SlideShare uma empresa Scribd logo
Pampas
Gaúchas
Localização
Localizado na região sul do Brasil, ocupa cerca de 63% da região,
correspondendo um total de a 2% da cobertura vegetal brasileira, possui
áreas ocupadas estendendo-se pelo Uruguai até o Nordeste da
Argentina.
 Pampas é uma palavra indígena que significa “região plana”;
 Os pampas ocupam áreas de planície e se caracterizam pela predominância
de plantas herbáceas da família das gramíneas, plantas utilizadas inclusive
para criação de gados.
Clima
 O clima é bem ameno, com temperaturas médias anuais que não
costumam ultrapassar os 20ºC. As estações do ano são muito bem
definidas e as chuvas bem distribuídas ao longo da sucessão dos
meses;
 O índice de chuvas na região dos pampas fica entre 500 e
1.000mm por ano;
 A temperatura varia de acordo com a estação, sendo, no inverno,
entre 10 e14°C e, no verão, entre 20 e 23°C.
Vegetação
 As paisagens naturais do Pampa são variadas, de serras a planícies, de
morros rupestres a coxilhas;
 As paisagens naturais do Pampa se caracterizam pelo predomínio dos
campos nativos, mas há também a presença de matas ciliares, matas de
encosta, matas de pau-ferro, formações arbustivas, butiazais, banhados,
afloramentos rochosos, etc.;
 Vegetação formada por gramíneas e arbustos e árvores de pequeno porte;
 Esse tipo de paisagem apresenta dois tipos bem definidos: os
chamados campos limpos e os campos sujos;
 Os campos limpos ocorrem quando a vegetação não apresenta arbustos,
ganhando uma paisagem mais homogênea, isto é, mais regular, sem
diferenças muito grandes entre uma parte e a outra. Já os campos sujos
ocorrem quando há uma maior presença desses arbustos, que se “misturam”
à paisagem.
 Com vegetação herbácea entre 10 e 50 cm de altura, os pampas possuem uma
paisagem homogênea que se assemelha – quando vista de longe – a um imenso
tapete verde.
Campos limpos Campos sujos
Gramíneas
Fauna e Flora
Elas são bastante diversificadas. Há uma grande quantidade de
espécies, algumas delas ainda não catalogadas. Dados do Ministério
do Meio Ambiente estimam que existam mais de 3.000 tipos de
plantas, 500 tipos de aves e 100 espécies de mamíferos. Como por
exemplo:
A Vicunha e a Araponga, animais típicos da região.
Onça-pintada Macaco-prego Mono-carvoeiro
Sabiá-do-campo Pica-pau do campo Tamanduá Gato do pampa
Quero-quero Tachã Zorrilho
Cachorro-do-mato Coruja-barraqueira Peixe Surubim
Ema
Louro-pardo Cedro Cabreúva
Pau-de-leite
Palmeira-anã Angico-vermelha Trevo-nativo
Leguminosas Guaco
Curiosidades
O estado gaúcho está entre as nove regiões do mundo que ainda
possuem áreas de vegetação tipicamente campestre.
A Lagoa dos Patos é a maior laguna do Brasil e a segunda maior da
América Latina, com 265 km de comprimento.
Um dos animais mais ameaçados de extinção é o Gato dos Pampas (Felis
Colocolo), que mede 85 cm, sendo 25 cm de calda.
Impactos ambientais
 Os pampas possui ótimas condições para a agricultura e a pecuária,
atualmente a maior parte da vegetação original dos pampas foi destruída para
dar lugar a agricultura;
 Embora os campos sejam ótimos para criação de gados, grande parte está
sendo destruída por falta de cuidado com o solo, causando a erosão,
desmatamento e desertificação;
 Além destes impactos temos o desaparecimento de espécies nativas e a
invasão de espécies que levam ao desiquilíbrio do ecossistema.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pampas
PampasPampas
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
Hávila Said
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma PampaTrabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Jean Leão
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Bioma Caatinga
Bioma CaatingaBioma Caatinga
Bioma Caatinga
William Santos
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
Edmar Souza
 
