Observe Pense Solucione                               CS-Ethernet                  Ethernet TCP/IP - MODBUS               ...
CS-Ethernet - ApresentaçãoO conversor CS-Ethernet consiste em uma solução de alto desempenho e baixo custo paraconversão d...
CS-Ethernet – Características TécnicasCaracterísticasLeds indicadores                   Produtos Alfacomp – Workshop
CS-Ethernet – Características TécnicasRS232RS485                 Produtos Alfacomp – Workshop
CS-Ethernet – Funcionalidades1. Controle de fluxo por hardware     1.1. O sinal RTS bloqueia o fluxo de dados vindos do di...
CS-Ethernet – Funcionalidades3. Comunicação UDP     3.1. Um socket UDP pode ser configurado na página HTML e a porta na qu...
CS-Ethernet – Funcionalidades5. MODBUS     5.1. No modo MODBUS a porta TCP de comunicação é fixada em 502.     5.2. Os pac...
CS-Ethernet – Funcionalidades6. Modo Cliente x Modo Servidor     6.1. Quando o modo servidor está ativo o conversor aguard...
CS-Ethernet - Configuração Software Ethernet Discoverer Placa de rede LAN com IP fixo Demais conexões de rede desabilitada...
CS-Ethernet - Configuração          Para alterar as configurações  do conversor, é necessário realizar o  login.          ...
CS-Ethernet - Configuração              Serve para alterar usuários e senhas do configurador.                 Produtos Alf...
CS-Ethernet - Configuração                                               Habilitar DHCP                                   ...
CS-Ethernet - Configuração              Serve para alterar usuários e senhas do configurador.                  Produtos Al...
ALFACOMP AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL LTDA.                 Rua Visconde do Herval, 1195 – Azenha – Porto Alegre - RS             ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Curso para utilização do conversor ethernet cs ethernet

705 visualizações

Publicada em

O conversor CS-Ethernet consiste em uma solução de alto desempenho e baixo custo para conversão do padrão TCP/IP para serial RS232/RS485.
De formato adequado para montagem em painéis elétricos de automação industrial, é alojado em gabinete metálico para encaixe em trilho DIN e pode ser alimentado por tensão CC de 10 a 30V. O conversor suporta taxas de comunicação de 300 a 230400 bps nas portas RS232 e RS485, sem necessidade de ajustes. O padrão RS485 permite a comunicação de até 32 dispositivos em distâncias de até 1200 metros.

1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Jogando.net/MU *24*

    Boa tarde amigos,

    Venham conhecer nossos Servidores de Mu
    Online Season 6 http://www.jogando.net/mu/
    >>muitos kits novos;
    >> Nossos GMs online em todos os servers
    Fazem eventos todos os dias:
    Fazemos sua Diversão com qualidade,há mais de 5 anos
    Servers ON 24 horas por dia
    Vários Server esperando por você.Venha se divertir de verdade.
    >>>CURTA nossa Fan page no Facebook e concorra a prêmios.
    SORTEIO de 2 pacotes de 100 JCASHs mais 15 dias VIP Premium
    >>>Conheçam também Animes Cloud -> http://www.animescloud.com, mais de 20.000 videos online,feito exclusivo para sua diversão.
    Site http://www.jogando.net/mu/ Benvindos ao nosso servidor.
    Wartemix Divulgadora Oficial !
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
705
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso para utilização do conversor ethernet cs ethernet

