As Estrelas
Sol
Fusão Nuclear
Tokamak
Estrutura das  Estrelas
Núcleo: onde ocorrem reações nuclearesZona Radioativa: região onde a energia viaja na forma de fótonsZona de Convecção: re...
Fotosfera: superfície visível do SolCromosfera: camada irregular de atmosfera
Manchas Solares
Campo Magnético
Aurora
Classificação das Estrelas
Diagrama Hertzsprung-Russell
Sequência Principal• Sol, Alfa Centauri A, Procyon A, Altair,  Fomalhaut, Sirius, Veja, Regulus, Spica,  Achernar, El Nath...
Tipos Espectrais EstelaresTipo       Linhas Espectrais                Cor              Temperatura    Exemplo             ...
Gigantes Vermelhas
Alphard, Dubhe, Aldebaran, Gacrux, Arcturus, Pollux
Supergigantes
Rigel, Deneb, Canopus, Mirfak,Polaris, Antares, Betelgeuse, Mu      Cephei, Eta Carinae
Anãs Brancas
Sirius B, ZZ Ceti, Procyon B, 40            Eridani B
Massa das Estrelas
Ciclos da Vida Estelar
Nascimento das Estrelas
Nebulosa Formadora de Estrelas
Nebulosa da Águia (M16)
Nebulosa da Lagoa (M8)
Nebulosa de Órion (M42)
Nebulosa Trífida (M20)
Nebulosa de Ômega (M17)
Nebulosa da Tarântula (NGC 2070)
Nebulosa Carina (NGC 3372)
Nebulosa do Cone (NGC 2264)
Nebulosa Cabeça de Cavalo
Nebulosa Tromba de Elefante (IC            1396)
Protoestrela
Estrela
Morte das Estrelas
Estrelas de Massa  Pequena (0,1  Massa Solar)
Evolui para uma Anã Negra
Estrelas Semelhantes ao Sol       (1 Massa Solar)
Evoluem paraGigantes Vermelhas ao se expandirempara queimar o hélio
Colapsam numa Nebulosa       Planetária
Nebulosas Planetárias
Nebulosa do Esquimó (NGC 2392)
Nebulosa da Hélice (NGC 7293)
Nebulosa do Anel (M57)
Nebulosa Twin Jet (M2-9)
Nebulosa Retângulo Vermelho (HD            44179)
Nebulosa Olho de Gato (NGC          6543)
Nebulosa do Ovo (CRL 2688)
Nebulosa da Formiga (Menzel 3)
Nebulosa do Crescente (NGC           6888)
Nebulosa Bug (NGC 6302)
Estrelas de Grande Massa   (10 Massas Solares)
Evoluem para Supergigantes
As estrelas transformam hidrogênio e hélio, e em seguida queimamo hélio, ela transforma hélio em outros átomos até chegar ...
Ao tentar fundir o ferro, o núcleo colapsa e o núcleo em camadas decebola desaba, gerando um ricochete que despedaça a est...
Explodem em Supernova
Supernova SN1987A (Estrela com      18 Massas Solares)
Remanescente de Supernova
Estrela de Nêutrons     ou Pulsar
Buraco Negro
Estrelas Múltiplas
Estrela Binária
Albireo, Izar,Polaris, Sheliak,    Almaaz
Estrela Tripla
Omicron Eridani,Albireo “Topázio &Safira”, Rigel, Beta   Monocerotis
Estrela Quadrúpla
Epsilon Lyrae, Trapézio (ThetaOrionis), Algol, Almach, Alcyone
Mizar e Alcor“Cavalo e Cavaleiro”
Estrela Quíntupla: Sigma Orionis
Estrela Sêxtupla: Castor
Aglomerados Abertos
Grupo de dezenas ou centenas de estrelas recentes,relativamente agrupadas e de grande massa e vida curta,estão no plano da...
Plêiades, Híades, Caixa de Jóias,       Borboleta, Colméia
Aglomerados Globulares
Grupo de milhões de estrelasmais densas e estruturadas, estão   acima e abaixo do plano da            galáxia
M13, M4, 47 Tucanae (NGC 104), Omega Centauri (NGC 5139),          NGC 3201
Estrelas Variáveis:  são estrelas quepossuem variações na sua magnitude
Variável Pulsante: ocorre em estrelas dasequência principal que se tornam gigantes
Eta Carinae: em 1843 foi a segunda estrela mais brilhante do céu, Estrela Granada (Mu Cephei)
Delta Cephei: Cefeidas
Mira
Pistola: 10 milhões de vezes mais        luminosa que o Sol
Variáveis Eclipsantes: ocorre quando  uma das estrelas eclipsa a outra
Propus ou Eta Geminorum,Lambda Tauri, Ras Algethi
Variáveis Cataclísmicas ou Novas: em sistemas bináriosquando uma estrela de maior massa evolui numa anã branca e        a ...
