SlideShare uma empresa Scribd logo
Para abrir a tela inteira clique em F5
Para continuar, use a seta ou o mouse
27 de maio de 2013
LÁGRIMA DE SOLDADOÁ
Lágrima de soldado é ter lutado pela soberania deste país e ajudado a
escrever a sua História com o suor de sua pele e o sangue de seu corpo e
hoje ver o seu sabre honrado e glorioso ser esquecido e menosprezado.
Batalha do Avaí
É ter lutado nas guerras internas para preservar a unidade nacional, colocando
toda a sua alma a serviço de seu país e de seu povo e hoje ver a sua história
ser descolorida e reinterpretada em nome de interesses ideológicos.
Guerra dos Farrapos
É ver a sua Instituição de tradições seculares - constituída por profissionais honestos e
honrados, de alma pura e adornada de civismo - ser deslustrada e desvalorizada, de forma
maliciosa, pela mídia e por pessoas que exercem temporariamente o poder.
É ver a importância de sua Instituição ser esvaziada para atender a doutrinas
ideológicas, por meio de cortes no orçamento, perdas de benefícios,
sucateamento dos materiais, achatamento salarial, desvalorização dos
chefes.
É ver o esplendor de sua espada receber qualificações
depreciativas e gratuitas por parte de pessoas
interessadas em desfigurar os valores éticos, morais e
cívicos que brilham, de forma permanente, sob os
uniformes militares.
É ter espírito de servidão, identidade com a democracia,
solidariedade para com os humildes, respeito às leis e aos
direitos das pessoas, e ser configurado, de forma
contundente, como autoritário e prepotente.
É não ter o reconhecimento, por parte das autoridades, dos anos que
permanece nas fronteiras distantes e insalubres; das horas que fica em seu
posto de sentinela, sentindo o vento frio dos invernos ou o calor ardente dos
verões; do tempo que fica de serviço dia e noite no quartel, sem qualquer
remuneração extra.
É não ver reconhecida a grandeza de seu trabalho, que se inicia quando
algumas estrelas ainda permanecem acesas no céu e termina quando os
horizontes ficam arroxeados pelos raios do sol poente; é preparar-se para
defender a soberania de seu país e não ter a profissão dignamente
remunerada, como se a soberania não tivesse importância para os
brasileiros.
É ver muita gente querer apagar a luz que ilumina a grandeza de um soldado; é não ser
lembrado nos momentos de festa, mas somente nos instantes de dor; é ser
discriminado, mesmo sabendo que ele tem a alma alegre e solidária de nossa gente.
É ser um lutador incansável pela glória de seu país, treinando sem qualquer
apoio governamental e, mesmo assim, conquistando medalhas em Olimpíadas
Internacionais e não ser citado pela mídia como um soldado do Brasil.
É ter que responder com silêncio e disciplina as injustiças, ofensas,
ingratidões e perseguições, todas motivadas por um espírito revanchista; é
saber que os palácios não ouvem a sua voz e nem vêm as suas dificuldades,
causadas pelos baixos salários que o governo lhe paga.
É ver pessoas, lideradas por ex-assessor do Ministro da Defesa, fazerem
manifestações públicas em favor de condenados pela Suprema Corte,
por vários crimes cometidos contra o povo, no desvio de recursos
públicos, que poderiam ser usados na educação e na saúde.
É sonhar com um Brasil novo, com justiça social, e ver um Brasil velho,
vestido de desigualdades; é sonhar com a honestidade no exercício das
funções públicas e encontrar o desvio dos impostos pagos pelo cidadão; é
sonhar com a esperança de que a democracia traga mudanças e assistir ao
continuísmo das velhas práticas políticas; é sonhar com um novo dia e
perceber que a noite parece não ter fim.
É sonhar com uma assistência médica de qualidade e ver pessoas morrendo nas filas
dos Hospitais; é sonhar com uma escola pública de alto nível e ver a decadência da
educação; é sonhar com a primavera e não ver as flores; é sonhar com as estrelas e
não ver o céu; é sonhar com o mar e não ver a água.
É ver o amor que os homens públicos têm pela mordomia; é ver a
vocação de sua maioria para a prática de atividades ilícitas e
desonestas; é ver os políticos brasileiros usarem o mandato ou o cargo
para alcançar benefícios pessoais, seja desviando recursos
públicos, seja exercendo tráfico de influência.
É ver que os nossos políticos têm a podridão dos rios poluídos que cortam
as cidades e não a pureza das águas glaciais que descem das geleiras; é ver
que as eleições não trazem esperanças novas para os eleitores; é ver que a
corrupção e o nepotismo ainda têm vida longa neste país.
Lágrima de soldado é ver o Brasil ser o 6º país mais rico do planeta e ter gente
dormindo na rua e passando fome; é ter pessoas na porta dos Hospitais
lutando pelo direito de enfrentar a morte; é ter mães implorando por vaga nas
Escolas e nas Creches; é saber que a verdadeira democracia ainda não chegou
ao nosso país. Ainda é apenas um sonho...
Mesmo com lágrimas nos olhos, o soldado continua em frente no
cumprimento de seu dever, com a sua alma vestida de fé e
esperança, sempre acreditando no Brasil, na democracia e no fim das
desigualdades, que tanto envergonham as pessoas de bem, que
vivem neste solo onde balança o auriverde pendão de nossa terra
Esse soldado – simples, valoroso, dedicado, portador das mais caras virtudes –
continua com o seu passo firme e cadenciado, esperando que um dia a
impunidade seja lançada ao mar e este povo sofrido possa ouvir não um
toque de silêncio mas o de uma nova alvorada e acordar com uma nova
democracia.
Texto e Formatação: Gen Ref Queiroz
Imagens: Internet
Música : Il Silenzio – André Rieu
F I M

