Apresentação gralgreen dj2016[1]

25 visualizações

Publicada em

Apresentação Geral Green Technologies - Processos e Produtos

Publicada em: Alimentos
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
25
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação gralgreen dj2016[1]

  1. 1. Interação=Resultados Incamp/Inova FAPESP Indústria MídiaStratplan SEBRAE FINEP/CNPq
  2. 2. ETAPA I PESQUISA & DESENVOLVIMENTO “ Soluções inovadoras são o resultado da interseção entre o conhecimento, a experiência e a criatividade” Franz Salces
  3. 3. PROJETOS Produto 1: • Tecnologia para produção de alimentos funcionais prontos e semi-prontos de alto valor agregado   Feijão Integral Instantâneo;   Soja Integral Instantânea;   Arroz Integral Instantâneo;   Saladas Integrais Instantâneas. • Estagio: Transferencia de Tecnologia – processo SDTT implementado.
  4. 4. PROJETOS Produto 2: Tecnologia para produção de alimentos funcionais de baixo conteúdo calórico prontos para consumo, à base de Soja Integral Instantânea.   Iogurtes;   Patês;   Sopas;   Bebidas. • Esta linha de produtos se destina a um mercado de maior poder aquisitivo, sendo adequado para dietas especiais, como reeducação alimentar, dietas com restrição a proteínas de origem animal e alimentação convencional.
  5. 5. PROJETOS Produto 3: Tecnologia para produção de alimentos funcionais de conveniência (prontos) de alto valor nutricional e sensorial   Snacks nutritivos ;   SnakSoy-Sabores ;   SnackSoy Plus ;   Isso-Soy. Estagio: Transferencia de Tecnologia – processos implementados.
  6. 6. PROJETOS Produto 4: Software para avaliação nutricional e otimização de processos, produtos e formulações. - Avaliação física, nutricional e re-educação alimentar; - Formulação de novos produtos a partir de alimentos minimamente processados e industrializados; - Controle de qualidade de alimentos; - Ensino e Informação geral; - Pesquisa & Desenvolvimento, etc.
  7. 7. Produto 6: Serviços de treinamento, assistência técnica e consultoria em projetos de P&D em tecnologia de alimentos convencionais e não convencionais. • TECNOLOGIA DE PRODUTOS DE ORÍGEM VEGETAL E ANIMAL • 1- VEGETAIS HIGIENIZADOS • 2 - VEGETAIS PRÉ-COZIDOS • 3- GRAOS PRÉ-COZIDOS • 4- CARNES E DERIVADOS – PRÉ-COZIDOS (Testes experimentais: Produção de amostras experimentais).
  8. 8. Sistema Dinâmico de Tratamento Têrmico a Alta Pressão – SDTT Green Technologies/INCAMP/INOVA/UNICAMP Campinas-SP
  9. 9. Desenvolvimento do Sistema Estático de Tratamento Térmico a Alta Pressão - SETT Objetivo: Desenvolver alimentos de conveniência com características sensoriais, nutricionais e funcionais que façam parte do cardápio diário da população brasileira. • Candidato número 1: Feijão • Justificativas: Brasil é um dos maiores produtores e consumidores mundiais.
  10. 10. GRAOS PRÉ-COZIDOS CONGELADOS Feijão e Soja Integrais Instantâneos
  11. 11. PROCESSAMENTO ESTÁTICO: Até 2.000 Kg/dia - Determinação das condições críticas do processo; - Ajuste das condições operacionais do processo em escala industrial. PROCESSAMENTO DINÂMICO: 5.000 a 10.000kg/dia -Testes preliminares de processamento- Determinação das variáveis operacionais em escala piloto.
  12. 12. Feijão Integral Instantâneo
  13. 13. OTIMIZAÇÃO DO SDTT: ”Feijão Integral Intantâneo“ Fig. b. Curvas de Nível do IAAbs- Índice de Absorção de Água em função da pressão [X] e do tempo {y}; Vesp=54. z=284,53661358325+12,96318011257*x-2,5351070979811*x^2+6,4786585365854*y +4,0195981174384*y^2+6,*x*y-2,*1,*x-,75*1,*y+3,00276628 > 340 < 340 < 320 < 300 < 280 < 260
  14. 14. OTIMIZAÇÃO DO SDTT: ”Feijão Integral Intantâneo“ Fig. 5. Superfície de Resposta: Textura [Z] em função da Pressão [X] e do tempo [t]; Vesp=60%. > 9000 < 9000 < 8000 < 7000 < 6000 < 5000
  15. 15. OTIMIZAÇÃO DO SDTT: ”Feijão Integral Intantâneo“ Fig. b Superfície de Resposta: Teor de Lisina (Lys) em função da pressào [P] e do tempo [t];Vesp=54%. z=1,810374559984+,06733700750469*x-,10250644818328*x^2+,071265243902439*y -,068847151131121*y^2+,06125*x*y+,00125*1,*x-,02375*1,*y > 1,8 < 1,8 < 1,6 < 1,4 < 1,2 < 1
  16. 16. OTIMIZAÇÃO DO SDTT: ”Feijão Integral Intantâneo“ Fig. 9 Tex; Fig. 10 IAA; Fig. 11 ISA;Fig.12 LYS > 1,8 < 1,8 < 1,6 < 1,4 < 1,2 < 1 -2,0 -1,5 -1,0 -0,5 0,0 0,5 1,0 1,5 2,0 X [P] -2,0 -1,5 -1,0 -0,5 0,0 0,5 1,0 1,5 2,0 Y[P] Fig.9 TEXTURA / Fig.10 IAA / Fig.11 ISA / Fig.12 LISINA 9000 8000 7000 6000 5000 -2,0 -1,5 -1,0 -0,5 0,0 0,5 1,0 1,5 2,0 X [P] -2,0 -1,5 -1,0 -0,5 0,0 0,5 1,0 1,5 2,0 Y[t]
  17. 17. TESTE GRÃOS: Feijão Preto
  18. 18. TESTE GRÃOS: Feijão Carioca
  19. 19. TESTE GRÃOS: Feijão Branco
  20. 20. TESTE GRÃOS: Grão de Bico
  21. 21. TESTE GRÃOS: Lentilha
  22. 22. OBRIGADO! www.greentechnologies.com.br franzfea@hotmail.com.br; franz.salces@gmail.com.br

×