SlideShare uma empresa Scribd logo
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sangue – constituintes e respectivas funções;Sangue – constituintes e respectivas funções;
Funções do Sistema Circulatório;Funções do Sistema Circulatório;
Estrutura do coração;Estrutura do coração;
Circulação sanguínea;Circulação sanguínea;
Disfunções do Sistema Circulatório.Disfunções do Sistema Circulatório.
Sangue – Constituintes e respectivas
funções
 O sangue é constituído por:O sangue é constituído por:
 uma fracção líquida – ouma fracção líquida – o plasmaplasma
 por células sanguíneas –por células sanguíneas – glóbulos vermelhosglóbulos vermelhos (hemácias ou(hemácias ou
eritrócitos),eritrócitos), glóbulos brancosglóbulos brancos( ou leucócitos) e( ou leucócitos) e plaquetasplaquetas
sanguíneassanguíneas (ou trombócitos).(ou trombócitos).
O plasma
 É um líquido de cor amarelada constituído por 90% de água, ondeÉ um líquido de cor amarelada constituído por 90% de água, onde
se encontram dissolvidos ou em suspensão proteínas, saisse encontram dissolvidos ou em suspensão proteínas, sais
minerais, outros nutrientes, gases e resíduos provenientes daminerais, outros nutrientes, gases e resíduos provenientes da
actividade das células.actividade das células.
 Desempenha funções de transporteDesempenha funções de transporte
Os glóbulos vermelhos
 São as células mais numerosas do sangue.São as células mais numerosas do sangue.
 Têm a forma de disco bicôncavo (pouco espessas no centro), o que lhes permiteTêm a forma de disco bicôncavo (pouco espessas no centro), o que lhes permite
passar pelos capilares mais estreitos.passar pelos capilares mais estreitos.
 Na sua constituição encontra-se um pigmento vermelho – a hemoglobina –queNa sua constituição encontra-se um pigmento vermelho – a hemoglobina –que
dá a cor ao sangue. A hemoglobina é uma proteína que contém ferro.dá a cor ao sangue. A hemoglobina é uma proteína que contém ferro.
 Têm como funções: o transporte de oxigénio dos pulmões para todas as célulasTêm como funções: o transporte de oxigénio dos pulmões para todas as células
e tecidos do organismo, onde o trocam por dióxido de carbono.e tecidos do organismo, onde o trocam por dióxido de carbono.
Os glóbulos brancos
 São as células sanguíneas de maiores dimensões e as únicas queSão as células sanguíneas de maiores dimensões e as únicas que
possuem núcleo (de diferentes formas).possuem núcleo (de diferentes formas).
 São menos numerosas do que os glóbulos vermelhos.São menos numerosas do que os glóbulos vermelhos.
 Têm como função proteger o organismo contra certos microrganismos eTêm como função proteger o organismo contra certos microrganismos e
agentes estranhos.agentes estranhos.
As plaquetas
 São fragmentos de células, sendo por isso os constituintesSão fragmentos de células, sendo por isso os constituintes
mais pequenos do sangue, com aproximadamente ummais pequenos do sangue, com aproximadamente um
quarto do tamanho dos glóbulos vermelhos.quarto do tamanho dos glóbulos vermelhos.
 As plaquetas intervêm no processo de coagulação doAs plaquetas intervêm no processo de coagulação do
sangue, que ocorre sempre que os vasos sanguíneos ousangue, que ocorre sempre que os vasos sanguíneos ou
um tecido for danificado.um tecido for danificado.
Sistema Circulatório
 É constituído peloÉ constituído pelo coraçãocoração e pore por vasos sanguíneosvasos sanguíneos -- artériasartérias,, veiasveias ee
capilares.capilares.
 AsAs artériasartérias são responsáveis pela saída do sangue para as restantessão responsáveis pela saída do sangue para as restantes
partes do corpo, são mais espessas que as veias.partes do corpo, são mais espessas que as veias.
 AsAs veiasveias, são responsáveis pela chegada do sangue ao coração, ao, são responsáveis pela chegada do sangue ao coração, ao
contrário da ideia muitas vezes generalizada não transportam apenascontrário da ideia muitas vezes generalizada não transportam apenas
sangue venoso, mas também arterial (ex. Veias pulmonares).sangue venoso, mas também arterial (ex. Veias pulmonares).
 OsOs capilarescapilares são os vasos de menor calibre. A sua parede possui umasão os vasos de menor calibre. A sua parede possui uma
única camada de células e ramificam-se por todo o corpo.única camada de células e ramificam-se por todo o corpo.
 Por fim, oPor fim, o coraçãocoração, é um poderoso músculo (miocárdio) que bombeia o, é um poderoso músculo (miocárdio) que bombeia o
sangue para todo o organismosangue para todo o organismo..
Funções Sistema Circulatório
 Transporte de gases resultantes da respiração eTransporte de gases resultantes da respiração e
necessários para a respiração celular;necessários para a respiração celular;
 Transporte de nutrientes e substânciasTransporte de nutrientes e substâncias
resultantes do metabolismo;resultantes do metabolismo;
 Transporte de elementos do sistema imunitário.Transporte de elementos do sistema imunitário.
Estrutura do coração
Estrutura do coração
 O coração, é constituído por 4 cavidades:O coração, é constituído por 4 cavidades: 2 aurícula e dois2 aurícula e dois
ventrículosventrículos..
 As aurícula recebem o sangue, enquanto que é dosAs aurícula recebem o sangue, enquanto que é dos
ventrículos que o sangue abandona o coração.ventrículos que o sangue abandona o coração.
 O músculo cardíaco designa-se porO músculo cardíaco designa-se por miocárdiomiocárdio e ée é
responsável pelos seus movimentos rítmicos.responsável pelos seus movimentos rítmicos.
 Entre o ventrículo esquerdo e direito encontra-se umEntre o ventrículo esquerdo e direito encontra-se um septosepto..
As aurículas comunicam com os ventrículos porAs aurículas comunicam com os ventrículos por válvulas.válvulas.
Estrutura do coração
 O miocárdio do ventrículo esquerdo é mais espesso que do ventrículoO miocárdio do ventrículo esquerdo é mais espesso que do ventrículo
direito, já que precisa gerar uma maior pressão para impulsionar odireito, já que precisa gerar uma maior pressão para impulsionar o
sangue por todo o corpo através da artéria aorta.sangue por todo o corpo através da artéria aorta.
 No início da artéria aorta e artéria pulmonar existem válvulas. Estas têmNo início da artéria aorta e artéria pulmonar existem válvulas. Estas têm
como função permitir que o sangue circule num, e apenas num,como função permitir que o sangue circule num, e apenas num,
determinado sentido.determinado sentido.
 NNo lado direito do coração circula apenas sangue venoso, enquanto queo lado direito do coração circula apenas sangue venoso, enquanto que
