SlideShare uma empresa Scribd logo
PRÓSTATA Ellen Christina Sá de Freitas
O que é? A próstata é um pequeno órgão glandular situado logo abaixo da bexiga, atravessado pela uretra; tem o tamanho de uma amêndoa, pesa, de acordo com a idade, cerca de 20 a 30 gramas (estima-se que a próstata cresça aproximadamente 0,4 gramas por ano a partir da idade dos 30) e mede entre 20 e 30 cc
FUNÇÃO Produzir uma substância que, juntamente com a secreção da vesícula seminal e os espermatozóides produzidos nos testículos, vai formar o sêmem ou esperma.
PRINCIPAIS DOENÇAS Hiperplasia benigna da próstata (HBP) Tumor maligno (Câncer)  Prostatite (inflamação da próstata).
CÂNCER O CÂNCER DA PRÓSTATA é uma doença que pode surgir com o envelhecimento do homem, a partir dos 40 anos. À medida que o homem vai envelhecendo, a incidência dessa doença vai aumentando. Quanto mais cedo essa doença atinge o indivíduo, mais grave ela será. Quanto mais tarde se fizer o diagnóstico, mais difícil será a cura. Nos Estados Unidos, é o câncer mais diagnosticado em homens e a segunda causa principal de todas as mortes por câncer. No Brasil, apesar das estatísticas não serem muitos fiéis, já caminha para a primeira causa..
ORIGEM Fator genético Fator étnico os homens da raça negra têm mais predisposição  Fator hormonal o câncer de prostata regride de maneira significativa com a supressão dos hormônios masculinos (por exemplo, castração)
ORIGEM Fator dieta Dietas ricas em gordura predispõem ao câncer  Fator ambiental Populações de baixa incidência de CâNCER DA PRóSTATA , quando migram para áreas de alta incidência, apresentam um aumento na ocorrência de casos. Fumaça de automóveis, cigarro, fertilizantes e outros produtos químicos estão sob suspeita.
SINTOMA O grande problema é que, na maioria das vezes, o câncer de próstata, na sua fase inicial, não apresenta nenhum sintoma. Isto ressalta a necessidade imperiosa do exame preventivo regular a partir dos 40 anos
DIAGNOSE Todo o homem a partir dos 40 anos deve realizar o toque retal e dosagem do PSA, principalmente aqueles que apresentam fatores de risco independentemente de sintomas.
EXAME PREVENTIVO O toque retal é realizado pela introdução do dedo indicador do médico, lubrificado e enluvado, no ânus do paciente; dura de 5 a 30 segundos, é relativamente indolor e presta ao médico informações como:  1 - estado do esfíncter anal (músculo que segura as fezes). 2 - estado das fezes dentro do reto.  3 - presença ou não de tumores no reto, alcançáveis pelo dedo do médico. 4 - presença ou não de dor na próstata, vesículas seminais e reto, que pode indicar presença de inflamações.  5 - avaliação do tamanho da próstata . 6 - avaliação da mobilidade da próstata.  7 - avaliação da presença de nódulos suspeitos de câncer da próstata.  8 - avaliação da consistência da próstata; se mole, dura ou elástica.  9 - avaliação das bordas, limites e simetria da próstata.
PRECONCEITO O toque retal continua sendo o grande fantasma dos homens. Esse preconceito, injustificado, poderá levar a muito sofrimento e até mesmo à morte por falta de um diagnóstico tempestivo adequado Ao contrário do que se pensa, o toque retal não é um exame "antigo" ou "superado"; não compromete a masculinidade nem é indigno. Nenhum outro exame dá as informações do toque retal.. Ao contrário do que muitos pensam, não pode nem deve ser substituído por ultra-sonografia, pelo próprio PSA ou por qualquer outro exame..
REFERÊNCIA  www.abcdasaude.com.br/artigo.php?63

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cancer de prostata
Cancer de prostataCancer de prostata
Cancer de prostata
DCRDANYLA
 
Slide novembro azul
Slide novembro azul Slide novembro azul
Slide novembro azul
amanda moura neris
 
Aula hsp novembro azul
Aula hsp novembro azulAula hsp novembro azul
Aula hsp novembro azul
Alex Meller
 
Palestra Novembro Azul
Palestra Novembro AzulPalestra Novembro Azul
Palestra Novembro Azul
Iniciativa Mais Cidadão
 
