SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola ______________________________________Data
____/____/____ Ano letivo ____/____
Nome
_____________________________________________________ N.o
_____ Turma ______
Classificação ___________ Professor _________________ Enc. de educação _________________
Teste de avaliação
Português – 6.o
ano
Grupo I
Lê o texto com atenção.
Quais são as escolas mais amigas do ambiente?
5
10
15
A VISÃO Júnior esteve na celebração do Dia das
Bandeiras Verdes, em Aveiro, para descobrir quais são as
escolas mais ecológicas do país
Nas camisolas, nos chapéus ou na alface das sandes que os participantes trouxeram na marmita: o
verde está em todo o lado! Mas aquele que querem mesmo ver é o verde das bandeiras que anseiam
levar para casa...
É o Dia das Bandeiras Verdes, o dia em que as escolas mais ecológicas do país são premiadas pelos
seus esforços em salvar o planeta! Sabes aquelas bandeiras azuis que encontras nas praias, a indicar
que não estão poluídas? A ideia é mais ou menos a mesma. Há 20 anos que o programa Eco-Escolas,
promovido pela Associação Bandeira Azul da Europa, atribui a Bandeira Verde às escolas que mais
trabalharam para proteger o ambiente.
Dezenas e dezenas de autocarros acumulam-se no estacionamento do Parque de Feiras e
Exposições de Aveiro. E não é de estranhar: de que outra forma ali chegariam os perto de 5 mil alunos
que vêm à cerimónia de entrega dos prémios?
Marés de turmas enchem o recinto. Lá dentro, uma feira de exposições, onde escolas, organizações
e empresas mostram aquilo que têm para dar pelo ambiente. Ao mesmo tempo, concertos, exibições de
Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 1
20
25
30
dança e passagens de modelos de materiais reciclados animam o pavilhão.
No auditório, são anunciados os vencedores dos desafios Eco-Escolas, concursos em que os alunos
usaram a imaginação para promover temas como as energias renováveis, a reciclagem ou a
alimentação biológica.
Por fim, chega o momento tão esperado: a gala final de entrega da Bandeira Verde! Desde jardins
de infância a universidades, este ano, mais de 1300 escolas mereceram a distinção. A Madeira é a
grande vencedora – neste arquipélago, mais de 60% das escolas são ecológicas!
O dia termina ao som dos Xutos e Pontapés, que emprestaram a música «Não sou o único» para ser
o hino das Eco-escolas! Agora, é tempo de regressar às escolas e continuar a ajudar o planeta.
Se queres que a tua escola também faça parte da rede Eco-escolas, pede ajuda a um dos teus
professores. É preciso que a direção da escola dê autorização e que um professor seja responsável por
coordenar o projeto. Depois, têm de saber se a vossa Câmara Municipal vos quer ajudar a serem uma
escola ecológica e ajudar no pagamento da inscrição. Se todas estas condições estiverem reunidas,
façam a inscrição na plataforma online do Eco-Escolas e depois é só darem o vosso melhor para
proteger o ambiente!
www.visaojunior.pt, 06/10/2016;
consultado a 02/11/2016 (com supressões)
1. Assinala com X, de 1.1. a 1.4., a opção que completa cada frase de acordo com as informações
que leste.
1.1. Os participantes querem mesmo ver o verde das bandeiras porque
a) significa que chegaram aAveiro.
b) é a sua cor favorita.
c) distingue as suas escolas como ecológicas.
d) combina com os seus acessórios e roupas.
1.2. A Associação Bandeira Azul da Europa atribui
a) bandeiras azuis às praias limpas e bandeiras verdes às escolas ecológicas.
b) bandeiras azuis a todas as praias e bandeiras verdes a todas as escolas.
c) bandeiras azuis aos melhores modelos de materiais reciclados.
d) bandeirasverdes às praias com melhor ambiente.
1.3. A frase «Marés de turmas enchem o recinto.» (linha 15) significa que há
a) muitas turmas com trabalhos inspirados no mar.
b) muitas escolas a participar no evento.
