Oceanos e mares

10.318 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.318
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
88
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
255
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oceanos e mares

  1. 1. Oceanos e Mares Ameaçados Geografia – 9º ano Ano Lectivo 2010/2011 E.B. 2,3 de S. Torcato
  2. 2. Índice <ul><li>Introdução </li></ul><ul><li>Oceanos e Mares Ameaçados: </li></ul><ul><ul><li>Causas </li></ul></ul><ul><ul><li>Consequências </li></ul></ul><ul><ul><li>Curiosidade </li></ul></ul><ul><li>Conclusão </li></ul><ul><li>Fim </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  3. 3. Introdução <ul><li>Escolhemos este tema, porque queremos mostrar a todos a situação dos oceanos nos dias de hoje e, da mesma forma, aprendemos muito mais sobre a poluição nos oceanos e mares. </li></ul><ul><li>Esperamos que gostem! </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  4. 4. OCEANOS E MARES AMEAÇADOS E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  5. 5. As Causas... <ul><li>A poluição da água é causada, principalmente, pelas actividades humanas. Considera-se que a água está poluída quando a sua composição está alterada, tornando-se imprópria para consumo. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  6. 6. <ul><li>A crescente poluição hídrica é resultado do aumento demográfico e do desenvolvimento acelerado das actividades económicas, as quais não são acompanhadas pela construção de infra-estruturas e de uma rede de saneamento básico equilibrada. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia As Causas …
  7. 7. <ul><li>Os baixos índices de tratamento dos efluentes urbanos e industriais e a utilização de fertilizantes na agricultura têm provocado graves problemas de poluição dos rios e albufeiras, podendo ainda contaminar as águas subterrâneas. </li></ul><ul><li>São inúmeras as consequências da poluição da água, quer ao nível da saúde pública, quer no equilíbrio dos ecossistemas ou no desenvolvimento das regiões. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia As Causas …
  8. 8. Consequências <ul><li>Um dos graves problemas da poluição da água doce (rios, que depois vão desaguar no oceano) é a eutrofização , causada pelo lançamento, nos rios e lagos, de resíduos com elevados valores de fosfatos, azoto e nitratos. Estes elementos provocam o crescimento exagerado de plantas aquáticas. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  9. 9. E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia Eutrofização
  10. 10. <ul><li>As águas são alimentadas com fosfatos, nitratos e azoto, libertados pela actividade humana, que provocam o exagerado crescimento das plantas aquáticas . </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  11. 11. <ul><li>Forma-se uma “manta verde” à superfície que impede que a luz solar chegue aos seres vivos que dela necessitam. Assim, não se realiza a fotossíntese e não há produção de oxigénio. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  12. 12. <ul><li>Os seres vivos aquáticos com falta de oxigénio morrem, formando-se uma poça de águas estagnadas. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  13. 13. <ul><li>Os rios, os lagos e oceanos , são desde sempre, depósitos de efluentes e variados tipos de lixos produzidos pela acção antrópica. </li></ul><ul><li>No passado, as grandes massas de água conseguiam absorver as descargas poluentes produzidas. Porém, no último século, as descargas tornaram-se mais frequentes, intensas e perigosas sendo a sua remoção mais difícil. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  14. 14. <ul><li>A diversificação e a intensificação das actividades humanas praticadas nas zonas costeiras têm tido fortes impactes ambientais, contribuindo para a degradação das zonas costeiras e marinhas. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  15. 15. <ul><li>O intenso tráfico de transportes marítimos, as suas descargas ilegais e alguns acidentes (nomeadamente com petroleiros) constituem ameaças graves para os ecossistemas aquáticos. </li></ul><ul><li>As enormes quantidades de petróleo derramadas no mar flutuam a alastram-se, formando extensas manchas negras – as marés negras. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  16. 16. <ul><li>Os resíduos petrolíferos são de difícil remoção e impedem a utilização das praias pelos veraneantes. </li></ul><ul><li>Para além dos impactes negativos que provocam no turismo, as marés negras destroem a fauna e a flora aquática e provocam prejuízos na actividade pesqueira. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  17. 17. <ul><li>Outro problema grave dos oceanos é a sobreexploração dos recursos. </li></ul><ul><li>O desenvolvimento da tecnologia permitiu aumentar o número de capturas pondo em risco algumas espécies. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  18. 18. Derrame de crude do “Prestige” ( costa da Galiza, Espanha). E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  19. 19. Os efluentes e lixos degradam a qualidade da água dos rios. E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  20. 20. Praia interdita a veraneantes. E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  21. 21. Curiosidade... <ul><li>Segundo a ONU, estima-se que, até ao ano 2050, a população mundial atinja os 12 mil milhões de pessoas, das quais cerca de 60% viverão nas áreas litorais, podendo ser seriamente afectadas pelos problemas descritos. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  22. 22. Conclusão <ul><li>Com este trabalho, aprendemos muito acerca da poluição hídrica. Esperamos que também tenham aprendido e, acima de tudo, que tenham gostado. Obrigado/a pela vossa atenção. </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  23. 23. Bibliografia <ul><li>Livro: </li></ul><ul><ul><li>Fazer Geografia : Ambiente e Sociedade 9º ano. </li></ul></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia
  24. 24. Fim <ul><li>Trabalho realizado por: </li></ul><ul><li>Carolina Oliveira – Nº1 </li></ul><ul><li>Sofia Gonçalves – Nº5 </li></ul><ul><li>Ângela Mendes – Nº7 </li></ul><ul><li>Mariana Silva – Nº19 </li></ul>E.B. 2,3 de S. Torcato Geografia

×