Mata AtlâNtica
Mata AtlâNticaMata AtlâNtica
Mata AtlâNtica
diegovicari
 
Ecossistema: Pampas
Ecossistema: PampasEcossistema: Pampas
Ecossistema: Pampas
Felipe Esteves
 
Bioma: Cerrado
Bioma: CerradoBioma: Cerrado
Bioma: Cerrado
Malu Anacleto
 
Bioma Mata atlântica
Bioma Mata atlânticaBioma Mata atlântica
Bioma Mata atlântica
Felipe Batista
 
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
Edmar Souza
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
Edmar Souza
 
Mata de araucária slide
Mata de araucária   slideMata de araucária   slide
Mata de araucária slide
matheusvilela123
 
Cerrado (4)
Cerrado (4)Cerrado (4)
Cerrado (4)
Jéssica Muniz
 
Bioma Campos Sulinos
Bioma   Campos SulinosBioma   Campos Sulinos
Bioma Campos Sulinos
RAFAELA BARBOSA
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
taffila
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
Marina Godoy
 
Pradarias slide
Pradarias slidePradarias slide
Pradarias slide
Wenderson Ferreira
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
KELSON DA LUZ OLIVEIRA
 

Mais procurados (20)

Pampas
PampasPampas
Pampas
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma PampaTrabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Bioma Caatinga
Bioma CaatingaBioma Caatinga
Bioma Caatinga
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
 
Mata AtlâNtica
Mata AtlâNticaMata AtlâNtica
Mata AtlâNtica
 
Ecossistema: Pampas
Ecossistema: PampasEcossistema: Pampas
Ecossistema: Pampas
 
Bioma: Cerrado
Bioma: CerradoBioma: Cerrado
Bioma: Cerrado
 
Bioma Mata atlântica
Bioma Mata atlânticaBioma Mata atlântica
Bioma Mata atlântica
 
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Mata de araucária slide
Mata de araucária   slideMata de araucária   slide
Mata de araucária slide
 
Cerrado (4)
Cerrado (4)Cerrado (4)
Cerrado (4)
 
Bioma Campos Sulinos
Bioma   Campos SulinosBioma   Campos Sulinos
Bioma Campos Sulinos
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Pradarias slide
Pradarias slidePradarias slide
Pradarias slide
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
 

Semelhante a Pampas gaúchas

Biogeografia 8
Biogeografia 8Biogeografia 8
Biogeografia 8
Virna Salgado Barra
 
Biomas Do Brasil
Biomas Do BrasilBiomas Do Brasil
Amazonia.pptx
Amazonia.pptxAmazonia.pptx
Amazonia.pptx
GustavoChaves46
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
Esequias Bueno
 
Principais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileirosPrincipais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileiros
Patricia Alcantara
 
5a série ecossistemas brasileiros
5a série   ecossistemas brasileiros5a série   ecossistemas brasileiros
5a série ecossistemas brasileiros
SESI 422 - Americana
 
Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010
petrivanacarvalho
 
Principais biomas brasileiros
Principais biomas brasileirosPrincipais biomas brasileiros
Principais biomas brasileiros
Luis Augusto
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
Paulo Vitor
 
kkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkk
Ecossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanlEcossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanl
Ricardo Vilas
 
BIOMA PAMPAS.pptx
BIOMA PAMPAS.pptxBIOMA PAMPAS.pptx
BIOMA PAMPAS.pptx
RosiellenLobato
 
Biomas brasileiros.pptx
Biomas brasileiros.pptxBiomas brasileiros.pptx
Biomas brasileiros.pptx
KevinCezar
 
Ecologia(ppes ii)2.0
Ecologia(ppes ii)2.0Ecologia(ppes ii)2.0
Ecologia(ppes ii)2.0
familiaestagio
 
