Práticas de Inovação       Aberta no Brasil:Pesquisa Fundação Dom Cabral            Carlos Arruda           Anderson Rossi...
CONTEXTUALIZAÇÃO   Emergência da       Falta de  inovação aberta    informações      Parceria da como um tema de          ...
PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas                        RECEITA EM 2010        ...
PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas                        CONTROLE ACIONÁRIO     ...
PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas                            TIPO DE INOVAÇÃO   ...
PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas           ADOÇÃO DA GESTÃO ABERTA DA INOVAÇÃO ...
PERFIL DA AMOSTRA                                Percentual da receita  Percentual da receita de                          ...
FUNIL DA INOVAÇÃO ABERTA   Ideias e conceitos                         Licenciamento    Internalização de                  ...
FUNIL COM OS RESULTADOS DO FLUXODE CONHECIMENTO E TECNOLOGIAFluxo de fora para dentro        53%                      60% ...
FUNIL COM OS RESULTADOS DO FLUXODE CONHECIMENTO E TECNOLOGIAFluxo de dentro para fora        48%                      56% ...
MODELO ECOSSISTEMA  Apresentação das Parcerias – Geral           Start-ups de base tecnológica             Comunidade virt...
MODELO ECOSSISTEMA  Apresentação das Parcerias – Baixa Adesão           Start-ups de base tecnológica             Comunida...
MODELO ECOSSISTEMA  Apresentação das Parcerias – Alta Adesão           Start-ups de base tecnológica             Comunidad...
MODELO DE ESCADAGeral                      5,33        4,83                          4,55                                 ...
MODELO DE ESCADABaixa adesão                   5,33     4,83                 4,7      4,55                                ...
MODELO DE ESCADAAlta adesão              5,91           5,76                     5,33                    4,59             ...
MODELO DE ESCADA                 5,91           5,76                        5,33                    4,59                  ...
RESULTADOS DA INOVAÇÃOGráfico de barras                                                           93,3%                   ...
CONCLUSÃO• O fluxo de fora para dentro (internalização de  ideias e conhecimentos) é mais relevante nas  empresas brasilei...
CONCLUSÃOO processo de adesão à gestão aberta dainovação consiste em:1. Mudanças na estrutura organizacional voltada   par...
Obrigado.andersonr@fdc.org.brwww.fdc.org.br/inovacao
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Anderson Rossi | OIS 2011 | Palestra no Seminário

1.232 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.232
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Anderson Rossi | OIS 2011 | Palestra no Seminário

