SlideShare uma empresa Scribd logo
Resumão
Criou Deus o homem à sua
imagem, à imagem de Deus o
criou; homem e mulher os criou.
Deus os abençoou, e lhes disse:
"Sejam férteis e multipliquem-se!
Encham e subjuguem a terra!
Dominem sobre os peixes do mar,
sobre as aves do céu e sobre
todos os animais que se movem
pela terra". Gênesis 1:27,28
E a terra se encherá do
conhecimento da glória do
Senhor, como as águas enchem o
mar. Habacuque 2:14
Portanto, vão e façam
discípulos de todas as nações,
batizando-os em nome do Pai e
do Filho e do Espírito Santo,
ensinando-os a obedecer a
tudo o que eu lhes ordenei. E
eu estarei sempre com vocês,
até o fim dos tempos".
Mateus 28:19,20
Portanto, vãoe façam
discípulos de todas as nações, batizando-
os em nome do Pai e do Filho e do Espírito
Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o
que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre
com vocês, até o fim dos tempos".
Mateus 28:19,20
Portanto, vão e façam
discípulosde
todas as nações, batizando-os em nome do Pai
e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a
obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu
estarei sempre com vocês, até o fim dos
tempos".
Mateus 28:19,20
Portanto, vão e façam discípulos
de todas as nações,
batizando-osem
nome do Pai e do Filho e do
Espírito Santo, ensinando-os a
obedecer a tudo o que eu lhes
ordenei. E eu estarei sempre com
vocês, até o fim dos tempos".
Mateus 28:19,20
Portanto, vão e façam discípulos de todas
as nações, batizando-os em nome do Pai e
do Filho e do Espírito Santo,
ensinando-osa
obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E
eu estarei sempre com vocês, até o fim
dos tempos".
Mateus 28:19,20
Resumão
E as coisas que me ouviu dizer
na presença de muitas
testemunhas, confie a homens
fiéis que sejam também
capazes de ensinar a outros.
2 Timóteo 2:2
O que aconteceria se um casal
discipulasse outros 2 casais e
um destes casais mais 1 casal?
As células são
consequência do
discipulado
Mas escolha dentre todo o
povo homens capazes,
tementes a Deus, dignos de
confiança e inimigos de ganho
desonesto. Estabeleça-os
como chefes de mil, de cem, de
cinquenta e de dez.
Êxodo 18:21
Isso é uma célula com 8
membros!
Os donos dessa casa são os
anfitriões
Este casal que discipula os
outros que por sua vez
discipulam os outros são os
líderes da célula.
A tendência é que no futuro
este casal lidere uma célula
com seus discípulos
Alguns serão os anfitriões, outros
serão secretários, e ainda outros
os diáconos… Mas todos devem
ser assíduos no TADEL.
Resumão
Mesmo que você não tenha
‘função’ nenhuma; poderá ganhar
muitas vidas e cuidar bem delas
através do discipulado e quem
sabe até, ser o próximo líder!
Para ser líder, você precisa se
qualificar!
Para ser líder, você precisa se
qualificar!
Saúdem os irmãos de
Laodicéia, bem como Ninfa e a
igreja que se reúne em sua
casa. Colossenses 4:15
à irmã Áfia, a Arquipo, nosso
companheiro de lutas, e à
igreja que se reúne com você
em sua casa. Filemom 1:2
Saúdem também a igreja que
se reúne na casa deles
Romanos 16:5
à irmã Áfia, a Arquipo, nosso
companheiro de lutas, e à
igreja que se reúne com você
em sua casa. Filemom 1:2
Somos células de um mesmo
corpo: A Igreja Fonte de Vida
Resumão
Todos os dias, no templo e de
casa em casa, não deixavam de
ensinar e proclamar que Jesus
é o Cristo. Atos 5:42
Resumão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano BLeituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
José Lima
 
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano ALeituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
José Lima
 
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
Gerson G. Ramos
 
Uma Igreja que Triunfa nas Adversidades
Uma Igreja que Triunfa nas AdversidadesUma Igreja que Triunfa nas Adversidades
Uma Igreja que Triunfa nas Adversidades
IBMemorialJC
 
Uma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
Uma Igreja Ativada pelo Espírito SantoUma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
Uma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
José Lima
 
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano BLeituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
José Lima
 
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e CLeituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
José Lima
 
