SlideShare uma empresa Scribd logo
INDÚSTRIA 4.0
A nova revolução industrial
Boa noite, tudo bem?
 Thiago Fortunato
Mestrando em Engenharia da Computação – PPGComp/FURG
Líder de Equipe NautilusLOG – Nautec
 Contato
Linkedin: linkedin.com/in/thiagofortunato
Email: contato@thiagofortunato.com.br
Não é o empregador que paga os salários.
Os empregadores só manipulam o dinheiro, é o freguês que paga os salários.
Henry Ford
Foto: Library of Congress - USA
Tópicos
Revolução Industrial
Nautec
Visão Computacional
RFID
NFC
Internet
IoT
M2M
CPS
Indústria 4.0
Revolução Industrial
Foto: sxc.hu
Revolução Industrial
 Primeira revolução industrial (1712-1913) - James Watt
(máquina à vapor)
 Segunda revolução industrial (1913-1969) - Henry Ford
(linha de produção em massa)
 Terceira revolução industrial (1969-2010) - Era da
automação
 Quarta revolução industrial (2012?) - Era da internet
Revolução Industrial
Imagem: BCM
NAUTEC
NAUTEC
O que é?
 Grupo de pesquisa em Automação e Robótica Inteligente
 Fundado em 2001
 Formado por um grupo de mais de 20 pesquisadores
(professores e técnicos), 15 pós-graduandos (doutorando
s e mestrandos) e 40 estudantes de graduação
 Pesquisar e desenvolver novas técnicas computacionais
sejam estas constituintes de Sistemas de Automação,
bem como agrupadas em Sistemas Robóticos
 Atua em diversos projetos junto a empresas e instituições
governamentais, bem como participa de cooperações
internacionais e nacionais e diversos consórcios
NAUTEC
Linhas de pesquisa e área de atuação
O NAUTEC desenvolve suas ações em torno dos seguintes
linhas de pesquisa:
 Sistemas robóticos, equipamentos e dispositivos
 Aprendizado de máquina
 Rede de sensores e atuadores
 Computação de alto desempenho
 Sistemas tempo real
 Gráficos
Atuando em três principais áreas de aplicação:
 Automação e Robótica Inteligente na Indústria (óleo,
gás, energia)
 Automação e Robótica Inteligente no Ecossistema
Costeiro e Oceânico
 Automação e Robótica Inteligente na Educação
NAUTEC
NautilusLOG
 Identificação e avaliação do fluxo de produção a partir de
tecnologias para rastreio de operações e mineração de
dados
 Auxiliar o aumento de produtividade e competitividade
da indústria offshore brasileira
 Nautilus LOG é dividido em três partes:
 Um sistema utilizando visão computacional para rastreio
de entes
 Um sistema para rastreios de ativos utilizando a
tecnologia RFID (Radio Frequency IDentifier)
 Um framework permitindo a integração de ambos
sistemas em uma interface
Visão Computacional
Foto:sxc.hu
Visão Computacional
 Obtenção de dados através da imagem
 Após o final da década de 1970 começaram a ter estudos
mais aprofundados
 É vista como parte da inteligência artificial
 Aplicações incluem o controle de processos e detecção
de eventos
 Detecção de eventos, Reconhecimento de objetos,
Aprendizagem de máquina e Restauração de imagens
O que é?
Visão Computacional
Imagem: Matworks
Visão Computacional
Imagem: A Pratical Introduction to Computer Vision with OpenCV (Kenneth, 2014)
Visão Computacional
Imagem: A Pratical Introduction to Computer Vision with OpenCV (Kenneth, 2014)
RFID (Radio Frequency Identifier)
Foto: Embarcados.com.br
RFID (Radio Frequency Identifier)
O que é?
 Método de identificação automática através de sinais de
rádio, recuperando e armazenando dados remotamente
através de dispositivos denominados etiquetas RFID.
 Pode ser colocado em uma pessoa, animal, equipamento,
embalagem ou produto, entre outros
RFID (Radio Frequency Identifier)
 A tecnologia é composta dos seguintes equipamentos:
