A missão artística francesa

22.198 visualizações

Publicada em

1 comentário
9 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
22.198
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
46
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
565
Comentários
1
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A missão artística francesa

  1. 1. A MISSÃOARTÍSTICAFRANCESA Nomes: Jéssica Sousa n°09 Tereza Sayure Okano n°31
  2. 2. O Que Foi?• No início do século XIX, os exércitos de Napoleão Bonaparte invadiram Portugal, obrigando D.João VI (rei de Portugal), sua família e sua corte (nobres, artistas, empregados etc.) a virem para o Brasil.• Nesse período o Brasil recebe forte influência cultural europeia, intensificando ainda mais com a chegada de um grupo de artistas franceses (1816) encarregado da fundação da Academia de Belas- Artes (1826), na qual os alunos poderiam aprender as artes e os ofícios artísticos. Esse grupo ficou conhecido como Missão Artística Francesa.
  3. 3. CaracterísticasOs artistas da Missão Artística Francesapintavam, desenhavam, esculpiam econstruíam à moda europeia. Obedeciamao estilo neoclássico (novo clássico), ouseja, o estilo artístico que propunha a voltaaos padrões da arte clássica (greco-romana) da Antiguidade.
  4. 4. Principais Artistas• Nicolas-Antoine Taunay (1775-1830): Pintor francês de grande destaque na corte de Napoleão Bonaparte e considerado um dos mais importantes da Missão Francesa. Durante os cinco anos que residiu no Brasil, retratou várias imagens do Rio de Janeiro.
  5. 5. Entrada da baía e da cidade do Rio a partir do terraçodo convento de Santo Antônio.óleo sobre tela1816
  6. 6. Vista do Outeiro, Praia e Igrejada Glória1817óleo sobre tela
  7. 7. Largo da Carioca1816óleo sobre tela
  8. 8. Jean Baptiste Debret (1768 – 1848)Foi um pintor ,desenhista, gravador, professor,decorador, cenógrafo francês. Trabalhou nacorte de Napoleão e após sua queda e amorte de seu único filho, Debret decideintegrar a Missão Artística Francesa. Se insta-laem 1817 no RJ e começa a dar aulas em seuateliê, onde em de 1826 a 1831da aulas depintura histórica na Academia Imperial deBelas Artes – Aiba. Voltou a França em 1831
  9. 9. Jovens Negras Indo à Igreja para SeremBatizadas1821aquarela sobre papel
  10. 10. Uma Senhora Brasileira emseu Lar1823litografia aquarelada à mão
  11. 11. Palácio do Governo em SãoPaulo , 1827aquarela sobre papel
  12. 12. Grandjean de Montigny (1776 - 1850) Foi um Arquiteto, urbanista francês. Trabalhou para oirmão de Napoleão e após sua derrota, veio ao brasil. Em agosto de 1816, é nomeado professor de arquitetura da Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios, designada em 1826 Academia Imperial de Belas Artes - Aiba, onde permanece até sua morte.
  13. 13. -Projeto da Academia Real de Belas-Artes, de um edifício para os Correios e uma casapara lapidação de diamantes (planta baixa e fachada principal)-Traço e aguada de nanquim
  14. 14. -Composição Arquitetônica-Bico-de-pena e aquarela sobrepapel colado em cartolina -Projeto da Praça do Comércio (planta baixa, corte e fachada) -Traço e aguada de nanquim
  15. 15. Outros artistas importantes • Auguste Marie Taunay (1768 - 1824). Foi umEscultor e professor francês da Academia Imperial de Belas Artes – Aiba ( Nomeado professor dacadeira de escultura, mas não exerceu o cargo). Veio com o irmão Nicolas Taunay em 1816 integrar a Missão Artística Francesa. • Henrique José da Silva (1772 - 1834). Foi umDesenhista, pintor, ilustrador e professor Português.Assume em 1820 a direção da Aiba após a morte Lebreton. •
  16. 16. • Félix Taunay(1795 - 1881). Foi um Pintor, professor, escritor, poeta e tradutor Francês. Filho do pintor Nicolas Taunay, sucede ao pai na cadeira de pintura de paisagem no Aiba, onde em 1851acaba se aposentando.• Manuel de Araújo Porto-Alegre (1806 - 1879). Foi um Pintor, caricaturista, arquiteto, crítico e historiador de arte, professor e escritor Brasileiro. Foi aluno de Debret no Aiba e foi a França junto a este. • Joachim Lebreton (1760 -1819). Foi um professor, administrador e legislador Francês. Chegou ao Rio de Janeiro no ano de 1816, com o objetivo de chefiar a Missão Artística Francesa, mas morreu pouco tempo depois de chegar.
  17. 17. Marc Ferrez (1788 - 1850). Medalha Comemorativa da AclamaçãoEscultor, gravador e professor de D. João VI em 1818 , 1820Francês. bronze Zepherin Ferrez (1797 - 1851).Busto de Martim Francisco Medalhista, escultor, gravadorbronze e professor Francês.
  18. 18. Objetivo Academia Imperial de Belas Artes - AibaInstituição criada em 1795, com o objetivo de promover o aperfeiçoamento das artes e da ciência segundo princípios de pluridisciplinaridade. Origina-se doe agrupamento como Académie française. Missão Artística Francesa A importância da Missão Artística Francesa como fundadora do ensino formal de artes no Brasil.

×