do lado esquerdo circula sangue arterial, não existindo mistura destesdo lado esquerdo circula sangue arterial, não existindo mistura destes
dois tipos de sangue no coração.dois tipos de sangue no coração.
Sistema Circulatório
 A circulação sanguínea podeA circulação sanguínea pode
ser dividida em dois grandesser dividida em dois grandes
circuitos: um leva sangue aoscircuitos: um leva sangue aos
pulmões, para oxigená-lo, epulmões, para oxigená-lo, e
outro leva sangue oxigenadooutro leva sangue oxigenado
a todas as células do corpo.a todas as células do corpo.
 Por isso se diz que nossaPor isso se diz que nossa
circulação écirculação é dupladupla..
Sistema Circulatório
 O trajecto ventrículo direitoO trajecto ventrículo direito 
pulmõespulmões  aurícula esquerda éaurícula esquerda é
denominadodenominado circulaçãocirculação
pulmonarpulmonar ouou pequenapequena
circulaçãocirculação..
 O trajecto ventrículo esquerdoO trajecto ventrículo esquerdo 
todos os órgãostodos os órgãos  aurículaaurícula
direita é denominadodireita é denominado circulaçãocirculação
sistémicasistémica ouou grandegrande
circulaçãocirculação..
Circulação Pulmonar
 Tem como função oxigenar o sangue,Tem como função oxigenar o sangue,
que ocorre nos pulmões.que ocorre nos pulmões.
 Esta circulação começa com a saída doEsta circulação começa com a saída do
sangue do ventrículo direito pela artériasangue do ventrículo direito pela artéria
pulmonar, passagem do sangue pelospulmonar, passagem do sangue pelos
pulmões (com trocas gasosas –pulmões (com trocas gasosas –
hematose pulmonarhematose pulmonar) e o regresso do) e o regresso do
sangue ao coração, à aurículasangue ao coração, à aurícula
esquerda, através das veiasesquerda, através das veias
pulmonares.pulmonares.
Circulação Sistémica
 Tem como função a distribuição deTem como função a distribuição de
oxigénio e nutrientes por todas asoxigénio e nutrientes por todas as
células do organismo.células do organismo.
 O sangue arterial sai do ventrículoO sangue arterial sai do ventrículo
esquerdo, pela artéria aorta para todoesquerdo, pela artéria aorta para todo
o corpo e regressa ao coração, maiso corpo e regressa ao coração, mais
concretamente à aurícula direitaconcretamente à aurícula direita
(agora rico em CO2 e pobre em O2(agora rico em CO2 e pobre em O2
– venoso ) pela veia cava inferior, da– venoso ) pela veia cava inferior, da
parte inferior do corpo e pela veiaparte inferior do corpo e pela veia
cava superior, da parte superior docava superior, da parte superior do
corpo (cabeça).corpo (cabeça).
Ao contrário do que se pensava, os
problemas cardíacos podem atingir pessoas
de qualquer idade, inclusive adolescentes.
 Stress, vida sedentária, tabagismo, álcool em excesso, muitosStress, vida sedentária, tabagismo, álcool em excesso, muitos
males irreparáveis ao coração. Mas, mesmo com as insistentesmales irreparáveis ao coração. Mas, mesmo com as insistentes
campanhas publicitárias, conselhos de médicos e de especialistas,campanhas publicitárias, conselhos de médicos e de especialistas,
pouca gente dá a atenção devida a este perigo, que aflige milhõespouca gente dá a atenção devida a este perigo, que aflige milhões
de pessoas, e o que é pior, pouca gente sabe que os problemasde pessoas, e o que é pior, pouca gente sabe que os problemas
cardíacos também podem atingir pessoas jovens - inclusive oscardíacos também podem atingir pessoas jovens - inclusive os
adolescentes. Além disso, uma pessoa que também tenha umaadolescentes. Além disso, uma pessoa que também tenha uma
vida normal, que faça exercícios com frequência, não fuma, nemvida normal, que faça exercícios com frequência, não fuma, nem
bebe e que viva com tranquilidade, sem preocupações tambémbebe e que viva com tranquilidade, sem preocupações também
pode ter problemas com o coração.pode ter problemas com o coração.
Hipertensão Arterial
 É, geralmente, uma elevação anormal da pressão dentro dasÉ, geralmente, uma elevação anormal da pressão dentro das
artérias.artérias.
 Aumenta o risco de perturbações como o AVC, a ruptura de umAumenta o risco de perturbações como o AVC, a ruptura de um
aneurisma, uma insuficiência cardíaca, um enfarte do miocárdio.aneurisma, uma insuficiência cardíaca, um enfarte do miocárdio.
 Refere-se a um quadro de pressão arterial elevada,Refere-se a um quadro de pressão arterial elevada,
independentemente da causa, valores superiores a 120/80 mmHg.independentemente da causa, valores superiores a 120/80 mmHg.
 Chama-se-lhe «o assassino silencioso» porque, geralmente nãoChama-se-lhe «o assassino silencioso» porque, geralmente não
causa sintomas durante muitos anos (até que lesiona um órgãocausa sintomas durante muitos anos (até que lesiona um órgão
vital).vital).
Aterosclerose
Já vimos que as artérias são tubos, ou vasos sanguíneos, que
levam o sangue do coração para todas as partes do organismo.
O seu interior deve ser liso e permitir a livre passagem do sangue
circulante.
No entanto, com o passar dos anos e com a contribuição de vários
factores perniciosos (chamados factores de risco), podem-se formar
placas duras e gordurosas no interior das artérias.
Estas, à medida que vão aumentando de tamanho e irregularidade,
tornam mais difícil a passagem do sangue e as artérias perdem
elasticidade. Denominam-se placas ateroscleróticas e este processo
é denominado aterosclerose.
Angina de Peito
 É uma dor torácica transitória ou uma sensação de pressão que se
produz quando o músculo cardíaco não recebe oxigénio suficiente.
 Resulta de uma doença das artérias coronárias  levam o sangue
ao músculo cardíaco  estas não recebem sangue suficiente
devido a uma anomalia que reduz o fluxo sanguíneo,
consequentemente, as células do miocárdio não recebem o
oxigénio e morrem, desencadeando um episódio de dor.dor.
Infarto do MiocárdioInfarto do Miocárdio
 É uma lesão no músculo cardíaco causada pela obstrução daÉ uma lesão no músculo cardíaco causada pela obstrução da
artéria coronária, responsável pela irrigação do coração.artéria coronária, responsável pela irrigação do coração.
 Quando a artéria entope, parte do músculo cardíaco (miocárdio)Quando a artéria entope, parte do músculo cardíaco (miocárdio)
deixa de receber sangue e nutrientes.deixa de receber sangue e nutrientes.
 Cerca de 20 minutos depois, essa privação mata os tecidos daCerca de 20 minutos depois, essa privação mata os tecidos da
região atingida.região atingida.
 Quanto maior a artéria bloqueada, maior a área afectada.Quanto maior a artéria bloqueada, maior a área afectada.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

