Planejamento agregado

14.506 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
14.506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
194
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento agregado

  1. 1. CAPÍTULO IV – PLANEJAMENTO AGREGADOEstratégias de Planejamento Agregado•Manter um quadro de pessoal estável•Manter um ritmo de produção estável•Atender à demanda período por período•Utilizar uma combinação de variáveis de decisão
  2. 2. CAPÍTULO DOZE PLANEJAMENTO AGREGADO Programação Mestre Inputs Outputs Estoque inicial Estoque projetado Previsão Programação Programação mestre de mestre produção Pedidos de clientes Estoque não comprometido LTC-Livros Técnicos e Científicos-Editora ©The McGraw-Hill Companies, Inc., 1999 12-10 CAPÍTULO DOZE PLANEJAMENTO AGREGADO Seqüência de Planejamento Condições Estratégias econômicas, Previsões da e políticas políticas e demanda empresariais concorrência agregada Estabelece estratégias Planos de negócio de produção e de capacidade Estabelece Plano de Produção capacidade de produção Estabelece a programação Programação-mestre para produtos específicos LTC-Livros Técnicos e Científicos-Editora ©The McGraw-Hill Companies, Inc., 1999 12-4Estratégias Básicas•Estratégia da capacidade estável:–Manutenção do ritmo de produção estável atendendo às variações na demanda porcombinação de opções.•Estratégia de acompanhamento da demanda:
  3. 3. –Casamento da capacidade com a demanda; o output planejado para um período é a demanda esperada para o período. Questões para discussão 1 - Que razões obrigam o PCP a entender sobre o modelo de previsão da demanda? 2 - Como as empresas estão eliminando as incertezas associadas à previsão da demanda? EXERCÍCIOS DE PLANEJAMENTO AGREGADO 48 (Petrônio)As projeções das demandas mensais do produto 3WJ, em unidades, são dadas a seguir: Mês Horas Disponíveis DemandaJan 176 310Fev 144 260Mar 168 220Abr 176 190Mai 176 160Jun 160 130Jul 168 170Ago 176 210Set 160 250Out 184 290Nov 152 320Dez 160 270 Sabendo-se que o estoque inicial (EI) é de 280 unidades, que o estoque final (EF) desejado é de 500 unidades, que o custo de manutenção dos estoques é de $0,90/unidade x mês e que a empresa trabalha em um único turno de 8 horas: a) Determine um plano de produção de cadência constante e seu respectivo custo (considere somente o custo de manutenção dos estoques). b) Calcule os estoques no fim de cada mês. Se houver “estoque negativo”, que solução você sugere? Caso contrário, de quantas unidades poderia ser diminuído o estoque inicial? Qual o custo dessa nova solução? c) Determine o plano de produção que preveja mudança de cadência no fim de junho, quando o estoque deve ser o mínimo possível (EF=0).
  4. 4. Solução: NP = D - EI + EF C(Cadência) = (NP/ Janela de Tempo)a)NP = ??D = ???Horas disp. =??C = ??Produção em Janeiro = ??EF Jan = EIJan +Prod. Jan – Djan a) Mês Horas Demanda EI P EF EM Custo disponíveis Jan. 176 310 280 264 234 257 231,3 Fev. 144 260 Mar. 168 220 Abr. 176 190 Maio 176 160 Jun. 160 130 Jul. 168 170 Ago. 176 210 Set. 160 250 Out. 184 290 Nov. 152 320 Dez. 160 270 TOTALb) Mês Horas Demanda EI P EF EM Custo disponíveis Jan. 176 310 Fev. 144 260 Mar. 168 220 Abr. 176 190 Maio 176 160 Jun. 160 130 Jul. 176 170 Ago. 144 210 Set. 168 250 Out. 176 290 Nov. 176 320 Dez. 160 270
  5. 5. c) Mês Horas Demanda EI P EF EM Custo disponíveis Jan. 176 310 Fev. 144 260 Mar. 168 220 Abr. 176 190 Maio 176 160 Jun. 160 130 Mês Horas Demanda EI P EF EM Custo disponíveis Jan. 176 310 Fev. 144 260 Mar. 168 220 Abr. 176 190 Maio 176 160 Jun. 160 130 Total Mês Horas Demanda EI P EF EM Custo disponíveis Jul. 168 170 Ago. 176 210 Set. 160 250 Out. 184 290 Nov. 152 320 Dez. 160 270 Total 49 Calcular a disponibilidade de entrega para os próximos dois meses de um produto fabricado sob encomenda, com demandas previstas e confirmadas apresentadas na tabela 4.7, onde pretende-se manter um estoque mínimo de 3 unidades. Janeiro Fevereiro 1 2 3 4 1 2 3 4 Demanda prevista 15 15 15 12 12 12 10 10 Demanda confirmada 14 10 8 5 2 1 0 0 Recebimentos Programados 0 0 0 0 0 0 0 0 Estoques Projetados 3 3 3 3 3 3 3 3 3 PMP 15 15 15 12 12 12 10 10 Disponibilidade de entrega 4 5 7 7 10 11 10 10