Câncer de próstata
Câncer de próstataCâncer de próstata
Câncer de próstata
Laboratório Sérgio Franco
 
Novembro Azul
Novembro AzulNovembro Azul
Novembro Azul
Meio & Mensagem
 
eBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mamaeBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mama
GnTech
 
Seminario de cancer de mama
Seminario de cancer de mamaSeminario de cancer de mama
Seminario de cancer de mama
Mathielly Samara
 
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do úteroOutubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
PaulaRhuama
 
Outubro Rosa - Cancer de Mama
Outubro Rosa - Cancer de MamaOutubro Rosa - Cancer de Mama
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
biankathamara
 
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De MamaApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
Francisco DeAssis de Oliveira
 
Câncer de mama
Câncer de mamaCâncer de mama
Câncer de mama
ivanaferraz
 
Cancer do cólo do útero pronto
Cancer do cólo do útero prontoCancer do cólo do útero pronto
Cancer do cólo do útero pronto
cristiano Alves dos santos
 
Trabalho de biologia
Trabalho de biologiaTrabalho de biologia
Trabalho de biologia
Eduardo Santos
 
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
Marcelo Nascimento
 
Cancro da próstata
Cancro da próstataCancro da próstata
Cancro da próstata
Diogo Alves
 
Outubro Rosa. Mitos e Verdades
Outubro Rosa. Mitos e VerdadesOutubro Rosa. Mitos e Verdades
Outubro Rosa. Mitos e Verdades
Ministério Público de Santa Catarina
 
Prevenção de câncer de colo do útero
Prevenção de câncer de colo do úteroPrevenção de câncer de colo do útero
Prevenção de câncer de colo do útero
Daniela Bueno B. Fonseca
 

Mais procurados (20)

Cancer de prostata
Cancer de prostataCancer de prostata
Cancer de prostata
 
Slide novembro azul
Slide novembro azul Slide novembro azul
Slide novembro azul
 
Aula hsp novembro azul
Aula hsp novembro azulAula hsp novembro azul
Aula hsp novembro azul
 
Palestra Novembro Azul
Palestra Novembro AzulPalestra Novembro Azul
Palestra Novembro Azul
 
Câncer de próstata
Câncer de próstataCâncer de próstata
Câncer de próstata
 
Novembro Azul
Novembro AzulNovembro Azul
Novembro Azul
 
eBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mamaeBook - Câncer de mama
eBook - Câncer de mama
 
Seminario de cancer de mama
Seminario de cancer de mamaSeminario de cancer de mama
Seminario de cancer de mama
 
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do úteroOutubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
Outubro rosa - câncer de mama e do colo do útero
 
Outubro Rosa - Cancer de Mama
Outubro Rosa - Cancer de MamaOutubro Rosa - Cancer de Mama
Outubro Rosa - Cancer de Mama
 
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
Câncer de Mama uma visão mais objetiva do assunto.
 
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De MamaApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
ApresentaçãO Do SemináRio Sobre CâNcer De Mama
 
Câncer de mama
Câncer de mamaCâncer de mama
Câncer de mama
 
Cancer do cólo do útero pronto
Cancer do cólo do útero prontoCancer do cólo do útero pronto
Cancer do cólo do útero pronto
 
Trabalho de biologia
Trabalho de biologiaTrabalho de biologia
Trabalho de biologia
 
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
 
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
 
Cancro da próstata
Cancro da próstataCancro da próstata
Cancro da próstata
 
Outubro Rosa. Mitos e Verdades
Outubro Rosa. Mitos e VerdadesOutubro Rosa. Mitos e Verdades
Outubro Rosa. Mitos e Verdades
 
Prevenção de câncer de colo do útero
Prevenção de câncer de colo do úteroPrevenção de câncer de colo do útero
Prevenção de câncer de colo do útero
 

Semelhante a Prostata

Novembro azul
Novembro azulNovembro azul
Novembro azul
raquel400
 
trabalho biologia.pptx doenças crônicass
trabalho biologia.pptx doenças crônicasstrabalho biologia.pptx doenças crônicass
trabalho biologia.pptx doenças crônicass
DeniseKollingOliveir
 
Previna o cancer de prostata
Previna o cancer de prostataPrevina o cancer de prostata
Previna o cancer de prostata
CLESIOANDRADE
 
DST Aids CA de Próstata e Mama
DST Aids CA de Próstata e MamaDST Aids CA de Próstata e Mama
DST Aids CA de Próstata e Mama
Grupo Intermédica
 
