. Seguir a demanda 1: Demissões Contratações Variar o nível da força de trabalho para igualar a produção com a demanda 2. Seguir a demanda 2: Demissões, horas ociosas, Contratações, horas extras, Variar o nível de produção férias subcontratações para igualar a demanda 3. Nivelamento 1: Sem demissões, criação de Sem contratações, redução Nível constante da estoque de antecipação, do estoque de antecipação, força de trabalho horas ociosas, férias horas extras, falta de estoque, subcontratações, pedidos em atraso
    16. 16. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias de planejamento agregadoEstratégias de planejamento agregado Alternativas possíveis Alternativas possíveis Estratégia durante a baixa estação durante a alta estação 1. Seguir a demanda 1: Demissões Contratações Variar o nível da força de trabalho para igualar a produção com a demanda 2. Seguir a demanda 2: Demissões, horas ociosas, Contratações, horas extras, Variar o nível de produção férias subcontratações para igualar a demanda 3. Nivelamento 1: Sem demissões, criação de Sem contratações, redução Nível constante da estoque de antecipação, do estoque de antecipação, força de trabalho horas ociosas, férias horas extras, falta de estoque, subcontratações, pedidos em atraso 4. Nivelamento 2: Demissões, criação de Contratações, horas extras, Nível de produção estoque de antecipação, subcontratações, redução constante horas ociosas, férias do estoque de antecipação, falta de estoque, pedidos em atraso
    17. 17. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado
    18. 18. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento
    19. 19. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos
    20. 20. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos Preparar plano provável para o horizonte de planejamento
    21. 21. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado O plano é aceitável? Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos Preparar plano provável para o horizonte de planejamento
    22. 22. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado O plano é aceitável? Não Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos Preparar plano provável para o horizonte de planejamento
    23. 23. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado Implementar e atualizar o plano O plano é aceitável? Não Sim Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos Preparar plano provável para o horizonte de planejamento
    24. 24. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Processo de planejamento agregadoProcesso de planejamento agregado O plano é aceitável? Não Determinar as necessidades para o horizonte de planejamento Identificar alternativas, restrições e custos Preparar plano provável para o horizonte de planejamento Prosseguir para a próxima seção de planejamento Implementar e atualizar o plano Sim
    25. 25. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Custos do planejamentoCustos do planejamento agregadoagregado • Custos das horas normaisCustos das horas normais • Custos das horas extrasCustos das horas extras • Custos de contrataçãoCustos de contratação e demissãoe demissão • Custos de manutençãoCustos de manutenção de estoquesde estoques • Custos de pedidos em atrasoCustos de pedidos em atraso e de falta de estoquee de falta de estoque
    26. 26. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço
    27. 27. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial * Número de funcionários em tempo parcial
    28. 28. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial 1. Não mais que 10 novas contratações em qualquer período 2. Nenhum pedido em atraso é permitido 3. As horas extras não podem ultrapassar 20% da capacidade em tempo normal 4. Os seguintes custos podem ser atribuídos: Salário de período normal $2.000/período a 20 horas/semana Pagamento de horas extras 150% das horas normais Contratação $1.000/pessoa Demissões $500/ pessoa * Número de funcionários em tempo parcial
    29. 29. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial 1. Não mais que 10 novas contratações em qualquer período 2. Nenhum pedido em atraso é permitido 3. As horas extras não podem ultrapassar 20% da capacidade em tempo normal 4. Os seguintes custos podem ser atribuídos: Salário de período normal $2,000/período a 20 horas/semana Pagamento de horas extras 150% das horas normais Contratação $1,000/pessoa Demissões $500/pessoa Necessários durante o pico