c) uma praia perto do Parque de Feiras e Exposições de Aveiro.
d) muitas atividades a acontecer ao mesmo tempo.
2 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
1.4. O arquipélago da Madeira foi o grande vencedor na gala finalporque
a) todos os seus jardins de infância receberam a Bandeira Verde.
b) a sua universidade recebeu a Bandeira Verde.
c) 1300 das suas escolas receberam uma Bandeira Verde.
d) mais de metade das suas escolas receberam a Bandeira Verde.
2. Assinala todos os passos necessários para que uma escola faça parte da rede Eco-Escolas, de
acordo com a informação das linhas 26 a 31.
a) Contar com o apoio de um professor.
b) Obter autorização da direção da escola.
c) Eleger uma turma para coordenar o projeto.
d) Pagar a totalidade do valor da inscrição à Câmara Municipal.
e) Proceder à inscrição da escola na plataforma online.
3. Lê a afirmação seguinte.
A entrega dos prémios Eco-Escolas e das Bandeiras Verdes é também um evento cultural.
Explica por que razãoesta afirmação é verdadeira, de acordo com as informações do texto.
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 3
Grupo II
Lê atentamente o texto. Se necessário, consulta as notas.
1
5
10
15
20
Acabaram as aulas. Acabaram as consumições1
com o dinheiro contado e recontado.
Acabaram os retinidos2
do despertador e da campainha.
Acabaram as caminhadas!
Fui à escola no último dia, embora soubesse que não ia haver aulas.
De resto, tudo está definido, sei que vou passar de ano. O Nicolau passou tremidinho3
e o Luís
Gordo foi reprovado, como a maioria dos alunos da minha turma.
Deitei uns baldes de água à tília que eu e o Nicolau plantámos no Dia da Árvore.
Gosto da tília. É a mais forte de todas as árvores que foram plantadas. Oxalá ninguém se lembre de
a partir.
O Dia da Árvore foi um dos mais bonitos da escola. Os funcionários da Câmara trouxeram as
plantas e fizeram os buracos. Nós não quisemos que nos ajudassem, estávamos habituados a fazer
buracos com um metro de largura e outro de fundo para plantar videiras.
Gosto da tília. Sei que vai demorar muitos anos a ficar vistosa. Mas quando for alta e grossa e
quando os pássaros fizerem ninhos nos seus ramos, deve ser bom dizer:
«Esta tília foi plantada por mim!»
Na brincadeira, pusemos-lhe um nome: Nicopede, nome maluco que quer dizer tília do Nicolau e
do Pedro.
Como é costume na Escola, este ano reprovaram muitos alunos.
Dizem que nós é que somos os culpados, por não estudarmos, por não prestarmos atenção nas
aulas. Será só isso? E o pouco jeito que alguns professores têm para ensinar não conta? E o muro alto
que separa a secretária das mesas (invisível, claro) não tem importância?
Tenho o sexto ano de escolaridade. Há seis anos que ando a estudar e ainda sei tão pouco!
António Mota, Pedro Alecrim. Alfragide: Edições ASA, 2014, 2.a
edição.
1
consumições – preocupações.
2
retinidos– sons intensos.
3
tremidinho – por um triz; no limite.
4 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
1. As frases abaixo apresentadas referem ações narradas por Pedro Alecrim.
Numera as frases de 1 a 6, de acordo com a ordem cronológica/temporalpela qual sucederam as
ações que aparecem no texto. A primeira frase já se encontra numerada.
(A) Agora, Pedro já não precisa de ligar o despertador nem de fazer grandes caminhadas.
(B) Pedro Alecrim foi à escola no último dia de aulas.
(C)O rapaz regou a tília.
(D) Pedro e Nicolau plantaram uma tília.
(E) No Dia da Árvore, os funcionários da câmara trouxeram as plantas e cavaram os buracos.
(F) Os dois amigos chamaram à sua tília Nicopede.
2. Relê os três primeiros parágrafos.
2.1. Identifica o recurso expressivo aí presente.
______________________________________________________________________________________________________
2.2. O facto de Pedro andar na escola tem consequências para a sua família. Quais?