Experiencia dno discipulado
Experiencia dno discipuladoExperiencia dno discipulado
Experiencia dno discipulado
Magendavid
 
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano BLeituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
José Lima
 
A GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
A  GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADORA  GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
A GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
Romildo Fernandes Gurgel Gurgel
 
Missa 11.07.10
Missa 11.07.10Missa 11.07.10
Missa 11.07.10
Rosiane Paes
 
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
Moniky Manuela Neves Oliveira
 
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano ALeituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
José Lima
 
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano CLeituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
José Lima
 
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rlQual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
HOPE Serviços
 
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
Elva Judy Nieri
 
Hebreus
HebreusHebreus
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano ALiturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
José Lima
 

Mais procurados (19)

Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano BLeituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
Leituras: 28° Domingo do Tempo Comum - Ano B
 
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano ALeituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 33º Domingo do Tempo Comum - Ano A
 
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_resumo_432013
 
Uma Igreja que Triunfa nas Adversidades
Uma Igreja que Triunfa nas AdversidadesUma Igreja que Triunfa nas Adversidades
Uma Igreja que Triunfa nas Adversidades
 
Uma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
Uma Igreja Ativada pelo Espírito SantoUma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
Uma Igreja Ativada pelo Espírito Santo
 
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
Leituras: O NATAL DO SENHOR, dia 24
 
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano BLeituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
Leituras: 4º Dsomingo do Advento - Ano B
 
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e CLeituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
Leituras: Natal dia 24 noite - Anos A, B e C
 
Experiencia dno discipulado
Experiencia dno discipuladoExperiencia dno discipulado
Experiencia dno discipulado
 
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano BLeituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
Leituras: 4° domingo da Pascoa - Ano B
 
A GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
A  GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADORA  GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
A GRANDE COMISSÃO COMO MANDATO PROCLAMADOR E TRANSFORMADOR
 
Missa 11.07.10
Missa 11.07.10Missa 11.07.10
Missa 11.07.10
 
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
Feliz aniversrio manuela 21 set 2010
 
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano ALeituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
Leituras: 31º Domingo do Tempo Comum - Ano A
 
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano CLeituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
Leituras: 2° Domingo do Tempo Comum - Ano C
 
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rlQual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
Qual é a prosperidade que DEUS tem para o homem 20150819 rl
 
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
Segunda carta de Paulo aos corintios, capítulo 8
 
Hebreus
HebreusHebreus
Hebreus
 
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano ALiturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
Liturgia das Palmas: Domingo de Ramos - Ano A
 

Destaque

Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristoDiscipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Sidinei Kauer
 
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos GruposApostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Christian Lepelletier
 
Aula de membresia - 3
Aula de membresia - 3Aula de membresia - 3
Aula de membresia - 3
Davison Almeida
 
Aula de membresia 1
Aula de membresia   1Aula de membresia   1
Aula de membresia 1
Davison Almeida
 
Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2 Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2
Davison Almeida
 
Células show de bola como preparar um encontro que edifica
Células show de bola   como preparar um encontro que edificaCélulas show de bola   como preparar um encontro que edifica
Células show de bola como preparar um encontro que edifica
Davison Almeida
 
Projeto natanael 3
Projeto natanael 3Projeto natanael 3
Projeto natanael 3
Sidinei Kauer
 
Esaú o profano
Esaú o profanoEsaú o profano
Esaú o profano
Sidinei Kauer
 
A oração do líder
A oração do líderA oração do líder
A oração do líder
Sidinei Kauer
 
Onde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indoOnde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indo
Flavio Brim
 
Célula nota 10
Célula nota 10Célula nota 10
Célula nota 10
Davison Almeida
 
Propósitos 2017
Propósitos 2017Propósitos 2017
Propósitos 2017
Sidinei Kauer
 
Vença a decepção!
Vença a decepção!Vença a decepção!
Vença a decepção!
Sidinei Kauer
 
Discipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introduçãoDiscipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introdução
Sidinei Kauer
 
Discipulado meu foco
Discipulado meu focoDiscipulado meu foco
Discipulado meu foco
Sidinei Kauer
 
O primeiro mandamento
O primeiro mandamentoO primeiro mandamento
O primeiro mandamento
Sidinei Kauer
 
Aula 05 membresia para o site
Aula 05   membresia para o siteAula 05   membresia para o site
Aula 05 membresia para o site
pbmarcelo
 
