Preservação da função e daprópria vida
O que vos pretendo transmitir é que, tal como  Freud refere, existe uma tendência para asupervalorização dos aspectos psic...
Se o desejo é o motor da vida,  ele será a consequência da     vontade de um corpo.Assim, o desejo será o sentido  de vida...
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Construção do desejo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Construção do desejo

151 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
151
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Construção do desejo

  1. 1. Preservação da função e daprópria vida
  2. 2. O que vos pretendo transmitir é que, tal como Freud refere, existe uma tendência para asupervalorização dos aspectos psicológicos, em detrimento das forças constituintes de um corpo e sua energia.Mediante o que vos mostrei, passa-se exatamente o contrário, e tal como refere o neurocientistaAntónio Damásio um corpo é capaz de decidir, teremoções, tal como acontece com os animais, sem que possa existir propriamente uma organização mental.
  3. 3. Se o desejo é o motor da vida, ele será a consequência da vontade de um corpo.Assim, o desejo será o sentido de vida de cada indivíduo.E o corpo como portador da própria vida.

×