Volume 2 edição 05

580 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
580
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Volume 2 edição 05

  1. 1. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 SUMÁRIO O E S P A Ç O S A Ú D E foi criado para congregar diversas instituições que possuem como missão aPag. 02 melhoria da qualidade de vida de seus assistidos e da comunidade– REDE MUNICIPAL em torno. O conceito e unir forças e somar ações com a finalidade de proporcionar melhor atendimento e acesso aos assistidos. DE SAÚDE DEVE Na busca por congregar opiniões diferenciadas e vivências OFERECER TESTE em políticas publicas de saúde e sociais diversificadas, o EspaçoDA ORELHINHA EM Saúde é uma experiência inovadora que vai além da soma de recursos humanos e financeiros, mais sim da união de visões e 2011 ideologias que possibilitam o crescimento institucional dasPag. 04 associações envolvidas mais também dos assistidos –VACINA CONTRA individualmente e coletivamente por elas. A ideia de criar o Espaço Saúde partiu da necessidadeHIV/ SIDA MOSTRA crescente das associações em melhorar e ampliar as suas ações, RESULTADOS em relação às necessidades e conjunturas sociais de seus FAVORÁVEIS assistidos. Necessidade cada vez mais frequente no contexto neoliberal em que a sociedade brasileira e mundial está inserida.Pag. 06 Hoje participam do Espaço Saúde as seguintes- ICESP CRIA associações:CARDÁPIO CONTRA  Associação de Apoio aos Portadores de GIST, TNE e Tumores Raros – AGISTO CÂNCER  Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV/AIDS –Pag. 08 Espaço Girassol- CONGRESSOS CLAS  Grupo Renascer de Incentivo á Vida – GRIV  Fórum dos Portadores de Patologias do Estado de São SAÚDE 2011 Paulo – FOPPESP.  Associação Pró Falcêmicos – APROFE VENHA NOS CONHECER 1
  2. 2. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Rede municipal de saúde deve oferecer teste da orelhinha em 2011 Hipertiroidismo é uma deficiência No Recife, o exame pode ser feito na glândula tireóide. Segundo a em uma das unidades abaixo: coordenadora do Serviço de Rede municipal: Arnaldo Marques, Triagem Neonatal de Pernambuco, no Ibura; Bandeira Filho, em Pérola Ayres , o portador desta Afogados; e Barros Lima, na doença não produz o hormônio avenida Norte. corretamente pode ter deficiências físicas, mentais e até a morte se Rede estadual: Cisam, na não for identificada e tratada em Encruzilhada, Hospital das tempo. A fenilcetonúria é um Clínicas, Barão de Lucena e problema de metabolismo no fígado Agamenom Magalhães. que deve ser tratado ORELHINHATeste do pezinho já é feito na imediatamente. Segundo Pérola, a É a avaliação auditiva da criançarede municipal e estadual; o anemia falciforme também deve ser ao nascer. A previsão é de que oda orelhinha e do olhinho, tratada e orientada pelos teste da orelhinha seja implantadoapenas nos hospitais profissionais de saúde. "O ainda este ano no Recife segundoparticulares. diagnóstico precisa ser confirmado. Bernadete Perez. Ela diz que vem A gente faz 90 mil testes do trabalhando na montagem da redePezinho, orelhinha, olhinho. Nos pezinho por ano", afirma. "Essas de retaguarda que vai receber osprimeiros dias de vida, todo doenças são identificadas pelo pacientes após o diagnóstico.bebê deveria passar por esses laboratório. Se dá uma alteraçãotrês testes, capazes de ela é encaminhada para o Hospital OLHINHOdiagnosticar doenças graves da Restauração, onde tem um Para fazer o teste do olhinho, apara começar o tratamento o ambulatório de referência, com uma criança deve ser levada a ummais cedo possível. Em equipe multidisciplinar que fará a hospital particular. O exame podePernambuco, apenas os confirmação do diagnóstico", ser feito ainda na sala de parto ehospitais privados oferecem os explica Pérola. "A gente trabalha detecta doenças como retinopatiatrês testes. A rede pública, tanto com demanda