Igreja do Lar e Movimento das Células
Igreja do Lar e Movimento das CélulasIgreja do Lar e Movimento das Células
Igreja do Lar e Movimento das Células
Christian Lepelletier
 
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a UmTreinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
Christian Lepelletier
 
Natanael 3
Natanael 3 Natanael 3
Natanael 3
Davison Almeida
 

Destaque (20)

Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristoDiscipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
 
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos GruposApostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
 
Aula de membresia - 3
Aula de membresia - 3Aula de membresia - 3
Aula de membresia - 3
 
Aula de membresia 1
Aula de membresia   1Aula de membresia   1
Aula de membresia 1
 
Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2 Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2
 
Células show de bola como preparar um encontro que edifica
Células show de bola   como preparar um encontro que edificaCélulas show de bola   como preparar um encontro que edifica
Células show de bola como preparar um encontro que edifica
 
Projeto natanael 3
Projeto natanael 3Projeto natanael 3
Projeto natanael 3
 
Esaú o profano
Esaú o profanoEsaú o profano
Esaú o profano
 
A oração do líder
A oração do líderA oração do líder
A oração do líder
 
Onde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indoOnde estamos e para onde estamos indo
Onde estamos e para onde estamos indo
 
Célula nota 10
Célula nota 10Célula nota 10
Célula nota 10
 
Propósitos 2017
Propósitos 2017Propósitos 2017
Propósitos 2017
 
Vença a decepção!
Vença a decepção!Vença a decepção!
Vença a decepção!
 
Discipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introduçãoDiscipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introdução
 
Discipulado meu foco
Discipulado meu focoDiscipulado meu foco
Discipulado meu foco
 
O primeiro mandamento
O primeiro mandamentoO primeiro mandamento
O primeiro mandamento
 
Aula 05 membresia para o site
Aula 05   membresia para o siteAula 05   membresia para o site
Aula 05 membresia para o site
 
Igreja do Lar e Movimento das Células
Igreja do Lar e Movimento das CélulasIgreja do Lar e Movimento das Células
Igreja do Lar e Movimento das Células
 
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a UmTreinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
Treinamento de Líderes de Células e Discipulado Um a Um
 
Natanael 3
Natanael 3 Natanael 3
Natanael 3
 

Semelhante a Resumão

A Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
A Grande Confusão: Aguardando sua VindaA Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
A Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
Daniel Faria Jr.
 
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
ASD Remanescentes
 
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
Gerson G. Ramos
 
Alcançar é a Missão de Todos
Alcançar é a Missão de TodosAlcançar é a Missão de Todos
Alcançar é a Missão de Todos
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!
Viva a Igreja
 
O grande omissão
O grande omissãoO grande omissão
O grande omissão
Robert Blazer
 
Obra Missionária
Obra MissionáriaObra Missionária
Obra Missionária
reformaadventista
 
GGR_O chamado para o discipulado_422015
GGR_O chamado para o discipulado_422015GGR_O chamado para o discipulado_422015
GGR_O chamado para o discipulado_422015
Gerson G. Ramos
 
Igreja Mais Missional
Igreja Mais MissionalIgreja Mais Missional
Igreja Mais Missional
IBMemorialJC
 
Célula - O Coração da Igreja
Célula - O Coração da IgrejaCélula - O Coração da Igreja
Célula - O Coração da Igreja
Igreja Batista Memorial em Jardim Catarina
 
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
Setor Juventude Sergipe
 
Sete areas-de-influencia
Sete areas-de-influenciaSete areas-de-influencia
Sete areas-de-influencia
PauloGuima1
 
Port bhc
Port bhcPort bhc
Port bhc
Jose Moraes
 
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
Gerson G. Ramos
 
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGRRespostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
Gerson G. Ramos
 
Tempo de buscar e viver o Reino de Deus
Tempo de buscar e viver o Reino de DeusTempo de buscar e viver o Reino de Deus
Tempo de buscar e viver o Reino de Deus
Rodrigo Mendonça
 
O QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdfO QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdf
SEDUC-PA
 
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
IBC de Jacarepaguá
 
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdfcaractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
Tiago Silva
 
Características do obreiro coluna
Características do obreiro colunaCaracterísticas do obreiro coluna
Características do obreiro coluna
Evandro Cruz
 

Semelhante a Resumão (20)

A Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
A Grande Confusão: Aguardando sua VindaA Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
A Grande Confusão: Aguardando sua Vinda
 
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
A Ordem e a Forma do Batismo Segundo Ellen White e a Bíblia.
 