Dst Aids CA de Próstata e Mama
Dst Aids CA de Próstata e MamaDst Aids CA de Próstata e Mama
Dst Aids CA de Próstata e Mama
Grupo Intermédica
 
SAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptxSAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptx
CristianeSouza339313
 
Centro de próstata e urológico
Centro de próstata e urológicoCentro de próstata e urológico
Centro de próstata e urológico
Clinionco Tratamento Integrado do Câncer
 
Trab. cancro
Trab. cancroTrab. cancro
Trab. cancro
Raquel Silva
 
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptxAula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
adriano silva
 
01_Cancer_de_próstata.ppsx
01_Cancer_de_próstata.ppsx01_Cancer_de_próstata.ppsx
01_Cancer_de_próstata.ppsx
EduardoGomes215398
 
antonio inacio ferraz-câncer de prostata
antonio inacio ferraz-câncer de prostataantonio inacio ferraz-câncer de prostata
antonio inacio ferraz-câncer de prostata
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
Lucas Freitas
 
novembro azul.pptx
novembro azul.pptxnovembro azul.pptx
novembro azul.pptx
FrederickAlbuquerque
 
novembro azul morbidade
novembro azul morbidadenovembro azul morbidade
novembro azul morbidade
roberttcarolinycarol
 
Tudo Sobre Câncer de Próstata
Tudo Sobre Câncer de PróstataTudo Sobre Câncer de Próstata
Tudo Sobre Câncer de Próstata
Oncoguia
 
Neoplasia de próstata 25.04.pdf
Neoplasia de próstata 25.04.pdfNeoplasia de próstata 25.04.pdf
Neoplasia de próstata 25.04.pdf
Valeria146201
 
Curaprost remedio
Curaprost remedioCuraprost remedio
Curaprost remedio
l5ibstm962
 
Cancer prostata
Cancer prostataCancer prostata
Cancer prostata
ISI Engenharia
 
Palesta alto pronta 01
Palesta alto pronta 01Palesta alto pronta 01
Palesta alto pronta 01
Jose de Arimateia Dos Anjos
 
App PISC4-Cancer Prostata
App PISC4-Cancer ProstataApp PISC4-Cancer Prostata
App PISC4-Cancer Prostata
José Victor Rabelo
 

Semelhante a Prostata (20)

Novembro azul
Novembro azulNovembro azul
Novembro azul
 
trabalho biologia.pptx doenças crônicass
trabalho biologia.pptx doenças crônicasstrabalho biologia.pptx doenças crônicass
trabalho biologia.pptx doenças crônicass
 
Previna o cancer de prostata
Previna o cancer de prostataPrevina o cancer de prostata
Previna o cancer de prostata
 
DST Aids CA de Próstata e Mama
DST Aids CA de Próstata e MamaDST Aids CA de Próstata e Mama
DST Aids CA de Próstata e Mama
 
Dst Aids CA de Próstata e Mama
Dst Aids CA de Próstata e MamaDst Aids CA de Próstata e Mama
Dst Aids CA de Próstata e Mama
 
SAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptxSAÚDE DO HOMEM.pptx
SAÚDE DO HOMEM.pptx
 
Centro de próstata e urológico
Centro de próstata e urológicoCentro de próstata e urológico
Centro de próstata e urológico
 
Trab. cancro
Trab. cancroTrab. cancro
Trab. cancro
 
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptxAula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
Aula Novembro Azul Câncer de Prostata.pptx
 
01_Cancer_de_próstata.ppsx
01_Cancer_de_próstata.ppsx01_Cancer_de_próstata.ppsx
01_Cancer_de_próstata.ppsx
 
antonio inacio ferraz-câncer de prostata
antonio inacio ferraz-câncer de prostataantonio inacio ferraz-câncer de prostata
antonio inacio ferraz-câncer de prostata
 
Trabalho
TrabalhoTrabalho
Trabalho
 
novembro azul.pptx
novembro azul.pptxnovembro azul.pptx
novembro azul.pptx
 
novembro azul morbidade
novembro azul morbidadenovembro azul morbidade
novembro azul morbidade
 
Tudo Sobre Câncer de Próstata
Tudo Sobre Câncer de PróstataTudo Sobre Câncer de Próstata
Tudo Sobre Câncer de Próstata
 