7.sistema circulatorio
7.sistema circulatorio7.sistema circulatorio
7.sistema circulatorio
Natha Fisioterapia
 
Sistema Circulatório por Marcio Colucci
Sistema Circulatório por Marcio ColucciSistema Circulatório por Marcio Colucci
Sistema Circulatório por Marcio Colucci
Marcio Colucci
 
Sistema Cardiovascular
Sistema CardiovascularSistema Cardiovascular
Sistema Cardiovascular
rodrigogs7
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Rosa Pereira
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
Projecto Alunos Inovadores
 
1202258760 sistema circulatorio
1202258760 sistema circulatorio1202258760 sistema circulatorio
1202258760 sistema circulatorio
Pelo Siro
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
escolaodeteribaroli
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
Lara Cardoso
 
Sistema Circulatório/ Cardiovascular
Sistema Circulatório/ CardiovascularSistema Circulatório/ Cardiovascular
Sistema Circulatório/ Cardiovascular
Grazi Grazi
 
Sistema circulatório 6º ano
Sistema circulatório 6º anoSistema circulatório 6º ano
Sistema circulatório 6º ano
Isabel Ribeiro
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
IsmaellyCrystynne
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
rukka
 
sistemas circ e excretor
sistemas circ e excretorsistemas circ e excretor
sistemas circ e excretor
Antenogenes Negrão
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
Ricardo Oliveira
 
Sistema cardiovascular e o sangue
Sistema cardiovascular e o sangueSistema cardiovascular e o sangue
Sistema cardiovascular e o sangue
robioprof
 
Sangue
SangueSangue
Sangue
Sofia Mendes
 
O Sangue e o Sistema Circulatorio
O Sangue e o Sistema CirculatorioO Sangue e o Sistema Circulatorio
O Sangue e o Sistema Circulatorio
António Machado
 
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de ComunicaçãoSistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
guest19e4f2
 
Lista exercicios sistema cardiovascular
Lista exercicios sistema cardiovascularLista exercicios sistema cardiovascular
Lista exercicios sistema cardiovascular
educafro
 
Cap 04 circulação e excreção
Cap 04 circulação e excreçãoCap 04 circulação e excreção
Cap 04 circulação e excreção
Grazielly Katarinni Gomes Lemos
 

Mais procurados (20)

7.sistema circulatorio
7.sistema circulatorio7.sistema circulatorio
7.sistema circulatorio
 
Sistema Circulatório por Marcio Colucci
Sistema Circulatório por Marcio ColucciSistema Circulatório por Marcio Colucci
Sistema Circulatório por Marcio Colucci
 
Sistema Cardiovascular
Sistema CardiovascularSistema Cardiovascular
Sistema Cardiovascular
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
 
1202258760 sistema circulatorio
1202258760 sistema circulatorio1202258760 sistema circulatorio
1202258760 sistema circulatorio
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
 
Sistema Circulatório/ Cardiovascular
Sistema Circulatório/ CardiovascularSistema Circulatório/ Cardiovascular
Sistema Circulatório/ Cardiovascular
 
Sistema circulatório 6º ano
Sistema circulatório 6º anoSistema circulatório 6º ano
Sistema circulatório 6º ano
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
sistemas circ e excretor
sistemas circ e excretorsistemas circ e excretor
sistemas circ e excretor
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
 