Vegetacao brasileira
Vegetacao brasileiraVegetacao brasileira
Vegetacao brasileira
Rosemildo Lima
 
6-anos-biomas-brasileiros ciências/ Biologia
6-anos-biomas-brasileiros  ciências/ Biologia6-anos-biomas-brasileiros  ciências/ Biologia
6-anos-biomas-brasileiros ciências/ Biologia
enivaldeth1
 
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/BiologiaBiomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
enivaldeth1
 
Biologia, esse 1
Biologia, esse 1Biologia, esse 1
Biologia, esse 1
Roberto Bagatini
 
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
Coraci Machado Araújo
 
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º anoVegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
Coraci Machado Araújo
 

Semelhante a Pampas gaúchas (20)

Biogeografia 8
Biogeografia 8Biogeografia 8
Biogeografia 8
 
Biomas Do Brasil
Biomas Do BrasilBiomas Do Brasil
Biomas Do Brasil
 
Amazonia.pptx
Amazonia.pptxAmazonia.pptx
Amazonia.pptx
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
Principais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileirosPrincipais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileiros
 
5a série ecossistemas brasileiros
5a série   ecossistemas brasileiros5a série   ecossistemas brasileiros
5a série ecossistemas brasileiros
 
Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010
 
Principais biomas brasileiros
Principais biomas brasileirosPrincipais biomas brasileiros
Principais biomas brasileiros
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
kkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkk
 
Ecossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanlEcossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanl
 
BIOMA PAMPAS.pptx
BIOMA PAMPAS.pptxBIOMA PAMPAS.pptx
BIOMA PAMPAS.pptx
 
Biomas brasileiros.pptx
Biomas brasileiros.pptxBiomas brasileiros.pptx
Biomas brasileiros.pptx
 
Ecologia(ppes ii)2.0
Ecologia(ppes ii)2.0Ecologia(ppes ii)2.0
Ecologia(ppes ii)2.0
 
Vegetacao brasileira
Vegetacao brasileiraVegetacao brasileira
Vegetacao brasileira
 
6-anos-biomas-brasileiros ciências/ Biologia
6-anos-biomas-brasileiros  ciências/ Biologia6-anos-biomas-brasileiros  ciências/ Biologia
6-anos-biomas-brasileiros ciências/ Biologia
 
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/BiologiaBiomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
Biomas-brasileiros.ppt Ciências/Biologia
 
Biologia, esse 1
Biologia, esse 1Biologia, esse 1
Biologia, esse 1
 
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
 
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º anoVegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
 

Mais de Hávila Said

Produção de energia elétrica no brasil
Produção de energia elétrica no brasilProdução de energia elétrica no brasil
Produção de energia elétrica no brasil
Hávila Said
 
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
Hávila Said
 
Mata dos cocais
Mata dos cocaisMata dos cocais
Mata dos cocais
Hávila Said
 
Mata de araucarias
Mata de araucarias Mata de araucarias
Mata de araucarias
Hávila Said
 
Política ambientais
Política ambientaisPolítica ambientais
Política ambientais
Hávila Said
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
Hávila Said
 
Processos sociais urbanos
Processos sociais urbanosProcessos sociais urbanos
Processos sociais urbanos
Hávila Said
 
Acidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
Acidente da usina nuclear de chernobyl e FukushimaAcidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
Acidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
Hávila Said
 

Mais de Hávila Said (8)

Produção de energia elétrica no brasil
Produção de energia elétrica no brasilProdução de energia elétrica no brasil
Produção de energia elétrica no brasil
 
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
Reciclagem dos resíduos de pneu, metal e vidro.
 