    30. 30. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial 1. Não mais de 10 novas contratações em qualquer período 2. Nenhum pedido em atraso é permitido 3. As horas extras não podem ultrapassar 20% da capacidade em tempo normal 4. Os seguintes custos podem ser atribuídos: Salário de período normal $2,000/período a 20 horas/semana Pagamento de horas extras 150% das horas normais Contratação $1,000/pessoa Demissões $500/pessoa Necessários durante o pico 1,20w = 18 funcionários no período de pico
    31. 31. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial 1. Não mais de 10 novas contratações em qualquer período 2. Nenhum pedido em atraso é permitido 3. As horas extras não podem ultrapassar 20% da capacidade em tempo normal 4. Os seguintes custos podem ser atribuídos: Salário de período normal $2,000/período a 20 horas/semana Pagamento de horas extras 150% das horas normais Contratação $1,000/pessoa Demissões $500/pessoa Necessários durante o pico 1,20w = 18 funcionários no período de pico w = = 15 funcionários 18 1,20
    32. 32. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia deEstratégia de nivelamentonivelamento para serviçospara serviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Current employment = 10 part-time clerks 1. Não mais de 10 novas contratações em qualquer período 2. Nenhum pedido em atraso é permitido 3. As horas extras não podem ultrapassar 20% da capacidade em tempo normal 4. Os seguintes custos podem ser atribuídos: Salário de período normal $2,000/período a 20 horas/semana Pagamento de horas extras 150% das horas normais Contratação $1,000/pessoa Demissões $500/pessoa Peak Requirement 1.20w = 18 employees in peak period w = = 15 employees 18 1.20
    33. 33. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia de seguirEstratégia de seguir a demanda paraa demanda para serviçosserviços E/D Passadiço
    34. 34. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia de seguirEstratégia de seguir a demanda paraa demanda para serviçosserviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Emprego atual = 10 funcionários em tempo parcial * Número de funcionários em tempo parcial
    35. 35. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégia de seguirEstratégia de seguir a demanda paraa demanda para serviçosserviços E/D Passadiço PERÍODO DE TEMPO 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 6 12 18 15 13 14 78 Current employment = 10 part-time clerks
    36. 36. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias mistasEstratégias mistas na manufaturana manufatura
    37. 37. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estratégias mistasEstratégias mistas na manufaturana manufatura Exemplo 14.3 1. No beginning inventory or back orders in period 1 2. No stockouts or backlog extensions are permitted 3. Overtime cannot exceed 20% of regular-time capacity 4. The following costs can be assigned: Regular-time production $4,000/employee-period Overtime production 150% of regular-time Hires $2,400/person Layoffs $400/person Inventory $40/employee-period/period Back orders $1,000/employee-period/period ACCOUNTING PERIOD 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade* 24 142 220 180 136 168 870 Current employment = 120 workers
    38. 38. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção
    39. 39. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA planejamentoplanejamento da produçãoda produção Alternativas Período de tempo 1 2 3 4 Capacidade total Capacidade não utilizada Necessidades Período. Subcon- trataçõs Horas extras Horas normais Horas normais Horas normais Horas normais Estoque inicial 1 2 3 4 0 h 2h 3h 4h r r+h r+2h r+3h u c c+h c+2h c+3h 0 s s+h s+2h s+3h 0 r+b r r+h r+2h u c+b c c+h c+2h 0 s+b s s+h s+2h 0 r+2b r+b r r+h u c+2b c+b c c+h 0 s+2b s+b s s+h 0 r+3b r+2b r+b r u c+3b c+2b c+b c 0 s+3b s+2b s+b s 0 D1 D2 D3 D4 + I4 U I0 R1 O1 S1 R2 O2 S2 R3 O3 S3 R4 O4 S4 Subcon- trataçõs Subcon- trataçõs Subcon- trataçõs Horas extras Horas extras Horas extras