 Etiqueta (tag/transponder)
 Leitor
 Antena
 Patente de etiquetas ativas (1973)
 Uso em escala pela Procter & Gamble e Gillette (1999)
RFID (Radio Frequency Identifier)
Foto: GradeTI (2014)
RFID (Radio Frequency Identifier)
Foto: RFID for Dummies
NFC (Near Field Communication)
Imagem: StrakRFID
NFC (Near Field Communication)
O que é?
 Near Field Communication (2002)
 Tentativa de promover o uso do RFID mundialmente
 NFC Fórum (2004)
 Qualcomm, LG, Nokia, Huawei, HTC, Motorola, NEC, RIM
Samsung, Sony Ericsson, Toshiba, AT&T, Sprint, Google,
Microsoft, Paypal, Visa, Mastercard, American Express
e Intel
 Tem alcance de até 20 cm
 Acompanha boa parte dos smartphones
 Nokia lançou em 2004 primeiro celular com suporte a
NFC o 3200 GSM
NFC (Near Field Communication)
Foto: Techmundo
Internet
Foto: sxc.hu
Internet
Como tudo começou?
 1962 – ARPANET [MIT]
 29 de outubro de 1969 – “LOGIN”
 1989 – Rede Nacional de Ensino e Pesquisa [RNP]
 1992 – Criação do Wide World Web (WWW)
 2003 – 750 milhões de pessoas conectadas
 2008 – 1 bilhão e meio de usuários
 2015 – 3 bilhões e 300 mil usuários
Fonte: http://www.internetlivestats.com/internet-users/
IoT (Internet of Things)
Imagem: Britsh Science
IoT (Internet of Things)
 Internet of Things (1999)
 Internet = Pessoas e comunidade
 Estimam 50 bilhões até 2020
 Migração para IPv6
IoT (Internet of Things)
Imagem: IDC
IoT (Internet of Things)
Imagem: CBInsights
IoT (Internet of Things)
Imagem: Intel
Is watching you!
 Qual dado armazenar?
 Segurança da informação
 Big brother is watching you! (Orwell, 1949)
M2M (Machine to Machine)
Imagem: Mobinil
M2M (Machine to Machine)
O que é?
 Patenteado em 1973
 Faz parte do IoT, termo criado para automação e
instrumentação
 Exemplo: medidor de temperatura
CPS (Cyber-Phisycal System)
Imagem: Sistemas Cyber-Physical: Conceitos e Desafios
CPS (Cyber-Phisycal System)
O que é?
 Uma classe de sistemas computacionais que efetuam con
trole sobre elementos físicos conectados em rede
 Componentes físicos interligados em rede e
administrados por um sistema computacional
 Redes de energia elétrica, redes de distribuição de água,
sistemas de transporte, marca-passos cardíacos
Indústria 4.0
Foto: Automação Industrial
Indústria 4.0
O que é?
 É alimentada por três vertentes:
 Avanço exponencial da capacidade dos computadores;
 Imensa quantidade de informação digitalizada;
 Novas estratégias de inovação (pessoas, pesquisa e
tecnologia)
Indústria 4.0
Imagem: Plaesse
Indústria 4.0
 Uso de Cloud (as informações estarão na Nuvem –
compartilhada)
 Uso do Big Data (todas as informações reunidas, de
forma dinâmica para tomada de decisões)
 Uso de RFID (todo movimento de materiais é rastreado
com todas as informações)
Indústria 4.0
 Uso do Protocolo IPV6 (ampliação dos pontos de
conexão IP de todos devices)
 Uso do Wireless (ampla utilização de redes sem fio)
 Uso de Virtualização (criação de diversos computadores
a partir de softwares)
Indústria 4.0
Imagem: 2B1STCONSULTORING
Indústria 4.0
Imagem: SoftwareAG
Indústria 4.0
“A previsão do tempo é de chuva para daqui a dois
dias, o governo precisa ampliar os estoques de
etanol em 10% até o final da safra, o valor do açúcar
tem previsão de suba de 3% até o final da safra.
O fornecedor de insumos não tem estoque
suficiente para a produção no pico, duas válvulas e
dois inversores de frequência críticos para
disponibilidade de planta estão previstos para
manutenção daqui a uma semana.”
Por hoje é isso pessoal!
Slide disponível em
slideshare.com/thiagofortunato
INDÚSTRIA 4.0
A nova revolução industrial