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
3. O narrador participa na ação.
Transcreve do quinto parágrafouma forma verbal e um determinante na 1.a
pessoa.
____________________________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________
4. Pedro gosta muito da sua tília. Indica duas razões que expliquem o seu sentimento em relação à
árvore.
____________________________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________
Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 5
1
5. Relê os três últimos parágrafos do texto.
Assinala com X, na 5.1. e na 5.2., a opção que completa cada frase de acordo com o sentido do
texto.
5.1. Pedro reflete sobre
a) ascausas do insucesso escolar na sua escola.
b) as consequências do insucesso escolar na sua escola.
c) o que poderia ser feito se os alunos reprovassem.
d) o que poderia ser feito para que os alunos não reprovassem.
5.2. O «muro» a que Pedro Alecrim se refere (linha 20) é
a) a parede construída no meio da sua sala de aula.
b) o muro que se pode ver a partir da sala de aula.
c)a distância que existe entre professores e alunos.
d)a diferença que se verifica entre os vários alunos.
5.3. Explica, por palavras tuas, o sentido da frase «Há seis anos que ando a estudar e ainda sei tão
pouco!» (linha 22).
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
6 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
Grupo III
1. Assinala com X todas as palavras formadas por derivação.
arvoredodesarvorarárvore-da-borrachaarvoragemárvore-do-dragão
2. Que espécie de árvore tinha plantado Pedro Alecrim?
2.1. Identifica a classe e a subclasse de cada uma das palavras sublinhadas na frase.
______________________________________________________________________________________________________
2.2. Identifica o tempo e o modo em que se encontra o verbo da frase.
______________________________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________________________
3. Identifica a função sintática desempenhada por cada um dos constituintes sublinhados.
3.1. És a árvore mais forte de todas, Nicopede!
______________________________________________________________________________________________________
3.2. O Pedro e o Nicolaueram inseparáveis.
______________________________________________________________________________________________________
4. Reescreve as frases seguintes (4.1. e 4.2.), substituindo cada expressão sublinhada pelo pronome
pessoal adequado. Faz apenas as alterações necessárias.
4.1. Os funcionários da câmara ajudaram os alunos da escola.
______________________________________________________________________________________________________
4.2. Ninguém plantava árvores como Pedro Alecrim.
______________________________________________________________________________________________________
Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 7
Grupo IV
No Dia da Árvore, plantaram-se árvores na escola de Pedro Alecrim, um gesto ecológico que
contribui para a sobrevivência do planeta.
Concordas com esta atitude? Achas que a escola se deve preocupar com a ecologia? Não há outros
conteúdos e áreas mais importantes a trabalhar?
Escreve um texto de opinião em que apresentes a tua opinião sobre este tema.
O teu texto, com um mínimo de 140 e um máximo de 200 palavras, deve incluir:
– uma introdução em que apresentes uma posição clara (a favor ou contra o tema);
– um desenvolvimento em que apresentes três razões que justifiquem a tua posição;
– uma conclusão coerente;
– um título adequado.
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________________________________
FIM
8 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ficha de revisão - a classe do nome
Ficha de revisão - a classe do nomeFicha de revisão - a classe do nome
Ficha de revisão - a classe do nome
suzanamar
 