    40. 40. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Alternativas Período de tempo 1 2 3 4 Capacidade total Capacidade não utilizada Necessidades Período. Subcon- trataçõs Horas extras Horas normais Horas normais Horas normais Horas normais Estoque inicial 1 2 3 4 0 h 2h 3h 4h r r+h r+2h r+3h u c c+h c+2h c+3h 0 s s+h s+2h s+3h 0 r+b r r+h r+2h u c+b c c+h c+2h 0 s+b s s+h s+2h 0 r+2b r+b r r+h u c+2b c+b c c+h 0 s+2b s+b s s+h 0 r+3b r+2b r+b r u c+3b c+2b c+b c 0 s+3b s+2b s+b s 0 D1 D2 D3 D4 + I4 U I0 R1 O1 S1 R2 O2 S2 R3 O3 S3 R4 O4 S4 Subcon- trataçõs Subcon- trataçõs Subcon- trataçõs Horas extras Horas extras Horas extras
    41. 41. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Alternatives Trimestre 1 2 3 4 Total Capacity Unused Capacity Requirements Trimestre Subcontract Overtime Regular time Subcontract Overtime Regular time Subcontract Overtime Regular time Subcontract Overtime Regular time Beginning inventory 1 2 3 4 0 h 2h 3h 4h r r+h r+2h r+3h u c c+h c+2h c+3h 0 s s+h s+2h s+3h 0 r+b r r+h r+2h u c+b c c+h c+2h 0 s+b s s+h s+2h 0 r+2b r+b r r+h u c+2b c+b c c+h 0 s+2b s+b s s+h 0 r+3b r+2b r+b r u c+3b c+2b c+b c 0 s+3b s+2b s+b s 0 D1 D2 D3 D4 + I4 U I0 R1 O1 S1 R2 O2 S2 R3 O3 S3 R4 O4 S4 Trimestre 1 2 3 4 Total Capacidade de 300 850 1.500 350 3.000 demanda Horas normais 450 450 750 450 2.100 Horas extras 90 90 150 90 420 Subcontratação 200 200 200 200 800 Estoque atual = 250.000 Estoque final = 300.000 Horas normais = $1,00/unidade Horas extras = $1,50/unidade Subcontratação = $1,90/unidade Custo de manutenção do estoque = $0,30/galão*/trimestre Máximo de horas extras = 20% das horas normais Subcontratação fornece máximo = 200.000 galões/trimestre Sem pedidos em atraso ou falta de estoque *1 galão (EUA) = 3,78 litros
    42. 42. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company
    43. 43. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Custo total Trimestre Custo
    44. 44. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Custo total Trimestre Custo 1 250($0) + 30($1,00) + 20($1,90) = $68
    45. 45. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Custo total Trimestre Custo 1 250($0) + 30($1,00) + 20($1,90) = $68 2 420($1,30) + 90($1,80) + 340($1,00) = 1.048
    46. 46. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Custo total Trimestre Custo 1 250($0) + 30($1,00) + 20($1,90) = $68 2 420($1,30) + 90($1,80) + 340($1,00) = 1.048 3 110($1,30) + 90($1,80) + 200($2,20) + + 750($1,00) + 150($1,50) = 2.100
    47. 47. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA TableauTableau dodo planejamentoplanejamento da produçãoda produção Tru-Rainbow Company Custo total Trimestre Custo 1 250($0) + 30($1,00) + 20($1,90) = $68 2 420($1,30) + 90($1,80) + 340($1,00) = 1.048 3 110($1,30) + 90($1,80) + 200($2,20) + + 750($1,00) + 150($1,50) = 2.100 4 450($1,00) + 90($1,50) + 110($1,90) = 794 Total $4.010
    48. 48. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Produção nas Produção nas Subcon- Trimestre horas normais horas extras tratação Total Estoque de antecipação Trimestre Quantidade
    49. 49. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Estoque de antecipação Trimestre Quantidade 1 450 90 20 560 2 450 90 200 740 3 750 150 200 1100 4 450 90 110 650 Totais 2.100 420 530 3.050 Produção nas Produção nas Subcon- Trimestre horas normais horas extras tratação Total
    50. 50. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA 1 450 90 20 560 2 450 90 200 740 3 750 150 200 1100 4 450 90 110 650 Totais 2.100 420 530 3.050 Produção nas Produção nas Subcon- Trimestre horas normais horas extras tratação Total Estoque de antecipação Trimestre Quantidade 1 250 + 560 – 300 = 510 2 510 + 740 – 850 = 400 3 400 + 1.100 – 1.500 = 0 4 0 + 650 – 350 = 300
    51. 51. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura
    52. 52. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Matérias-primas Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoi Departarmentodeexpedição
    53. 53. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoFigura 11.8 Matérias-primas Departarmentodeexpedição
    54. 54. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Legenda: Lotes de peças Estação de trabalho Matérias-primas Departarmentodeexpedição
    55. 55. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoFigura 11.8 Matérias-primas Departarmentodeexpedição