  6. 6. 50 A Tabela 1 apresenta a previsão de demanda e a Tabela 2 lista os dados de capacidade e os custos de produção de uma determinada indústria.Tabela 1 – Demanda em unidades Mês Demanda (unidades) Janeiro 700 Fevereiro 1000 Março 1100 Abril 900Tabela 2 – Capacidade e custos de produção Custo de manutenção de estoque (R$/unidade.mês) 0,50 Custo de mão de obra hora normal (R$/hora) 5,00 Custo de mão de obra hora extra (R$/hora) 7,50 Tempo padrão (Homem.hora/unidade produzida) 2,00 Quantidade de trabalhadores 10 Turno de trabalho (horas) 8 Dias úteis por mês 20Um engenheiro de produção preparou um planejamento agregado para o período daprimeira tabela, utilizando uma estratégia de produção constante igual à capacidade emhorário normal e, quando necessário, utilizando horas extras para suprir a demanda domês. O estoque inicial é de 100 unidades e, ao final do período de planejamento, oestoque deve ser zero.(57/Petrobras/2009) Quantas unidades devem ser produzidas em hora extra durante operíodo de planejamento? a) 200. b) 300. c) 350. d) 400. e) 500. 51 Desenvolver um Planejamento Agregado baseado numa estratégia de nivelamento com horas extras e horas ociosas, horas ociosas acontece nos períodos de pouco movimento. A estratégia de nivelamento pode resultar num número considerável de horas ociosas, que é o tempo no qual a capacidade excede a demanda, somado para todos os períodos do horizonte de tempo. O custo dessa capacidade não-utilizada depende de as horas desperdiçadas serem pagas ou não. A gerente de um grande CD precisa determinar quantos estoquistas em período parcial manter na FOPAG. Ela deseja estabelecer um plano com uma força de trabalho nivelada, implementado com horas extras e horas ociosas. Seu objetivo consiste em manter estável a equipe de trabalho em tempo parcial e minimizar o uso de horas ociosas. Ela atingirá essa meta usando o número máximo possível de HE no período de pico. A gerente divide o
  7. 7. próximo ano em seis períodos de tempo, cada um com dois meses de duração. Cada funcionário em tempo parcial pode trabalhar um máximo de 20 h/semana (HN), porém o no. Real de horas pode ser menor. O centro de distribuição diminui o número de horas trabalhadas /dia de cada funcionário durante os períodos de pouco movimento em vez de pagar horas ociosas. Se estiver incluído na FOPAG, cada funcionário é utilizado a cada dia, mas trabalha somente algumas horas por dia. As horas Extras podem ser usadas durante os períodos de pico para evitar horas ociosas excessivas. As necessidades da força de trabalho são indicadas como o número necessário de funcionários em tempo parcial para cada período de tempo levando-se em consideração o número máximo de 20 h normais por semana. Por exemplo, no período três serão necessários 18 funcionários em tempo parcial trabalhando 20 h/semana em HN. Períodos 1 2 3 4 5 6 Total Necessidade 6 12 18 15 13 14 78* necessidade de funcionários em tempo parcialAtualmente são empregados 10 auxiliares em tempo parcial. Eles não foram subtraídosdas necessidades indicadas. As restrições referentes ao nível de emprego e asinformações sobre os custos são as seguintes: a. O tamanho das instalações de treinamento limita o número de novos contratados em qualquer período para 10 no máximo; b. Não é permitido pedido em atraso, à demanda precisa ser atendida a cada período; c. As horas extras não podem exceder 20% do tempo regular (isto é, 4 h) em qualquer período. Portanto, o máximo que qualquer funcionário em tempo parcial pode trabalhar é 1,20(20) = 24 h/semana.; d. Os seguintes custos podem ser alocados: Salário p/ HN.............................. $2000 /período de tempo p/ 20 h/semana HE................................................ 150% do salário p/ HN Contratação.................................. $1000/pessoa Dispensas...................................... $500/pessoa Períodos 1 2 3 4 5 6 Total Necessidades 6 12 18 15 13 14 78 Nível da Força Trabalho Ociosidade HE Produção Regular (HN) Admissões Demissões
  8. 8. CustosProduçãoRegularOciosidadeHEAdmissõesDemissõesCusto Total20H/5 dias (semana) = 4 h
