SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
Escola Secundária de S. Lourenço

Trabalho realizado por:
Ana Maria Comerzan 10ºB,
nº1
Daniela Batista 10ºB, nº9
Joana Rocha 10ºB, nº12
Neste trabalho iremos abordar vários temas :








a origem da Lua;
a Lua como o único satélite da Terra;
as características da Lua;
a diferença entre “continentes” e “mares” lunares ;
as crateras de impacto;
a Lua como um satélite geologicamente inativo;
A origem da Lua é incerta, mas as similaridades no teor dos
elementos encontrados tanto na Lua quanto na Terra indicam
que ambos os corpos podem ter tido uma origem comum.
Nesse aspecto, alguns astrónomos e geólogos consideram que a
Lua se teria desprendido de uma massa incandescente
(extremamente quente e luminosa) de rocha liquefeita
primordial, recém-formada, através da força centrífuga.
Outra hipótese, actualmente a mais correcta, é a de que um
planeta desaparecido e denominado Theia (aproximadamente do
tamanho de Marte) ainda no princípio da formação da Terra,
teria chocado com o nosso planeta. A colisão teria
desintegrado totalmente o planeta Theia e forçado a expulsão
de pedaços de rocha líquida. Esses pequenos corpos foram
condensados num mesmo corpo, o qual teria sido aprisionado
pelo campo gravitacional da Terra. Esta teoria recebeu o nome de
Big Splash.
Depois do Big Splash, o material resultante do impacto foi
acreccionado às sobras do núcleo de Theia e pouco a pouco
a Lua como satélite adquiriu consistência.
Calcula-se que cerca de 90% do seu material seja originário
dos destroços do planeta Theia. O Big Splash explica as
duas características da Lua que mais têm intrigado os
cientistas: a Lua tem a mesma composição isotópica das
rochas da Terra porque o seu percursor (Theia) se
desenvolveu na mesma distância relativa do Sol; tem uma
proporção de núcleo ferroso bastante inferior porque a
parte principal do núcleo de Theia afundou na Terra na
altura da colisão.
A Lua tem sido uma velha companheira do nosso planeta. A Lua
constituiu com a Terra, um conjunto raro no Sistema Solar , pois a
sua
dimensão
comparada
com a
dimensão
da
Terra
é
excepcionalmente grande relativamente ao que acontece com os
outros planetas e os seus satélites.

• O raio lunar é aproximadamente 3,6 vezes menor do que o raio
terrestre.
• Devido às suas pequenas dimensões, a Lua tem baixa força
gravítica, daí resultando uma grande facilidade de escape de
fluidos.
• Consequentemente, a Lua é desprovida de atmosfera e de
hidrosfera.
 As designações “continentes” e “mares” não devem ser
entendidas com o mesmo significado que têm na Terra.
 Os “continentes” são escarpados (relevo irregular) e são
constituídos por rochas mais claras (feldspatos).
Reflectem uma maior percentagem de luz incidente
proveniente do Sol, do que nos “mares” lunares.
 Os “mares” lunares não têm água. Apresentam a sua
superfície mais plana do que a dos “continentes” e
apresentam também uma cor escura, pois são constituídos
por basaltos, reflectindo uma menor percentagem da luz
incidente do que a dos “continentes” lunares.
 A formação dos “mares” lunares relaciona-se com os
impactes meteoríticos.
• Na Lua encontra-se a maior cratera de todo o Sistema Solar.
• A morfologia das crateras de impacto apresenta diversos
aspectos, conforme as dimensões que têm.
• Como a Lua não apresenta atmosfera, existem muitos mais
impactos meteoríticos do que na Terra.
• Como não há erosão na Lua, as crateras permanecem no solo.
 Por não haver atmosfera, há uma grande
variação da temperatura da superfície
lunar (varia entre +120ºC a -180ºC)
• Na Lua não há processos de erosão e
sedimentação de novas rochas, daí ser um
satélite geologicamente inactivo, ou seja, os
processos geológicos não existem.
A Lua é um planeta bastante inóspito e não são conhecidas
formas de vida que aí existam ou tenham existido. A
sobrevivência do Homem na superfície lunar é extremamente
difícil e exige equipamento muito sofisticado.
Podemos concluir que a Lua é o único satélite
natural da Terra. Devido às suas pequenas
dimensões, a Lua tem baixa força gravítica, daí
resultando a ausência de atmosfera e de
hidrosfera.
A sua superfície é formada pelos “continentes”,
que são claros e acidentados, e pelos “mares”, de
cores mais escuras e planos. A sua superfície
também é marcada por inúmeras crateras
resultantes de impactos meteoríticos .
A Lua é um satélite geologicamente inactivo.
Conteúdo:
Silva, A. D.; et al. 2011. Terra, Universo de Vida –
Geologia. Porto Editora
• http://sites.google.com/site/geologiaebiologia/geologia-ebiologia-10o/sistema-solar/sistema-terra-lua
•