    56. 56. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Matérias-primas Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoFigura 11.8 Departarmentodeexpedição
    57. 57. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Matérias-primas Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoFigura 11.8 Departarmentodeexpedição
    58. 58. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação na manufaturaProgramação na manufatura Departarmentodeexpedição Matérias-primas Legenda: Lotes de peças Estação de trabalhoFigura 11.8
    59. 59. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt
    60. 60. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de evolução Plymouth Ford Pontiac Trabalho 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/264/214/17 4/18 4/19 Figura 11.9
    61. 61. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de evolução Figura 11.9 Plymouth Ford Pontiac Trabalho 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/264/214/17 4/18 4/19 Código Atividade inicial Atividade final Duração programada da atividade Progresso real Tempo não produtivo
    62. 62. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de evolução Plymouth Ford Pontiac Trabalho 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/264/214/17 4/18 4/19
    63. 63. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de evolução Plymouth Ford Pontiac Trabalho 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/264/214/17 4/18 4/19
    64. 64. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de evolução 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/264/21 Plymouth Ford Pontiac Trabalho 4/17 4/18 4/19 Data atual
    65. 65. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Máquina 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/26 Retífica Torno 4/21 Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de máquinas
    66. 66. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Máquina 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/26 Retífica Torno Plymouth Pontiac Ford PlymouthPontiac Ford 4/21 Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de máquinas
    67. 67. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Máquina 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/26 Retífica Torno Plymouth Pontiac Ford PlymouthPontiac Ford 4/21 Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de máquinas
    68. 68. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Data atual Máquina 4/20 4/22 4/23 4/24 4/25 4/26 Retífica Torno Plymouth Pontiac Ford PlymouthPontiac Ford 4/21 Gráficos de GanttGráficos de Gantt Gráfico de máquinas
    69. 69. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços
    70. 70. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Necessidade de funcionários
    71. 71. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 Necessidade de funcionários
    72. 72. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade de funcionários Exemplo 11.4
    73. 73. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Necessidade de funcionários
    74. 74. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade de funcionários
    75. 75. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Necessidade de funcionários
    76. 76. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Funcionário 3 X X X X X Necessidade de funcionários
    77. 77. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Funcionário 3 X X X X X Necessidade 3 1 5 6 7* 3 2 Necessidade de funcionários
    78. 78. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Funcionário 3 X X X X X Necessidade 3 1 5 6 7* 3 2 Funcionário 4 X X X X X Necessidade de funcionários
    79. 79. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Funcionário 3 X X X X X Necessidade 3 1 5 6 7* 3 2 Funcionário 4 X X X X X Necessidade 3 1 4 5 6* 2 1 Necessidade de funcionários
    80. 80. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Número de funcionários 6 4 8 9 10* 3 2 Funcionário 1 X X X X X Necessidade 5 3 7 8 9* 3 2 Funcionário 2 X X X X X Necessidade 4 2 6 7 8* 3 2 Funcionário 3 X X X X X Necessidade 3 1 5 6 7* 3 2 Funcionário 4 X X X X X Necessidade 3 1 4 5 6* 2 1 Funcionário 5 X X X X X Necessidade de funcionários
    81. 81. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Necessidade de funcionários
