Simulado mpu conhecimentos básicos

2.332 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.332
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
166
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Simulado mpu conhecimentos básicos

  1. 1. F a c e b o o k . c o m / D e s v e n d a n d o O C E S P EMPU2013Simulado MPU-Conhecimentos BásicosTécnico e AnalistaGrupo Desvendando
  2. 2. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPECONHECIMENTOSBÁSICOS-MÉDIO E SUP.Em todas essas facetas de suafilosofia, razoavelmente distintas, massempre solidárias, Platão desenvolveuma análise da natureza humana queafirma forte distinção entre a alma,como sede da identidade, dopensamento e da deliberação, e ocorpo, como seu invólucro,frequentemente a pôr-se comoobstáculo ao pleno exercício de suascapacidades.Essa distinção ganha seusfundamentos metafísicos na célebredoutrina das Formas. Segundo adoutrina, desenvolvida nos diálogosmencionados e em alguns outros,existem realidades invisíveis einacessíveis aos sentidos, apreensíveisapenas pelo pensamento. Ora, opensamento é atividade da alma, eesta, para poder conhecer plenamentetais realidades, deve alcançar umestado de completa independência daslimitações impostas pelas sensações,as quais estão intimamenterelacionadas a desejos e paixõesresultantes de necessidades corporais,como fome, sede e sexo.Por isso, a alma só alcançaesse pleno conhecimento da supremarealidade suprassensível, quando estálivre das amarras corporais – depois damorte, que, a bem dizer, consistenessa libertação. Estamos, portanto,perante a tese de que a alma sobreviveà morte, que é, afinal, apenas acorrupção e desaparecimento do corpo.Com a morte, a alma conhece asFormas e nelas se reconhece, emalguma medida, porque a alma temafinidade e parentesco com elas, e porisso pode conhecê-las. O corpo, aocontrário, é como os outros seressensíveis, que estão em constantemudança e passam por processos degeração e corrupção. As Formas, porsua vez, são sempre idênticas,imutáveis e eternas. A alma aspira aomesmo estado de identidade eimutabilidade, sendo também, comoelas, imortal.1. A ideia dual entre a equidadeconceitual das formas e a manutençãoda alma para além de um contextometafísico atesta a inexistência de umacaracterística comum entre elas.2. O pronome elas, em “sendo também,como elas, imortal” faz referência aostermos identidade e imutabilidade.3. O pronome relativo que, em “queafirma forte distinção entre a alma”atribui uma explicação à naturezahumana.4. Seriam alteradas as relações entreas ideias do texto, mas seriapreservada a sua correção gramatical,caso a vírgula após ora, em “Ora, opensamento é atividade da alma”,fosse suprimida.5. Depreende-se do texto que oalcance de uma realidadesuprassensível pela alma estácondicionado ao estado do corpo.6. O uso da partícula se em“frequentemente a pôr-se como [...]”indetermina o sujeito da ação verbal.7. A substituição do termo as quais porque, em “as quais estão intimamenterelacionadas [...]”, manteria a coerênciae a correção gramatical do texto.
  3. 3. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPECom base no texto, julgue os itens.Porém, o que vejo sãomultidões consumindo, estimuladas aconsumir como se isso constituísse umbem em si e promovesse realcrescimento do país. Compramos comos juros mais altos do mundo, pagamosos impostos mais altos do mundo etemos os serviços (saúde,comunicação, energia, transportes eoutros) entre os piores do mundo. Maspalavras de ordem nos impelem acomprar, autoridades nos pedem paraconsumir, somos convocados a adquiriro supérfluo, até o danoso, como botarmais carros em nossas ruasatravancadas ou em nossas péssimasestradas.Além disso, a inadimplênciacresce de maneira preocupante,deixando pessoas entregues a umaincerteza financeira, levando famíliasque compraram seu carrinho a não tercomo pagar a gasolina para tirar seunovo tesouro do pátio no fim desemana. Tesouro esse que logo vãoperder, pois há meses não conseguempagar as prestações, que ainda seestendem por anos.Estamos enforcados em dívidasimpagáveis, o que é absolutamentenegativo às contas do Estado, mas nosconvidam a gastar ainda mais, demaneira impiedosa, até cruel. Em lugarde instruírem, esclarecerem, formaremuma opinião sensata e positiva, tomamnovas medidas para que esse consumoinsensato continue crescendo – e,como somos alienados e poucoinformados, tocamos a comprar.Lya Luft, em Veja.com (adaptado)8. Os termos constituísse (l.3) e país(l.5) são acentuados pelo mesmomotivo.9. O uso de crase em “deixandopessoas entregues a uma incertezafinanceira” não afetaria a correçãogramatical do texto, uma vez que seuuso, em tal ocasião, é facultativo.10. O pronome relativo que, em “o queé absolutamente negativo às contas doEstado” refere-se à oração anterior“Estamos enforcados em dívidasimpagáveis”.11. A manutenção do sentido do textoseria preservada caso substituíssemoso termo como, em “como somosalienados e pouco informados”, porporquanto.12. A flexão do verbo ir no plural, em“que logo vão perder”, é necessáriopara manter a concordância com otermo pessoas (l.3 do segundoparágrafo).13. Segundo o texto, os mesmosresponsáveis pelos elevados impostostambém convocam multidões a adquiriro supérfluo.14. O termo porém, que inicia o texto,introduz uma ideia contrária a outraposteriormente expressa.15. Infere-se do texto que os altosimpostos não configuram motivo para aredução do consumismo pelasociedade.16. Os verbos instruírem,esclarecerem, formarem, expressosno último parágrafo, apresentam omesmo sujeito expresso.