espontânea. Todo da prematuridade, catarata,estadual com municipal, já faz o mundo que chega com seu glaucoma, infecções, traumas deTeste do Pezinho gratuitamente bebezinho no ambulatório, de parto e cegueira.e há uma boa perspectiva de segunda a sexta-feira durante o diaque o teste da orelhinha seja inteiro, é feito o teste", explica SERVIÇO:implantado nas unidades Bernadete Perez , diretora geral de Ouvidoria da Secretaria de Saúdemunicipais de saúde. O teste do Atenção à Saúde do Recife. do Recifepezinho deve ser feito entre o 3º Segundo ela, as crianças que 0800 281 1520e o 10º dia de vida do bebê - até nascem na maternidade Bandeirao 15º dia é possível realizar o Filho já recebem alta com o FONTE:exame. Em Pernambuco, ele faz agendamento do teste do pezinho http://pe360graus.globo.com/noticio diagnóstico de três doenças: para uma semana depois. Bebês as/cidades/saude/2011/02/01/NWhipotiroidismo, fenilcetonúria e nascidos em outras maternidades S,528415,4,62,NOTICIAS,766-anemia falciforme. também podem fazer o REDE-MUNICIPAL-SAUDE- agendamento ou ir direto ao local. OFERECER-TESTE- ORELHINHA-2011.aspx 2
  3. 3. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Enfermeira decepa dedo de menina Funcionária de hospital errou ao usar tesoura para tirar um curativo da mão da criança, de 1 ano De acordo com testemunhas, no Carandiru, onde fizeram um tratava-se de uma tesoura boletim de ocorrência. A escolar, inadequada para uso enfermeira prestou médico. A enfermeira Maria depoimento e foi liberada. Ela de Fátima Custódio também vai responder por lesão não estaria usando luvas corporal culposa (sem cirúrgicas. Os médicos intenção), crime que prevê tentaram fazer uma cirurgia pena de detenção de seis meses corretiva, mas tiveram de a um ano em regime fechado. amputar a primeira falange do Para a família, o hospital dedo da menina (onde fica a público tratou a situação comSÃO PAULO - Uma menina de 1 unha). A criança passa bem, descaso. "Parecia que tinham mas ficou traumatizada. "Ela arrancado só uma casquinha deano teve um dedo decepado na não pode ver alguém de ferida. Não parecia quemanhã de ontem por uma branco que já começa a estavam lidando com um caso chorar. Está assustada. Depois grave", disse o pai, queenfermeira do Hospital Estadual de um caso desses, quem não pretende processar o hospital,do Mandaqui, na zona norte da fica?", disse o pai. A menina a profissional envolvida nocapital. A criança estava internada ainda não tem previsão de caso e pedir indenização do alta. O caso comoveu outros Estado. Em nota oficial, ano local desde sexta-feira por pacientes e acompanhantes Secretaria Estadual da Saúdecausa de uma crise provocada por que estavam no hospital. afirmou que determinou o "Ocorreu o início de um afastamento temporário dauma anemia falciforme. "Ela tumulto. Para preservar a enfermeira e que o caso seráestava de alta, era só tirar o integridade da enfermeira, nós informado ao Conselhoesparadrapo da mão dela. Não a retiramos do local escoltada, Regional de Enfermagem pois o fato em si causou muita (Coren-SP).havia necessidade de usar a revolta nos demais usuários",tesoura. Mas, em vez de tirar o disse o soldado Márcio Luiz FONTE: Lima Oliveira, que controlou a http://www.estadao.com.br/ncurativo com cuidado, a situação com a ajuda do oticias/vidae,enfermeira-enfermeira pegou a tesoura e soldado Anderson Pereira. decepa-dedo-de- "Havia no mínimo 25 pessoas menina,673280,0.htmcortou a metade do dedo da minha querendo agredi-la", calcula.filha a sangue frio", afirmou o pai, Maria de Fátima, enfermeiraDavid Jefferson Bahia Príncipe, de desde 1994, e o pai da criança foram encaminhados para o21 anos. 9.º Distrito Policial , 3