  1. 1. Observe Pense Solucione CS-Ethernet Ethernet TCP/IP - MODBUS Serial RS232 Serial RS485Produtos Alfacomp – Workshop
  2. 2. CS-Ethernet - ApresentaçãoO conversor CS-Ethernet consiste em uma solução de alto desempenho e baixo custo paraconversão do padrão TCP/IP para serial RS232/RS485.De formato adequado para montagem em painéis elétricos de automação industrial, é alojadoem gabinete metálico para encaixe em trilho DIN e pode ser alimentado por tensão CC de 10 a30V. O conversor suporta taxas de comunicação de 300 a 230400 bps nas portas RS232 eRS485, sem necessidade de ajustes. O padrão RS485 permite a comunicação de até 32dispositivos em distâncias de até 1200 metros. Produtos Alfacomp – Workshop
  3. 3. CS-Ethernet – Características TécnicasCaracterísticasLeds indicadores Produtos Alfacomp – Workshop
  4. 4. CS-Ethernet – Características TécnicasRS232RS485 Produtos Alfacomp – Workshop
  5. 5. CS-Ethernet – Funcionalidades1. Controle de fluxo por hardware 1.1. O sinal RTS bloqueia o fluxo de dados vindos do dispositivo serial remoto caso o buffer de recepção serial chegue a 75% da sua capacidade máxima. 1.2. O sinal RTS libera o fluxo de dados do dispositivo serial remoto (previamente bloqueado) caso o buffer de recepção serial esvazie a menos de 50% da capacidade máxima. 1.3. O fluxo de transmissão serial é interrompido e reativado de acordo com o sinal CTS enviado pelo dispositivo serial remoto. 1.4. Não tem efeito para a interface RS485, mas apenas para RS232.2. Controle de fluxo por software (XON/XOFF). 2.1. Um caractere XOFF (0x13) é enviado bloqueando o fluxo de dados vindos do dispositivo serial remoto caso o buffer de recepção serial chegue a 75% da sua capacidade máxima. 2.2. Um caractere XON (0x11) é enviado liberando o fluxo de dados vindos do dispositivo serial remoto (previamente bloqueado) caso o buffer de recepção serial esvazie a menos de 50% da capacidade máxima. 2.3. O fluxo de transmissão serial é interrompido caso seja recebido um caractere XOFF (0x13) vindo do dispositivo serial remoto. 2.4. O fluxo de transmissão serial é reativado caso seja recebido um caractere XON (0x11) vindo do dispositivo serial remoto. 2.5. Válido apenas para casos em que os dados transacionados não contêm estes caracteres especiais (tipicamente dados em ASCII). 2.6. Não é válido quando o modo MODBUS está ativado. Produtos Alfacomp – Workshop
  6. 6. CS-Ethernet – Funcionalidades3. Comunicação UDP 3.1. Um socket UDP pode ser configurado na página HTML e a porta na qual se esperam os datagramas também pode ser escolhida. 3.2. Os dados recebidos são enviados através da porta serial. 3.3. As respostas recebidas através da porta serial serão retornadas para o último endereço (IP + porta) do qual dados foram recebidos.4. Multi-socket 4.1. Até quatro conexões TCP/IP simultâneas podem ser estabelecidas com o conversor. 4.2. Quando mais de uma conexão estiver estabelecida existem duas formas de compartilhamento da porta serial: com broadcast e sem broadcast. 4.2.1. No caso em que o modo broadcast estar ativado, os dados recebidos na porta serial são enviados para todos os sockets TCP conectados. 4.2.2. No caso em que o modo broadcast estar desativado, os dados recebidos na porta serial serão enviados apenas para o ultimo socket do qual o conversor recebeu dados. 4.3. Na transmissão de dados no sentido ethernet para a porta serial o último socket que utilizou a porta serial fica sendo “o dono” exclusivo da transmissão por até aproximadamente 62ms após o término da troca de dados. Depois deste tempo é dada a chance para o próximo socket conectado transmitir. 4.4. Mesmo com vários sockets TCP conectados, a porta UDP pode ser utilizada. Ela continua funcionando independentemente e utiliza-se das mesmas regras e temporizações citadas acima para o compartilhamento da porta serial. 4.5. O modo MODBUS não suporta múltiplos sockets TCP pela própria característica do protocolo de permitir apenas um mestre no lado RTU. Produtos Alfacomp – Workshop
  7. 7. CS-Ethernet – Funcionalidades5. MODBUS 5.1. No modo MODBUS a porta TCP de comunicação é fixada em 502. 5.2. Os pacotes que chegam do lado ethernet são supostos como pacotes do tipo MODBUS/TCP. Eles são convertidos para MODBUS RTU e posteriormente envidados na porta serial. 5.3. Os pacotes que chegam do lado serial são supostos como pacotes do tipo MODBUS RTU. Estes são convertidos para MODBUS/TCP e posteriormente envidados para a Ethernet. 5.4. Os dados comuns aos dois protocolos são copiados de um lado para o outro de forma transparente, ou seja, inalterados. 5.5. O controle de fluxo por hardware é gerado e também obedecido caso o meio físico seja RS232. 5.6. O controle de fluxo por software não é permitido com MODBUS ativo 5.7. A porta UDP fica desabilitada com o MODBUS ativo. 5.8. Apenas uma única conexão TCP deve ser usada com o MODBUS ativo. 5.9. O MODBUS pressupõe que o lado serial do conversor se comportará como o mestre da rede MODBUS RTU, ou seja, o conversor faz o papel de um gateway entre um supervisório MODBUS/TCP e os dispositivos MODBUS RTU. Produtos Alfacomp – Workshop
  8. 8. CS-Ethernet – Funcionalidades6. Modo Cliente x Modo Servidor 6.1. Quando o modo servidor está ativo o conversor aguarda por conexões TCP vindas de clientes remotos na porta selecionada. 6.2. Quando o modo cliente está habilitado, o conversor tenta ativamente conectar-se a um servidor TCP remoto. 6.3. Os modos cliente e servidor podem ser simultaneamente utilizados, porém na chegada da primeira requisição de conexão recebida no modo servidor qualquer conexão que esteja previamente estabelecida no modo cliente é imediatamente derrubada. 6.4. O modo cliente não pode ser usado quando o MODBUS estiver ativado. Produtos Alfacomp – Workshop
  9. 9. CS-Ethernet - Configuração Software Ethernet Discoverer Placa de rede LAN com IP fixo Demais conexões de rede desabilitadas Após localizar o conversor na rede e resolver os conflitos de IP, com um duplo clique no conversor escolhido a janela de configuração abrirá no navegador padrão do sistema. Produtos Alfacomp – Workshop
  10. 10. CS-Ethernet - Configuração Para alterar as configurações do conversor, é necessário realizar o login. -Usuário padrão: admin -Senha padrão: admin Produtos Alfacomp – Workshop
  11. 11. CS-Ethernet - Configuração Serve para alterar usuários e senhas do configurador. Produtos Alfacomp – Workshop
  12. 12. CS-Ethernet - Configuração Habilitar DHCP Habilite este campo para utilizar ingressar em redes que tenham servidor. DHCP (IP dinâmico). Para usar IP fixo desabilite este campo. MODBUS/TCP Habilita o modo de comunicação MODBUS/TCP. Porta de comunicação fixada em 502. BROADCAST Compartilhamento da porta serial. Máximo 4 conexões. UDP Protocolo de velocidade maior mas sem confirmação de entrega dos pacotes. MODO SERVIDOR Aguarda conexões de clientes TCP pela porta escolhida. MODO CLIENTE Destina os dados ao IP e porta configurados. Produtos Alfacomp – Workshop
  13. 13. CS-Ethernet - Configuração Serve para alterar usuários e senhas do configurador. Produtos Alfacomp – Workshop
  14. 14. ALFACOMP AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL LTDA. Rua Visconde do Herval, 1195 – Azenha – Porto Alegre - RS Fone: +55 51 3029-7161 alfacomp@alfacomp.ind.br www.alfacomp.ind.br OBRIGADO A TODOSProdutos Alfacomp – Workshop

×