Crowd Testing - Defesa do Trabalho de Conclusão de Curso

506 visualizações

Publicada em

Este trabalho aborda o conceito de crowd testing e apresenta como uma multidão pode contribuir na qualidade de software a fim de amenizar o impasse entre qualidade, esforço e tempo. Como não há trabalhos científicos que abordem o assunto, a proposta deste trabalho foi utilizar os conceitos de crowdsourcing e do processo de teste de software para, então, identificar como e onde o crowd testing pode ser utilizado no controle da qualidade de software. Trata-se de uma pesquisa exploratória baseada em bibliografias cientificas e documentais para a definição de crowd testing.

Publicada em: Software
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Crowd Testing - Defesa do Trabalho de Conclusão de Curso

  1. 1. CROWD TESTING O poder da multidão em prol da qualidade de software Moisés Armani Ramírez São Leopoldo 2012
  2. 2. Agenda • Motivação da pesquisa • Objetivos do trabalho • Contextualização • Desenvolvimento • Resultados • Diferenciação e contribuição • Conclusão
  3. 3. Motivação da pesquisa • Desafio de utilizar um conceito totalmente novo • A principal motivação foi a ausência de referências bibliográficas sobre o tema
  4. 4. Objetivos do trabalho • Objetivo geral – Descrever, baseando-se em conceitos, como e onde o crowd testing pode ser inserido no processo de teste de software tradicional e como uma multidão pode contribuir para a qualidade de software
  5. 5. Objetivos do trabalho • Objetivos específicos – Analisar o crowdsourcing – Analisar o processo de teste de software – Analisar o crowd testing – Combinar todos os conceitos – Identificar como uma multidão pode contribuir para a qualidade de software
  6. 6. Contextualização • Crowdsourcing – “Representa o ato de uma empresa tomar uma função, uma vez realizada por funcionários, e externá- la a uma rede indefinida (e, geralmente, grande) de pessoas sob a forma de uma chamada pública. Isso pode assumir a forma de peer-production (quando o trabalho é realizado colaborativamente), mas também é frequentemente realizado por um único indivíduo. O pré-requisito crucial é o uso do formato da chamada pública e da grande rede de trabalhadores potenciais” (HOWE, 2006).
  7. 7. Contextualização • Crowd testing – “É o uso de pessoas (des)conhecidas, a multidão, para testar software” (ROODENRIJS; PRINS, 2009, p. 9). – “Crowd testing é uma comunidade de testadores que usam a sua própria infraestrutura e recursos, proporcionando flexibilidade, economia de custos e tempo de resposta rápido” (FORTE CONSULTING GROUP, 2012, p.2).
  8. 8. Crowd testing • Participação dos testadores amadores • A comunidade de teste e o meio corporativo • A inteligência coletiva e a diversidade de testadores
  9. 9. Crowd testing • O que motiva a multidão
  10. 10. Crowd testing • Aderência ao teste de software tradicional
  11. 11. • Utilização no Desenv. de Software Crowd testing
  12. 12. Crowd testing • A experiência do testador como técnica de teste • Regras de utilização do crowdsourcing aplicadas no crowd testing • Tendências
  13. 13. Resultados • Pesquisa realizada no • 58 testadores entrevistados • Entre Setembro e Outubro de 2012
  14. 14. Outros: - Analista de implantação - Analista de sistemas - Assistente de suporte ao usuário - Desenvolvedor - Empresário - Estudante Resultados • Sobre os participantes Perfil do cargo dos participantes Experiência dos entrevistados na área de testes
  15. 15. Outros: - Aplicação desktop Resultados • Sobre os participantes Tipo de sistema testado pelos participantes Atuação dos participantes em empresas de crowd testing Outros: - 99tests - BugFinders - CEVIU - Hoplon
  16. 16. Resultados • Motivação dos testadores no Crowdtest 33% 17% 83% 55% 7% 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% Ganhar uma taxa se o produto for vendido Desconto na comprado produto Pagamento por defeito encontrado Premiação para os melhorescolocados Nenhum Motivações financeiras para participar do Crowdtest Motivações NÃO financeiras para participar do Crowdtest
  17. 17. Resultados • Experiência como testador do Crowdtest – 72% afirmaram que a maioria dos defeitos encontrados eram comuns – 34% responderam que a maioria dos defeitos encontrados eram duplicados – 83% costumam realizar testes utilizando diferentes ambientes – 36% costumam realizar testes utilizando dispositivos móveis
  18. 18. Resultados • Experiência como testador do Crowdtest – 60% prefere testar individualmente – 83% afirmaram que cenários de teste críticos ou específicos podem ser testados
  19. 19. Resultados • Opinião sobre o crowd testing – 69% acreditam que a indisponibilidade de documentação pode reduzir a qualidade dos testes – 69% afirmaram que usar uma multidão para testar software faz com que um maior número de testes seja coberto
  20. 20. Resultados • Opinião sobre o crowd testing Contribuição da distribuição geográfica dos testes Integrando o crowd testing com o processo de teste de software tradicional
  21. 21. Diferenciação e contribuição do trabalho • Trabalho de referência no assunto • Pode ser utilizado por qualquer profissional da área de TI • Existem oportunidades para trabalhos futuros • Palestra para o GUTS-RS, em Outubro de 2012 na PUC-RS
  22. 22. Conclusão • O trabalho científico consolida diversos conhecimentos adquiridos • O crowd testing é... – Viável – Qualidade – Teste como serviço • As soluções precisam mais de pessoas e menos de tecnologia
  23. 23. Dúvidas

×