Imagens:
Motor de busca Google: www.google.pt

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Leonardo Kaplan
 
Formação do Sistema Solar
Formação do Sistema SolarFormação do Sistema Solar
Formação do Sistema Solar
Tânia Reis
 
Introdução a Astronomia
Introdução a AstronomiaIntrodução a Astronomia
Introdução a Astronomia
aroudus
 
Aula formação do universo
Aula formação do universoAula formação do universo
Aula formação do universo
kaliandra Lisboa
 
Formação do sistema solar
Formação do sistema solarFormação do sistema solar
Formação do sistema solar
Rita Pereira
 

Mais procurados (20)

Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema SolarAula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
Aula 6º ano - O Universo e o Sistema Solar
 
O Sistema Solar - 6º Ano (2017)
O Sistema Solar - 6º Ano (2017)O Sistema Solar - 6º Ano (2017)
O Sistema Solar - 6º Ano (2017)
 
Formação do Sistema Solar
Formação do Sistema SolarFormação do Sistema Solar
Formação do Sistema Solar
 
Movimentos da terra
Movimentos da terraMovimentos da terra
Movimentos da terra
 
Introdução a Astronomia
Introdução a AstronomiaIntrodução a Astronomia
Introdução a Astronomia
 
Aula formação do universo
Aula formação do universoAula formação do universo
Aula formação do universo
 
Introducao a Astronomia
Introducao a AstronomiaIntroducao a Astronomia
Introducao a Astronomia
 
Cosmologia sistema solar - os planetas
Cosmologia   sistema solar - os planetasCosmologia   sistema solar - os planetas
Cosmologia sistema solar - os planetas
 
Sistema solar
Sistema solarSistema solar
Sistema solar
 
Morte e vida das estrelas
Morte e vida das estrelasMorte e vida das estrelas
Morte e vida das estrelas
 
Aula 7 - CFQ 7º ano
Aula 7 - CFQ 7º anoAula 7 - CFQ 7º ano
Aula 7 - CFQ 7º ano
 
Geografia 1º ppt 7ºano
Geografia 1º ppt 7ºanoGeografia 1º ppt 7ºano
Geografia 1º ppt 7ºano
 
Sistema solar
Sistema solarSistema solar
Sistema solar
 
Apresentação slide sistema solar
Apresentação slide sistema solarApresentação slide sistema solar
Apresentação slide sistema solar
 
IECJ - Cap. 3 - Universo e sistema solar - 6º ano do EFII
IECJ - Cap.   3 -  Universo e  sistema solar - 6º ano do EFIIIECJ - Cap.   3 -  Universo e  sistema solar - 6º ano do EFII
IECJ - Cap. 3 - Universo e sistema solar - 6º ano do EFII
 
O Universo
O UniversoO Universo
O Universo
 
Fases lua
Fases luaFases lua
Fases lua
 
Formação do sistema solar
Formação do sistema solarFormação do sistema solar
Formação do sistema solar
 
Astronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - CiênciasAstronomia 7º ano - Ciências
Astronomia 7º ano - Ciências
 
Sistema Solar
Sistema SolarSistema Solar
Sistema Solar
 

Destaque (6)

Sistema Terra Lua
Sistema Terra LuaSistema Terra Lua
Sistema Terra Lua
 
A Terra e os Planetas Telúricos
A Terra e os Planetas TelúricosA Terra e os Planetas Telúricos
A Terra e os Planetas Telúricos
 
(2) biologia e geologia 10º ano - geologia - a terra, um planeta muito espe...
(2) biologia e geologia   10º ano - geologia - a terra, um planeta muito espe...(2) biologia e geologia   10º ano - geologia - a terra, um planeta muito espe...
(2) biologia e geologia 10º ano - geologia - a terra, um planeta muito espe...
 