A gravidade da anãbranca         arrancamaterial da gigante egera fusão nuclearoriginando uma nova.
T Coronae Borealis ou “BlazeStar”, Rs Ophiuchi, Nova Cygni             1992
Variáveis Rotacionais: causada devido a manchassolares ou em áreas da superfície que brilham mais que                     ...
Betelgeuse
Variáveis Bizarras
Epsilon Auriga ou Almaaz: uma das estrelasmais estranhas do céu imensa supergigante  eclipsada por algo ainda maior que ela
As Estrelas
As Estrelas
As Estrelas
As Estrelas
As Estrelas
As Estrelas
As Estrelas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As Estrelas

1.525 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.525
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
136
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
54
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As Estrelas

  1. 1. As Estrelas
  2. 2. Sol
  3. 3. Fusão Nuclear
  4. 4. Tokamak
  5. 5. Estrutura das Estrelas
  6. 6. Núcleo: onde ocorrem reações nuclearesZona Radioativa: região onde a energia viaja na forma de fótonsZona de Convecção: região onde a energia é transportada por células de convecção
  7. 7. Fotosfera: superfície visível do SolCromosfera: camada irregular de atmosfera
  8. 8. Manchas Solares
  9. 9. Campo Magnético
  10. 10. Aurora
  11. 11. Classificação das Estrelas
  12. 12. Diagrama Hertzsprung-Russell
  13. 13. Sequência Principal• Sol, Alfa Centauri A, Procyon A, Altair, Fomalhaut, Sirius, Veja, Regulus, Spica, Achernar, El Nath, Alioth, Castor, Tau Ceti, Alpha Centauri B, 61 Cygni A, 61 Cygni B, Alnitak, Alnilam
  14. 14. Tipos Espectrais EstelaresTipo Linhas Espectrais Cor Temperatura Exemplo Proeminentes Média (ºC) O He+, He, H, O2+, N2+, Azul 45.000 Regor C2+, Si2+ B He, H, C+, O+, N+, Fe2+, Branca Azulada 30.000 Rigel Mg2+ A H, Metais Ionizados Branca 12.000 Sirius F H, Ca+, Ti+, Fe+ Branca Amarelada 8.000 Procyon G Ca+, Fe, Ti, Mg, H, Bandas Amarela 6.500 Sol Moleculares K Ca+, H, Bandas Laranja 5.000 Aldebaran Moleculares M TiO, Ca, Bandas Vermelha 3.500 Betelgeuse Moleculares
  15. 15. Gigantes Vermelhas
  16. 16. Alphard, Dubhe, Aldebaran, Gacrux, Arcturus, Pollux
  17. 17. Supergigantes
  18. 18. Rigel, Deneb, Canopus, Mirfak,Polaris, Antares, Betelgeuse, Mu Cephei, Eta Carinae
  19. 19. Anãs Brancas
  20. 20. Sirius B, ZZ Ceti, Procyon B, 40 Eridani B
  21. 21. Massa das Estrelas
  22. 22. Ciclos da Vida Estelar
  23. 23. Nascimento das Estrelas
  24. 24. Nebulosa Formadora de Estrelas
  25. 25. Nebulosa da Águia (M16)
  26. 26. Nebulosa da Lagoa (M8)
  27. 27. Nebulosa de Órion (M42)
  28. 28. Nebulosa Trífida (M20)
  29. 29. Nebulosa de Ômega (M17)
  30. 30. Nebulosa da Tarântula (NGC 2070)
  31. 31. Nebulosa Carina (NGC 3372)
  32. 32. Nebulosa do Cone (NGC 2264)
  33. 33. Nebulosa Cabeça de Cavalo
  34. 34. Nebulosa Tromba de Elefante (IC 1396)
  35. 35. Protoestrela
  36. 36. Estrela
  37. 37. Morte das Estrelas
  38. 38. Estrelas de Massa Pequena (0,1 Massa Solar)
  39. 39. Evolui para uma Anã Negra
  40. 40. Estrelas Semelhantes ao Sol (1 Massa Solar)
  41. 41. Evoluem paraGigantes Vermelhas ao se expandirempara queimar o hélio
  42. 42. Colapsam numa Nebulosa Planetária
  43. 43. Nebulosas Planetárias
  44. 44. Nebulosa do Esquimó (NGC 2392)
  45. 45. Nebulosa da Hélice (NGC 7293)
  46. 46. Nebulosa do Anel (M57)
  47. 47. Nebulosa Twin Jet (M2-9)
  48. 48. Nebulosa Retângulo Vermelho (HD 44179)
  49. 49. Nebulosa Olho de Gato (NGC 6543)
  50. 50. Nebulosa do Ovo (CRL 2688)
  51. 51. Nebulosa da Formiga (Menzel 3)
  52. 52. Nebulosa do Crescente (NGC 6888)
  53. 53. Nebulosa Bug (NGC 6302)
  54. 54. Estrelas de Grande Massa (10 Massas Solares)
  55. 55. Evoluem para Supergigantes
  56. 56. As estrelas transformam hidrogênio e hélio, e em seguida queimamo hélio, ela transforma hélio em outros átomos até chegar ao ferro,pois este é o primeiro elemento cuja fusão absorve mais energia doque libera.
