HARDWARE - Computador:

497 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
497
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

HARDWARE - Computador:

  1. 1. O mais comum são monitores de 17 polegadas, mas os gamers, que são jogadores assíduos, preferem monitores de 20 E 22 polegadas, que são melhores para jogos, por serem maiores. A qualidade da imagem é definida pelo monitor em conjunto com a placa de vídeo. Não adianta ter uma placa de vídeo potente se você tiver um monitor que não suporte resoluções altas. Quando falamos de resolução o que queremos dizer é a qualidade das imagens que serão exibidas. O monitor divide a tela em vários pontos pequenos que chamamos de “pixel”, cada “pixel” por sua vez é composto de três pontos: verde, vermelho e azul. Cada um desses pontos é capaz de exibir 256 tonalidades diferentes, combinando tonalidades dos três pontos diferentes é possível exibir em torno de 16 milhões de cores. A quantidade de “pixels” que um monitor pode exibir nós chamamos de resolução, quanto maior a resolução, maior a qualidade das imagens. Um monitor que suporte resolução de 800x 600 exibe 480 mil “pixels”, o que suporta 1024 x 768 exibe 786 mil “pixels” e assim por diante, essas são as resoluções mais comuns.
  2. 2. Muitos chamam o gabinete de CPU, sendo que este nome é, na verdade, o nome completo do processador (Central Processing Unit ou Unidade Central de Processamento). Existem dois tipos de gabinetes, tipo torre (em pé) e tipo desktop (deitado). Sua única função é proteger os componentes que estão dentro dele. Dentro do gabinete são encontrados os seguintes componentes: 1-Processador; 2-Placa-mãe; 3-Placa de Vídeo; 4-Memória RAM; 5-Disco Rígido ou HD; 6-Placa de Rede 7-Placa de som; 8-Unidade leitora de Disquete; 9-Unidade leitora de CD-ROM; 10-Fonte de Alimentação
  3. 3. Comparando o computador com uma orquestra, o processador seria o maestro. Responsável por controlar todos os outros dispositivos. O que diferencia um processador do outro é basicamente a capacidade de processamento,. Ele transmite informações para a placa mãe, que por sua vez as transmite para onde é necessário (como o monitor, impressora, outros dispositivos). A placa mãe serve de ponte entre o processador e os outros componentes de hardware da máquina. Processadores bons são indispensáveis para as mais simples aplicações no dia a dia. Tarefas como abrir um arquivo, até rodar os games mais atuais, o processador é quem faz tudo isso acontecer.
  4. 4. Também conhecida como "motherboard" ou "mainboard", a placa-mãe é, basicamente, a responsável pela interconexão de todas as peças que formam o computador. O HD, a memória, o teclado, o mouse, a placa de vídeo, enfim, praticamente todos os dispositivos, precisam ser conectados à placamãe para formar o computador. Placas-mãe onboard e offboard "Onboard" é o termo empregado para distinguir placas-mãe que possuem um ou mais dispositivos de expansão integrados. Por exemplo, há modelos que têm placa de vídeo, placa de som, modem ou placa de rede na própria placa-mãe. A motherboard estudada aqui possui placa de som e placa de rede integradas, ou melhor, onboard. Por esta razão, os conectores desses dispositivos ficam juntos às entradas. A vantagem de se utilizar modelos onboard é a redução de custo do computador, uma vez que deixase de comprar determinados dispositivos porque estes já estão incluídos na placa-mãe. No entanto, é necessário ter cuidado: quanto mais itens onboard uma placa-mãe tiver, mais o desempenho do computador será comprometido. Isso porque o processador acaba tendo que executar as tarefas dos dispositivos integrados. Na maioria dos casos, placas de som e rede onboard não influenciam significantemente no desempenho, mas placas de vídeo e modems sim. As placas de vídeo, mesmo os modelos mais simples, possuem um chip gráfico que é responsável pela geração de imagens. Este, por sua vez, requer memória para tal, principalmente quando trata imagens em 3D. Uma placa de vídeo onboard, mesmo quando acompanhada de um chip gráfico integrado, acaba "tomando atenção" do processador, além de usar parte da memória RAM. Existe uma série de empresas que fabricam placas-mãe. As marcas mais conhecidas são: Asus, Abit, Gigabyte, Soyo, PC Chips, MSI, Intel e ECS
  5. 5. Responsável pela imagem que será exibida no monitor. A placa de vídeo Off-Board possui processador (GPU, sigla paraGraphics Processor Unit, processador gráfico) e memória (leia a seguir) próprios. A regra deste processador (GPU) é a mesma que a do processador principal (CPU), mas tem que estar em conjunto com a memória. Também não compensa comprar uma placa de vídeo com um processador rápido, mas com pouca memória ou vice-versa.