  9. 9. 52 A Imperial S.A. deseja implantar um plano agregado de produção por um período de 5 meses, dispondo dos seguintes dados: Mar Abr Mai Jun JulDemanda 800 1000 750 950 900CapacidadeprodutivamáximaNormal 700 750 800 900 1000Extra 50 50 50 80 150Subcontratações 150 180 130 150 200Os custos são:HN--------------------$25,00/UHE...........................$32,00/USubcontratação........$38,00/uOs custos de manutenção do estoque podem ser estimados em $ 0,80/u.mês Elaboredois planos alternativos A e B calculando os respectivos custos:Plano A –EI (março) = 100u deseja-se chegar ao final de cada mês com EF =0Plano B – EI = 100u e o EF desejado no final junho são de 200uPlano A MÊS Ei P neces D Ef Cap utilizada Cap ad nec Cap extra Subcont CUSTO Mar 100 720 800 Abr Mai Jun Jul Custo totalPlano B MÊS Ei P neces D Ef Cap utilizada Cap ad nec Cap extra Subcont CUSTO Mar 100 720 800 Abr Mai Jun Jul Custo total
  10. 10. 53 A Jason Enterprises produz videofones para o mercado doméstico. A qualidade não é tão boa quanto poderia ser neste ponto, mas o preço de venda é baixo e a Jason consegue estudar a resposta do mercado enquanto gasta mais tempo com P&D. Desenvolver um Plano Agregado de produção para os seis meses que vão de janeiro a junho. Jan Fev Mar Abr Mai Jun TotalDemanda 500 600 650 800 900 800 4250No. dias 22 19 21 21 22 20 125úteisCustosMateriais .....................................................................................................US$ 100,00/uManutenção de estoques..............................................................................US$10,00/u/mêsCusto Marginal da falta de estoque.............................................................US$20,00/u/mêsCusto marginal da sub-contratação..............................................................US$100,00/u/mês(US$ 200 do custo da sub-contratação menos US$ 100 das economias de material)Custo de contratação e treinamento..... ............. ..................................US$ 50,00/moCusto de demissão........................... .....................................................US$100,00/moHoras de MO necessárias ...........................................................................US$ 4/uCusto das HN (primeiras 8 h de cada dia)..................................................US$ 12,50/hCusto da HE (uma hora e meia)..................................................................US$ 18,65/hEstoqueEI..............................................200uES.............................................0% da demanda mensalQual é o Custo de cada uma das seguintes estratégias de produção? Produzir exatamente para atender a demanda; MO variável (considerando-se a MOinicial igual à necessidade do primeiro mês); MO constante; estoque variável e permissão somente de faltas (considerando-se umaMO inicial de 10);Solução: Jan Fev Mar Abr Mai Jun TotalEI 200DemandaES (0,0 x Prev. Dem)Necess. Produção (PrevDem. +ES – EI)EF(EI+Nec. Prod. –Prev.
  11. 11. Dem)
  12. 12. Plano 1 – MO variável Jan Fev Mar Abr Mai Jun TotalNecess. ProdHoras Prod. Necess (NP x4h/u)Dias úteis/mêsH/mês/trabalhadas(Diasúteis x 8h/dia)Trabalh. Necess. (Hprod.Nec./ Hora/mês/trablh.)Novos Trabalhadoresadmitidos (MO inicial =nasces do 1º. Mês de 7trabalh)Custos de admissão (Novostrabalh. admitidos x US$50)Trabalhadores demitidosCusto da demissão(Trabalhadores Dem. xUS$ 100)Custo da HN (Hproduçãoneces. X US$ 12,50)Plano 2- MO cte=10 , est. Variável e falta de estoque Jan Fev Mar Abr Mai Jun TotalEI 200Dias úteis/mêsH prod. disponível (Diasúteis/mês x 8h/dia x 10trab)Prod. Real (H dispon. Deprod / 4h / u)Prev. DemandaEF( EI+Prod. Real – Prev.Demanda)Custo do Produto em falta(u em falta em módulo xUS$ 20)ESUnidades em excesso (EF –ES, somente se a qtdade forpositiva)Custo de Estoque (u emexcesso x US$ 10)Custo HN(H dispon. XUS$ 12,50)
