Culto infantil 2012

24.669 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
24.669
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
120
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
460
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Culto infantil 2012

  1. 1. CULTO INFANTIL NOVA GERAÇÃO MINISTÉRIO DA FAMILIA 2012
  2. 2. CULTO INFANTIL“Deus é Espírito e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade.” João 4.24• INTRODUÇÃO:• Os olhos do Pai procuram a verdadeiros adoradores, pessoas que o adorem em espírito e em verdade. A Bíblia nos mostra que o Pai encontrou a verdadeira adoração em personagens, a saber:• · Abel ( Gn.4.4) – Embora a Bíblia não relate qual era a idade de Abel no dia em que ele ofereceu ao Senhor a oferta das primícias, eu penso que Abel foi ensinado desde pequeno a ofertar ao Senhor.
  3. 3. CULTO INFANTIL• · Samuel (I Samuel c.3) – Samuel serviu ao Senhor desde menino. A Bíblia diz que o seu ministério prosperou muito. Creio que por esse motivo, Deus viu em Samuel a verdadeira adoração e o visitou em sonhos.• · Davi (I Samuel 16) – O menino Davi, pastor de ovelha, guerreiro valente e rei de Israel, moveu o coração de Deus com a sua adoração, e foi chamado pelo próprio Deus de um homem segundo o coração de Deus.• · Louvor dos pequeninos – Creio que os olhos do Senhor se encheram de alegria ao ouvir o louvor das criancinha em Mateus: 21-16• Até os nossos dias O Senhor continua a procurar os verdadeiros adoradores, poderá Deus encontrá-los nos cultos infantis de nossas igrejas.
  4. 4. CULTO INFANTIL• 1) DEFINIÇÃO:• CULTO – Adoração ou homenagem à divindade em qualquer de suas formas e em qualquer religião. Modo de exteriorizar o culto, ritual, veneração. (Dicionário Aurélio)• CULTO – É a forma com que os adoradores do Senhor Jesus demonstram que o amam de todo o seu coração. É também a adoração manifestada no espírito, alma e corpo de todos os que envolvidos na adoração a Deus. No culto reconhecemos a santidade, a bondade e o amor de Deus e reverentemente dizemos isso a Deus.• CULTO INFANTIL – É um culto organizado conforme as necessidades de cada criança e sua capacidade de compreensão, e que a levará a prestar a Deus de maneira inteligente a verdadeira adoração.
  5. 5. CULTO INFANTIL• 2) OBJETIVO:•• O Objetivo do culto infantil é levar as crianças a se tornarem verdadeiros adoradores, que se envolvem nos braços do Pai.• É tributar ao Senhor glória devida ao seu nome e a sua santidade, conforme as palavras do Salmista – Sl. 29-2
  6. 6. CULTO INFANTIL• 3) ENSINANDO AS CRIANÇAS A CULTUAREM:• Ensinamos as crianças a cultuarem porque é um projeto de Deus. Projeto é algo pensado para ser permanente. Cultuaremos a Deus para sempre no céu.
  7. 7. CULTO INFANTIL• 4) ELEMENTOS QUE NÃO PODEM FALTAR NO CULTO INFANTIL:• Oração – a criança fala com Deus• Louvor – a criança expressa a adoração, o louvor, a gratidão e o amor ao criador.• Leitura da Bíblia – é o manual da criança. Acostumo a fazer a entrada formal da Bíblia, com uma música instrumental solene. Isto ajuda a criança perceber(visualizar) sua importância .• Oferta – a criança que cultua a Deus com suas primícias enquanto criança não terá dificuldade de cultuar em sua vida adulta.• Pregação da Palavra – as crianças recebem o alimento espiritual• Apresentações Especiais – a criança ministra ao Senhor com dons e talentos (serviço)
  8. 8. CULTO INFANTIL• OBSERVAÇÕES:• O CULTO INFANTIL DEVE SER ADAPTADO DE ACORDO COM O CONTEXTO DA SUA IGREJA.• A Santa Ceia pode ser inserida e servida pelas crianças, embora elas não comam nem bebam dela.• A pregação é uma mensagem na linguagem infantil ministrada por um adulto capacitado para tal.
  9. 9. CULTO INFANTIL• 5) ORGANIZAÇÃO DO CULTO:• a. Planejamento;• b. Local adequado;• c. Equipamentos e móveis apropriados;• d. Duração máxima de até 01h30min;• e. Músicos / Equipamento de som para o louvor