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
Testemunho e serviço: o fruto do reavivamento_Lição_original com textos_332013
 
Alcançar é a Missão de Todos
Alcançar é a Missão de TodosAlcançar é a Missão de Todos
Alcançar é a Missão de Todos
 
Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!Discipulado: uma necessidade urgente!
Discipulado: uma necessidade urgente!
 
O grande omissão
O grande omissãoO grande omissão
O grande omissão
 
Obra Missionária
Obra MissionáriaObra Missionária
Obra Missionária
 
GGR_O chamado para o discipulado_422015
GGR_O chamado para o discipulado_422015GGR_O chamado para o discipulado_422015
GGR_O chamado para o discipulado_422015
 
Igreja Mais Missional
Igreja Mais MissionalIgreja Mais Missional
Igreja Mais Missional
 
Célula - O Coração da Igreja
Célula - O Coração da IgrejaCélula - O Coração da Igreja
Célula - O Coração da Igreja
 
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
Lectio Divina rumo a JMJ Rio2013 - Tema 1
 
Sete areas-de-influencia
Sete areas-de-influenciaSete areas-de-influencia
Sete areas-de-influencia
 
Port bhc
Port bhcPort bhc
Port bhc
 
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
Rituais e cerimônias da igreja_Resumo_Liç_942012_Esc_Sab.
 
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGRRespostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
Respostas_1022016_Jesus em Jerusalém_GGR
 
Tempo de buscar e viver o Reino de Deus
Tempo de buscar e viver o Reino de DeusTempo de buscar e viver o Reino de Deus
Tempo de buscar e viver o Reino de Deus
 
O QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdfO QUE É O BATISMO.pdf
O QUE É O BATISMO.pdf
 
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
Aula 11 - Seminário Sobre a Igreja (Segunda Temporada)
 
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdfcaractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
caractersticasdoobreirocoluna-150603143123-lva1-app6892 (1).pdf
 
Características do obreiro coluna
Características do obreiro colunaCaracterísticas do obreiro coluna
Características do obreiro coluna
 

Mais de Sidinei Kauer

Identidade discípulo
Identidade discípuloIdentidade discípulo
Identidade discípulo
Sidinei Kauer
 
Prepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicarPrepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicar
Sidinei Kauer
 
Escada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDAEscada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDA
Sidinei Kauer
 
Poder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverançaPoder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverança
Sidinei Kauer
 
Extremo
ExtremoExtremo
Extremo
Sidinei Kauer
 
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
Sidinei Kauer
 
Restaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiarRestaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiar
Sidinei Kauer
 
Discipulado na prática da célula para líderes
Discipulado na prática da célula   para líderes Discipulado na prática da célula   para líderes
Discipulado na prática da célula para líderes
Sidinei Kauer
 
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de DeusDiscipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Sidinei Kauer
 
Crescimento fundamentado
Crescimento fundamentadoCrescimento fundamentado
Crescimento fundamentado
Sidinei Kauer
 
As células e a história da igreja
As células e a história da igrejaAs células e a história da igreja
As células e a história da igreja
Sidinei Kauer
 
Inimigos da Aalma
Inimigos da AalmaInimigos da Aalma
Inimigos da Aalma
Sidinei Kauer
 
Fé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amorFé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amor
Sidinei Kauer
 
Esperança
EsperançaEsperança
Esperança
Sidinei Kauer
 
Filhas de sara
Filhas de saraFilhas de sara
Filhas de sara
Sidinei Kauer
 
E a vaca foi pro brejo
E a vaca foi pro brejoE a vaca foi pro brejo
E a vaca foi pro brejo
Sidinei Kauer
 
Um ano abençoado
Um ano abençoadoUm ano abençoado
Um ano abençoado
Sidinei Kauer
 
Gratidão eterna
Gratidão eternaGratidão eterna
Gratidão eterna
Sidinei Kauer
 
Porção dupla 5 discipulado
Porção dupla 5 discipuladoPorção dupla 5 discipulado
Porção dupla 5 discipulado
Sidinei Kauer
 
O melhor natal de todos os tempos
O melhor natal de todos os temposO melhor natal de todos os tempos
O melhor natal de todos os tempos
Sidinei Kauer
 