  57. 57. Ao tentar fundir o ferro, o núcleo colapsa e o núcleo em camadas decebola desaba, gerando um ricochete que despedaça a estrela e porum breve tempo permite a fusão de elementos mais pesados
  58. 58. Explodem em Supernova
  59. 59. Supernova SN1987A (Estrela com 18 Massas Solares)
  60. 60. Remanescente de Supernova
  61. 61. Estrela de Nêutrons ou Pulsar
  62. 62. Buraco Negro
  63. 63. Estrelas Múltiplas
  64. 64. Estrela Binária
  65. 65. Albireo, Izar,Polaris, Sheliak, Almaaz
  66. 66. Estrela Tripla
  67. 67. Omicron Eridani,Albireo “Topázio &Safira”, Rigel, Beta Monocerotis
  68. 68. Estrela Quadrúpla
  69. 69. Epsilon Lyrae, Trapézio (ThetaOrionis), Algol, Almach, Alcyone
  70. 70. Mizar e Alcor“Cavalo e Cavaleiro”
  71. 71. Estrela Quíntupla: Sigma Orionis
  72. 72. Estrela Sêxtupla: Castor
  73. 73. Aglomerados Abertos
  74. 74. Grupo de dezenas ou centenas de estrelas recentes,relativamente agrupadas e de grande massa e vida curta,estão no plano da Via-Láctea
  75. 75. Plêiades, Híades, Caixa de Jóias, Borboleta, Colméia
  76. 76. Aglomerados Globulares
  77. 77. Grupo de milhões de estrelasmais densas e estruturadas, estão acima e abaixo do plano da galáxia
  78. 78. M13, M4, 47 Tucanae (NGC 104), Omega Centauri (NGC 5139), NGC 3201
  79. 79. Estrelas Variáveis: são estrelas quepossuem variações na sua magnitude
  80. 80. Variável Pulsante: ocorre em estrelas dasequência principal que se tornam gigantes
  81. 81. Eta Carinae: em 1843 foi a segunda estrela mais brilhante do céu, Estrela Granada (Mu Cephei)
  82. 82. Delta Cephei: Cefeidas
  83. 83. Mira
  84. 84. Pistola: 10 milhões de vezes mais luminosa que o Sol
  85. 85. Variáveis Eclipsantes: ocorre quando uma das estrelas eclipsa a outra
  86. 86. Propus ou Eta Geminorum,Lambda Tauri, Ras Algethi
  87. 87. Variáveis Cataclísmicas ou Novas: em sistemas bináriosquando uma estrela de maior massa evolui numa anã branca e a de menor massa está em sua fase gigante.
  88. 88. A gravidade da anãbranca arrancamaterial da gigante egera fusão nuclearoriginando uma nova.
  89. 89. T Coronae Borealis ou “BlazeStar”, Rs Ophiuchi, Nova Cygni 1992
  90. 90. Variáveis Rotacionais: causada devido a manchassolares ou em áreas da superfície que brilham mais que outras
  91. 91. Betelgeuse
  92. 92. Variáveis Bizarras
  93. 93. Epsilon Auriga ou Almaaz: uma das estrelasmais estranhas do céu imensa supergigante eclipsada por algo ainda maior que ela

×