Insights

338 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
338
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Insights

  1. 1. INSIGHTS Por Gladston Levy A sua prata lançarão pelas ruas, e o seu ouro seráremovido; nem a sua prata nem o seu ouro os poderá livrarno dia do furor do SENHOR; eles não fartarão a sua alma,nem lhes encherão o estômago, porque isto foi o tropeçoda sua iniqüidade.Ezequiel 7:19 E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza;porque a vida de qualquer não consiste na abundância doque possui.Lucas
  2. 2. Salmos 71Em ti, SENHOR, confio; nunca seja eu confundido.
  3. 3. Livra-me na tua justiça, e faze me escapar; inclina os teusouvidos para mim, e salva-me.Sê tu a minha habitação forte, à qual possa recorrercontinuamente. Deste um mandamento que me salva, poistu és a minha rocha e a minha fortaleza.
  4. 4. Livra-me, meu Deus, das mãos do ímpio, das mãos dohomem injusto e cruel.
  5. 5. Pois tu és a minha esperança, Senhor DEUS; tu és a minhaconfiança desde a minha mocidade.Por ti tenho sido sustentado desde o ventre; tu és aqueleque me tiraste das entranhas de minha mãe; o meu louvorserá para ti constantemente.
  6. 6. Sou como um prodígio para muitos, mas tu és o meurefúgio forte.Encha-se a minha boca do teu louvor e da tua glória todo odia.
  7. 7. Não me rejeites no tempo da velhice; não me desampares,quando se for acabando a minha força.Porque os meus inimigos falam contra mim, e os queespiam a minha alma consultam juntos,Dizendo: Deus o desamparou; persegui-o e tomai-o, poisnão há quem o livre.
  8. 8. O Deus, não te alongues de mim; meu Deus, apressa-teem ajudar-me.Sejam confundidos e consumidos os que são adversáriosda minha alma; cubram-se de opróbrio e de confusãoaqueles que procuram o meu mal.Mas eu esperarei continuamente, e te louvarei cada vezmais.
  9. 9. A minha boca manifestará a tua justiça e a tua salvaçãotodo o dia, pois não conheço o número delas.Sairei na força do Senhor DEUS, farei menção da tuajustiça, e só dela.
  10. 10. Ensinaste-me, ó Deus, desde a minha mocidade; e até aquitenho anunciado as tuas maravilhas.Agora também, quando estou velho e de cabelos brancos,não me desampares, ó Deus, até que tenha anunciado atua força a esta geração, e o teu poder a todos osvindouros.Também a tua justiça, ó Deus, está muito alta, poisfizestegrandes coisas. O Deus, quem é semelhante a ti?
  11. 11. Tu, que me tens feito ver muitos males e angústias, medarás ainda a vida, e me tirarás dos abismos da terra.Aumentarás a minha grandeza, e de novo me consolarás.Também eu te louvarei com o saltério, bem como à tuaverdade, ó meu Deus; cantarei com harpa a ti, ó Santo deIsrael.Os meus lábios exultarão quando eu te cantar, assim comoa minha alma, que tu remiste.
  12. 12. A minha língua falará da tua justiça todo o dia; pois estãoconfundidos e envergonhados aqueles que procuram omeu mal.
  13. 13. Salmos 9[Salmo de Davi para o músico-mor, sobre Mute-Láben] Eu te louvarei,SENHOR, com todo o meu coração; contarei todasas tuas maravilhas.
  14. 14. Em ti me alegrarei e saltarei de prazer; cantareilouvores ao teu nome, ó Altíssimo.Porquanto os meus inimigos retornaram, caíram epereceram diante da tua face.Pois tu tens sustentado o meu direito e a minhacausa; tu te assentaste no tribunal, julgandojustamente;
  15. 15. Repreendeste as nações, destruíste os ímpios;apagaste o seu nome para sempre e eternamente.Oh! inimigo! acabaram-se para sempre asassolações; e tu arrasaste as cidades, e a suamemória pereceu com elas.
  16. 16. Mas o SENHOR está assentado perpetuamente; jápreparou o seu tribunal para julgar.Ele mesmo julgará o mundo com justiça; exercerájuízo sobre povos com retidão.
  17. 17. O SENHOR será também um alto refúgio para ooprimido; um alto refúgio em tempos de angústia.
  18. 18. Em ti confiarão os que conhecem o teu nome;porque tu, SENHOR, nunca desamparaste os que tebuscam.Cantai louvores ao SENHOR, que habita em Sião;anunciai entre os povos os seus feitos.Pois quando inquire do derramamento de sangue,lembra-se deles: não se esquece do clamor dosaflitos.
  19. 19. Tem misericórdia de mim, SENHOR, olha para aminha aflição, causada por aqueles que me odeiam;tu que me levantas das portas da morte;
  20. 20. Para que eu conte todos os teus louvores nas portasda filha de Sião, e me alegre na tua salvação.
  21. 21. Os gentios enterraram-se na cova que fizeram; narede que ocultaram ficou preso o seu pé.O SENHOR é conhecido pelo juízo que fez;enlaçado foi o ímpio nas obras de suas mãos.(Higaiom; Selá.)
  22. 22. Os ímpios serão lançados no inferno, e todas asnações que se esquecem de Deus.Porque o necessitado não será esquecido parasempre, nem a expectação dos pobres pereceráperpetuamente.
  23. 23. Levanta-te, SENHOR; não prevaleça o homem;sejam julgados os gentios diante da tua face.
  24. 24. Põe-os em medo, SENHOR, para que saibam asnações que são formadas por meros homens.(Selá.) Salmos 8
  25. 25. [Salmo de Davi para o músico-mor, sobre Gitite] O SENHOR, Senhor nosso,quão admirável é o teu nome em toda a terra, pois puseste a tua glória sobre oscéus!
  26. 26. Tu ordenaste força da boca das crianças e dos que mamam, por causa dos teusinimigos, para fazer calar ao inimigo e ao vingador.Quando vejo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas quepreparaste;
  27. 27. Que é o homem mortal para que te lembres dele? e o filho do homem, para queo visites?Pois pouco menor o fizeste do que os anjos, e de glória e de honra o coroaste.Fazes com que ele tenha domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo pusestedebaixo de seus pés:
  28. 28. Todas as ovelhas e bois, assim como os animais do campo,As aves dos céus, e os peixes do mar, e tudo o que passa pelas veredas dosmares.
  29. 29. O SENHOR, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome sobre toda a terra!Devemos acreditar nisso sempre!Por quea felicidade é a busca de todos...
  30. 30. A EVOLUÇÃOSe soubéssemos saber onde o ser humanochegaria...

×