Sistema cardiovascular e o sangue
Sistema cardiovascular e o sangueSistema cardiovascular e o sangue
Sistema cardiovascular e o sangue
 
Sangue
SangueSangue
Sangue
 
O Sangue e o Sistema Circulatorio
O Sangue e o Sistema CirculatorioO Sangue e o Sistema Circulatorio
O Sangue e o Sistema Circulatorio
 
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de ComunicaçãoSistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
Sistema Circulatório,apresentação da Joana Simões,6ºE para a aula de Comunicação
 
Lista exercicios sistema cardiovascular
Lista exercicios sistema cardiovascularLista exercicios sistema cardiovascular
Lista exercicios sistema cardiovascular
 
Cap 04 circulação e excreção
Cap 04 circulação e excreçãoCap 04 circulação e excreção
Cap 04 circulação e excreção
 

Destaque

Ejercicios finales de mecanismos
Ejercicios finales de mecanismosEjercicios finales de mecanismos
Ejercicios finales de mecanismos
blascotecnologia
 
Portfólio Sergio Sachi
Portfólio  Sergio SachiPortfólio  Sergio Sachi
Portfólio Sergio Sachi
Segiosachi
 
El telegrafo.23 11-2011
El telegrafo.23 11-2011El telegrafo.23 11-2011
El telegrafo.23 11-2011
Marlon Erazo
 
Seminario nº6 (3)
Seminario nº6 (3)Seminario nº6 (3)
Seminario nº6 (3)
Cota Quintana
 
Vida Amorosa - Ecologia
Vida Amorosa - EcologiaVida Amorosa - Ecologia
Vida Amorosa - Ecologia
Fura Bolha
 
It 33 benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
It 33   benedito g.d.rodrigues - informe tecnicoIt 33   benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
It 33 benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
Douglas Oliveira
 
Pontes do porto
Pontes do portoPontes do porto
Pontes do porto
Paula Andrade
 
Barra de herramientas
Barra de herramientasBarra de herramientas
Barra de herramientas
Alex Javier
 
IA - Aula 03 - Agentes parte 1
IA - Aula 03 - Agentes parte 1IA - Aula 03 - Agentes parte 1
IA - Aula 03 - Agentes parte 1
Andrei Formiga
 
Rivera campestre joana
Rivera campestre joanaRivera campestre joana
Rivera campestre joana
UABC
 
Chitarra romana
Chitarra romanaChitarra romana
Chitarra romana
Umberto Pacheco
 
São Paulo
São PauloSão Paulo
Unidade 2 parte 2
Unidade 2   parte 2Unidade 2   parte 2
Unidade 2 parte 2
Daniel Suzarte
 
Metro Lisboa
Metro LisboaMetro Lisboa
Metro Lisboa
José Antonio Cardoso
 
5ª arquitetura
5ª arquitetura5ª arquitetura
5ª arquitetura
jeffreitas
 
Transmissão de calor ou propagação
Transmissão de calor ou propagaçãoTransmissão de calor ou propagação
Transmissão de calor ou propagação
Nayane Santos
 
Porto - Feitoria Inglesa
Porto - Feitoria InglesaPorto - Feitoria Inglesa
Porto - Feitoria Inglesa
José Antonio Cardoso
 
La Cronica 537
La Cronica 537La Cronica 537
Apresentao uno e avivamento na igreja ii
Apresentao   uno e avivamento na igreja iiApresentao   uno e avivamento na igreja ii
Apresentao uno e avivamento na igreja ii
eschappy
 

Destaque (20)

Ejercicios finales de mecanismos
Ejercicios finales de mecanismosEjercicios finales de mecanismos
Ejercicios finales de mecanismos
 
Portfólio Sergio Sachi
Portfólio  Sergio SachiPortfólio  Sergio Sachi
Portfólio Sergio Sachi
 
El telegrafo.23 11-2011
El telegrafo.23 11-2011El telegrafo.23 11-2011
El telegrafo.23 11-2011
 
Seminario nº6 (3)
Seminario nº6 (3)Seminario nº6 (3)
Seminario nº6 (3)
 
Vida Amorosa - Ecologia
Vida Amorosa - EcologiaVida Amorosa - Ecologia
Vida Amorosa - Ecologia
 
It 33 benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
It 33   benedito g.d.rodrigues - informe tecnicoIt 33   benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
It 33 benedito g.d.rodrigues - informe tecnico
 
Pontes do porto
Pontes do portoPontes do porto
Pontes do porto
 
Jun 12
Jun 12Jun 12
Jun 12
 
Barra de herramientas
Barra de herramientasBarra de herramientas
Barra de herramientas
 
IA - Aula 03 - Agentes parte 1
IA - Aula 03 - Agentes parte 1IA - Aula 03 - Agentes parte 1
IA - Aula 03 - Agentes parte 1
 
Rivera campestre joana
Rivera campestre joanaRivera campestre joana
Rivera campestre joana
 
Chitarra romana
Chitarra romanaChitarra romana
Chitarra romana
 
São Paulo
São PauloSão Paulo
São Paulo
 
Unidade 2 parte 2
Unidade 2   parte 2Unidade 2   parte 2
Unidade 2 parte 2
 
Metro Lisboa
Metro LisboaMetro Lisboa
Metro Lisboa
 
5ª arquitetura
5ª arquitetura5ª arquitetura
5ª arquitetura
 
Transmissão de calor ou propagação
Transmissão de calor ou propagaçãoTransmissão de calor ou propagação
Transmissão de calor ou propagação
 