  4. 4. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011Nova vacina contra HIV/ SIDA mostra resultados favoráveis Todos os sujeitos tinham A investigação transita agora uma carga viral importante e por uma nova fase, a prova nunca tinham recebido em pacientes com tratamento tratamento de anti-retroviral, anti-retroviral, cujos resultados explicaram os autores do serão apresentados no final de trabalho, especialistas. ano. O HIV/SIDA converteu-se em uma das crises de saúde Assim mesmo informaram mais importantes da história. que o inmunógeno foi Desde suas origens, mais de desenvolvido tomando como 25 000 000 de pessoas têm baseie células dendríticas - morrido, e ainda que hoje são defensivas- e doses do HIV muitos os esforços para atenuado obtidas dos prevenir a doença, a epidemia próprios pacientes, as que supera as estratégias foram posteriormente mundiais por contê-la.Washington, 1 fev (Prensa cultivadas. Desta maneira aLatina) Uma equipe cada um recebeu uminternacional de cientistas biológico personalizado. FONTE: http://www.prensa-trabalha em uma nova O vírus debilitado apresenta- latina.cu/index.php?option=covacina contra o HIV/SIDA, se às células dendríticas, m_content&task=view&id=260que em suas etapas iniciais encarregadas de levar aos 247&Itemid=1tem mostrado bons agentes patogênicos ante oresultados, indica um artigo sistema imunitário.divulgado em Journal ofInfectious Diseases. Em condições normais, o HIV infecta a essas células,O composto, dirigido a infectando ao resto, mascombater e controlar a como o vírus está inativo, asdoença, não à prevenir, células dendríticas podemreduziu a carga viral e cumprir seu labor deaumentou as defesas na apresentação sem infectar,maioria dos 24 pacientes escreveu Felipe García, dotratados, indicaram os Hospital de Barcelona, autorautores do trabalho, principal do ensaio.especialistas da Espanha e Nenhuma vacina terapêuticaa França. tem conseguido o que esta, daí sua importância já que contribui resultados esperançosos e supõe um "passo adiante" neste cometido, manifestou. 4
  5. 5. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 PACIENTES COM HIV E AIDS SÃO MAL ATENDIDOS EM LUZIÂNIA – GO, DESTACA TELEJORNAL DA GLOBO Por causa da falta de profissionais capacitados, os soropositivos têm que enfrentar quatro horas de viagem até Goiânia no centro, disseram que não estavam que o preconceito no hospital e o fazendo o teste. Falaram que fariam o dela problema no Centro de Testagem e porque era emergência, mas que no dia Acompanhamento são inaceitáveis e que seguinte já estariam em greve”, fala a filha. está aberto para receber denúncias. Ele Com o resultado do exame, de acordo com prometeu que uma médica infectologista mãe e filha, veio também a mudança no vai passar a atender aos pacientes. “Essa tratamento por parte dos médicos e médica, a partir do mês que vem, que é na enfermeiros do Hospital de Luziânia. “Eles semana que vem, já vai estar voltada a têm preconceito”, afirma a paciente. “Acho atender aos pacientes em nossa clínica de que as pessoas deviam se ajudar para especialidade e acompanhá-los quando prevenir que a doença se espalhe e para for preciso realizar internação hospitalar”,Uma senhora que mora em Luziânia que possam tratar bem quem já tem a promete. O secretário de Saúde deperdeu 14 quilos nos últimos cinco doença. Essa doença é normal hoje em Luziânia se comprometeu a verificar asmeses. Muito abatida, tem no rosto as dia. Não tem cura, mas tem tratamento”, condições técnicas da rede para que osmarcas do sofrimento. Em agosto, ela destaca Cirleide Caixeta. O irmão do portadores do vírus da Aids possamdeu entrada no Hospital de Luziânia com agente de saúde Paulo dos Santos receber a medicação antiretroviral nodiarreia, vômito, febre, feridas pelo corpo também teve dificuldade. Renato era próprio município. Assim, eles não terãoe fraqueza. “O médico daqui não soropositivo e estava preso numa mais que viajar quatro horas até Goiâniadesconfiou de nada. Disseram que era penitenciária de Luziânia. Ele foi levado para conseguir os remédios.diabetes”, lembra. A