Projeto de pesquisa 2010/1

407 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
407
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto de pesquisa 2010/1

  1. 1. Universidade Federal do Rio Grande do SulProjeto de Pesquisa de MestradoInstituto de LetrasPrograma de Pós Graduação em LetrasContribuições para dicionários escolares destinados às turmas de alfabetização<br /> Orientação Prof. Dr. Félix Bugueño Miranda<br />Aluna Janina Antonioli<br />
  2. 2. Problema de pesquisa<br />Os dicionários escolares licitados pelo MEC, destinados às turmas de alfabetização, em 2005, não parecem estar adequados às necessidades dos usuários — o aluno entre seis e oito anos —, não apresentam desenho macro, micro e medioestrutural bem definido, tampouco sua tipologia parece estar de acordo com a criança que irá manuseá-lo. Esses dicionários compõem um acervo de dicionários que as escolas do país receberam em 2006. Além disso, em nenhum documento oficial que aborde a questão dos dicionários existe menção sobre o uso do próprio dicionário relacionado ao uso do livro didático ou a outra política educacional.<br />
  3. 3. Possível solução<br />Elaboração de fundamentação teórico-metodológica para um dicionário destinado às turmas de Primeiro Ciclo (1º, 2º e 3º ano do EF de nove anos), que atenda demandas do período de alfabetização; considerando: a) as propostas governamentais e suas reais implementações no ensino e aprendizagem de língua materna e b) as coordenadas macro, micro e medioestruturais adequadas em um dicionário pensado para tal público.<br />
  4. 4. Questões para pesquisa<br />Quais as necessidades do usuário?<br />Quantas e quais tipos de palavras devem ser dicionarizadas?<br />Que tipo de informações microestruturais são úteis para a criança em processo de alfabetização?<br />Os mecanismos remissivos são pertinentes para essa faixa etária?<br />Em que medida o dicionário pode ser útil para alunos em fase de alfabetização?<br />Como pensar um dicionário para séries iniciais em relação com outras políticas educacionais vigentes?<br />
  5. 5. O que já foi feito para solucionar o problema e/ou está relacionado à solução da pesquisa<br />Documentos dos PCN e da Provinha Brasil e suas orientações em relação aos dicionários.<br />Dados da licitação e documentos oficiais.<br />Alfabetização: o que preconizam os PCN e como se articulam com as propostas de Soares (1998, 2004), Ferreiro (1991, 1999, 2002) e Cagliari (2002).<br />Lexicografia: contribuições teórico-metodológicas em Bagno, Rangel (2006), Bugueño (2005, 2007), Bugueño, Farias (2008), Heinrich (2007) Krieger (2006) e Bermúdez (2008).<br />
  6. 6. Posicionamento do trabalho<br />Conceituação e domínios do processo de alfabetização;<br />Bases teóricas em lexicografia pedagógica.<br />
  7. 7. Metodologia<br />Definição do perfil do usuário e de suas necessidades escolares;<br />Estudo taxonômico da lexicografia pedagógica;<br />Criação de características objetivas e pragmáticas que poderiam estar presentes nos dicionários;<br />Desenho de características macro, micro e medioestruturais para um dicionário destinado a crianças em fase de alfabetização;<br />Qualificação da introdução do uso do dicionário, através da relação com outras políticas destinadas à alfabetização.<br />

×