Ficha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os NomesFicha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os Nomes
A. Simoes
 
recursos expressivos 7º ano
recursos expressivos 7º anorecursos expressivos 7º ano
recursos expressivos 7º ano
Cláudia Amorim
 
Ficha adjetivo
Ficha adjetivoFicha adjetivo
Ficha adjetivo
Flor Lima
 
HGP 5º ano
HGP 5º anoHGP 5º ano
HGP 5º ano
Jorge Martinho
 
Os determinantes lp 4º ano
Os determinantes   lp 4º anoOs determinantes   lp 4º ano
Os determinantes lp 4º ano
Rute Almeida
 
Determinantes e pronomes (5.º ano)
Determinantes e pronomes (5.º ano)Determinantes e pronomes (5.º ano)
Determinantes e pronomes (5.º ano)
suzanamar
 
Ficha Portugues 2 ano
Ficha Portugues 2 anoFicha Portugues 2 ano
Ficha Portugues 2 ano
Maria José Silva
 
12 13 preposições
12 13 preposições12 13 preposições
12 13 preposições
Diana Ferreira
 
Fichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º anoFichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º ano
Liliana Oliveira
 
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
bibliotecap
 
TesteAvaliacao_5A (1).doc
TesteAvaliacao_5A (1).docTesteAvaliacao_5A (1).doc
TesteAvaliacao_5A (1).doc
Joana Ferreira
 
A classe dos determinantes ficha de trabalho
A classe dos determinantes   ficha de trabalhoA classe dos determinantes   ficha de trabalho
A classe dos determinantes ficha de trabalho
Bininha Super
 
Ficha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomesFicha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomes
Patrícia Valério
 
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º anoFicha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
Ana Tapadinhas
 
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
Fernanda Antunes
 
Testes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapasTestes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapas
Maria José Silva
 
Ficha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º anoFicha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º ano
Carla Marques
 
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de TrabalhoTipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
A. Simoes
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de Avaliação
A. Simoes
 

Mais procurados (20)

Ficha de revisão - a classe do nome
Ficha de revisão - a classe do nomeFicha de revisão - a classe do nome
Ficha de revisão - a classe do nome
 
Ficha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os NomesFicha de Trabalho: os Nomes
Ficha de Trabalho: os Nomes
 
recursos expressivos 7º ano
recursos expressivos 7º anorecursos expressivos 7º ano
recursos expressivos 7º ano
 
Ficha adjetivo
Ficha adjetivoFicha adjetivo
Ficha adjetivo
 
HGP 5º ano
HGP 5º anoHGP 5º ano
HGP 5º ano
 
Os determinantes lp 4º ano
Os determinantes   lp 4º anoOs determinantes   lp 4º ano
Os determinantes lp 4º ano
 
Determinantes e pronomes (5.º ano)
Determinantes e pronomes (5.º ano)Determinantes e pronomes (5.º ano)
Determinantes e pronomes (5.º ano)
 
Ficha Portugues 2 ano
Ficha Portugues 2 anoFicha Portugues 2 ano
Ficha Portugues 2 ano
 
12 13 preposições
12 13 preposições12 13 preposições
12 13 preposições
 
Fichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º anoFichas 1º trimestre 4º ano
Fichas 1º trimestre 4º ano
 
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
Guião de leitura da obra a fada oriana (1)
 
TesteAvaliacao_5A (1).doc
TesteAvaliacao_5A (1).docTesteAvaliacao_5A (1).doc
TesteAvaliacao_5A (1).doc
 
A classe dos determinantes ficha de trabalho
A classe dos determinantes   ficha de trabalhoA classe dos determinantes   ficha de trabalho
A classe dos determinantes ficha de trabalho
 
Ficha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomesFicha formativa determinantes pronomes
Ficha formativa determinantes pronomes
 
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º anoFicha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
Ficha de estudo do meio - 1ª dinastia - 4º ano
 
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
43548929 teste-cavaleiro-dinamarca
 
Testes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapasTestes 6º ano etapas
Testes 6º ano etapas
 
Ficha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º anoFicha de trabalho 5º ano
Ficha de trabalho 5º ano
 
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de TrabalhoTipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
Tipos e Formas de Frase: Ficha de Trabalho
 
Ulisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de AvaliaçãoUlisses: Ficha de Avaliação
Ulisses: Ficha de Avaliação
 

Semelhante a Portugues 6

Ativ 7 nely-f_silva
Ativ 7 nely-f_silvaAtiv 7 nely-f_silva
Ativ 7 nely-f_silva
Nely Ferreira da Silva
 
Relatório final eco escolas
Relatório final eco escolasRelatório final eco escolas
Relatório final eco escolas
EcoEscolaEBCanidelo
 
Relatório final eco escolas 2011-2012
Relatório final eco escolas 2011-2012Relatório final eco escolas 2011-2012
Relatório final eco escolas 2011-2012
EcoEscolaEBCanidelo
 
Jornal escolar
Jornal escolarJornal escolar
Jornal escolar
Max Teles Teles
 
Relatório final eco escolas
Relatório final eco escolasRelatório final eco escolas
Relatório final eco escolas
EcoEscolaEBCanidelo
 