Porto - Feitoria Inglesa
Porto - Feitoria InglesaPorto - Feitoria Inglesa
Porto - Feitoria Inglesa
 
La Cronica 537
La Cronica 537La Cronica 537
La Cronica 537
 
Apresentao uno e avivamento na igreja ii
Apresentao   uno e avivamento na igreja iiApresentao   uno e avivamento na igreja ii
Apresentao uno e avivamento na igreja ii
 

Semelhante a Sistema circulatório andreia

Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
bandeiraneidi
 
Sistema cardiovascular biologia
Sistema cardiovascular biologiaSistema cardiovascular biologia
Sistema cardiovascular biologia
Uiles Martins
 
Sistema Circulatorio
Sistema CirculatorioSistema Circulatorio
Sistema Circulatorio
António Pires
 
123175516_sistema_circulatorio.pdf
123175516_sistema_circulatorio.pdf123175516_sistema_circulatorio.pdf
123175516_sistema_circulatorio.pdf
DinisOliveira30
 
Sistema circulatorio para estudo
Sistema circulatorio para estudoSistema circulatorio para estudo
Sistema circulatorio para estudo
Pedro Moura
 
Texto cardiovascular
Texto cardiovascularTexto cardiovascular
Texto cardiovascular
Celia
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
MariaJoão Agualuza
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
MariaJoão Agualuza
 
sistema_circulatorio_2.ppt
sistema_circulatorio_2.pptsistema_circulatorio_2.ppt
sistema_circulatorio_2.ppt
ElisMaria15
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
DesconFiles
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
mceducar
 
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptxAula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
RodrigoSousa736857
 
sistema circulatorio
 sistema circulatorio sistema circulatorio
sistema circulatorio
Roberto Barbosa Souza
 
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
MrioMariano2
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
Fernando Moreira
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Joaquim André
 
Sistema CirculatóRio
Sistema CirculatóRioSistema CirculatóRio
Sistema CirculatóRio
Segundo B
 
Circulatorio
CirculatorioCirculatorio
Circulatorio
biomedunifil
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
Pedro Torres
 
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptxUFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
Nome Sobrenome
 

Semelhante a Sistema circulatório andreia (20)

Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
Sistema cardiovascular biologia
Sistema cardiovascular biologiaSistema cardiovascular biologia
Sistema cardiovascular biologia
 
Sistema Circulatorio
Sistema CirculatorioSistema Circulatorio
Sistema Circulatorio
 
123175516_sistema_circulatorio.pdf
123175516_sistema_circulatorio.pdf123175516_sistema_circulatorio.pdf
123175516_sistema_circulatorio.pdf
 
Sistema circulatorio para estudo
Sistema circulatorio para estudoSistema circulatorio para estudo
Sistema circulatorio para estudo
 
Texto cardiovascular
Texto cardiovascularTexto cardiovascular
Texto cardiovascular
 
Sistema Circulatório
Sistema CirculatórioSistema Circulatório
Sistema Circulatório
 
Sistema cardiovascular
Sistema cardiovascularSistema cardiovascular
Sistema cardiovascular
 
sistema_circulatorio_2.ppt
sistema_circulatorio_2.pptsistema_circulatorio_2.ppt
sistema_circulatorio_2.ppt
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptxAula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
Aula MANHÃ - SISTEMA CARDIOVASCULAR.pptx
 
sistema circulatorio
 sistema circulatorio sistema circulatorio
sistema circulatorio
 
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
7. S. Cardiovascular_1 (1).pdf
 
Sistema circulatorio
Sistema circulatorioSistema circulatorio
Sistema circulatorio
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
Sistema CirculatóRio
Sistema CirculatóRioSistema CirculatóRio
Sistema CirculatóRio
 
Circulatorio
CirculatorioCirculatorio
Circulatorio
 
Sistema circulatório
Sistema circulatórioSistema circulatório
Sistema circulatório
 
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptxUFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
UFCD 6568- Noções Gerais do Sistema Circulatório e.pptx
 

Mais de Andreia Margarido

O telefone
O telefoneO telefone
O telefone
Andreia Margarido
 
O ave é um rio português
O ave é um rio portuguêsO ave é um rio português
O ave é um rio português
Andreia Margarido
 
A noite dos cristais
A noite dos cristaisA noite dos cristais
A noite dos cristais
Andreia Margarido
 
Advérbios subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
Advérbios    subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)Advérbios    subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
Advérbios subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
Andreia Margarido
 
6orações coordenadas e subordinadas exercícios iv (blog9 15-16)
6orações coordenadas e subordinadas   exercícios iv (blog9 15-16)6orações coordenadas e subordinadas   exercícios iv (blog9 15-16)
6orações coordenadas e subordinadas exercícios iv (blog9 15-16)
Andreia Margarido
 
Ficha de-trabalho-1-quc3admica
Ficha de-trabalho-1-quc3admicaFicha de-trabalho-1-quc3admica
Ficha de-trabalho-1-quc3admica
Andreia Margarido
 
Advérbios
AdvérbiosAdvérbios
Advérbios
Andreia Margarido
 
Gramatica resumo
Gramatica resumoGramatica resumo
Gramatica resumo
Andreia Margarido
 
Preposições de tempo ingles
Preposições de tempo inglesPreposições de tempo ingles
Preposições de tempo ingles
Andreia Margarido
 
Gramatica resumo
Gramatica resumoGramatica resumo
Gramatica resumo
Andreia Margarido
 
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Andreia Margarido
 
Micróbios causadores de doenças
Micróbios causadores de doençasMicróbios causadores de doenças
Micróbios causadores de doenças
Andreia Margarido
 
7º ano minerais
7º ano  minerais7º ano  minerais
7º ano minerais
Andreia Margarido
 