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Discurso Roberto Magalhães
Discurso Roberto MagalhãesDiscurso Roberto Magalhães
Discurso Roberto Magalhães
Jamildo Melo
 
Jb news informativo nr. 2277
Jb news   informativo nr. 2277Jb news   informativo nr. 2277
Jb news informativo nr. 2277
JB News
 
Pagina 3
Pagina   3Pagina   3
Pagina 3
Sergyo Vitro
 
Pagina 31910
Pagina   31910Pagina   31910
Pagina 31910
Sergyo Vitro
 
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em BelémAto pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
CleideeAndrey Pais Do Eros
 
Tempo Presente de 02-06-2014
Tempo Presente de  02-06-2014Tempo Presente de  02-06-2014
Tempo Presente de 02-06-2014
Donaldson Gomes
 
Discurso de posse do Governador Jackson Barreto
Discurso de posse do Governador Jackson BarretoDiscurso de posse do Governador Jackson Barreto
Discurso de posse do Governador Jackson Barreto
Governo de Sergipe
 
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
Leandro César
 
Prova 2 ano
Prova 2 anoProva 2 ano
Prova 2 ano
Vera Oliveira
 
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
Sérgio Pitaki
 
Reporter capixaba 56
Reporter capixaba 56Reporter capixaba 56
Reporter capixaba 56
Frédéric Decatoire
 
Comendo sardinha e arrotando caviar
Comendo sardinha e arrotando caviarComendo sardinha e arrotando caviar
Comendo sardinha e arrotando caviar
Mensagens Virtuais
 
Diz Jornal Edição 459
Diz Jornal Edição 459Diz Jornal Edição 459
Diz Jornal Edição 459
dizjornal jornal
 
Antonio Baldo Toninho Cavalo
Antonio Baldo  Toninho CavaloAntonio Baldo  Toninho Cavalo
Antonio Baldo Toninho Cavalo
nivaldo baldo
 

Mais procurados (14)

Discurso Roberto Magalhães
Discurso Roberto MagalhãesDiscurso Roberto Magalhães
Discurso Roberto Magalhães
 
Jb news informativo nr. 2277
Jb news   informativo nr. 2277Jb news   informativo nr. 2277
Jb news informativo nr. 2277
 