DeClara 34 junho 2020
DeClara 34 junho 2020DeClara 34 junho 2020
DeClara 34 junho 2020
IsabelPereira2010
 
Relatório bandeiras verdes convertido
Relatório bandeiras verdes convertidoRelatório bandeiras verdes convertido
Relatório bandeiras verdes convertido
Raúl Freitas
 
Projeto meio ambient tereza 2003 (1)
Projeto meio ambient tereza   2003 (1)Projeto meio ambient tereza   2003 (1)
Projeto meio ambient tereza 2003 (1)
paulasinotti
 
Publicação jornal nº 1 11 12
Publicação jornal nº 1  11 12Publicação jornal nº 1  11 12
Publicação jornal nº 1 11 12
adelinafonseca
 
Projeto iracema ecotécnicas
Projeto iracema   ecotécnicasProjeto iracema   ecotécnicas
Projeto iracema ecotécnicas
Fabio Roque
 
Resumo Projecto "Ds Desconectados"
Resumo Projecto "Ds Desconectados"Resumo Projecto "Ds Desconectados"
Resumo Projecto "Ds Desconectados"
Escola Electrão
 
Eco escola 2013
Eco escola 2013Eco escola 2013
Eco escola 2013
ecosoaresbasto
 
Apresentação Escola Electrão
Apresentação Escola ElectrãoApresentação Escola Electrão
Apresentação Escola Electrão
Escola Electrão
 
Info Mas Ulha Já! 2013/2
Info Mas Ulha Já! 2013/2Info Mas Ulha Já! 2013/2
Info Mas Ulha Já! 2013/2
escolaborari
 
Projeto Jardim e Arte na Escola
Projeto Jardim e Arte na EscolaProjeto Jardim e Arte na Escola
Projeto Jardim e Arte na Escola
grupo1unb
 
Projeto tecnologico2013 neyder
Projeto tecnologico2013 neyderProjeto tecnologico2013 neyder
Projeto tecnologico2013 neyder
neydersuelly
 
Ecocodigo
EcocodigoEcocodigo
U niversidade metodista de são paulo
U niversidade metodista de são pauloU niversidade metodista de são paulo
U niversidade metodista de são paulo
Kelvin Oliveira
 
Livro didático
Livro didáticoLivro didático
Livro didático
Cristiane Trindade
 
21.06.10 projeto tec_pronto1
21.06.10 projeto tec_pronto121.06.10 projeto tec_pronto1
21.06.10 projeto tec_pronto1
Verde Mais Verde
 

Semelhante a Portugues 6 (20)

Ativ 7 nely-f_silva
Ativ 7 nely-f_silvaAtiv 7 nely-f_silva
Ativ 7 nely-f_silva
 
Relatório final eco escolas
Relatório final eco escolasRelatório final eco escolas
Relatório final eco escolas
 
Relatório final eco escolas 2011-2012
Relatório final eco escolas 2011-2012Relatório final eco escolas 2011-2012
Relatório final eco escolas 2011-2012
 
Jornal escolar
Jornal escolarJornal escolar
Jornal escolar
 
Relatório final eco escolas
Relatório final eco escolasRelatório final eco escolas
Relatório final eco escolas
 
DeClara 34 junho 2020
DeClara 34 junho 2020DeClara 34 junho 2020
DeClara 34 junho 2020
 
Relatório bandeiras verdes convertido
Relatório bandeiras verdes convertidoRelatório bandeiras verdes convertido
Relatório bandeiras verdes convertido
 
Projeto meio ambient tereza 2003 (1)
Projeto meio ambient tereza   2003 (1)Projeto meio ambient tereza   2003 (1)
Projeto meio ambient tereza 2003 (1)
 
Publicação jornal nº 1 11 12
Publicação jornal nº 1  11 12Publicação jornal nº 1  11 12
Publicação jornal nº 1 11 12
 
Projeto iracema ecotécnicas
Projeto iracema   ecotécnicasProjeto iracema   ecotécnicas
Projeto iracema ecotécnicas
 
Resumo Projecto "Ds Desconectados"
Resumo Projecto "Ds Desconectados"Resumo Projecto "Ds Desconectados"
Resumo Projecto "Ds Desconectados"
 