filha Cirleide com vômito e diarreia para o hospital daCaixeta foi quem desconfiou do erro cidade. Depois de ser transferido paramédico. “O médico passava o remédio vários hospitais, acabou morrendo em uma FONTE:dizendo que era diabetes, ela tomava, UTI em Samambaia. “Eu sei que o http://www.agenciaaids.com.br/noticias-media a glicemia e não dava nada tratamento para ele demorou muito. Foi um resultado.asp?Codigo=16582alterado. Ela cortava o açúcar e nada. E empurra-empurra de um lado para o outro,diabetes não tem vômito, não tem joga para um lado, joga para o outro, ediarreia. Pelo pouco conhecimento que espera um infectologista. Há poucostenho de internet, fui lá e pesquisei todas infectologistas”, lembra Paulo. No Hospitalas doenças. Foquei no HIV. Mesmo de Luziânia não há infectologistas queporque, ela é uma pessoa de idade e tratem pacientes com aids. A estudante denunca foi orientada”, conta a moça. enfermagem Herleni Farias trabalha comCirleide diz que foi ela que pediu o pessoas carentes que contraíram o vírusexame ao médico: “Cheguei lá no HIV. Ela também tem a doença e conhecehospital e perguntei se tinha como ele bem as dificuldades no Entorno. Todos ospedir um exame de HIV. Ele questionou meses, os soropositivos têm que enfrentarse eu estava suspeitando disso e eu quatro horas de viagem até Goiânia paradisse que sim. Foi quando ele passou receber o tratamento. “Na Regional deum teste rápido de HIV”, acrescenta a Luziânia, quando o médico sabe que éfilha. Mesmo com o pedido do médico, portador do vírus HIV, eles não entramelas tiveram dificuldade de fazer o nem na porta. Lá não tem infectologista”,exame no Centro de Testagem e denuncia a estudante. secretário de SaúdeAcompanhamento da cidade. “Lá. de Luziânia, Felipe Alves Cezário, disse 5
  6. 6. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Icesp cria ‘cardápio’ contra o câncer Instituto estadual sugere alguns alimentos que auxiliam no combate e prevenção contra a doença consequencia, aumenta o risco do surgimento de tumor no pâncreas, fígado e rins. Outro efeito da obesidade em longo prazo é a Diabetes, que está relacionada com o desenvolvimento de câncer de fígado, endométrio, cervical e mamário. Na contramão deste consumo saudável, há os alimentos que potencializam o desenvolvimento de um câncer e que devem ser evitados ou, então, consumidos com moderação, já que são ricos em gordura saturada. Bons exemplos são os de origem animal (carne vermelha, leite integral e derivados e bacon), que podem causar inflamação e alteração dos níveis de hormônios no sangue. A inflamação e o excesso de açúcar no sangue levam à intoxicação das células, o que favorece o desenvolvimento de tumores. Não podemos reduzir os alimentos a duas grandes listas: „heróis‟ e „vilões‟ da alimentação. Os principais erros em nossos hábitos alimentares não estão relacionados, exclusivamente, a „o quê‟ comemos, mas também ao „quanto‟ e „com que frequência‟ nós consumimos alguns alimentos”, esclarece Suzana Camacho Lima, gerente de Nutrição do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo. Confira alguns alimentos queO consumo de alimentos com possuem propriedades funcionais que contribuem na prevenção do câncer:variedade, qualidade e quantidadeadequadas é um dos principais fatoresna prevenção do câncer. Por isso, osetor de Nutrição e Dietética doInstituto do Câncer do Estado de SãoPaulo (Icesp), ligado à Secretaria deEstado da Saúde e à Faculdade deMedicina da USP, preparou uma listacom alguns alimentos que auxiliam naprevenção contra a doença (vejatabela abaixo). Algumas substânciascomo o Ômega 3, encontrado empeixes, e os polifenóis, presentes namaça, diminuem a formação decompostos inflamatórios, oenvelhecimento celular e,consequentemente, a proliferação decélulas tumorais. Já as fibras solúveis,presentes em alimentos comobrócolis, couve manteiga e couve-flor,inibem