11b

241 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
241
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

11b

  1. 1. http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo04.pdfCOMPARAÇÃO DE TRÊS MÉTODOS DE OBTENÇÃO DE DADOS PARAAVALIAÇÃO QUALI-QUANTITATIVA DA ARBORIZAÇÃO VIÁRIA, EM BELOHORIZONTE-MG1...Este estudo teve como objetivo comparar três métodos de obtenção de dadospara se avaliar a qualidade da arborização de ruas ....A arborização urbana, para propiciar benefícios à população, exige umplanejamento criterioso e um manejo adequado. Para tal, faz-se necessárioconhecer o patrimônio arbóreo, o que facilita a manutenção de umaarborização de qualidade. .....A importância do inventário está no fato de que através dele pode-seconhecer o patrimônio arbóreo e identificar as necessidades de manejo. Umdos aspectos mais importantes do inventário é quando este é realizado deforma a fornecer uma contínua atualização das informações (TAKAHASHI,1994). ..---------------------------------------------------------------------------------------------------------http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo48.pdfANÁLISE DA ARBORIZAÇÃO URBANA EM BAIRROS DA CIDADE DEPOMBAL NO ESTADO DA PARAÍBA..O mesmo autor em um trabalho relata que os inventários para avaliação daarborização de ruas podem ser de caráter quantitativo,qualitativo ou quali-quantitativo.....Para se conhecer a arborização urbana, é necessária a sua avaliação, o quedepende da realização de inventário.....O inventário, dada a sua grande abrangência, pode funcionar como umpoderoso instrumento de esclarecimento e persuasão dosadministradores e usuários do local inventariado (MILLER, 1997)..... O bairro mais arborizado dentre os avaliados foi o Santo Antônio, que obteveaproximadamente 49% de todos os indivíduos amostrados...
  2. 2. http://ojs.c3sl.ufpr.br/ojs2/index.php/floresta/article/viewFile/24043/16076FLORESTAS URBANAS: MÉTODO DE AVALIAÇÃO PARA GESTÃODAS ÁREAS VERDES..Para esta proposta, foram levantados indicadores segundo critérios de representatividade na contribuiçãodas florestas urbanas à sociedade quanto aos aspectos estéticos, qualidade do ar, controle de enchentes etemperatura. Estes foram atestados em sua confiabilidade e representatividade e agrupados em doisconjuntos: macro e microambientais.....Segundo Jesus e Braga (2005), é essencial para a recuperação e potencialização de aspectos positivosque sejam consideradas as interações entre as formas urbanas e a natureza, e que elas sejam as maisharmoniosas possíveis. Sendo assim, é imprescindível que o planejamento e a gestão de florestas urbanaslevem em consideração as relações entre os aspectos e indicadores sociais e ambientais como conceitosassociados à quantidade, qualidade e distribuição, que, na maioria das vezes, são analisadosisoladamente....De forma consensual entre os pesquisadores de florestas urbanas, seus benefícios são indiscutíveis. Asárvores interceptam, absorvem, refletem, captando e transpirando água. Interferem também na velocidadee direção dos ventos, atuando de forma efetiva na melhoria do microclima urbano e promovendo umamelhoria na qualidade de vida urbana, assim como no conforto visual da população pela sua influênciapaisagística (TAKAHASHI, 1994).....Foram empregados no presente estudos dois termos principais - grupos temáticos e indicadores - ambosadotados a partir do conceito descrito por Tomasoni (2006)...CONCLUSÕES• Vários são os indicadores e parâmetros apresentados na literatura como ferramentas para analisar aqualidade das florestas urbanas. Todavia, as suas utilizações se fundamentam na escolha dos parâmetrosque são observados e na interpretação dos dados obtidos pela sua utilização, apoiando-se, na maioria dasvezes, na interpretação subjetiva de profissionais, quando utilizados para responder questionamentossobre a sustentabilidade dessas áreas. Cabe ressaltar que as interpretações da condição de sustentabilidadesão complexas e necessitam da leitura e da compreensão de um grande número de variáveis...• Cabe salientar a importância de uma metodologia que utilize valores de referência teóricos ou máximose mínimos, permitindo uma maior amplitude do poder de comparação, o que permite uma maior clarezana leitura por parte de gestores e pela própria sociedade, não tão habilitada no que tange à complexidadedas ciências que demarcam esse meio, conhecido como florestas urbanas...------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------http://www.cronosquality.com/artigos/art_sa02.pdfAPLICAÇÃO DE UM MÉTODO DE AVALIAÇÃO DE FLORESTASURBANAS: NA CIDADE DE CURITIBA..O método de avaliação usado nesse trabalho foi proposto por
  3. 3. Mazzarotto (2006) e tem como objetivo avaliar as áreas de florestas urbanas com o uso deumaferramenta conhecida como Barômetro da Sustentabilidade, que possibilita a leitura de umdiagnósticoque considera a interação e ponderação de um grupo de Indicadores quali-quantitativos dasFlorestasUrbanas segundo elementos como: arborização em ruas, praças e bosques......Conforme Badiru et al. (2005), a inexistência de um manejo planejado ecologicamente eintegrado ao ambiente urbano faz com que as FlorestasUrbanas se apresentem, em muitas situações, mal estruturadas e desordenadas, o quepromove a suadeterioração. Milano e Dalcin (2000) afirmam que a falta de planejamento é um dos fatoresmais limitantes paraa manutenção e o desenvolvimento dessas florestas.....O ponto mais importante no processo de planejamento global da arborização urbana de umacidade éenxergá-la no contexto holístico (PAIVA; GONÇALVES, 2002).....As ortofotos, fotos aéreas digitalizadas, possibilitaram a obtenção de dados como dimensões,perímetrose distâncias. As ortofotos foram fornecidas pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbanode Curitiba(IPPUC), e produzidas pela empresa FIDUCIAL, Engenharia e Aerolevantamento Ltda, em2002. Para otratamento das ortofotos foi utilizado o software ArcView GIS 3.2a...
  4. 4. ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo86-publicacao.pdfINVENTÁRIO E DIAGNÓSTICO DA ARBORIZAÇÃO URBANA VIÁRIA DERIO BRANCO,AC...A média por quarteirão foi de 1,83 árvores, e por quilômetro de calçada foi de4,57árvores. Concluiu-se que o número de árvores existentes nas calçadas foi muitopequeno,tendo-se como referência 100 árvores por quilômetro de calçada como ideal.....A partir de uma planta em CAD da malha urbana, definiu-se 10 áreas,correspondendo a 22 bairros, totalizando 639 quarteirões, sendo amostradosaleatoriamente65, conforme Figura 1, de onde foram coletados os dados pelos alunos dadisciplina deArborização Urbana e Paisagismo do curso de Engenharia Florestal daUFAC.......As calçadas pavimentadas representam para as árvores, o local maisestressante dosítio urbano, estando sujeitas às condições mais adversas...

×