Eco escola 2013
Eco escola 2013Eco escola 2013
Eco escola 2013
 
Apresentação Escola Electrão
Apresentação Escola ElectrãoApresentação Escola Electrão
Apresentação Escola Electrão
 
Info Mas Ulha Já! 2013/2
Info Mas Ulha Já! 2013/2Info Mas Ulha Já! 2013/2
Info Mas Ulha Já! 2013/2
 
Projeto Jardim e Arte na Escola
Projeto Jardim e Arte na EscolaProjeto Jardim e Arte na Escola
Projeto Jardim e Arte na Escola
 
Projeto tecnologico2013 neyder
Projeto tecnologico2013 neyderProjeto tecnologico2013 neyder
Projeto tecnologico2013 neyder
 
Ecocodigo
EcocodigoEcocodigo
Ecocodigo
 
U niversidade metodista de são paulo
U niversidade metodista de são pauloU niversidade metodista de são paulo
U niversidade metodista de são paulo
 
Livro didático
Livro didáticoLivro didático
Livro didático
 
21.06.10 projeto tec_pronto1
21.06.10 projeto tec_pronto121.06.10 projeto tec_pronto1
21.06.10 projeto tec_pronto1
 

Último

Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 

Último (20)

Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 

Portugues 6

  • 1. Escola ______________________________________Data ____/____/____ Ano letivo ____/____ Nome _____________________________________________________ N.o _____ Turma ______ Classificação ___________ Professor _________________ Enc. de educação _________________ Teste de avaliação Português – 6.o ano Grupo I Lê o texto com atenção. Quais são as escolas mais amigas do ambiente? 5 10 15 A VISÃO Júnior esteve na celebração do Dia das Bandeiras Verdes, em Aveiro, para descobrir quais são as escolas mais ecológicas do país Nas camisolas, nos chapéus ou na alface das sandes que os participantes trouxeram na marmita: o verde está em todo o lado! Mas aquele que querem mesmo ver é o verde das bandeiras que anseiam levar para casa... É o Dia das Bandeiras Verdes, o dia em que as escolas mais ecológicas do país são premiadas pelos seus esforços em salvar o planeta! Sabes aquelas bandeiras azuis que encontras nas praias, a indicar que não estão poluídas? A ideia é mais ou menos a mesma. Há 20 anos que o programa Eco-Escolas, promovido pela Associação Bandeira Azul da Europa, atribui a Bandeira Verde às escolas que mais trabalharam para proteger o ambiente. Dezenas e dezenas de autocarros acumulam-se no estacionamento do Parque de Feiras e Exposições de Aveiro. E não é de estranhar: de que outra forma ali chegariam os perto de 5 mil alunos que vêm à cerimónia de entrega dos prémios? Marés de turmas enchem o recinto. Lá dentro, uma feira de exposições, onde escolas, organizações e empresas mostram aquilo que têm para dar pelo ambiente. Ao mesmo tempo, concertos, exibições de Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 1
  • 2. 20 25 30 dança e passagens de modelos de materiais reciclados animam o pavilhão. No auditório, são anunciados os vencedores dos desafios Eco-Escolas, concursos em que os alunos usaram a imaginação para promover temas como as energias renováveis, a reciclagem ou a alimentação biológica. Por fim, chega o momento tão esperado: a gala final de entrega da Bandeira Verde! Desde jardins de infância a universidades, este ano, mais de 1300 escolas mereceram a distinção. A Madeira é a grande vencedora – neste arquipélago, mais de 60% das escolas são ecológicas! O dia termina ao som dos Xutos e Pontapés, que emprestaram a música «Não sou o único» para ser o hino das Eco-escolas! Agora, é tempo de regressar às escolas e continuar a ajudar o planeta. Se queres que a tua escola também faça parte da rede Eco-escolas, pede ajuda a um dos teus professores. É preciso que a direção da escola dê autorização e que um professor seja responsável por coordenar o projeto. Depois, têm de saber se a vossa Câmara Municipal vos quer ajudar a serem uma escola ecológica e ajudar no pagamento da inscrição. Se todas estas condições estiverem reunidas, façam a inscrição na plataforma online do Eco-Escolas e depois é só darem o vosso melhor para proteger o ambiente! www.visaojunior.pt, 06/10/2016; consultado a 02/11/2016 (com supressões) 1. Assinala com X, de 1.1. a 1.4., a opção que completa cada frase de acordo com as informações que leste. 