Testes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºanoTestes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºano
 
13. Sistema Terra Lua
13. Sistema Terra Lua13. Sistema Terra Lua
13. Sistema Terra Lua
 
Lua
LuaLua
Lua
 

Semelhante a Power point terra lua

Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De GeologiaAlguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
guestc6212642
 
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema SolarC:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
guestd7f9cbb
 
Formação do Sistema Solar
Formação do Sistema SolarFormação do Sistema Solar
Formação do Sistema Solar
guestdbe434
 
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
emanuelcarvalhal765
 
A Terra Um Planeta Muito Especial ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
A Terra Um Planeta Muito Especial   ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...A Terra Um Planeta Muito Especial   ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
A Terra Um Planeta Muito Especial ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
Nuno Correia
 
Planetas do Sistema Solar
Planetas do Sistema SolarPlanetas do Sistema Solar
Planetas do Sistema Solar
Tânia Reis
 
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
guestf7e853
 
A terra e os planeta telúricos
A terra e os planeta telúricosA terra e os planeta telúricos
A terra e os planeta telúricos
Ana Castro
 
12. A Terra e os planetas telúricos
12. A Terra e os planetas telúricos12. A Terra e os planetas telúricos
12. A Terra e os planetas telúricos
guestf7e853
 
Trabalhooo ñ mecha karalho
Trabalhooo ñ mecha karalhoTrabalhooo ñ mecha karalho
Trabalhooo ñ mecha karalho
CleisonMM
 

Semelhante a Power point terra lua (20)

Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De GeologiaAlguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
Alguns Aspectos A Reter Sobre Os Temas 1 E 2 De Geologia
 
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema SolarC:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
C:\Fakepath\FormaçãO Do Sistema Solar
 
Formação do Sistema Solar
Formação do Sistema SolarFormação do Sistema Solar
Formação do Sistema Solar
 
ORIGEM DA LUA.ppt
ORIGEM DA LUA.pptORIGEM DA LUA.ppt
ORIGEM DA LUA.ppt
 
A lua
A luaA lua
A lua
 
Terra
TerraTerra
Terra
 
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
Teste biologia e geologia 11.º ano março 2013
 
Voce sabia
Voce sabiaVoce sabia
Voce sabia
 
O Universo
O UniversoO Universo
O Universo
 
A Terra Um Planeta Muito Especial ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
A Terra Um Planeta Muito Especial   ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...A Terra Um Planeta Muito Especial   ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
A Terra Um Planeta Muito Especial ManifestaçõEs Da Actividade GeolóGica (Te...
 
Planetas do Sistema Solar
Planetas do Sistema SolarPlanetas do Sistema Solar
Planetas do Sistema Solar
 
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas
 
A terra e os planeta telúricos
A terra e os planeta telúricosA terra e os planeta telúricos
A terra e os planeta telúricos
 
Sistema solar.oba
Sistema solar.obaSistema solar.oba
Sistema solar.oba
 
12. A Terra e os planetas telúricos
12. A Terra e os planetas telúricos12. A Terra e os planetas telúricos
12. A Terra e os planetas telúricos
 
Sistema Solar
Sistema SolarSistema Solar
Sistema Solar
 
Texto Introdutório - Curiosidades Sobre a Lua
Texto Introdutório - Curiosidades Sobre a Lua Texto Introdutório - Curiosidades Sobre a Lua
Texto Introdutório - Curiosidades Sobre a Lua
 
Rafael e michael 1 5°b
Rafael e michael 1 5°bRafael e michael 1 5°b
Rafael e michael 1 5°b
 
Lua
LuaLua
Lua
 
Trabalhooo ñ mecha karalho
Trabalhooo ñ mecha karalhoTrabalhooo ñ mecha karalho
Trabalhooo ñ mecha karalho
 