a formação tumoral, diminuindoa possibilidade de mutaçõesgenéticas. Os hábitos diários tambémpodem aumentar o risco dedesenvolvimento do câncer. Osedentarismo, por exemplo, é um fatornegativo para as pessoas que buscam FONTE:qualidade de vida. A prática de http://www.segs.com.br/index.php?option=com_content&view=article&atividade física diminui a resistência àinsulina, tornando menor o risco de id=29229:icesp-cria-cardapio-contra-o-cancer&catid=47:cat-câncer colorretal, por exemplo. A saude&Itemid=328obesidade também merece atenção. Aingestão alimentar excessiva leva aum aumento de peso, que causaregulação prejudicada da glicemia ehiperinsulinemia e, como 6
  7. 7. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Cão é capaz de farejar câncer de intestino, indica pesquisa Amostras canino eletrônico para a realização de testes para Na pesquisa, o labrador Marine, identificar o câncer pelo de oito anos, foi apresentado a cheiro. "O cheiro específico do cinco amostras, uma das quais câncer existe, mas os era de um paciente com câncer e componentes químicos (que quatro de pessoas saudáveis. provocam o odor Nos testes com amostras de característico) não estão claros. hálito o animal detectou a Somente o cachorro conhece aUm cão labrador conseguiu amostra com câncer em 33 de 36 resposta", disse Sonoda àdetectar um câncer de vezes. Com as amostras de BBC. "Por isso é necessáriointestino pelo cheiro do hálito fezes, o cachorro acertou 37 das identificar os compostose de amostras de fezes em 38 vezes. Mesmo o câncer de orgânicos voláteis específicosuma pesquisa realizada no intestino em estágio inicial foi detectados pelos cães paraJapão. O estudo, publicado detectado, o que é desenvolver um sensor precocepela revista especializada conhecidamente difícil. Segundo de câncer." Segundo ele,"Gut", indicou que o animal alguns estudos, os testes mais porém, o desenvolvimento defoi capaz de identificar a comuns para detectar câncer de um sensor do tipo ainda vaidoença mesmo em suas fases intestino, que tentam identificar exigir tempo e novasiniciais. Outras pesquisas já pequenas quantidades de sangue pesquisas.haviam sugeridoanteriormente que os cães são nas fezes, revelam apenas umcapazes de farejar câncer de em cada dez casos em estágio FONTE:pele, de bexiga, de pulmão, inicial. "Pode ser difícil http://www.midianews.cde ovários e de mama. introduzir o julgamento do faro om.br/?pg=noticias&catAcredita-se que a biologia do canino na prática clínica por =7&idnot=41018tumor inclui um cheiro conta do custo e do tempodistinto, e uma série de necessário para o treinamento doestudos já usou cachorros cão. A habilidade do faro podepara tentar detectá-los. Os variar entre os cães e também nopesquisadores da mesmo cão em dias diferentes",Universidade Kyushu, no afirma o coordenador do estudo,Japão, dizem que seria difícil Hideto Sonoda.e custoso usar cachorros emtestes de rotina para detectar Nariz eletrônicocâncer, mas que o estudopoderia levar ao Algumas pesquisas anteriores jádesenvolvimento de sensores indicaram o potencial de umeletrônicos no futuro. nariz 7
  8. 8. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Saúde e os Desafios Econômicos, Humanos e Ambientais é o tema central dos congressos ClasSaúde 2011 O Congresso Latino-Americano é de viagem, notícias e demais o evento internacional do informações sobre os eventos. As ClasSaúde e está dividido em três inscrições também estarão abertas no módulos: Sistema de Saúde mesmo período, com desconto para Público-Privado (25 de maio); associados da CNS, Fenaess, Saúde Suplementar (26 de maio); SINDHOSP e SBPC/ML (estes últimos e Capacitação Profissional (27 de apenas para o Congresso de maio). Além dele, compõem o Laboratórios Clínicos). As vagas são portfolio ClasSaúde: o 6º limitadas à capacidade do s auditórios. Congresso Brasileiro de Gestão em Clínicas de Serviços de Saúde; 5º