1.1. Os participantes querem mesmo ver o verde das bandeiras porque a) significa que chegaram aAveiro. b) é a sua cor favorita. c) distingue as suas escolas como ecológicas. d) combina com os seus acessórios e roupas. 1.2. A Associação Bandeira Azul da Europa atribui a) bandeiras azuis às praias limpas e bandeiras verdes às escolas ecológicas. b) bandeiras azuis a todas as praias e bandeiras verdes a todas as escolas. c) bandeiras azuis aos melhores modelos de materiais reciclados. d) bandeirasverdes às praias com melhor ambiente. 1.3. A frase «Marés de turmas enchem o recinto.» (linha 15) significa que há a) muitas turmas com trabalhos inspirados no mar. b) muitas escolas a participar no evento. c) uma praia perto do Parque de Feiras e Exposições de Aveiro. d) muitas atividades a acontecer ao mesmo tempo. 2 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
  • 3. 1.4. O arquipélago da Madeira foi o grande vencedor na gala finalporque a) todos os seus jardins de infância receberam a Bandeira Verde. b) a sua universidade recebeu a Bandeira Verde. c) 1300 das suas escolas receberam uma Bandeira Verde. d) mais de metade das suas escolas receberam a Bandeira Verde. 2. Assinala todos os passos necessários para que uma escola faça parte da rede Eco-Escolas, de acordo com a informação das linhas 26 a 31. a) Contar com o apoio de um professor. b) Obter autorização da direção da escola. c) Eleger uma turma para coordenar o projeto. d) Pagar a totalidade do valor da inscrição à Câmara Municipal. e) Proceder à inscrição da escola na plataforma online. 3. Lê a afirmação seguinte. A entrega dos prémios Eco-Escolas e das Bandeiras Verdes é também um evento cultural. Explica por que razãoesta afirmação é verdadeira, de acordo com as informações do texto. ________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________________________ Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 3
  • 4. Grupo II Lê atentamente o texto. Se necessário, consulta as notas. 1 5 10 15 20 Acabaram as aulas. Acabaram as consumições1 com o dinheiro contado e recontado. Acabaram os retinidos2 do despertador e da campainha. Acabaram as caminhadas! Fui à escola no último dia, embora soubesse que não ia haver aulas. De resto, tudo está definido, sei que vou passar de ano. O Nicolau passou tremidinho3 e o Luís Gordo foi reprovado, como a maioria dos alunos da minha turma. Deitei uns baldes de água à tília que eu e o Nicolau plantámos no Dia da Árvore. Gosto da tília. É a mais forte de todas as árvores que foram plantadas. Oxalá ninguém se lembre de a partir. O Dia da Árvore foi um dos mais bonitos da escola. Os funcionários da Câmara trouxeram as plantas e fizeram os buracos. Nós não quisemos que nos ajudassem, estávamos habituados a fazer buracos com um metro de largura e outro de fundo para plantar videiras. Gosto da tília. Sei que vai demorar muitos anos a ficar vistosa. Mas quando for alta e grossa e quando os pássaros fizerem ninhos nos seus ramos, deve ser bom dizer: «Esta tília foi plantada por mim!» Na brincadeira, pusemos-lhe um nome: Nicopede, nome maluco que quer dizer tília do Nicolau e do Pedro. Como é costume na Escola, este ano reprovaram muitos alunos. Dizem que nós é que somos os culpados, por não estudarmos, por não prestarmos atenção nas aulas. Será só isso? E o pouco jeito que alguns professores têm para ensinar não conta? E o muro alto que separa a secretária das mesas (invisível, claro) não tem importância? Tenho o sexto ano de escolaridade. Há seis anos que ando a estudar e ainda sei tão pouco! António Mota, Pedro Alecrim. Alfragide: Edições ASA, 2014, 2.a edição. 1 consumições – preocupações. 2 retinidos– sons intensos. 3 tremidinho – por um triz; no limite. 4 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