Mais de Rita Galrito

Crianças do mundo
Crianças do mundoCrianças do mundo
Crianças do mundo
Rita Galrito
 
Trabalho de ingles - seventeen magazine
Trabalho de ingles - seventeen magazineTrabalho de ingles - seventeen magazine
Trabalho de ingles - seventeen magazine
Rita Galrito
 
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
Rita Galrito
 
Noruega e somália
Noruega e somália    Noruega e somália
Noruega e somália
Rita Galrito
 
Drogas, álcool e tabaco power point
Drogas, álcool e tabaco power pointDrogas, álcool e tabaco power point
Drogas, álcool e tabaco power point
Rita Galrito
 
Higiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalhoHigiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalho
Rita Galrito
 
Ambiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestasAmbiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestas
Rita Galrito
 
Planetas telúricos
Planetas telúricosPlanetas telúricos
Planetas telúricos
Rita Galrito
 
Planetas gigantes e anões
Planetas gigantes e anõesPlanetas gigantes e anões
Planetas gigantes e anões
Rita Galrito
 
Asteróides, Cometas e Meteoróides
Asteróides, Cometas e MeteoróidesAsteróides, Cometas e Meteoróides
Asteróides, Cometas e Meteoróides
Rita Galrito
 
Acreção e Diferenciação
Acreção e Diferenciação Acreção e Diferenciação
Acreção e Diferenciação
Rita Galrito
 
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologicaMudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
Rita Galrito
 

Mais de Rita Galrito (20)

Crianças do mundo
Crianças do mundoCrianças do mundo
Crianças do mundo
 
Homossexualidade
HomossexualidadeHomossexualidade
Homossexualidade
 
Trabalho de ingles - seventeen magazine
Trabalho de ingles - seventeen magazineTrabalho de ingles - seventeen magazine
Trabalho de ingles - seventeen magazine
 
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
Fernando pessoa - Sonhar? Viver?
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
Noruega e somália
Noruega e somália    Noruega e somália
Noruega e somália
 
Drogas, álcool e tabaco power point
Drogas, álcool e tabaco power pointDrogas, álcool e tabaco power point
Drogas, álcool e tabaco power point
 
Higiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalhoHigiene e segurança no trabalho
Higiene e segurança no trabalho
 
Ambiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestasAmbiente e Sociedade- As florestas
Ambiente e Sociedade- As florestas
 
Appacdm ..
Appacdm  ..Appacdm  ..
Appacdm ..
 
Planetas telúricos
Planetas telúricosPlanetas telúricos
Planetas telúricos
 
Planetas gigantes e anões
Planetas gigantes e anõesPlanetas gigantes e anões
Planetas gigantes e anões
 
Asteróides, Cometas e Meteoróides
Asteróides, Cometas e MeteoróidesAsteróides, Cometas e Meteoróides
Asteróides, Cometas e Meteoróides
 
Acreção e Diferenciação
Acreção e Diferenciação Acreção e Diferenciação
Acreção e Diferenciação
 
Reino Protista
Reino Protista Reino Protista
Reino Protista
 
Reino Plantae
Reino PlantaeReino Plantae
Reino Plantae
 
Reino Monera
Reino MoneraReino Monera
Reino Monera
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Reino Animalia
Reino Animalia Reino Animalia
Reino Animalia
 
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologicaMudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
Mudança Global e gestão sustentável dos recursos - Previsão metereologica
 