Mais de Sidinei Kauer (20)

Identidade discípulo
Identidade discípuloIdentidade discípulo
Identidade discípulo
 
Prepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicarPrepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicar
 
Escada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDAEscada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDA
 
Poder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverançaPoder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverança
 
Extremo
ExtremoExtremo
Extremo
 
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
 
Restaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiarRestaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiar
 
Discipulado na prática da célula para líderes
Discipulado na prática da célula   para líderes Discipulado na prática da célula   para líderes
Discipulado na prática da célula para líderes
 
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de DeusDiscipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
 
Crescimento fundamentado
Crescimento fundamentadoCrescimento fundamentado
Crescimento fundamentado
 
As células e a história da igreja
As células e a história da igrejaAs células e a história da igreja
As células e a história da igreja
 
Inimigos da Aalma
Inimigos da AalmaInimigos da Aalma
Inimigos da Aalma
 
Fé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amorFé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amor
 
Esperança
EsperançaEsperança
Esperança
 
Filhas de sara
Filhas de saraFilhas de sara
Filhas de sara
 
E a vaca foi pro brejo
E a vaca foi pro brejoE a vaca foi pro brejo
E a vaca foi pro brejo
 
Um ano abençoado
Um ano abençoadoUm ano abençoado
Um ano abençoado
 
Gratidão eterna
Gratidão eternaGratidão eterna
Gratidão eterna
 
Porção dupla 5 discipulado
Porção dupla 5 discipuladoPorção dupla 5 discipulado
Porção dupla 5 discipulado
 
O melhor natal de todos os tempos
O melhor natal de todos os temposO melhor natal de todos os tempos
O melhor natal de todos os tempos
 

Último

metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 

Último (14)

metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 

Resumão

  • 2. Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. Deus os abençoou, e lhes disse: "Sejam férteis e multipliquem-se! Encham e subjuguem a terra! Dominem sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se movem pela terra". Gênesis 1:27,28
  • 3. E a terra se encherá do conhecimento da glória do Senhor, como as águas enchem o mar. Habacuque 2:14
  • 4. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19,20
  • 5. Portanto, vãoe façam discípulos de todas as nações, batizando- os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19,20
  • 6. Portanto, vão e façam discípulosde todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19,20
  • 7. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-osem nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19,20
  • 8. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-osa obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Mateus 28:19,20
  • 10. E as coisas que me ouviu dizer na presença de muitas testemunhas, confie a homens fiéis que sejam também capazes de ensinar a outros. 2 Timóteo 2:2
  • 11. O que aconteceria se um casal discipulasse outros 2 casais e um destes casais mais 1 casal?
  • 13. Mas escolha dentre todo o povo homens capazes, tementes a Deus, dignos de confiança e inimigos de ganho desonesto. Estabeleça-os como chefes de mil, de cem, de cinquenta e de dez. Êxodo 18:21
  • 14. Isso é uma célula com 8 membros!
  • 15. Os donos dessa casa são os anfitriões
  • 16. Este casal que discipula os outros que por sua vez discipulam os outros são os líderes da célula.
  • 17. A tendência é que no futuro este casal lidere uma célula com seus discípulos
  • 18. Alguns serão os anfitriões, outros serão secretários, e ainda outros os diáconos… Mas todos devem ser assíduos no TADEL.
  • 20. Mesmo que você não tenha ‘função’ nenhuma; poderá ganhar muitas vidas e cuidar bem delas através do discipulado e quem sabe até, ser o próximo líder!
  • 21. Para ser líder, você precisa se qualificar!
  • 22. Para ser líder, você precisa se qualificar!
  • 23. Saúdem os irmãos de Laodicéia, bem como Ninfa e a igreja que se reúne em sua casa. Colossenses 4:15
  • 24. à irmã Áfia, a Arquipo, nosso companheiro de lutas, e à igreja que se reúne com você em sua casa. Filemom 1:2 Saúdem também a igreja que se reúne na casa deles Romanos 16:5
  • 25. à irmã Áfia, a Arquipo, nosso companheiro de lutas, e à igreja que se reúne com você em sua casa. Filemom 1:2
  • 26. Somos células de um mesmo corpo: A Igreja Fonte de Vida
  • 28. Todos os dias, no templo e de casa em casa, não deixavam de ensinar e proclamar que Jesus é o Cristo. Atos 5:42