  4. 4. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPEO Tribunal de Justiça de SãoPaulo (TJ-SP) aprovou a adoção nospresídios do estado da remissão depena por leitura. O presídio que adotaro sistema poderá diminuir quatro diasde pena do detento para cada trintadias de leitura. Com a decisão do TJ-SP, o preso poderá ter um desconto deaté 48 dias da sua pena total a cadaano.A iniciativa já existe em estadoscomo Goiás, Paraná e Santa Catarina,mas, para Santos Júnior, o início daatividade em São Paulo terá umimpacto ainda maior, pois o estadoconcentra a maior população carceráriado país. “Se a medida for efetiva eeficaz, e ela vai ser, nós vamos ter umdescongestionamento de presidiáriosque vai repercutir no sistemapenitenciário nacional.” A medida tentea se espalhar, pois são vários osestados que haviam manifestadointeresse.Para calcular a remissão, umacomissão de funcionários fará aavaliação de uma resenha entreguemensalmente pelo presidiário. Aanálise levará em conta a estética, alimitação ao tema, dignidade e a moraldo texto. As redações passam pelo juiz,que concede ou não a remissão para opresidiário. A ação prevê ainda queescritores participem de uma oficinapara indicar leituras.Entre os autores a seremaprofundados pelos presos estãoMachado de Assis, Graciliano Ramos eoutros contemporâneos como MarceloAquino. Até agora, nenhumapenitenciária aderiu à proposta.Veja.com (adaptado)17. Embora nenhum presídio no estadode São Paulo tenha aderido à proposta,outros, a nível nacional, já o tinhamfeito.18. O trecho “Machado de Assis,Graciliano Ramos e outroscontemporâneos como MarceloAquino” exerce a função de apostoexplicativo.19. Infere-se do texto que plágio a umaresenha feita por outro penitenciárioinviabilizaria o benefício da redução depena atrelada à produção emespecífico.20. O texto visa informar o leitor acercade uma nova política carcerária quetem como principal objetivo“descongestionar” as cadeias doestado de São Paulo.21. Iniciativa e sistema (l.5) referem-se à política de remissão de pena porleitura.22. O termo haviam, em “pois sãovários os estados que haviammanifestado interesse”, é verbo auxiliarda locução verbal e está corretamenteflexionado no plural para concordarcom seu sujeito, o termo estados.23. A expressão “para Santos Júnior”(l.3 do segundo parágrafo) exerce afunção sintática de vocativo.24. A oração “a serem aprofundadospelos presos” (l.1-2 do últimoparágrafo) é classificada como adjetiva.25. O trecho “uma comissão defuncionários fará a avaliação” pode serescrita da seguinte forma: “umacomissão de funcionários farão aavaliação.
