A geração dos
Anos DouradosA geraçãoA geração
dosdos
AnosAnos
DouradosDourados
J.R. Palladino
Numa madrugada de saudosismo...
Eu pertenço
a uma
geração
que deixou
saudade.
Que viveu a
vida com
respeito, com
charme, com
romantismo.
E com
intensidade.
Que navegou em mar de almirante
no que hoje chamam de anos dourados.
E olha que o mar nem era tão de almirante
assim. Tive...
Mas soubemos enfrentá-las e vencê-las.
Sempre com o peito aberto e a cabeça
erguida e com dignidade.
Soubemos degustar o suco da vida, sem
destroçar o fruto.
Usufruir a natureza, sem estuprá-la.
É , meu amigo,
eu pertenço a
uma geração que
deixou e sente
saudade.
Uma geração que
não teve medo de
ser feliz.
E nem ver...
Uma geração que via Copacabana como a
‘‘Princesinha do Mar.’’
Que conhecia
São Paulo
como a
elegante e
charmosa
terra da garoa
E para nós, o Brasil era o grande país do
futuro.
Hoje, a princesinha casou,teve filhos.
E mudou sem deixar endereço.
Dizem até que, hoje, já nem vai mais à praia.
São Paulo
cresceu,engordou.
Perdeu o charme
e a garoa.
Quem viu nem
reconhece.
Já o Brasil,
ah o Brasil!
Continua sendo o
país do futuro.
Mas do jeito que
a coisa anda,
só não sabemos
que futuro
será
Eu pertenço a
uma geração que
viu o biquíni
nascer.
E não viu nada
além.
Agora, mulher de biquíni
é como mina abandonada.
Quando se chega,
já não resta nada pra explorar.
Eu pertenço a uma geração que viu
Mitchun, Waynne e Cooper transformarem
em romantismo os horrores de uma guerra.
Hoje,
se você
descuida
a guerra
sai da TV
e cai em sua
sala.
Suja,
violenta,
cruel.
E por falar em
TV, também foi
na minha geração
que ela
nasceu.Primária,
incipiente,
amadorística.
Mas limpa,
emocionante,
...
Agora beijo
é no horário
infantil.
Sexo fica prá
sessão
vespertina.
E o explícito nas
novelas da noite.
E pensar que a
gen...
Ah, eu pertenço a uma geração que namorava na
matinée dos domingos, comendo pipocas, chupando
drops.Que esperava o filme c...
Hoje a chupação começa bem antes.
E o escracho dos motéis acabou com o doce
mistério do escurinho do cinema.
Só Rita Lee l...
É seu
moço, eu
pertenço
a uma
geração
que
encarava
a
virgindade
como
virtude.
Não como
vergonha.
Que usava
camisinha
como
...
Eu pertenço a uma geração que estudava prá
ficar culta e vencer na vida.
Não prá ficar esperta e ganhar a vida.
Uma geração que desprezava agiotas. E olha
que cobravam só 5% ao mês.
Agora tem banqueiro que cobra 15% e continua
em libe...
Sabe,meu amigo, eu pertenço a uma geração
que tinha respeito pela autoridade. Não medo.
Que manifestava amor pela Pátria.
...
Uma geração que valorizava a amizade.
Não o interesse.
Sem deixar de ter
carinho pelos velhos
bondes.
Uma geração que
amava, não tinha só
tesão. Que
respeitava, mesmo
quando hav...
Que fazia coisas bobas, como abrir a porta para
uma mulher. Puxar a cadeira prá ela sentar.
Que oferecia seu lugar no ônib...
É meu caro, minha geração vai deixar saudade.
Ela viveu anos dourados de verdade.
E intensamente. Com pique, com tesão, co...
E dizer que
a gente era feliz...
e nem sabia!
• Texto : José Roberto Palladino
Texto : José Roberto PalladinoTexto : José Roberto Palladino
Formatação : Nathalia Nichel...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A gerao anos dourados (1)

1.073 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

A gerao anos dourados (1)