  10. 10. CULTO INFANTIL a) Planejamento:• Escolha do tema: fazer uma relação de tudo com o ponto espiritual. Quanto mais claro e simples, mais didático será.• Programar com antecipação o material de decoração,como auxilio para criar o ambiente apropriado. Tomar cuidado par não sobrecarregar de estímulos.• Consideramos cada grupo(faixa etária, por exemplo de 4 à 6) um rebanho que caminha junto, por isso chamamos os rebanhos para participarem em grupo, evitando destacar individualidades. Evitamos edificar egos, orgulhos,vaidades, etc. Os desafios de fazerem algo sozinhos só é indicado após os 11/12 anos, dependendo da maturidade espiritual da criança. Pastoreio é fundamental.
  11. 11. CULTO INFANTIL• O início e o fim do culto devem ficar muito claro para as crianças. Cuidado com o convívio após o culto: o ideal é que as famílias saiam assim que o culto é encerrado, conduzindo as crianças pelas mãos, deixando bem claro que aquele espaço é um local de adoração. Criança não sabe ainda diferenciar, ela está aprendendo, por isso não é adequado que lhe seja permitido ficar correndo encima do palco, entre os instrumentos, após um evento tão importante.• Os adultos precisam significar esse momento com boa postura e dando bom exemplo. Eles precisam ser alertados do importante papel que cumprem perante os pequenos. Lembrando que a criança imita as atitudes e o coração da sua comunidade e não somente dos pais.
  12. 12. CULTO INFANTIL• Devemos lembrar que a criança, diferente do adulto tem um tempo menor de atenção, por isso deve-se ter muito cuidado com a programação do culto infantil, para que o mesmo não seja muito extenso e venha se tornar cansativo para a criança. É importante lembrar que estamos num culto com muita gente. Não apenas crianças, mas adultos também. O culto Infantil não é uma aula que se dá na Escola bíblica, onde há maior informalidade e descontração. O culto infantil é o meio-termo entre a atividade regular das crianças e a seriedade comum aos adultos. A ordem de culto e os momentos que o compõem são referentes àquilo que os adultos praticam; as músicas, a mensagem, sua linguagem e a duração desse momento de louvor é o que é comum às crianças.
  13. 13. CULTO INFANTIL• 6) O QUE CULTO INFANTIL NÃO PODE SER ?• UM CULTINHO - as crianças não estão cultuando a um deusinho. Elas cultuam ao Deus vivo que as vê como verdadeiras adoradoras• UMA SALINHA – salinha é um lugar onde as crianças recebem papel para rabiscar e passar tempo. No culto infantil as crianças recebem a Palavra que as fará crianças fortes que escreveram grandes histórias no Evangelho de Cristo.• UMA ESCOLHINHA – na escolinha a crianças recebe ensinamentos que terminaram quando elas morrerem. O culto infantil levará as crianças a um ensinamento que as conduzirá para a Vida Eterna• UMA CRECHE – creche é um lugar onde crianças são cuidadas por babás que amamentam fisicamente. No culto infantil elas recebem o alimento espiritual.• UM LUGAR DE HENDONISMO - lugar de entretenimento infantil, onde adultos trabalham como ANIMADOR GOSPEL e não tem compromisso com a Palavra de Deus.• O apóstolo Paulo escreveu em I Coríntios 21.5 qual a verdadeira característica do obreiro que quer ser usado por Deus. Quem ministra no culto infantil deve ter: sensibilidade, prudência e humildade.
  14. 14. CULTO INFANTIL• 7) ENVOLVA OS PAIS NO CULTO INFANTIL• Prepare atividades que as crianças possam realizar em família.• Motive pais a realizarem culto no lar.• Planeje uma atividade de oração em família.• Faça reunião com os pais com dinâmicas e distribuição das atividades do ministério infantil.• Prepare palestras com almoço, café da manhã, gincana.• Convide os pais para prepararem um louvor com os filhos.
  15. 15. CULTO INFANTIL• CONCLUSÃO:• Que hoje o Senhor Jesus possa me ver com os olhos do Pai, como Verdadeiro Adorador que conduzirá crianças a verdadeira adoração.

×