  13. 13. Tarefa: I. A projeção da demanda (em unidades/mês) de um certo produto é dada a seguir. Nos meses de janeiro a dezembro a empresa trabalha, respectivamente, 22, 19, 21, 21, 22, 20 e 12 (férias coletivas), 22, 20, 23, 19 e 21 dias úteis. Dados EI = 2800u e EFdesej = 3560 u. a) Determine um Plano de Produção de Cadência constante a) Determine um Plano de Produção de Janeiro a Setembro, sabendo-se que por motivos de mudanças, pretende encerrar a produção por um período de 3 meses (out, nov, dez). b) Sabendo-se que a demanda mensal deve ser totalmente atendida com variação na MO e que o tempo padrão (TP) de fabricação do referido produto é 0,5 hh/u e que a empresa dispõe no início de janeiro de 15 empregados envolvidos diretamente na fabricação, determinar os meses em que haverá sobra ou falta de pessoal. Tabela Mês Demanda Jan. 4.400 Fev. 4.750 Mar. 6.300 Abr. 6.300 Maio 4.400 Jun. 2.000 Jul. 1.200 Ago. 3.300 Set. 5.000 Out. 9.200 Nov. 7.600 Dez. 7.226a) Mês Dias úteis Demanda EI P EF Jan. Fev. Mar. Abr. Maio Jun. Jul. Ago. Set. Out. Nov. Dez. TOTAL
  14. 14. b) Mês Dias úteis Demanda EI P EF Jan. Fev. Mar. Abr. Maio Jun. Jul. Ago. Set. Out. Nov. Dez. TOTALc)Meses Dias. H.Disp. Dem H.h.neces. Hom. Excesso Falta nec.Jan 22 22x8 4400 4400x0, 5 2200/176 2,5 0 54 A demanda (em unidades/mês) projetada para um agregado de três produtos é fornecida a seguir: Jan. Fev. Mar. Abr. Maio Jun. Jul. Ago. Set. Out. Nov. Dez. 220 310 370 430 470 530 860 940 760 550 340 260Sabendo que o estoque inicial (EI) é de 900 unidades e que o estoque final (EF)desejado é de 500 unidades, determine:a) A cadência de um plano de produção (em unidades/mês) que preveja a produçãomensal constante (suponha o mesmo número de horas úteis para todos os meses).
  15. 15. b) As cadências de produção de um plano que preveja uma mudança de cadência nofim do mês de julho, quando o estoque deverá ser de 370 unidades.a) Mês Demanda EI Prod. EF Jan. Fev. Mar. Abr. Maio Jun. Jul. Ago. Set. Out. Nov. Dez. TOTALb) Mês Demanda EI P EF Jan. Fev. Mar. Abr. Maio Jun. Jul. Mês Demanda EI P EF Ago Set Out Nov Dez Mês Demanda EI P EF Ago Set Out Nov Dez
  16. 16. 55 A Sopapel produz embalagens rígidas com papel Kraft de vários diâmetros, a fim de elaborar seu plano agregou a demanda prevista de seus três principais produtos para o primeiro semestre de 1997, ela pretende iniciar o mês com 400u em estoque. Sua atual capacidade produtiva em HN é de 800 u/mês. Entretanto, com o início de operação de nova estufa para a secagem das barricas, previsto para início de abril, a capacidade produtiva passará para 1100 u/mês. Atualmente, a empresa pode produzir em horas extras até 300u/mês e a partir de abril poderá produzir até 400 u/mês em HE. Em situações extremas a Sopapel consegue subcontratar até um limite de 120 u/mês.Custo de produção (até o fim de março)......................................$ 8,0/uCusto de produção (a partir de abril )......................................$ 7,0/uCusto de produção HE .....................................$ 12,0/uCusto de subcontratação..............................................................$ 15,0/uCusto de manutenção dos estoques ............................................$ 0,8/u.mêsEstoque Final desejado................................................................500 uElabore um plano de produção para a Sopapel e determine seu custoMês Dem EI P PHE Subcont EF EFcor. EM CustoEMJanFevMarCustoUnitárioCustosParciaisAbrMaiJunCustoUnitárioCustosParciaisCustoTotalEF jan = P+EI-D=EM = (EI+EF)/2 =Custo EM = EM x 0,8 =
  17. 17. 56 (RITZMAN)A Artic Air Company produz aparelhos de ar-condicionado residenciais.O gerente de produção deseja desenvolver um plano de produção para próximo ano baseado nos seguintes dados de demanda e capacidade (em centenas de unidades do produto) PERIODO JAN-FEV MAR-ABR MAI- JUL-AGO SET-OUT NOV-DEZ JUN 1 2 3 4 5 6Demanda 50 60 90 120 70 40CapacidadesHoras Normais 65 65 65 80 80 65Horas Extras 13 13 13 16 16 13Subcontratação 10 10 10 10 10 10As horas ociosas não são pagas e nenhum custo é associado ás horas extras ou àcapacidade de subcontratação não-utilizadas.Produzir um aparelho de ar-condicionadodurante horas regulares custa $ 1.000, incluindo $ 300 de mão-de-obra.Produzir umaunidade utilizando horas extras custa $ 1.150.Um subcontratante pode produzir umaunidade de acordo com as especificações da Arctic Air por $ 1.250.Manter um aparelhoem estoque custa $60 para cada período de dois meses e 200 aparelhos encontram-seatualmente em estoque.O plano exige que 400 unidades permaneçam em estoque nofinal do período 6.Não são admitidos pedidos em atraso.

×