Power point terra lua

  • 1. Escola Secundária de S. Lourenço Trabalho realizado por: Ana Maria Comerzan 10ºB, nº1 Daniela Batista 10ºB, nº9 Joana Rocha 10ºB, nº12
  • 2. Neste trabalho iremos abordar vários temas :       a origem da Lua; a Lua como o único satélite da Terra; as características da Lua; a diferença entre “continentes” e “mares” lunares ; as crateras de impacto; a Lua como um satélite geologicamente inativo;
  • 3. A origem da Lua é incerta, mas as similaridades no teor dos elementos encontrados tanto na Lua quanto na Terra indicam que ambos os corpos podem ter tido uma origem comum. Nesse aspecto, alguns astrónomos e geólogos consideram que a Lua se teria desprendido de uma massa incandescente (extremamente quente e luminosa) de rocha liquefeita primordial, recém-formada, através da força centrífuga. Outra hipótese, actualmente a mais correcta, é a de que um planeta desaparecido e denominado Theia (aproximadamente do tamanho de Marte) ainda no princípio da formação da Terra, teria chocado com o nosso planeta. A colisão teria desintegrado totalmente o planeta Theia e forçado a expulsão de pedaços de rocha líquida. Esses pequenos corpos foram condensados num mesmo corpo, o qual teria sido aprisionado pelo campo gravitacional da Terra. Esta teoria recebeu o nome de Big Splash.
  • 4. Depois do Big Splash, o material resultante do impacto foi acreccionado às sobras do núcleo de Theia e pouco a pouco a Lua como satélite adquiriu consistência. Calcula-se que cerca de 90% do seu material seja originário dos destroços do planeta Theia. O Big Splash explica as duas características da Lua que mais têm intrigado os cientistas: a Lua tem a mesma composição isotópica das rochas da Terra porque o seu percursor (Theia) se desenvolveu na mesma distância relativa do Sol; tem uma proporção de núcleo ferroso bastante inferior porque a parte principal do núcleo de Theia afundou na Terra na altura da colisão.
  • 5. A Lua tem sido uma velha companheira do nosso planeta. A Lua constituiu com a Terra, um conjunto raro no Sistema Solar , pois a sua dimensão comparada com a dimensão da Terra é excepcionalmente grande relativamente ao que acontece com os outros planetas e os seus satélites. • O raio lunar é aproximadamente 3,6 vezes menor do que o raio terrestre. • Devido às suas pequenas dimensões, a Lua tem baixa força gravítica, daí resultando uma grande facilidade de escape de fluidos. • Consequentemente, a Lua é desprovida de atmosfera e de hidrosfera.
  • 6.  As designações “continentes” e “mares” não devem ser entendidas com o mesmo significado que têm na Terra.  Os “continentes” são escarpados (relevo irregular) e são constituídos por rochas mais claras (feldspatos). Reflectem uma maior percentagem de luz incidente proveniente do Sol, do que nos “mares” lunares.  Os “mares” lunares não têm água. Apresentam a sua superfície mais plana do que a dos “continentes” e apresentam também uma cor escura, pois são constituídos por basaltos, reflectindo uma menor percentagem da luz incidente do que a dos “continentes” lunares.  A formação dos “mares” lunares relaciona-se com os impactes meteoríticos.
  • 7. • Na Lua encontra-se a maior cratera de todo o Sistema Solar. • A morfologia das crateras de impacto apresenta diversos aspectos, conforme as dimensões que têm. • Como a Lua não apresenta atmosfera, existem muitos mais impactos meteoríticos do que na Terra. • Como não há erosão na Lua, as crateras permanecem no solo.  Por não haver atmosfera, há uma grande variação da temperatura da superfície lunar (varia entre +120ºC a -180ºC)
  • 8. • Na Lua não há processos de erosão e sedimentação de novas rochas, daí ser um satélite geologicamente inactivo, ou seja, os processos geológicos não existem. A Lua é um planeta bastante inóspito e não são conhecidas formas de vida que aí existam ou tenham existido. A sobrevivência do Homem na superfície lunar é extremamente difícil e exige equipamento muito sofisticado.
  • 9. Podemos concluir que a Lua é o único satélite natural da Terra. Devido às suas pequenas dimensões, a Lua tem baixa força gravítica, daí resultando a ausência de atmosfera e de hidrosfera. A sua superfície é formada pelos “continentes”, que são claros e acidentados, e pelos “mares”, de cores mais escuras e planos. A sua superfície também é marcada por inúmeras crateras resultantes de impactos meteoríticos . A Lua é um satélite geologicamente inactivo.
  • 10. Conteúdo: Silva, A. D.; et al. 2011. Terra, Universo de Vida – Geologia. Porto Editora • http://sites.google.com/site/geologiaebiologia/geologia-ebiologia-10o/sistema-solar/sistema-terra-lua • Imagens: Motor de busca Google: www.google.pt