    82. 82. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Funcionário 6 X X X X X Necessidade de funcionários
    83. 83. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Funcionário 6 X X X X X Necessidade 2 0 2 3 4* 1 0 Funcionário 7 X X X X X Necessidade de funcionários
    84. 84. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Funcionário 6 X X X X X Necessidade 2 0 2 3 4* 1 0 Funcionário 7 X X X X X Necessidade 1 0 1 2 3* 1 0 Funcionário 8 X X X X X Necessidade de funcionários
    85. 85. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Funcionário 6 X X X X X Necessidade 2 0 2 3 4* 1 0 Funcionário 7 X X X X X Necessidade 1 0 1 2 3* 1 0 Funcionário 8 X X X X X Necessidade 0 0 0 1 2* 1 0 Funcionário 9 X X X X X Necessidade de funcionários
    86. 86. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Necessidade 2 0 3 4 5* 2 1 Funcionário 6 X X X X X Necessidade 2 0 2 3 4* 1 0 Funcionário 7 X X X X X Necessidade 1 0 1 2 3* 1 0 Funcionário 8 X X X X X Necessidade 0 0 0 1 2* 1 0 Funcionário 9 X X X X X Necessidade 0 0 0 0 1* 0 0 Funcionário 10 X X X X X Necessidade de funcionários
    87. 87. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Funcionário 1 X X X X X Folga Folga Funcionário 2 X X X X X Folga Folga Funcionário 3 X X X X X Folga Folga Funcionário 4 Folga Folga X X X X X Funcionário 5 X X X X X Folga Folga Funcionário 6 Folga Folga X X X X X Funcionário 7 X X X X X Folga Folga Funcionário 8 X X X X X Folga Folga Funcionário 9 Folga X X X X X Folga Funcionário 10 X X X X X Folga Folga Programação final
    88. 88. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D Funcionário 1 X X X X X Folga Folga Funcionário 2 X X X X X Folga Folga Funcionário 3 X X X X X Folga Folga Funcionário 4 Folga Folga X X X X X Funcionário 5 X X X X X Folga Folga Funcionário 6 Folga Folga X X X X X Funcionário 7 X X X X X Folga Folga Funcionário 8 X X X X X Folga Folga Funcionário 9 Folga X X X X X Folga Funcionário 10 X X X X X Folga Folga Programação final Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D TOTAL
    89. 89. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a. 3a. 4a. 5a. 6a. S D Funcionário 1 X X X X X Folga Folga Funcionário 2 X X X X X Folga Folga Funcionário 3 X X X X X Folga Folga Funcionário 4 Folga Folga X X X X X Funcionário 5 X X X X X Folga Folga Funcionário 6 Folga Folga X X X X X Funcionário 7 X X X X X Folga Folga Funcionário 8 X X X X X Folga Folga Funcionário 9 Folga X X X X X Folga Funcionário 10 X X X X X Folga Folga Programação final Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D TOTAL Capacidade, C 7 7 10 10 10 3 2 50
    90. 90. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a. 3a. 4a. 5a. 6a. S D Funcionário 1 X X X X X Folga Folga Funcionário 2 X X X X X Folga Folga Funcionário 3 X X X X X Folga Folga Funcionário 4 Folga Folga X X X X X Funcionário 5 X X X X X Folga Folga Funcionário 6 Folga Folga X X X X X Funcionário 7 X X X X X Folga Folga Funcionário 8 X X X X X Folga Folga Funcionário 9 Folga X X X X X Folga Funcionário 10 X X X X X Folga Folga Programação final Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D TOTAL Capacidade, C 7 7 10 10 10 3 2 50 Necessidades, R 6 4 8 9 10 3 2 42
    91. 91. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Programação em serviçosProgramação em serviços Dia 2a. 3a. 4a. 5a. 6a. S D Funcionário 1 X X X X X Folga Folga Funcionário 2 X X X X X Folga Folga Funcionário 3 X X X X X Folga Folga Funcionário 4 Folga Folga X X X X X Funcionário 5 X X X X X Folga Folga Funcionário 6 Folga Folga X X X X X Funcionário 7 X X X X X Folga Folga Funcionário 8 X X X X X Folga Folga Funcionário 9 Folga X X X X X Folga Funcionário 10 X X X X X Folga Folga Programação final Dia 2a 3a 4a 5a 6a S D TOTAL Capacidade, C 7 7 10 10 10 3 2 50 Necessidades, R 6 4 8 9 10 3 2 42 Excesso, C – R 1 3 2 1 0 0 0 8
    92. 92. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Problema resolvido n. 1Problema resolvido n. 1
    93. 93. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA Problema resolvido n.1Problema resolvido n.1
    94. 94. PROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMAPROF.MSC.WELLINTON DE ASSUNÇÃO-UEMA ProblemaProblema resolvidoresolvido n. 1n. 1

    ×