  6. 6. RAM = Random Access Memory (memória de acesso aleatório) É onde ficam armazenados temporariamente os dados a cada vez que usamos o computador. Quando desligamos o computador a memória RAM é esvaziada, para que você possa utilizá-la na próxima vez que usar o PC. Devemos avaliar dois fatores, quando se trata de memória, a velocidade com que os dados podem ser lidos ou gravados e a quantidade máxima de informações que se pode armazenar. Quanto a capacidade de armazenamento, ela é medida em Bytes, 1 Byte seria equivalente a uma letra ou símbolo, por exemplo, “A” ou “%”. Se a memória tiver capacidade de 128 MB (Mega Bytes) você poderá armazenar pouco mais de 128 milhões de caracteres, se tiver 1 GB poderá armazenar pouco mais de 1 bilhão.
  7. 7. É onde ficam armazenados seus arquivos permanentemente até que você ou o sistema deseje apagá-los. Assim como a memória RAM, devemos avaliar a velocidade de leitura e escrita e a capacidade de armazenamento. Quanto a capacidade de armazenamento todos os HD’s são vendidos na casa dos GB (Giga Bytes), os mais comuns são de 320 a 500 GB. Para jogos e aplicativps e softwares de edição de vídeos e imagens o mais recomendado é um HD mais potente, hoje já existem com até 1 TB, pois os jogos hoje em dia precisam de muito espaço para serem armazenados, bem como rapidez para ter acesso aos dados gravados.
  8. 8. A placa de rede é o hardware que permite aos computadores conversarem entre si através da rede. A sua função é controlar todo o envio e recepção de dados através da rede. Placa de rede wireless A placa de rede wireless oferece muitas vantagens e a primeira é que você poderá conectar seu notebook a um computador sem a necessidade de fiação, acessando a internet com alta precisão. Existem muitos modelos de muitas marcas de placa de rede wireless, com antena ou sem antena, e o ideal é você escolher aquela que mais convém a você, que oferece maiores benefícios, mais eficiência e tranqüilidade para sua navegação.
  9. 9. É o dispositivo responsável pelos sons do PC. Sem ele não é possível escutar música ou o áudio de um filme. A maioria das placas-mãe já vem com um On-Board, mas para os usuários mais avançados existem placas de som Off-Board com recursos interessantes como várias saídas próprias para Home theather, efeitos como som 3D e outros que valem a pena se forem usados com jogos ou filmes.
  10. 10. Este dispositivo é responsável pela leitura de CD’s de música e de dados. Existem outros dispositivos muito úteis que gravam músicas e dados em CD-ROM e em DVD-ROM. Os gravadores de DVD lêem CD’s e DVD’s além de gravá-los também.
  11. 11. A função da fonte é transformar a corrente alternada da tomada em corrente contínua (AC) já nas tensões corretas, usadas pelos componentes. Ela serve também como uma última linha de defesa contra picos de tensão e instabilidade na corrente, depois do nobreak ou estabilizador. Embora quase sempre relegada a último plano, a fonte é outro componente essencial num PC atual. Com a evolução das placas de vídeo e dos processadores, os PCs consomem cada vez mais energia. Uma fonte de má qualidade, obrigada a trabalhar além do suportado, pode literalmente explodir, danificando a placa-mãe, memórias, HDs e outros componentes sensíveis.
  12. 12. São os dispositivos responsáveis por dizer ao computador o que você quer que ele faça, com o teclado você pode digitar textos e outras coisas, o mouse facilita algumas coisas como abrir programas e outros. Existem teclados especiais, que vem com teclas de ações, por exemplo, um botão que ao ser pressionado abra o seu leitor de e-mails com um novo e-mail para você, botões que desligam o computador, etc. Existem dois tipos de Mouse, os Roll Over que tem uma bolinha embaixo e os ópticos que usam um laser vermelho para movimentar cursor (a setinha). Os Roll Over precisam de limpeza interna constante mas contam com uma vantagem, “quebrou dá pra consertar”, enquanto os ópticos não precisam de manutenção constante mas quando quebram o conserto pode custar o preço de um novo. Mouses e teclados geralmente são as partes mais baratas de um computador.
  13. 13. Muitas vezes vemos lojas como Casas Bahia e Ponto Frio fazendo promoção de computadores, mas as configurações são fixas, ou seja, se você quiser uma placa de vídeo mais potente ou um HD maior terá que comprá-lo a parte. Mas se você não se importa tanto com isso é só ver a configuração que mais lhe agrada e comprar. Uma alternativa são as lojas de informática especializadas, onde você pode fazer uma lista com os dispositivos que você deseja e eles montam pra você e a maioria não cobra pela montagem e configuração. Existem serviços de Comparação de Preço, como o Buscapé. Você pode comparar preços de computadores clicando aqui!

×