  5. 5. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPEConsiderando a redação decorrespondências oficiais, julgue ospróximos itens:26. A impessoalidade característica deuma redação oficial deve ser percebidano tratamento dado ao destinatário, oqual deve ser homogêneo e impessoal,seja ele cidadão ou órgão público.27. É imprescindível, para qualquerdestinatário, o emprego dos termostécnicos próprios da área de que setrata.28. É fundamental que um texto oficialevite a prolixidade, por isso, não seaconselha uma produção muito longaou difusa.29. O nível da linguagem utilizado ematos oficiais apresenta aobrigatoriedade de que seja inteligívelao grande público.30. São desfechos obrigatórios eúnicos a correspondências oficiais“respeitosamente” e “atenciosamente”,a depender da hierarquia entreremetente e destinatário.31. O seguinte trecho respeita quesitosde clareza, objetividade e uso padrãoda língua portuguesa:Tratam-se de irregularidades referentesà execução do convênio 344-22/07,para construção de um parque nacidade XWYY, que são constantementedenunciadas pelos veículos midiáticos.32. O fecho das comunicações oficiaispossui, além da finalidade óbvia dearrematar o texto, saudar odestinatário, procedimento que deveseguir um modelo devidamenteregulado e padronizado.33. O seguinte formato final dedocumento está correto parapareceres, relatórios e laudos.Brasília, fevereiro de 2013,Com protestos de muita consideração,Machado de Assis.Acerca das noções em Informática,julgue os itens:34. Dentre os navegadores GoogleChrome, Internet Explorer e MozillaFirefox apenas o último é compatívelcom sistema operacional Linux.35. O Linux, por ser um sistemaoperacional multitarefa pode serinstalado em servidores ou emcomputadores pessoais.36. A compactação minimiza otamanho de um arquivo e facilita suatransmissão via Internet.Acerca da imagem abaixo e dosconhecimentos em Informática, julgueos itens:
  6. 6. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPE37. Certo funcionário do MPU abriu umarquivo de nome ofício.doc por enganoe começou a editá-lo. Após percebido oengano, ele pode se valer daferramenta Desfazer, localizada nocanto superior direito da tela, paracorrigir o equívoco.38. O atalho Ctrl + X retira o texto deuma área para ser colocada em outraque pertença ou não à área detrabalho.39. O firewall protege apenas aintegridade dos dados, mas não suaconfidência.Sobre a legislação aplicada ao MPU eao CNMP:40. O Ministério Público da Uniãocompreende exclusivamente oMinistério Público Federal, o MinistérioPúblico do Trabalho e o MinistérioPúblico Militar.41. O Ministério Público elaborará suaproposta orçamentária dentro doslimites estabelecidos na lei de diretrizesorçamentárias.42. Durante a execução orçamentáriado exercício, não poderá haver, emnenhuma hipótese, a realização dedespesas ou a assunção de obrigaçõesque extrapolem os limitesestabelecidos na lei de diretrizesorçamentárias.43. O MPU é instituição permanente,essencial ao exercício pleno de todasas funções do Estado Democrático deDireito.44. O Ministério Público tem por funçãoinstitucional defender judicialmente osdireitos e interesses das populaçõesindígenas.45. As funções do Ministério Público sópodem ser exercidas por integrantes dacarreira, que poderão residir emqualquer comarca apenas medianteautorização do chefe da instituição.46. Compete ao Conselho Nacional doMinistério Público o controle daatuação administrativa e financeira doMinistério Público e do cumprimentodos deveres funcionais de seusmembros47. Todos os ramos do MinistérioPúblico gozam da autonomia funcional,administrativa e financeira, inclusive oMinistério Público junto aos Tribunaisde Contas.48. Pelo princípio da IndependênciaFuncional, os membros do MP gozamde independência no exercício dafunções.49. O Ministério Público da União éinstituição permanente, essencial àfunção jurisdicional do Estado,incumbindo-lhe a defesa da ordemjurídica, do regime democrático, dosinteresses sociais e dos interessesindividuais indisponíveis.50. O membro do Ministério Públicoserá civil e criminalmente responsávelpelo uso indevido das informações edocumentos que requisitar, enquanto aação penal, na hipótese, somentepoderá ser proposta pelo ofendido,subsidiariamente, na forma da leiprocessual penal.CONHECIMENTOS BÁSICOS -CARGO TÉCNICO - ITENSEXTRAS.
  7. 7. Simulado MPU- CONHECIMENTOS BÁSICOSEquipe Desvendando o CESPE facebook.com/DesvendandoOCESPE1. Um servidor público, ao ter seunome vinculado a qualquer atividadeempresarial suspeita, pode incorrer emfalta ética.2. Incentivar a observância e o respeitoao Código de Ética do Serviço Públicoé um dever de todo funcionário público.3. Fábio, ao vender bijuterias feitas porsua esposa em seu local de trabalho,desde que fora de seu horário deexpediente, não desrespeita o Códigode Ética do Serviço Público.Sobre a Lógica e Conjuntos:De um total de 100 consumidores,onde cada um comprou pelo menos umproduto, 50 compraram o produto A e70 o produto B.4. Trinta consumidores compraramambos os produtos.5. Setenta consumidores compraramapenas o produto B.

×