  • 5. 1. As frases abaixo apresentadas referem ações narradas por Pedro Alecrim. Numera as frases de 1 a 6, de acordo com a ordem cronológica/temporalpela qual sucederam as ações que aparecem no texto. A primeira frase já se encontra numerada. (A) Agora, Pedro já não precisa de ligar o despertador nem de fazer grandes caminhadas. (B) Pedro Alecrim foi à escola no último dia de aulas. (C)O rapaz regou a tília. (D) Pedro e Nicolau plantaram uma tília. (E) No Dia da Árvore, os funcionários da câmara trouxeram as plantas e cavaram os buracos. (F) Os dois amigos chamaram à sua tília Nicopede. 2. Relê os três primeiros parágrafos. 2.1. Identifica o recurso expressivo aí presente. ______________________________________________________________________________________________________ 2.2. O facto de Pedro andar na escola tem consequências para a sua família. Quais? ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ 3. O narrador participa na ação. Transcreve do quinto parágrafouma forma verbal e um determinante na 1.a pessoa. ____________________________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________________________ 4. Pedro gosta muito da sua tília. Indica duas razões que expliquem o seu sentimento em relação à árvore. ____________________________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________________________ Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 5 1
  • 6. 5. Relê os três últimos parágrafos do texto. Assinala com X, na 5.1. e na 5.2., a opção que completa cada frase de acordo com o sentido do texto. 5.1. Pedro reflete sobre a) ascausas do insucesso escolar na sua escola. b) as consequências do insucesso escolar na sua escola. c) o que poderia ser feito se os alunos reprovassem. d) o que poderia ser feito para que os alunos não reprovassem. 5.2. O «muro» a que Pedro Alecrim se refere (linha 20) é a) a parede construída no meio da sua sala de aula. b) o muro que se pode ver a partir da sala de aula. c)a distância que existe entre professores e alunos. d)a diferença que se verifica entre os vários alunos. 5.3. Explica, por palavras tuas, o sentido da frase «Há seis anos que ando a estudar e ainda sei tão pouco!» (linha 22). ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ 6 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão
  • 7. Grupo III 1. Assinala com X todas as palavras formadas por derivação. arvoredodesarvorarárvore-da-borrachaarvoragemárvore-do-dragão 2. Que espécie de árvore tinha plantado Pedro Alecrim? 2.1. Identifica a classe e a subclasse de cada uma das palavras sublinhadas na frase. ______________________________________________________________________________________________________ 2.2. Identifica o tempo e o modo em que se encontra o verbo da frase. ______________________________________________________________________________________________________ ______________________________________________________________________________________________________ 3. Identifica a função sintática desempenhada por cada um dos constituintes sublinhados. 3.1. És a árvore mais forte de todas, Nicopede! ______________________________________________________________________________________________________ 3.2. O Pedro e o Nicolaueram inseparáveis. ______________________________________________________________________________________________________ 4. Reescreve as frases seguintes (4.1. e 4.2.), substituindo cada expressão sublinhada pelo pronome pessoal adequado. Faz apenas as alterações necessárias. 4.1. Os funcionários da câmara ajudaram os alunos da escola. ______________________________________________________________________________________________________ 4.2. Ninguém plantava árvores como Pedro Alecrim. ______________________________________________________________________________________________________ Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão 7
  • 8. Grupo IV No Dia da Árvore, plantaram-se árvores na escola de Pedro Alecrim, um gesto ecológico que contribui para a sobrevivência do planeta. Concordas com esta atitude? Achas que a escola se deve preocupar com a ecologia? Não há outros conteúdos e áreas mais importantes a trabalhar? Escreve um texto de opinião em que apresentes a tua opinião sobre este tema. O teu texto, com um mínimo de 140 e um máximo de 200 palavras, deve incluir: – uma introdução em que apresentes uma posição clara (a favor ou contra o tema); – um desenvolvimento em que apresentes três razões que justifiquem a tua posição; – uma conclusão coerente; – um título adequado. _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________________________________ FIM 8 Ana Albuquerque e Aguilar | Ana Santiago | Sofia Paixão