O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
INVENTÁRIO ELETRÔNICO EM
BIBLIOTECAS VIRTUAIS
O caso da Biblioteca Virtual em Saúde
Prevenção e Controle de Câncer
Kátia S...
INTRODUÇÃO
Concepção das Bibliotecas Virtuais
Empreendedora, dinâmica, otimização de
recursos, formação de redes, disponib...
Avanços tecnológicos
Alinhamento entre disponibilização de acesso e
formatos; estreitamento entre a informação,
a arquitet...
• a secretaria executiva incrementou um
modelo de gestão com critérios para a
normalização e padronização das informações
...
METODOS
• Foi adotado ações gerenciais e técnicas que visem a
gestão, o desenvolvimento, a sustentabilidade, a
usabilidade...
CONSIDERAÇÕES FINAIS
• A reestruturação adotada veio apoiar o processo decisório de
migração de dados na mudança de ferram...
CONSIDERAÇÕES FINAIS
• Esse projeto contempla ações gerencias e técnicas que
buscam zelar pela propriedade das BVS e conso...
OBRIGADO
BVS@INCA.GOV.BR
Inventário eletrônico em bibliotecas virtuais: o caso da Biblioteca Virtual em Saúde, Prevenção e Controle de Câncer
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Inventário eletrônico em bibliotecas virtuais: o caso da Biblioteca Virtual em Saúde, Prevenção e Controle de Câncer

114 visualizações

Publicada em

Pôster apresentado no CRICS10, no eixo temático de Gestão da Informação

Publicada em: Saúde
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Inventário eletrônico em bibliotecas virtuais: o caso da Biblioteca Virtual em Saúde, Prevenção e Controle de Câncer

  1. 1. INVENTÁRIO ELETRÔNICO EM BIBLIOTECAS VIRTUAIS O caso da Biblioteca Virtual em Saúde Prevenção e Controle de Câncer Kátia Simões, Robson Dias, Jéssica Ramos, Andreia Santos
  2. 2. INTRODUÇÃO Concepção das Bibliotecas Virtuais Empreendedora, dinâmica, otimização de recursos, formação de redes, disponibilização rápida e ágil de documentos e trabalho cooperativo.
  3. 3. Avanços tecnológicos Alinhamento entre disponibilização de acesso e formatos; estreitamento entre a informação, a arquitetura informacional, os layouts, as formas de organização e o acesso informacional
  4. 4. • a secretaria executiva incrementou um modelo de gestão com critérios para a normalização e padronização das informações que serão inseridas, promovendo assim uma unificação de gestão das fontes das BVS. • ações que visam a seleção, preservação, manutenção das coleções, bem como, a redução dos riscos e das ameaças provocadas pela obsolescência digital.
  5. 5. METODOS • Foi adotado ações gerenciais e técnicas que visem a gestão, o desenvolvimento, a sustentabilidade, a usabilidade e a acessibilidade dos objetos digitais. • Atividades realizadas: a importância da padronização das entradas de autoria; a correção de links ‘quebrados”; a identificação de documentos duplicados e a exclusão de 5 sub-bases.
  6. 6. CONSIDERAÇÕES FINAIS • A reestruturação adotada veio apoiar o processo decisório de migração de dados na mudança de ferramenta de gestão. Anteriormente era utilizado o sistema LILDBI-WEB e, atualmente, foi desenvolvido pela BIREME/OPAS, o sistema FI- ADMIN (ferramenta de gestão permite a simplificação dos processos de cooperação entre os membros da rede e facilita a gestão das fontes de informação)
  7. 7. CONSIDERAÇÕES FINAIS • Esse projeto contempla ações gerencias e técnicas que buscam zelar pela propriedade das BVS e consolidam o legado de apoiar o processo migratório das informações proporcionado uma evolução qualitativa na gestão de redes.
  8. 8. OBRIGADO BVS@INCA.GOV.BR

×