APRESENTAÇÃO DIÁLOGO ABERTOGERÊNCIA DE AUDITORIA INTERNA          (GEAUD)                                GEAUD
ORGANOGRAMA CECRESP
MISSÃOO 1Auxiliar as cooperativas a atingir seus objetivos, por meioda avaliação dos riscos, controles internos e governan...
PROCESSO DA AUDITORIA1) Plano anual de auditoria (alocação de horas baseados   em riscos e complexidades das cooperativas)...
ATIVIDADES DA ÁREAAuditoria de Campo – Auditorias periódicas “in loco” nascooperativas.Auditoria à Distância – Análises, e...
ESTRUTURA                                          Gerente                                          Hercio                ...
PRINCIPAIS METAS E DESAFIOS DA AREA           DE AUDITORIA INTERNA1) Cumprir o plano anual da auditoria interna2) Aumentar...
PRINCIPAIS METAS E DESAFIOS DA AREA          DE AUDITORIA INTERNA7) Definir, implantar e implementar o sistema de auditori...
EVOLUÇÃO DE APONTAMENTOS                                                         1º Trim   2º TrimApontamentos            ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação geaud dialogo aberto

364 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
364
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
19
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação geaud dialogo aberto

  1. 1. APRESENTAÇÃO DIÁLOGO ABERTOGERÊNCIA DE AUDITORIA INTERNA (GEAUD) GEAUD
  2. 2. ORGANOGRAMA CECRESP
  3. 3. MISSÃOO 1Auxiliar as cooperativas a atingir seus objetivos, por meioda avaliação dos riscos, controles internos e governançacorporativa e recomendações de melhorias nos processose controles.Apoiar o Sicoob Central Cecresp na geração de soluçõesàs cooperativas, ao Sicoob Confederação no fortalecimentodo sistema e ao Banco Central do Brasil no papel auxiliarde supervisão.Visão:Ser uma das principais parceiras das cooperativas narealização dos resultadosSer referência no mercado em seus modelos de gestão eprocedimentos de auditoriaSer modelo na formação e desenvolvimento de auditores
  4. 4. PROCESSO DA AUDITORIA1) Plano anual de auditoria (alocação de horas baseados em riscos e complexidades das cooperativas)2) Planejamento da auditoria (individual)3) Execução de auditoria em campo ou à distância4) Comunicação (relatórios, súmulas, reportes, etc.)5) Avaliação da área e dos trabalhos6) Acompanhamento Follow-up dos apontamentos7) Prestação de contas (auditorias, atividades administrativas, orçamento, etc.)
  5. 5. ATIVIDADES DA ÁREAAuditoria de Campo – Auditorias periódicas “in loco” nascooperativas.Auditoria à Distância – Análises, exames, levantamentos,avaliações e busca de informações à distância, utilizando-se de ferramentas, softwares e sistemas operacionais.Auditoria Contínua – Detecção, avaliação e tratamentos detransações, operações, lançamentos, contabilizações, etc.,em tempo real, fora da normalidade e regularidade dascooperativas. (projeto à médio prazo)Prevenção e Apuração de Fraudes – Trabalhos deapuração e análises de fraudes e ação preventiva por meiode alertas, seminários e palestras sobre o assunto.Ofícios do Banco Central do Brasil – Análise e tratamentodos ofícios enviados pelo Bacen e apoio eacompanhamento das respostas realizadas pelassingulares.
  6. 6. ESTRUTURA Gerente Hercio Auditora Sr Andréia Auditor Sr Auditores Auditores Assistente Tadeu Plenos Juniors Auditoria (Líder de campo) (03 profissionais) (05 profissionais) SusieneObs.: 1 Vaga de auditor em aberto.
  7. 7. PRINCIPAIS METAS E DESAFIOS DA AREA DE AUDITORIA INTERNA1) Cumprir o plano anual da auditoria interna2) Aumentar a produtividade dos trabalhos3) Auxiliar as cooperativas a reduzir as deficiências de controles4) Qualificar, capacitar e certificar a equipe5) Padronizar as normas, processos e procedimentos da área com os padrões internacionais e normas do Sicoob6) Otimizar os recursos disponibilizados (orçamento)
  8. 8. PRINCIPAIS METAS E DESAFIOS DA AREA DE AUDITORIA INTERNA7) Definir, implantar e implementar o sistema de auditoria8) Auxiliar às cooperativas na prevenção de fraudes9) Obter a certificação internacional do IIA (longo prazo)10)Reduzir os apontamentos de auditoria do Sicoob Confederação11)Sinergia e interação com demais áreas do Sicoob Cecresp e Confederação, Banco Central e demais instituições financeiras em questão de controles.
  9. 9. EVOLUÇÃO DE APONTAMENTOS 1º Trim 2º TrimApontamentos 2012 2012 Redução /Aumento (%)Operações de Crédito(avaliação nas liberações ) 336 378 11%Outros Apontamentos( Manuais,Reg.Interno e PLD) 231 227 1,7%Caixa (Controle de Caixa) 94 85 9,6%Deposito a Vista ( controle em cheques e abertura c/c) 48 53 9%Contábil (Conciliações) 50 62 19%Capital ( ausência de integralização) 36 33 8,3%Financeiros (Perdas /Insuficiência Liquidez) 26 37 30%Aplicação Financeira (Cetip ) 21 7 66,7%Depósito a Prazo (FGS) 21 21 -Recursos Humanos 17 29 42%Adiantamento a Depositante 9 11 18% Total 889 943 6%

×