Congresso Brasileiro de FONTE: http://bagarai.com.br/saude-e- Gestão em Laboratórios Clínicos os-desafios-economicos-humanos-e- (evento realizado em conjunto ambientais-e-o-tema-central-dos-“Saúde e os Desafios Econômicos, com a Sociedade Brasileira de congressos-classaude-2011.htmlHumanos e Ambientais”. Esse é o Patologia Clínica/Medicinatema central dos seis congressos Laboratorial – SBPC/ML); 4ºque compõem o ClasSaúde 2011, Congresso Brasileiro deque será realizado de 25 a 27 de Tecnologias da Informação emaio, no Expo Center Norte, em Comunicação em Saúde; 2ºSão Paulo, durante a Hospitalar Congresso Brasileiro de Aspectos2011. Promovido pela Legais para Gestores eConfederação Nacional de Saúde Advogados da Saúde; e 2º(CNS), Federação Nacional dos Congresso de Gestão e PolíticasEstabelecimentos de Serviços de em Saúde Mental. Os programasSaúde (Fenaess), Sindicato dos dos eventos são definidos porHospitais, Clínicas e Laboratórios comissões científicas formadasdo Estado de São Paulo por profissionais renomados no(SINDHOSP) e Hospitalar Feira + mercado. “É importante envolverFórum, o ClasSaúde já se profissionais de perfis e atuaçõesconsolidou como palco das diferenciadas para que o temárioprincipais discussões que norteiam seja o mais abrangente possível.o setor. “Esse ano a questão Só assim é possível contemplarambiental entra em discussão. todas as necessidades”, acreditaAssim, é possível tratar da o presidente do SINDHOSP,sustentabilidade de forma geral, Dante Montagnana. O site doabrangendo também os aspectos ClasSaúde estará no ar no inícioeconômicos e humanos”, afirma o do mês de março e trará ospresidente da Fenaess e do 16º programas dos eventos,Congresso Latino-Americano de composição das comissõesServiços de Saúde, Humberto científicas, valores das inscrições,Gomes de Melo. pacotes 8
  9. 9. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Governo anuncia remédios gratuitos contra diabetes e hipertensãoA presidente Dilma Rousseff e o O impacto da medida no orçamento do O aumento da prevalência deministro da Saúde, Alexandre Padilha, Aqui Tem Farmácia Popular será hipertensão, diabetes e obesidade éanunciaram nesta quinta-feira, no Salão acompanhado e mensurado pelo atribuído a padrões alimentares e deOeste do Palácio do Planalto, a ministério com base nas informaçõesgratuidade dos medicamentos contra do sistema de gerenciamento do qualidade de vida fortementehipertensão e diabetes disponíveis no programa. A expectativa é que o associados à má alimentação, faltaprograma Aqui Tem Farmácia Popular. acesso da população aos de atividade física e ao estresse. OA ampliação do acesso da população à medicamentos oferecidos envelhecimento da populaçãoPolítica Nacional de Medicamentos e a gratuitamente cresça contribui para o aumento damelhoria da assistência à saúde dos substancialmente. ocorrência dessas doenças, quebrasileiros "são prioridades dapresidenta e do ministro Padilha", também são ocasionadas por fatores Programa atende a 1,3 mihão por mês genéticos.informou o ministério da Saúde. Para De acordo com o Ministério da Saúde, oestrear a gratuidade de Aqui Tem Farmácia Popular atualmentemedicamentos no Aqui Tem beneficia mensalmente cerca de 1,3 milhãoFarmácia Popular, o programa de brasileiros, dentre os quaisganha o slogan "Saúde não tem aproximadamente 660 mil são hipertensos,preço". Durante o anúncio, Padilha e 300 mil, diabéticos. Desenvolvido pelo FONTE:assinará uma portaria normatizando governo federal, o programa conta com http://noticias.terra.com.br/brasil/notica oferta gratuita de medicamentos parcerias com a rede privada de ias/0,,OI4927352-EI7896,00.htmlpara hipertensão e diabetes, farmácias e drogarias, que sedoenças com alta prevalência no credenciam espontaneamente aoPaís. "O nosso objetivo é ampliar o firmarem convênio com o Ministério daatendimento à população e Saúde. Com exceção dosestimular