Acessibilidade na WEB parte 02

334 visualizações

Publicada em

As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
334
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Acessibilidade na WEB parte 02

  1. 1. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Cínthia C. Kulpa e Eluza T. Pinheiro CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA GESTORES PÚBLICOS: Políticas de Acessibilidade e Direitos Humanos.
  2. 2. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Quantas vezes você já acessou algum site pela 1ª vez e não era clara a forma de utilizá-lo?
  3. 3. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site da Universidade Federal de Pernambuco.
  4. 4. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface Computacional do Usuário Parte visível de um sistema onde o usuário se comunica e realiza tarefas. Vários elementos são percebidos pelo usuário! (Carvalho e Daltrini, 1994)
  5. 5. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Cor, Imagem, Brilho...
  6. 6. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Contraste, Forma... Interface do site Ubisoft.
  7. 7. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Quantas vezes você entrou em sites onde as informações geram dúvidas ou insegurança na realização das tarefas?
  8. 8. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Banco do Brasil.
  9. 9. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interfaces Bem Projetadas Sentimentos positivos de sucesso, competência e clareza para o usuário. (Carvalho e Daltrini, 1994)
  10. 10. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Banrisul.
  11. 11. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Quanto tempo se perde tentando compreender como funciona determinado site?
  12. 12. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Google.
  13. 13. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Deezer.
  14. 14. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Usabilidade Atributo de qualidade relacionado à facilidade do uso da interface. (Nielsen e Loranger, 2007)
  15. 15. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do Nielsen Norman Group.
  16. 16. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão O quanto as cores contribuem na usabilidade de uma interface web?
  17. 17. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Cor Chamar a atenção do usuário Direcionar a leitura Indicar aspectos da interface Criar planos de fundo Facilitar a memorização (Carneiro, 2003)
  18. 18. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do Nielsen Norman Group.
  19. 19. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do Software Cinema 4D.
  20. 20. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site atlantis.com
  21. 21. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Ubisoft.
  22. 22. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão
  23. 23. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Quem é o Deficiente de Baixa Visão?
  24. 24. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Baixa Visão Perda severa da visão, não é corrigida por tratamento clínico ou cirúrgico, nem por óculos convencionais. Visão entre 20/40 e 20/200, após correção. (Carvalho, 1994)
  25. 25. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão - 24% da população possui algum tipo de deficiência, ou seja, 45 milhões de brasileiros. - 35 milhões de pessoas: deficientes de Baixa Visão. Perspectiva de realizar a inclusão social/digital destas pessoas passa a ser um desafio. (IBGE Brasil, 2010)
  26. 26. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão
  27. 27. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Posição intermediária entre as pessoas que enxergam normalmente e as pessoas deficientes visuais totais. Condição marginal = Dificuldades de ajuste à sociedade. Excluídos num nível maior que pessoas cegas e pessoas de visão normal. (Paschoal, 1993)
  28. 28. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Resíduo Visual não utilizado: Possui visão útil. Diminui progressivamente a visão funcional. Poderiam Navegar na Web: Interfaces Ajustadas. Sem os Programas de Voz ou Ampliadores de Telas. (Amiralian, 2004)
  29. 29. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Como saber se uma Interface está adequada ao usuário de Baixa Visão?
  30. 30. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Site Banco do Brasil
  31. 31. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Site Jornal Zero Hora
  32. 32. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Site Google
  33. 33. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface Protótipo para Teste com Usuário de Baixa Visão.
  34. 34. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Contrastes eficientes para Usuário de Baixa Visão.
  35. 35. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Contrastes eficientes para Usuário de Baixa Visão.
  36. 36. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Site prevendo usabilidade, interface principal: links para acessibilidade. Interface do site Instituto Federal do Rio Grande do Sul
  37. 37. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface com contraste, ampliação prevista na página e nas letras dos textos em geral. Interface do site Instituto Federal do Rio Grande do Sul
  38. 38. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface com contraste, ampliação prevista na página e nas letras dos textos em geral. Interface do site Instituto Federal do Rio Grande do Sul
  39. 39. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site blackmountainbicycle.com Apresentação da interface sem usabilidade.
  40. 40. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site blackmountainbicycle.com Apresentação da interface visando usabilidade.
  41. 41. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Design Unisinos. Textos imperceptíveis e contrastes inadequados.
  42. 42. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Scuola Politecnica di Design Textos imperceptíveis e contrastes inadequados.
  43. 43. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Submarino. Cores de alto contraste.
  44. 44. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Sitedaw. Menus contrastantes, sem Flash, etc.
  45. 45. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Apple. Evitar imagens em Flash.
  46. 46. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Unibanco.. Menus com formas simplificadas.
  47. 47. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão Interface do site Planeta Educação. Interfaces limpas e bem organizadas.
  48. 48. As Interfaces Tecnológicas com Design Acessível para a Baixa Visão OBRIGADA! cinthia.kulpa@gmail.com eluzapinheiro@gmail.com

×