Ficha global mat
Ficha global matFicha global mat
Ficha global mat
Andreia Margarido
 
Reproduçao animais
Reproduçao animaisReproduçao animais
Reproduçao animais
Andreia Margarido
 
1º teste historia 7º ano neolitico
1º teste historia 7º ano neolitico1º teste historia 7º ano neolitico
1º teste historia 7º ano neolitico
Andreia Margarido
 
Artigos
ArtigosArtigos
6º ano historia
6º ano historia6º ano historia
6º ano historia
Andreia Margarido
 
Regulamento da Academia ao Quadrado
Regulamento da Academia ao QuadradoRegulamento da Academia ao Quadrado
Regulamento da Academia ao Quadrado
Andreia Margarido
 
Regulamento Férias Verão 2011
Regulamento Férias Verão 2011Regulamento Férias Verão 2011
Regulamento Férias Verão 2011
Andreia Margarido
 

Mais de Andreia Margarido (20)

O telefone
O telefoneO telefone
O telefone
 
O ave é um rio português
O ave é um rio portuguêsO ave é um rio português
O ave é um rio português
 
A noite dos cristais
A noite dos cristaisA noite dos cristais
A noite dos cristais
 
Advérbios subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
Advérbios    subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)Advérbios    subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
Advérbios subclasses e flexão (blog7 09-10) (2)
 
6orações coordenadas e subordinadas exercícios iv (blog9 15-16)
6orações coordenadas e subordinadas   exercícios iv (blog9 15-16)6orações coordenadas e subordinadas   exercícios iv (blog9 15-16)
6orações coordenadas e subordinadas exercícios iv (blog9 15-16)
 
Ficha de-trabalho-1-quc3admica
Ficha de-trabalho-1-quc3admicaFicha de-trabalho-1-quc3admica
Ficha de-trabalho-1-quc3admica
 
Advérbios
AdvérbiosAdvérbios
Advérbios
 
Gramatica resumo
Gramatica resumoGramatica resumo
Gramatica resumo
 
Preposições de tempo ingles
Preposições de tempo inglesPreposições de tempo ingles
Preposições de tempo ingles
 
Gramatica resumo
Gramatica resumoGramatica resumo
Gramatica resumo
 
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
Ficha de trabalho nº 9 (países europeus)
 
Micróbios causadores de doenças
Micróbios causadores de doençasMicróbios causadores de doenças
Micróbios causadores de doenças
 
7º ano minerais
7º ano  minerais7º ano  minerais
7º ano minerais
 
Ficha global mat
Ficha global matFicha global mat
Ficha global mat
 
Reproduçao animais
Reproduçao animaisReproduçao animais
Reproduçao animais
 
1º teste historia 7º ano neolitico
1º teste historia 7º ano neolitico1º teste historia 7º ano neolitico
1º teste historia 7º ano neolitico
 
Artigos
ArtigosArtigos
Artigos
 
6º ano historia
6º ano historia6º ano historia
6º ano historia
 
Regulamento da Academia ao Quadrado
Regulamento da Academia ao QuadradoRegulamento da Academia ao Quadrado
Regulamento da Academia ao Quadrado
 
Regulamento Férias Verão 2011
Regulamento Férias Verão 2011Regulamento Férias Verão 2011
Regulamento Férias Verão 2011
 

Último

Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
marcos oliveira
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 