o uso adequado de medicamentos para diabetes emedicamentos. Com isso, será hipertensão - que, a partir de agora,possível melhorar a qualidade de passam a ser oferecidos gratuitamentevida e aumentar a longevidade dos -, o governo federal financia 90% dobrasileiros acometidos por valor de referência dos medicamentoshipertensão e diabetes, no programa, cujo orçamento anual éindependentemente de eles serem de R$ 470 milhões. Por meio dousuários ou não do Sistema Único programa, a população tem acesso ade Saúde (SUS)", explica o 24 tipos de medicamentos paraministro. Além da gratuidade de hipertensão, diabetes, asma, rinite, malmedicamentos, Padilha deve de Parkinson, osteoporose eanunciar a drogaria do programa glaucoma, além de fraldas geriátricas.com credenciamento de número 15 Para ter acesso aos produtos, émil. A relação dos produtos que necessário que o usuário apresentepassam a ser oferecidos de graça à CPF, documento com foto e receitapopulação será informada nos médica. Originalmente criado em 2004,pontos de venda. As medidas o Farmácia Popular foi estendido emnormatizadas pela portaria do 2006 à rede privada, recebendo aMinistério da Saúde deverão ser denominação atual. No Brasil, aimplementadas pelos hipertensão arterial é diagnosticada emestabelecimentos conveniados até cerca de 33 milhões de brasileiros. Deo próximo dia 14, período acordo com dados do Ministério daconcedido para a adaptação dos Saúde, 80% desses casos sãosistemas de venda das farmácias atendidos na rede pública de saúde.conveniadas. Ainda assim, as Entre os 7,5 milhões de diabéticosfarmácias e drogarias que se diagnosticados no país, seis milhõesadequarem antes desse prazo já (80% do total) recebem assistência nopoderão oferecer gratuitamente SUS.medicamentos contra hipertensão ediabetes aos usuários do programa. 9
  10. 10. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 Portadores de câncer e acompanhantes terão gratuidade em "intermunicipais" O decreto estabelece O governador Ricardo critérios para aplicação Coutinho declarou que a da Lei nº 9.115, de 7 de lei beneficiará milhares maio de 2010, que de pessoas que são assegura aos portadores portadoras da doença e de câncer e um que precisam se acompanhante passagem deslocar de ônibus do gratuita em transportes interior para a CapitalDoentes portadores de coletivos de linhas ou para Campinacâncer e seus intermunicipais. Aos Grande, onde estãoacompanhantes terão acompanhantes, a localizados os centros degratuidade nas gratuidade valerá apenas tratamento. “O passepassagens dos se estiver no mesmo livre é importante e vaitransportes públicos veículo do doente. O beneficiar milhares deintermunicipais a partir benefício será válido para paraibanos com rendadesta sexta-feira (4), ônibus ou embarcações inferior a quatro saláriosquando o Diário Oficial do serviço convencional mínimos. Essas pessoasdo Estado publicará de transporte nem sempre dispõem dedecreto assinado pelo intermunicipal de condições sociais paragovernador Ricardo passageiros. arcar com esse custo”,Coutinho (PSB) que justifica. Ainda de acordo com oregulamenta a Lei que decreto, caberá àgarante o benefício. A Secretaria de Estado da FONTE:Lei de autoria do ex- Segurança e Defesa http://paraibaonline.codeputado estadual Social expedir a Carteira m.br/noticia.php?id=785Quinto de Santa Rita de Passe Livre para o 481(PMDB) foi sancionada Portador de Câncer eno dia 7 de maio de para até duas pessoas2010, mas não foi cadastradas que deverãoregulamentada pelo acompanhá-la nasgoverno anterior. viagens. 10
  11. 11. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 11
  12. 12. INFORMATIVO VOLUME 02 EDIÇÃO 05 – FEVEREIRO 2011 RUA CONDE DE SÃO JOAQUIM 179-BELA VISTA CEP:01320-010 SÃO PAULO FONE(11) 3101-1110 e-mail: secretaria@espacogirassoil.org.br www.espacogirassol.org.br www.agist.org.br www.aprofe.org.br www.biossimilar.org.br 12

×