Pagina 3
Pagina   3Pagina   3
Pagina 3
 
Pagina 31910
Pagina   31910Pagina   31910
Pagina 31910
 
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em BelémAto pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
Ato pelo fim de ação israelense reúne dezenas em Belém
 
Tempo Presente de 02-06-2014
Tempo Presente de  02-06-2014Tempo Presente de  02-06-2014
Tempo Presente de 02-06-2014
 
Discurso de posse do Governador Jackson Barreto
Discurso de posse do Governador Jackson BarretoDiscurso de posse do Governador Jackson Barreto
Discurso de posse do Governador Jackson Barreto
 
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
Coluna da Jussara Gottlieb - SOLENIDADE DE POSSE DA DIRETORIA OAB/RO REÚNE AU...
 
Prova 2 ano
Prova 2 anoProva 2 ano
Prova 2 ano
 
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
Gralha azul no. 18 - Dezembro - Sobrames Paraná
 
Reporter capixaba 56
Reporter capixaba 56Reporter capixaba 56
Reporter capixaba 56
 
Comendo sardinha e arrotando caviar
Comendo sardinha e arrotando caviarComendo sardinha e arrotando caviar
Comendo sardinha e arrotando caviar
 
Diz Jornal Edição 459
Diz Jornal Edição 459Diz Jornal Edição 459
Diz Jornal Edição 459
 
Antonio Baldo Toninho Cavalo
Antonio Baldo  Toninho CavaloAntonio Baldo  Toninho Cavalo
Antonio Baldo Toninho Cavalo
 

Semelhante a Lágrima do Soldado MARAVILHOSO E EMOCIONANTE ALEM DE VERDADEIRO

Discurso de josé miguel baptista 25 de abril
Discurso de josé miguel baptista   25 de abrilDiscurso de josé miguel baptista   25 de abril
Discurso de josé miguel baptista 25 de abril
jsdstr
 
000119340
000119340000119340
Corruptores da miséria
Corruptores da misériaCorruptores da miséria
Corruptores da miséria
Sebastião Luiz Alves
 
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃOJORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
ederbraga
 
Pindorama saqueado
Pindorama saqueadoPindorama saqueado
Pindorama saqueado
Mensagens Virtuais
 
Discurso Dilma Rousseff
Discurso Dilma RousseffDiscurso Dilma Rousseff
Discurso Dilma Rousseff
guesta156a43
 
16 duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
16   duas mensagens de nilo peçanha - 2ª16   duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
16 duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
Fatoze
 
O brasil não existe !
  O brasil não existe !   O brasil não existe !
O brasil não existe !
Fernando Zornitta
 
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)SAula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
Joao De Deus Azevedo
 
Cantinflas mario moreno
Cantinflas   mario morenoCantinflas   mario moreno
Cantinflas mario moreno
Amadeu Wolff
 
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
Silvio César de Oliveira
 
Dizjornal144
Dizjornal144Dizjornal144
Dizjornal144
dizjornal jornal
 
Trablho para pdf novo
Trablho para pdf novoTrablho para pdf novo
Trablho para pdf novo
fernando_tavora
 
mafia de palito
mafia de palitomafia de palito
mafia de palito
Ed Vieira
 
MafiadePalito
MafiadePalitoMafiadePalito
MafiadePalito
Éd Vieira
 
A Máfia de Palitó
A Máfia de PalitóA Máfia de Palitó
A Máfia de Palitó
Éd Vieira
 
Operaçao uragano
Operaçao uraganoOperaçao uragano
Operaçao uragano
Éd Vieira
 
Carta aberta
Carta abertaCarta aberta
Carta aberta
aipaf
 
493 an 17_setembro_2014.ok
493 an 17_setembro_2014.ok493 an 17_setembro_2014.ok
493 an 17_setembro_2014.ok
Roberto Rabat Chame
 
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
liceuterceiroc
 

Semelhante a Lágrima do Soldado MARAVILHOSO E EMOCIONANTE ALEM DE VERDADEIRO (20)