Sistema circulatório andreia

  • 1. Sistema CirculatórioSistema Circulatório Sangue – constituintes e respectivas funções;Sangue – constituintes e respectivas funções; Funções do Sistema Circulatório;Funções do Sistema Circulatório; Estrutura do coração;Estrutura do coração; Circulação sanguínea;Circulação sanguínea; Disfunções do Sistema Circulatório.Disfunções do Sistema Circulatório.
  • 2. Sangue – Constituintes e respectivas funções  O sangue é constituído por:O sangue é constituído por:  uma fracção líquida – ouma fracção líquida – o plasmaplasma  por células sanguíneas –por células sanguíneas – glóbulos vermelhosglóbulos vermelhos (hemácias ou(hemácias ou eritrócitos),eritrócitos), glóbulos brancosglóbulos brancos( ou leucócitos) e( ou leucócitos) e plaquetasplaquetas sanguíneassanguíneas (ou trombócitos).(ou trombócitos).
  • 3. O plasma  É um líquido de cor amarelada constituído por 90% de água, ondeÉ um líquido de cor amarelada constituído por 90% de água, onde se encontram dissolvidos ou em suspensão proteínas, saisse encontram dissolvidos ou em suspensão proteínas, sais minerais, outros nutrientes, gases e resíduos provenientes daminerais, outros nutrientes, gases e resíduos provenientes da actividade das células.actividade das células.  Desempenha funções de transporteDesempenha funções de transporte
  • 4. Os glóbulos vermelhos  São as células mais numerosas do sangue.São as células mais numerosas do sangue.  Têm a forma de disco bicôncavo (pouco espessas no centro), o que lhes permiteTêm a forma de disco bicôncavo (pouco espessas no centro), o que lhes permite passar pelos capilares mais estreitos.passar pelos capilares mais estreitos.  Na sua constituição encontra-se um pigmento vermelho – a hemoglobina –queNa sua constituição encontra-se um pigmento vermelho – a hemoglobina –que dá a cor ao sangue. A hemoglobina é uma proteína que contém ferro.dá a cor ao sangue. A hemoglobina é uma proteína que contém ferro.  Têm como funções: o transporte de oxigénio dos pulmões para todas as célulasTêm como funções: o transporte de oxigénio dos pulmões para todas as células e tecidos do organismo, onde o trocam por dióxido de carbono.e tecidos do organismo, onde o trocam por dióxido de carbono.
  • 5. Os glóbulos brancos  São as células sanguíneas de maiores dimensões e as únicas queSão as células sanguíneas de maiores dimensões e as únicas que possuem núcleo (de diferentes formas).possuem núcleo (de diferentes formas).  São menos numerosas do que os glóbulos vermelhos.São menos numerosas do que os glóbulos vermelhos.  Têm como função proteger o organismo contra certos microrganismos eTêm como função proteger o organismo contra certos microrganismos e agentes estranhos.agentes estranhos.
  • 6. As plaquetas  São fragmentos de células, sendo por isso os constituintesSão fragmentos de células, sendo por isso os constituintes mais pequenos do sangue, com aproximadamente ummais pequenos do sangue, com aproximadamente um quarto do tamanho dos glóbulos vermelhos.quarto do tamanho dos glóbulos vermelhos.  As plaquetas intervêm no processo de coagulação doAs plaquetas intervêm no processo de coagulação do sangue, que ocorre sempre que os vasos sanguíneos ousangue, que ocorre sempre que os vasos sanguíneos ou um tecido for danificado.um tecido for danificado.
  • 7. Sistema Circulatório  É constituído peloÉ constituído pelo coraçãocoração e pore por vasos sanguíneosvasos sanguíneos -- artériasartérias,, veiasveias ee capilares.capilares.  AsAs artériasartérias são responsáveis pela saída do sangue para as restantessão responsáveis pela saída do sangue para as restantes partes do corpo, são mais espessas que as veias.partes do corpo, são mais espessas que as veias.  AsAs veiasveias, são responsáveis pela chegada do sangue ao coração, ao, são responsáveis pela chegada do sangue ao coração, ao contrário da ideia muitas vezes generalizada não transportam apenascontrário da ideia muitas vezes generalizada não transportam apenas sangue venoso, mas também arterial (ex. Veias pulmonares).sangue venoso, mas também arterial (ex. Veias pulmonares).  OsOs capilarescapilares são os vasos de menor calibre. A sua parede possui umasão os vasos de menor calibre. A sua parede possui uma única camada de células e ramificam-se por todo o corpo.única camada de células e ramificam-se por todo o corpo.  Por fim, oPor fim, o coraçãocoração, é um poderoso músculo (miocárdio) que bombeia o, é um poderoso músculo (miocárdio) que bombeia o sangue para todo o organismosangue para todo o organismo..
  • 8. Funções Sistema Circulatório  Transporte de gases resultantes da respiração eTransporte de gases resultantes da respiração e necessários para a respiração celular;necessários para a respiração celular;  Transporte de nutrientes e substânciasTransporte de nutrientes e substâncias resultantes do metabolismo;resultantes do metabolismo;  Transporte de elementos do sistema imunitário.Transporte de elementos do sistema imunitário.
  • 10. Estrutura do coração  O coração, é constituído por 4 cavidades:O coração, é constituído por 4 cavidades: 2 aurícula e dois2 aurícula e dois ventrículosventrículos..  As aurícula recebem o sangue, enquanto que é dosAs aurícula recebem o sangue, enquanto que é dos ventrículos que o sangue abandona o coração.ventrículos que o sangue abandona o coração.  O músculo cardíaco designa-se porO músculo cardíaco designa-se por miocárdiomiocárdio e ée é responsável pelos seus movimentos rítmicos.responsável pelos seus movimentos rítmicos.  Entre o ventrículo esquerdo e direito encontra-se umEntre o ventrículo esquerdo e direito encontra-se um septosepto.. As aurículas comunicam com os ventrículos porAs aurículas comunicam com os ventrículos por válvulas.válvulas.
  • 11. Estrutura do coração  O miocárdio do ventrículo esquerdo é mais espesso que do ventrículoO miocárdio do ventrículo esquerdo é mais espesso que do ventrículo direito, já que precisa gerar uma maior pressão para impulsionar odireito, já que precisa gerar uma maior pressão para impulsionar o sangue por todo o corpo através da artéria aorta.sangue por todo o corpo através da artéria aorta.  No início da artéria aorta e artéria pulmonar existem válvulas. Estas têmNo início da artéria aorta e artéria pulmonar existem válvulas. Estas têm como função permitir que o sangue circule num, e apenas num,como função permitir que o sangue circule num, e apenas num, determinado sentido.determinado sentido.  NNo lado direito do coração circula apenas sangue venoso, enquanto queo lado direito do coração circula apenas sangue venoso, enquanto que do lado esquerdo circula sangue arterial, não existindo mistura destesdo lado esquerdo circula sangue arterial, não existindo mistura destes dois tipos de sangue no coração.dois tipos de sangue no coração.