  1. 1. Práticas de Inovação Aberta no Brasil:Pesquisa Fundação Dom Cabral Carlos Arruda Anderson Rossi Gustavo Mendes
  2. 2. CONTEXTUALIZAÇÃO Emergência da Falta de inovação aberta informações Parceria da como um tema de FDC com o Open no Brasil grande relevância Innovation Center para a gestão da e com a Anpei inovação viabilizaram o projeto NECESSIDADE DE UM MAIOR ENTENDIMENTO DO PROCESSO DE INOVAÇÃO ABERTA NO BRASIL;
  3. 3. PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas RECEITA EM 2010 7% Não responderam 43% 29% Acima de 1 bilhão Até 100 milhões 21% Entre 100 milhões e 1 bilhão
  4. 4. PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas CONTROLE ACIONÁRIO 4% Estatal 4% Não responderam 39% Estrangeiro 53% Nacional
  5. 5. PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas TIPO DE INOVAÇÃO 19% Inovação Radical 81% Inovação Incremental
  6. 6. PERFIL DA AMOSTRAPeríodo de realização: Junho a Setembro de 201172 empresas ADOÇÃO DA GESTÃO ABERTA DA INOVAÇÃO 37% 63% Baixa adesão Alta adesão
  7. 7. PERFIL DA AMOSTRA Percentual da receita Percentual da receita de de 2010 decorrente do 2010 investida em PD&I processo de inovação• Média: 4,66%• 50% das empresas • Média 16,91% investem até 2% • 50% das empresas tem• O percentual investido até 10% mais comum é 1% • Mínimo 0%• Mínimo 0% • Máximo 70%• Máximo 60%
  8. 8. FUNIL DA INOVAÇÃO ABERTA Ideias e conceitos Licenciamento Internalização de de patentes protótipos para scale-up Desenvolvimento Tecnologia externa em parceria Spin-offs Ideação Pesquisa Desenvolvimento Comercialização
  9. 9. FUNIL COM OS RESULTADOS DO FLUXODE CONHECIMENTO E TECNOLOGIAFluxo de fora para dentro 53% 60% 46% 50% Ideação Pesquisa Desenvolvimento Comercialização
  10. 10. FUNIL COM OS RESULTADOS DO FLUXODE CONHECIMENTO E TECNOLOGIAFluxo de dentro para fora 48% 56% 52% 38% Ideação Pesquisa Desenvolvimento Comercialização
  11. 11. MODELO ECOSSISTEMA Apresentação das Parcerias – Geral Start-ups de base tecnológica Comunidade virtuaisInstituições de ensino Funcionários Empresa Fornecedores Clientes Geral Baixa Alta Concorrentes Empresas do mesmo grupo
  12. 12. MODELO ECOSSISTEMA Apresentação das Parcerias – Baixa Adesão Start-ups de base tecnológica Comunidade virtuaisInstituições de ensino Funcionários Empresa Fornecedores Clientes Geral Baixa Alta Concorrentes Empresas do mesmo grupo
  13. 13. MODELO ECOSSISTEMA Apresentação das Parcerias – Alta Adesão Start-ups de base tecnológica Comunidade virtuaisInstituições de ensino Funcionários Empresa Fornecedores Clientes Geral Baixa Alta Concorrentes Empresas do mesmo grupo
  14. 14. MODELO DE ESCADAGeral 5,33 4,83 4,55 4,12 Mudança na Capacidade de Gestão do Capacidade de estrutura absorção conhecimento desabsorção
  15. 15. MODELO DE ESCADABaixa adesão 5,33 4,83 4,7 4,55 3,95 4,12 3,62 3,0 Mudança na Capacidade de Gestão do Capacidade de estrutura absorção conhecimento desabsorção
  16. 16. MODELO DE ESCADAAlta adesão 5,91 5,76 5,33 4,59 4,42 4,83 4,7 4,55 3,95 4,12 3,62 3,0 Mudança na Capacidade de Gestão do Capacidade de estrutura absorção conhecimento desabsorção
  17. 17. MODELO DE ESCADA 5,91 5,76 5,33 4,59 4,42 4,83 4,7 4,55 3,95 4,12 3,62 3,0 Mudança na Capacidade de Gestão do Capacidade de Geral estrutura absorção conhecimento desabsorção Baixa Alta
  18. 18. RESULTADOS DA INOVAÇÃOGráfico de barras 93,3% 66,7% 35,7% 37,5% 22,2% 20,0% Menor Menor Maior qualidade do custo time to market produto ou serviço Baixa adesão Alta adesão
  19. 19. CONCLUSÃO• O fluxo de fora para dentro (internalização de ideias e conhecimentos) é mais relevante nas empresas brasileiras.• A fase mais aberta do funil da inovação é o desenvolvimento e a menos aberta é a pesquisa.• Os funcionários, os fornecedores e as instituições de ensino são os principais parceiros no processo de inovação no Brasil.• Empresas com alta adesão à inovação aberta estão mais engajadas na realização de parcerias.
  20. 20. CONCLUSÃOO processo de adesão à gestão aberta dainovação consiste em:1. Mudanças na estrutura organizacional voltada para inovação.2. Desenvolvimento da capacidade de absorção.3. Implementação de uma gestão do conhecimento (gargalo)4. Desenvolvimento da capacidade de desabsorção (gargalo).A gestão aberta da inovação• Aumenta a qualidade do produto ou serviço desenvolvido• Reduz o time to market• Reduz o custo do processo de inovação
  21. 21. Obrigado.andersonr@fdc.org.brwww.fdc.org.br/inovacao

×