Discurso de josé miguel baptista 25 de abril
Discurso de josé miguel baptista   25 de abrilDiscurso de josé miguel baptista   25 de abril
Discurso de josé miguel baptista 25 de abril
 
000119340
000119340000119340
000119340
 
Corruptores da miséria
Corruptores da misériaCorruptores da miséria
Corruptores da miséria
 
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃOJORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
JORNAL DAQUI ESMERALDAS - 4ª EDIÇÃO
 
Pindorama saqueado
Pindorama saqueadoPindorama saqueado
Pindorama saqueado
 
Discurso Dilma Rousseff
Discurso Dilma RousseffDiscurso Dilma Rousseff
Discurso Dilma Rousseff
 
16 duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
16   duas mensagens de nilo peçanha - 2ª16   duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
16 duas mensagens de nilo peçanha - 2ª
 
O brasil não existe !
  O brasil não existe !   O brasil não existe !
O brasil não existe !
 
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)SAula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
Aula de cidadania de Mario Moreno(CANTINFLAS)S
 
Cantinflas mario moreno
Cantinflas   mario morenoCantinflas   mario moreno
Cantinflas mario moreno
 
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
A receita dos japoneses para o Brasil superar a ressaca de 7x1
 
Dizjornal144
Dizjornal144Dizjornal144
Dizjornal144
 
Trablho para pdf novo
Trablho para pdf novoTrablho para pdf novo
Trablho para pdf novo
 
mafia de palito
mafia de palitomafia de palito
mafia de palito
 
MafiadePalito
MafiadePalitoMafiadePalito
MafiadePalito
 
A Máfia de Palitó
A Máfia de PalitóA Máfia de Palitó
A Máfia de Palitó
 
Operaçao uragano
Operaçao uraganoOperaçao uragano
Operaçao uragano
 
Carta aberta
Carta abertaCarta aberta
Carta aberta
 
493 an 17_setembro_2014.ok
493 an 17_setembro_2014.ok493 an 17_setembro_2014.ok
493 an 17_setembro_2014.ok
 
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
3º c - sociologia - liceu3c.blogspot.com
 

Último

Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
ProfessoraSilmaraArg
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 

Último (20)

Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdfAula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
Aula 3 CURSO LETRANDO (classes gramaticais).pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 