Mata dos cocais
Mata dos cocaisMata dos cocais
Mata dos cocais
 
Mata de araucarias
Mata de araucarias Mata de araucarias
Mata de araucarias
 
Política ambientais
Política ambientaisPolítica ambientais
Política ambientais
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
Processos sociais urbanos
Processos sociais urbanosProcessos sociais urbanos
Processos sociais urbanos
 
Acidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
Acidente da usina nuclear de chernobyl e FukushimaAcidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
Acidente da usina nuclear de chernobyl e Fukushima
 

Último

- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 

Pampas gaúchas

  • 2. Localização Localizado na região sul do Brasil, ocupa cerca de 63% da região, correspondendo um total de a 2% da cobertura vegetal brasileira, possui áreas ocupadas estendendo-se pelo Uruguai até o Nordeste da Argentina.
  • 3.  Pampas é uma palavra indígena que significa “região plana”;  Os pampas ocupam áreas de planície e se caracterizam pela predominância de plantas herbáceas da família das gramíneas, plantas utilizadas inclusive para criação de gados.
  • 4. Clima  O clima é bem ameno, com temperaturas médias anuais que não costumam ultrapassar os 20ºC. As estações do ano são muito bem definidas e as chuvas bem distribuídas ao longo da sucessão dos meses;  O índice de chuvas na região dos pampas fica entre 500 e 1.000mm por ano;  A temperatura varia de acordo com a estação, sendo, no inverno, entre 10 e14°C e, no verão, entre 20 e 23°C.
  • 5.
  • 6. Vegetação  As paisagens naturais do Pampa são variadas, de serras a planícies, de morros rupestres a coxilhas;  As paisagens naturais do Pampa se caracterizam pelo predomínio dos campos nativos, mas há também a presença de matas ciliares, matas de encosta, matas de pau-ferro, formações arbustivas, butiazais, banhados, afloramentos rochosos, etc.;  Vegetação formada por gramíneas e arbustos e árvores de pequeno porte;  Esse tipo de paisagem apresenta dois tipos bem definidos: os chamados campos limpos e os campos sujos;  Os campos limpos ocorrem quando a vegetação não apresenta arbustos, ganhando uma paisagem mais homogênea, isto é, mais regular, sem diferenças muito grandes entre uma parte e a outra. Já os campos sujos ocorrem quando há uma maior presença desses arbustos, que se “misturam” à paisagem.
  • 7.  Com vegetação herbácea entre 10 e 50 cm de altura, os pampas possuem uma paisagem homogênea que se assemelha – quando vista de longe – a um imenso tapete verde. Campos limpos Campos sujos Gramíneas
  • 8. Fauna e Flora Elas são bastante diversificadas. Há uma grande quantidade de espécies, algumas delas ainda não catalogadas. Dados do Ministério do Meio Ambiente estimam que existam mais de 3.000 tipos de plantas, 500 tipos de aves e 100 espécies de mamíferos. Como por exemplo: A Vicunha e a Araponga, animais típicos da região.
  • 9. Onça-pintada Macaco-prego Mono-carvoeiro Sabiá-do-campo Pica-pau do campo Tamanduá Gato do pampa Quero-quero Tachã Zorrilho
  • 11. Ema
  • 14.
  • 15. Curiosidades O estado gaúcho está entre as nove regiões do mundo que ainda possuem áreas de vegetação tipicamente campestre.
  • 16. A Lagoa dos Patos é a maior laguna do Brasil e a segunda maior da América Latina, com 265 km de comprimento.
  • 17. Um dos animais mais ameaçados de extinção é o Gato dos Pampas (Felis Colocolo), que mede 85 cm, sendo 25 cm de calda.
  • 18. Impactos ambientais  Os pampas possui ótimas condições para a agricultura e a pecuária, atualmente a maior parte da vegetação original dos pampas foi destruída para dar lugar a agricultura;  Embora os campos sejam ótimos para criação de gados, grande parte está sendo destruída por falta de cuidado com o solo, causando a erosão, desmatamento e desertificação;  Além destes impactos temos o desaparecimento de espécies nativas e a invasão de espécies que levam ao desiquilíbrio do ecossistema.