Apresentação sumária da P&D Brasil
RioInfo 2015
Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2015
Associação de empresas do setor
eletroeletrônico de base tecnológica
nacional
Nossa Missão : “Promover o desenvolvimento
e...
É estreita e indiscutível a relação entre
Soberania de um país e sua Tecnologia.
Para decidir soberanamente seu caminho
e ...
Investimento em Tecnologia X PIB
É inegável a forte correlação entre investimento em Tecnologia e a
riqueza de uma nação
B...
Mercado global
IT + Automação
(US$ 4 tri)
Mercado
Brasileiro
(R$ 85 bi)
Produção local
(R$ 41 bi)
Tecnologia Nacional
(R$ ...
P&D Brasil - Quem somos
Associação de empresas do setor eletroeletrônico de base tecnológica nacional
P&D
Brasil
44
Empres...
Associados da P&D Brasil tem como característica:
• Domínio da tecnologia de produtos sofisticados
• Presença consistente ...
Fundadores
Titulares
Aliados
Nossos associados
Valor agregado com tecnologia nacional
Tecnologia Nacional
15% Componentes
importados
30%
Custos Comerciais,
Adm. e margem...
Obrigado pela sua atenção !
Ricardo A.C.Saur (rsaur@digicon.com.br)
Diretor da Digicon e Assessor da P&D Brasil
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Rio Info 2015: Painel Analise critica das Políticas de Incentivo a TI Brasileira - Ricardo Saur

236 visualizações

Publicada em

Rio Info 2015: Painel Analise critica das Políticas de Incentivo a TI Brasileira - Ricardo Saur

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
236
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rio Info 2015: Painel Analise critica das Políticas de Incentivo a TI Brasileira - Ricardo Saur

  1. 1. Apresentação sumária da P&D Brasil RioInfo 2015 Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2015
  2. 2. Associação de empresas do setor eletroeletrônico de base tecnológica nacional Nossa Missão : “Promover o desenvolvimento econômico e tecnológico bem como a internacionalização das empresas associadas.”
  3. 3. É estreita e indiscutível a relação entre Soberania de um país e sua Tecnologia. Para decidir soberanamente seu caminho e atingir seu pleno desenvolvimento, um país precisa dispor de tecnologias básicas que não sejam dependentes de decisões tomadas no exterior por governos ou entidades. Porque Tecnologia Nacional?
  4. 4. Investimento em Tecnologia X PIB É inegável a forte correlação entre investimento em Tecnologia e a riqueza de uma nação Brasil Canada China Gâmbia Alemanha Coreia do Sul Singapura EUA União Europeia 0 0,5 1 1,5 2 2,5 3 3,5 4 4,5 0 10.000 20.000 30.000 40.000 50.000 60.000 70.000 InvestimentototalemP&D (%doPIB) PIB per capita, PPP (current international $) Banco Mundial 2009 – 100 países
  5. 5. Mercado global IT + Automação (US$ 4 tri) Mercado Brasileiro (R$ 85 bi) Produção local (R$ 41 bi) Tecnologia Nacional (R$ 10 bi) Exportação R$ 3.7 bi Revenda (R$ 35 bi) Fontes: SEPIN/MCTI, 2013 P&D Brasil 2013 ABINEE 2012 Digital Planet e World IT 1% do Mercado Global
  6. 6. P&D Brasil - Quem somos Associação de empresas do setor eletroeletrônico de base tecnológica nacional P&D Brasil 44 Empresas Lei Informática Empresas com Portaria 950 146 489 Indústria Brasileira de TIC Indústria Brasileira de Transfor- mação 1466 98.420 fonte: SEPIN/MCTI 2013, ABINEE, IBGE/PINTEC Atualmente há milhares de produtos com certificação de tecnologia nacional, que são  desenvolvidos e fabricados por 119 empresas  alcançam faturamento superior a R$ 10 Bilhões  geram cerca de 41.000 empregos Essas empresas aplicam em P&D mais de 10% de seu faturamento
  7. 7. Associados da P&D Brasil tem como característica: • Domínio da tecnologia de produtos sofisticados • Presença consistente no mercado Brasileiro • Base de desenvolvimento tecnológico no Brasil • Exportações crescentes • Alta diversidade setorial e regional • Média de 25 anos de existência Acreditamos que Tecnologia só existe quando não só sabemos como fazer alguma coisa (“know-how”) mas também sabemos como aquilo funciona (“know-why”)
  8. 8. Fundadores Titulares Aliados Nossos associados
  9. 9. Valor agregado com tecnologia nacional Tecnologia Nacional 15% Componentes importados 30% Custos Comerciais, Adm. e margem 6% Engenharia Desenvolvimento 22% Engenharia Produção 15% Componentes Nacionais PPB Produto Importado 12% Resultado Tecnológico 48% Importação de kits 30% Custos Comerciais, Adm. e margem 17% Engenharia Produção 30% Custos Comerciais, Adm. e margem 70% Importação produtos acabados 85% 52% 30% 5% Comp.Nacionais
  10. 10. Obrigado pela sua atenção ! Ricardo A.C.Saur (rsaur@digicon.com.br) Diretor da Digicon e Assessor da P&D Brasil

×