Lágrima do Soldado MARAVILHOSO E EMOCIONANTE ALEM DE VERDADEIRO

  • 1. Para abrir a tela inteira clique em F5 Para continuar, use a seta ou o mouse 27 de maio de 2013
  • 3. Lágrima de soldado é ter lutado pela soberania deste país e ajudado a escrever a sua História com o suor de sua pele e o sangue de seu corpo e hoje ver o seu sabre honrado e glorioso ser esquecido e menosprezado. Batalha do Avaí
  • 4. É ter lutado nas guerras internas para preservar a unidade nacional, colocando toda a sua alma a serviço de seu país e de seu povo e hoje ver a sua história ser descolorida e reinterpretada em nome de interesses ideológicos. Guerra dos Farrapos
  • 5. É ver a sua Instituição de tradições seculares - constituída por profissionais honestos e honrados, de alma pura e adornada de civismo - ser deslustrada e desvalorizada, de forma maliciosa, pela mídia e por pessoas que exercem temporariamente o poder. É ver a importância de sua Instituição ser esvaziada para atender a doutrinas ideológicas, por meio de cortes no orçamento, perdas de benefícios, sucateamento dos materiais, achatamento salarial, desvalorização dos chefes.
  • 6. É ver o esplendor de sua espada receber qualificações depreciativas e gratuitas por parte de pessoas interessadas em desfigurar os valores éticos, morais e cívicos que brilham, de forma permanente, sob os uniformes militares. É ter espírito de servidão, identidade com a democracia, solidariedade para com os humildes, respeito às leis e aos direitos das pessoas, e ser configurado, de forma contundente, como autoritário e prepotente.
  • 7. É não ter o reconhecimento, por parte das autoridades, dos anos que permanece nas fronteiras distantes e insalubres; das horas que fica em seu posto de sentinela, sentindo o vento frio dos invernos ou o calor ardente dos verões; do tempo que fica de serviço dia e noite no quartel, sem qualquer remuneração extra.
  • 8. É não ver reconhecida a grandeza de seu trabalho, que se inicia quando algumas estrelas ainda permanecem acesas no céu e termina quando os horizontes ficam arroxeados pelos raios do sol poente; é preparar-se para defender a soberania de seu país e não ter a profissão dignamente remunerada, como se a soberania não tivesse importância para os brasileiros.
  • 9. É ver muita gente querer apagar a luz que ilumina a grandeza de um soldado; é não ser lembrado nos momentos de festa, mas somente nos instantes de dor; é ser discriminado, mesmo sabendo que ele tem a alma alegre e solidária de nossa gente.
  • 10. É ser um lutador incansável pela glória de seu país, treinando sem qualquer apoio governamental e, mesmo assim, conquistando medalhas em Olimpíadas Internacionais e não ser citado pela mídia como um soldado do Brasil.
  • 11. É ter que responder com silêncio e disciplina as injustiças, ofensas, ingratidões e perseguições, todas motivadas por um espírito revanchista; é saber que os palácios não ouvem a sua voz e nem vêm as suas dificuldades, causadas pelos baixos salários que o governo lhe paga.
  • 12. É ver pessoas, lideradas por ex-assessor do Ministro da Defesa, fazerem manifestações públicas em favor de condenados pela Suprema Corte, por vários crimes cometidos contra o povo, no desvio de recursos públicos, que poderiam ser usados na educação e na saúde.
  • 13. É sonhar com um Brasil novo, com justiça social, e ver um Brasil velho, vestido de desigualdades; é sonhar com a honestidade no exercício das funções públicas e encontrar o desvio dos impostos pagos pelo cidadão; é sonhar com a esperança de que a democracia traga mudanças e assistir ao continuísmo das velhas práticas políticas; é sonhar com um novo dia e perceber que a noite parece não ter fim.
  • 14. É sonhar com uma assistência médica de qualidade e ver pessoas morrendo nas filas dos Hospitais; é sonhar com uma escola pública de alto nível e ver a decadência da educação; é sonhar com a primavera e não ver as flores; é sonhar com as estrelas e não ver o céu; é sonhar com o mar e não ver a água.
  • 15. É ver o amor que os homens públicos têm pela mordomia; é ver a vocação de sua maioria para a prática de atividades ilícitas e desonestas; é ver os políticos brasileiros usarem o mandato ou o cargo para alcançar benefícios pessoais, seja desviando recursos públicos, seja exercendo tráfico de influência. É ver que os nossos políticos têm a podridão dos rios poluídos que cortam as cidades e não a pureza das águas glaciais que descem das geleiras; é ver que as eleições não trazem esperanças novas para os eleitores; é ver que a corrupção e o nepotismo ainda têm vida longa neste país.
  • 16. Lágrima de soldado é ver o Brasil ser o 6º país mais rico do planeta e ter gente dormindo na rua e passando fome; é ter pessoas na porta dos Hospitais lutando pelo direito de enfrentar a morte; é ter mães implorando por vaga nas Escolas e nas Creches; é saber que a verdadeira democracia ainda não chegou ao nosso país. Ainda é apenas um sonho...
  • 17. Mesmo com lágrimas nos olhos, o soldado continua em frente no cumprimento de seu dever, com a sua alma vestida de fé e esperança, sempre acreditando no Brasil, na democracia e no fim das desigualdades, que tanto envergonham as pessoas de bem, que vivem neste solo onde balança o auriverde pendão de nossa terra Esse soldado – simples, valoroso, dedicado, portador das mais caras virtudes – continua com o seu passo firme e cadenciado, esperando que um dia a impunidade seja lançada ao mar e este povo sofrido possa ouvir não um toque de silêncio mas o de uma nova alvorada e acordar com uma nova democracia.
  • 18. Texto e Formatação: Gen Ref Queiroz Imagens: Internet Música : Il Silenzio – André Rieu F I M