  • 12. Sistema Circulatório  A circulação sanguínea podeA circulação sanguínea pode ser dividida em dois grandesser dividida em dois grandes circuitos: um leva sangue aoscircuitos: um leva sangue aos pulmões, para oxigená-lo, epulmões, para oxigená-lo, e outro leva sangue oxigenadooutro leva sangue oxigenado a todas as células do corpo.a todas as células do corpo.  Por isso se diz que nossaPor isso se diz que nossa circulação écirculação é dupladupla..
  • 13. Sistema Circulatório  O trajecto ventrículo direitoO trajecto ventrículo direito  pulmõespulmões  aurícula esquerda éaurícula esquerda é denominadodenominado circulaçãocirculação pulmonarpulmonar ouou pequenapequena circulaçãocirculação..  O trajecto ventrículo esquerdoO trajecto ventrículo esquerdo  todos os órgãostodos os órgãos  aurículaaurícula direita é denominadodireita é denominado circulaçãocirculação sistémicasistémica ouou grandegrande circulaçãocirculação..
  • 14. Circulação Pulmonar  Tem como função oxigenar o sangue,Tem como função oxigenar o sangue, que ocorre nos pulmões.que ocorre nos pulmões.  Esta circulação começa com a saída doEsta circulação começa com a saída do sangue do ventrículo direito pela artériasangue do ventrículo direito pela artéria pulmonar, passagem do sangue pelospulmonar, passagem do sangue pelos pulmões (com trocas gasosas –pulmões (com trocas gasosas – hematose pulmonarhematose pulmonar) e o regresso do) e o regresso do sangue ao coração, à aurículasangue ao coração, à aurícula esquerda, através das veiasesquerda, através das veias pulmonares.pulmonares.
  • 15. Circulação Sistémica  Tem como função a distribuição deTem como função a distribuição de oxigénio e nutrientes por todas asoxigénio e nutrientes por todas as células do organismo.células do organismo.  O sangue arterial sai do ventrículoO sangue arterial sai do ventrículo esquerdo, pela artéria aorta para todoesquerdo, pela artéria aorta para todo o corpo e regressa ao coração, maiso corpo e regressa ao coração, mais concretamente à aurícula direitaconcretamente à aurícula direita (agora rico em CO2 e pobre em O2(agora rico em CO2 e pobre em O2 – venoso ) pela veia cava inferior, da– venoso ) pela veia cava inferior, da parte inferior do corpo e pela veiaparte inferior do corpo e pela veia cava superior, da parte superior docava superior, da parte superior do corpo (cabeça).corpo (cabeça).
  • 16. Ao contrário do que se pensava, os problemas cardíacos podem atingir pessoas de qualquer idade, inclusive adolescentes.  Stress, vida sedentária, tabagismo, álcool em excesso, muitosStress, vida sedentária, tabagismo, álcool em excesso, muitos males irreparáveis ao coração. Mas, mesmo com as insistentesmales irreparáveis ao coração. Mas, mesmo com as insistentes campanhas publicitárias, conselhos de médicos e de especialistas,campanhas publicitárias, conselhos de médicos e de especialistas, pouca gente dá a atenção devida a este perigo, que aflige milhõespouca gente dá a atenção devida a este perigo, que aflige milhões de pessoas, e o que é pior, pouca gente sabe que os problemasde pessoas, e o que é pior, pouca gente sabe que os problemas cardíacos também podem atingir pessoas jovens - inclusive oscardíacos também podem atingir pessoas jovens - inclusive os adolescentes. Além disso, uma pessoa que também tenha umaadolescentes. Além disso, uma pessoa que também tenha uma vida normal, que faça exercícios com frequência, não fuma, nemvida normal, que faça exercícios com frequência, não fuma, nem bebe e que viva com tranquilidade, sem preocupações tambémbebe e que viva com tranquilidade, sem preocupações também pode ter problemas com o coração.pode ter problemas com o coração.
  • 17. Hipertensão Arterial  É, geralmente, uma elevação anormal da pressão dentro dasÉ, geralmente, uma elevação anormal da pressão dentro das artérias.artérias.  Aumenta o risco de perturbações como o AVC, a ruptura de umAumenta o risco de perturbações como o AVC, a ruptura de um aneurisma, uma insuficiência cardíaca, um enfarte do miocárdio.aneurisma, uma insuficiência cardíaca, um enfarte do miocárdio.  Refere-se a um quadro de pressão arterial elevada,Refere-se a um quadro de pressão arterial elevada, independentemente da causa, valores superiores a 120/80 mmHg.independentemente da causa, valores superiores a 120/80 mmHg.  Chama-se-lhe «o assassino silencioso» porque, geralmente nãoChama-se-lhe «o assassino silencioso» porque, geralmente não causa sintomas durante muitos anos (até que lesiona um órgãocausa sintomas durante muitos anos (até que lesiona um órgão vital).vital).
  • 18. Aterosclerose Já vimos que as artérias são tubos, ou vasos sanguíneos, que levam o sangue do coração para todas as partes do organismo. O seu interior deve ser liso e permitir a livre passagem do sangue circulante. No entanto, com o passar dos anos e com a contribuição de vários factores perniciosos (chamados factores de risco), podem-se formar placas duras e gordurosas no interior das artérias. Estas, à medida que vão aumentando de tamanho e irregularidade, tornam mais difícil a passagem do sangue e as artérias perdem elasticidade. Denominam-se placas ateroscleróticas e este processo é denominado aterosclerose.
  • 19. Angina de Peito  É uma dor torácica transitória ou uma sensação de pressão que se produz quando o músculo cardíaco não recebe oxigénio suficiente.  Resulta de uma doença das artérias coronárias  levam o sangue ao músculo cardíaco  estas não recebem sangue suficiente devido a uma anomalia que reduz o fluxo sanguíneo, consequentemente, as células do miocárdio não recebem o oxigénio e morrem, desencadeando um episódio de dor.dor.
  • 20. Infarto do MiocárdioInfarto do Miocárdio  É uma lesão no músculo cardíaco causada pela obstrução daÉ uma lesão no músculo cardíaco causada pela obstrução da artéria coronária, responsável pela irrigação do coração.artéria coronária, responsável pela irrigação do coração.  Quando a artéria entope, parte do músculo cardíaco (miocárdio)Quando a artéria entope, parte do músculo cardíaco (miocárdio) deixa de receber sangue e nutrientes.deixa de receber sangue e nutrientes.  Cerca de 20 minutos depois, essa privação mata os tecidos daCerca de 20 minutos depois, essa privação mata os tecidos da região atingida.região atingida.  Quanto maior a artéria bloqueada, maior a área afectada.Quanto maior a artéria bloqueada, maior a área afectada.