Neoplasia de próstata 25.04.pdf
Neoplasia de próstata 25.04.pdfNeoplasia de próstata 25.04.pdf
Neoplasia de próstata 25.04.pdf
 
Curaprost remedio
Curaprost remedioCuraprost remedio
Curaprost remedio
 
Cancer prostata
Cancer prostataCancer prostata
Cancer prostata
 
Palesta alto pronta 01
Palesta alto pronta 01Palesta alto pronta 01
Palesta alto pronta 01
 
App PISC4-Cancer Prostata
App PISC4-Cancer ProstataApp PISC4-Cancer Prostata
App PISC4-Cancer Prostata
 

Prostata

  • 1. PRÓSTATA Ellen Christina Sá de Freitas
  • 2. O que é? A próstata é um pequeno órgão glandular situado logo abaixo da bexiga, atravessado pela uretra; tem o tamanho de uma amêndoa, pesa, de acordo com a idade, cerca de 20 a 30 gramas (estima-se que a próstata cresça aproximadamente 0,4 gramas por ano a partir da idade dos 30) e mede entre 20 e 30 cc
  • 3. FUNÇÃO Produzir uma substância que, juntamente com a secreção da vesícula seminal e os espermatozóides produzidos nos testículos, vai formar o sêmem ou esperma.
  • 4. PRINCIPAIS DOENÇAS Hiperplasia benigna da próstata (HBP) Tumor maligno (Câncer) Prostatite (inflamação da próstata).
  • 5. CÂNCER O CÂNCER DA PRÓSTATA é uma doença que pode surgir com o envelhecimento do homem, a partir dos 40 anos. À medida que o homem vai envelhecendo, a incidência dessa doença vai aumentando. Quanto mais cedo essa doença atinge o indivíduo, mais grave ela será. Quanto mais tarde se fizer o diagnóstico, mais difícil será a cura. Nos Estados Unidos, é o câncer mais diagnosticado em homens e a segunda causa principal de todas as mortes por câncer. No Brasil, apesar das estatísticas não serem muitos fiéis, já caminha para a primeira causa..
  • 6. ORIGEM Fator genético Fator étnico os homens da raça negra têm mais predisposição Fator hormonal o câncer de prostata regride de maneira significativa com a supressão dos hormônios masculinos (por exemplo, castração)
  • 7. ORIGEM Fator dieta Dietas ricas em gordura predispõem ao câncer Fator ambiental Populações de baixa incidência de CâNCER DA PRóSTATA , quando migram para áreas de alta incidência, apresentam um aumento na ocorrência de casos. Fumaça de automóveis, cigarro, fertilizantes e outros produtos químicos estão sob suspeita.
  • 8. SINTOMA O grande problema é que, na maioria das vezes, o câncer de próstata, na sua fase inicial, não apresenta nenhum sintoma. Isto ressalta a necessidade imperiosa do exame preventivo regular a partir dos 40 anos
  • 9. DIAGNOSE Todo o homem a partir dos 40 anos deve realizar o toque retal e dosagem do PSA, principalmente aqueles que apresentam fatores de risco independentemente de sintomas.
  • 10. EXAME PREVENTIVO O toque retal é realizado pela introdução do dedo indicador do médico, lubrificado e enluvado, no ânus do paciente; dura de 5 a 30 segundos, é relativamente indolor e presta ao médico informações como: 1 - estado do esfíncter anal (músculo que segura as fezes). 2 - estado das fezes dentro do reto. 3 - presença ou não de tumores no reto, alcançáveis pelo dedo do médico. 4 - presença ou não de dor na próstata, vesículas seminais e reto, que pode indicar presença de inflamações. 5 - avaliação do tamanho da próstata . 6 - avaliação da mobilidade da próstata. 7 - avaliação da presença de nódulos suspeitos de câncer da próstata. 8 - avaliação da consistência da próstata; se mole, dura ou elástica. 9 - avaliação das bordas, limites e simetria da próstata.
  • 11. PRECONCEITO O toque retal continua sendo o grande fantasma dos homens. Esse preconceito, injustificado, poderá levar a muito sofrimento e até mesmo à morte por falta de um diagnóstico tempestivo adequado Ao contrário do que se pensa, o toque retal não é um exame "antigo" ou "superado"; não compromete a masculinidade nem é indigno. Nenhum outro exame dá as informações do toque retal.. Ao contrário do que muitos pensam, não pode nem deve ser substituído por ultra-sonografia, pelo próprio PSA ou por qualquer outro exame..