Orientacoes para os cons notas

174 visualizações

Publicada em

Normas de calculo das medias

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
174
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Orientacoes para os cons notas

  1. 1. INSTITUTO MÉDIO POLITÉCNICO IMEP Substuido em virtude de as notas passarem a ser introduzidas no Sistema Informático CONSELHOS DE NOTAS - PROCEDIMENTOS A TER EM CONTA – QUESTÕES PRÉVIAS 1. A MACS (Média das ACS) e a MACP (Média das ACP) é calculada pela média aritmética das respectivas avaliações realizadas: MACS=ACS1+ACS2 MACP=ACP1+ACP2 2 2 2. Em cada disciplina e no fim de cada semestre, é calculada a respectiva MS (Média Semestral), a partir da MACS e da MACP: MS=MACS+2MACP 3 3. Relativamente às disciplinas anuais, é calculada a respectiva MA (Média Anual), a partir das MS de cada um dos semestres: MA=MS1+MS2 2 4. A NF (Nota Final): 4.1. Numa disciplina semestral, é obtida aplicando a fórmula NF=2MS+NE 3 4.2. Numa disciplina anual, é obtida do seguinte modo NF=2MA+NE 3 5. Os professores devem ter as suas Pautas devidamente preenchidas, isto é: 1
  2. 2. 5.1. Os alunos devem estar devidamente identificados (nunca usar apenas o nome próprio); 5.2. Não pode haver notas por registar em relação a algum aluno; 5.3. As notas dos testes, a MACS (Média das ACS), a MACP (Média das ACP) e a MS/MA (Média Semestral/Média Anual), se forem números com mais do que uma casa decimal, devem ser arredondadas até à décima mais próxima e nunca mais do que isso (ex: 12,725 arredonda para 12,7; 11,25 arredonda para 11,3; 10,5 não necessita de arredondamento); 5.4. Estar assinada de forma legível. 6. Independentemente do semestre, é necessário ter em atenção o estatuto de cada uma das disciplinas (semestral ou anual), pois o tratamento é diferenciado: 6.1. Nas disciplinas semestrais, a nota de frequência (MS) determinará se o aluno é . EXCLUÍDO do exame, se a MS for inferior a 9,5 valores, . ADMITIDO ao exame, se a MS for igual ou superior a 9,5 valores ou . DISPENSADO do exame, se a MS for igual ou superior a 13,5 valores. 6.2. Nas disciplinas anuais, 6.2.1. No 1º semestre (note-se que há disciplinas anuais cujo 1º semestre corresponde ao 2º semestre do ano lectivo), a nota de frequência (MS) determinará se o aluno . REPROVA, não transitando para o 2º semestre, caso a MS seja inferior a 4 valores, . TRANSITA para o 2º semestre, caso a MS seja igual ou superior a 4 valores, No 2º semestre da referida disciplina, a nota de frequência (MA) determinará se o aluno é . EXCLUÍDO do exame, se a MA for inferior a 9,5 valores, . ADMITIDO ao exame, caso a MA seja igual ou superior a 9,5 valores ou . DISPENSADO do exame, se a MA for igual ou superior a 13,5 valores, desde que não tenha obtido nota negativa em nenhum dos semestres. 7. Para ser ADMITIDO ou DISPENSADO do exame de uma disciplina, o aluno não pode faltar, em cada semestre, a mais de 10% das actividades lectivas dessa disciplina, devendo as faltas estar devidamente justificadas. No entanto, há que verificar se não haverá casos de alunos que, tendo ultrapassado o limite de faltas, sem ter excedido os 25%, tenham solicitado a relevação das mesmas e haja um despacho favorável da Directora da Escola. 2
  3. 3. 8. As Pautas individuais dos professores (o modelo que contem os dados estatísticos) devem ser entregues ao respectivo Director de Turma até às 12 horas do dia 28 de Maio de 2007. QUESTÕES ESPECÍFICAS PARA OS DIRECTORES DE TURMA 1. O Director de Turma deve zelar para que se cumpra o prazo de entrega das Pautas de todos os professores da sua turma, por forma a que lhe seja possível: 1.1. Lançar as notas para a Pauta de Frequência; 1.2. Detectar eventuais erros/imprecisões/incorrecções cometidos pelos professores; 1.3. Analisar o aproveitamento de cada aluno; 1.4. Apresentar propostas de votação de notas; 1.5. No 1º semestre de disciplinas anuais, tentar perceber a razão de situações de aproveitamento mais baixo e, a partir daí, sugerir formas para que no semestre seguinte a situação se possa alterar. 2. No que concerne à votação de notas, há a considerar o seguinte: 2.1. Nalguns casos, por consenso obtido em Conselho de Notas e com justificação plausível (por exemplo, o interesse, empenho e assiduidade do aluno), poderá votar-se a nota de um aluno (excepto a nota final), em apenas duas disciplinas, não podendo a soma das votações exceder, em caso algum, 1 (um) valor; 2.2. Na pauta, deve ficar registado que a nota foi votada e deve constar da Acta do Conselho de Notas a justificação da votação e o valor votado; 2.3. Só podem ser votadas, nos termos já definidos, notas de disciplinas anuais. 3. A Pauta saída do Conselho de Notas deve ser assinada pelo respectivo DT. 3

×