  1. 1. A geração dos Anos DouradosA geraçãoA geração dosdos AnosAnos DouradosDourados J.R. Palladino Numa madrugada de saudosismo explicito... J.R. Palladino Numa madrugada de saudosismo Clicar para sequenciar slides e texto
  2. 2. Eu pertenço a uma geração que deixou saudade. Que viveu a vida com respeito, com charme, com romantismo. E com intensidade.
  3. 3. Que navegou em mar de almirante no que hoje chamam de anos dourados. E olha que o mar nem era tão de almirante assim. Tivemos lá nossas tormentas,
  4. 4. Mas soubemos enfrentá-las e vencê-las. Sempre com o peito aberto e a cabeça erguida e com dignidade.
  5. 5. Soubemos degustar o suco da vida, sem destroçar o fruto. Usufruir a natureza, sem estuprá-la.
  6. 6. É , meu amigo, eu pertenço a uma geração que deixou e sente saudade. Uma geração que não teve medo de ser feliz. E nem vergonha.
  7. 7. Uma geração que via Copacabana como a ‘‘Princesinha do Mar.’’
  8. 8. Que conhecia São Paulo como a elegante e charmosa terra da garoa
  9. 9. E para nós, o Brasil era o grande país do futuro.
  10. 10. Hoje, a princesinha casou,teve filhos. E mudou sem deixar endereço. Dizem até que, hoje, já nem vai mais à praia.
  11. 11. São Paulo cresceu,engordou. Perdeu o charme e a garoa. Quem viu nem reconhece.
  12. 12. Já o Brasil, ah o Brasil! Continua sendo o país do futuro. Mas do jeito que a coisa anda, só não sabemos que futuro será
  13. 13. Eu pertenço a uma geração que viu o biquíni nascer. E não viu nada além.
  14. 14. Agora, mulher de biquíni é como mina abandonada. Quando se chega, já não resta nada pra explorar.
  15. 15. Eu pertenço a uma geração que viu Mitchun, Waynne e Cooper transformarem em romantismo os horrores de uma guerra.
  16. 16. Hoje, se você descuida a guerra sai da TV e cai em sua sala. Suja, violenta, cruel.
  17. 17. E por falar em TV, também foi na minha geração que ela nasceu.Primária, incipiente, amadorística. Mas limpa, emocionante, querendo vencer. E sem apelações. Tanto que o primeiro beijo na TV até hoje é cantado em prosa e verso.
  18. 18. Agora beijo é no horário infantil. Sexo fica prá sessão vespertina. E o explícito nas novelas da noite. E pensar que a gente se emocionava muito mais com Chaplin, que sequer falava.
  19. 19. Ah, eu pertenço a uma geração que namorava na matinée dos domingos, comendo pipocas, chupando drops.Que esperava o filme começar prá buscar a emoção de um beijo roubado.
  20. 20. Hoje a chupação começa bem antes. E o escracho dos motéis acabou com o doce mistério do escurinho do cinema. Só Rita Lee lembra disso.
  21. 21. É seu moço, eu pertenço a uma geração que encarava a virgindade como virtude. Não como vergonha. Que usava camisinha como preservativo, não como meio de sobrevivência.
  22. 22. Eu pertenço a uma geração que estudava prá ficar culta e vencer na vida. Não prá ficar esperta e ganhar a vida.
  23. 23. Uma geração que desprezava agiotas. E olha que cobravam só 5% ao mês. Agora tem banqueiro que cobra 15% e continua em liberdade. Até sai em coluna social.
  24. 24. Sabe,meu amigo, eu pertenço a uma geração que tinha respeito pela autoridade. Não medo. Que manifestava amor pela Pátria. Não deboche.
  25. 25. Uma geração que valorizava a amizade. Não o interesse.
  26. 26. Sem deixar de ter carinho pelos velhos bondes. Uma geração que amava, não tinha só tesão. Que respeitava, mesmo quando havia cobiça. Que se fascinou com os novos aviões.
  27. 27. Que fazia coisas bobas, como abrir a porta para uma mulher. Puxar a cadeira prá ela sentar. Que oferecia seu lugar no ônibus para uma senhora. Mesmo que nem fosse tão senhora.
  28. 28. É meu caro, minha geração vai deixar saudade. Ela viveu anos dourados de verdade. E intensamente. Com pique, com tesão, com alegria.
  29. 29. E dizer que a gente era feliz... e nem sabia!
  30. 30. • Texto : José Roberto Palladino Texto : José Roberto PalladinoTexto : José Roberto Palladino Formatação : Nathalia Nichel PalladinoFormatação : Nathalia Nichel Palladino Música: Imagine - John LennonMúsica: Imagine - John Lennon

×