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriais
vdailce
 
Transformação Digital na Logística 4.0. E você?
Transformação Digital na Logística 4.0. E você?Transformação Digital na Logística 4.0. E você?
Impacto da tecnologia no mundo do trabalho
Impacto da tecnologia no mundo do trabalhoImpacto da tecnologia no mundo do trabalho
Impacto da tecnologia no mundo do trabalho
Leandra Tognin
 
A Internet das Coisas
A Internet das CoisasA Internet das Coisas
A Internet das Coisas
Luiz Avila
 
Revolução industrial 3
Revolução industrial 3Revolução industrial 3
Revolução industrial 3
Tamara Silva
 
trabalho indústria 4.0.pptx
trabalho indústria 4.0.pptxtrabalho indústria 4.0.pptx
trabalho indústria 4.0.pptx
MAteus261311
 
Mercado de trabalho e as novas tecnologias
Mercado de trabalho e as novas tecnologiasMercado de trabalho e as novas tecnologias
Mercado de trabalho e as novas tecnologias
Ana Paula Rodrigues
 
Primeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução IndustrialPrimeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução Industrial
Valéria Shoujofan
 
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informaçãoIndústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
Mauricio Uriona Maldonado PhD
 
O que seria a Indústria 4.0?
O que seria a Indústria 4.0?O que seria a Indústria 4.0?
O que seria a Indústria 4.0?
Fundação Dom Cabral - FDC
 
Internet das Coisas
 Internet das Coisas Internet das Coisas
Internet das Coisas
Ana Julia F Alves Ferreira
 
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao finalAula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Gilberto Campos
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
REVOLUÇÃO INDUSTRIALREVOLUÇÃO INDUSTRIAL
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
Franciny Wagner da Silva
 
Ciclo de vida do produto
Ciclo de vida do produtoCiclo de vida do produto
Ciclo de vida do produto
Junior Reis
 
Conceito de Inovação
Conceito de InovaçãoConceito de Inovação
Introdução às Mídias Digitais
Introdução às Mídias DigitaisIntrodução às Mídias Digitais
Introdução às Mídias Digitais
Tiago Lopes
 
Cidades Inteligentes
Cidades InteligentesCidades Inteligentes
Cidades Inteligentes
Eduardo Oliveira
 
Ciclo de vida de um produto
Ciclo de vida de um produtoCiclo de vida de um produto
Ciclo de vida de um produto
Vasco Andorinha
 
3 revolução industrial
3   revolução industrial3   revolução industrial
3 revolução industrial
Marilia Pimentel
 
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Faculdade Martha Falcão
 

Mais procurados (20)

As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriais
 
Transformação Digital na Logística 4.0. E você?
Transformação Digital na Logística 4.0. E você?Transformação Digital na Logística 4.0. E você?
Transformação Digital na Logística 4.0. E você?
 
Impacto da tecnologia no mundo do trabalho
Impacto da tecnologia no mundo do trabalhoImpacto da tecnologia no mundo do trabalho
Impacto da tecnologia no mundo do trabalho
 
A Internet das Coisas
A Internet das CoisasA Internet das Coisas
A Internet das Coisas
 
Revolução industrial 3
Revolução industrial 3Revolução industrial 3
Revolução industrial 3
 
trabalho indústria 4.0.pptx
trabalho indústria 4.0.pptxtrabalho indústria 4.0.pptx
trabalho indústria 4.0.pptx
 
Mercado de trabalho e as novas tecnologias
Mercado de trabalho e as novas tecnologiasMercado de trabalho e as novas tecnologias
Mercado de trabalho e as novas tecnologias
 
Primeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução IndustrialPrimeira e Segunda Revolução Industrial
Primeira e Segunda Revolução Industrial
 
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informaçãoIndústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
Indústria 4.0 e o futuro das tecnologias de informação
 
O que seria a Indústria 4.0?
O que seria a Indústria 4.0?O que seria a Indústria 4.0?
O que seria a Indústria 4.0?
 
Internet das Coisas
 Internet das Coisas Internet das Coisas
Internet das Coisas
 
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao finalAula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
 
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
REVOLUÇÃO INDUSTRIALREVOLUÇÃO INDUSTRIAL
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
 
Ciclo de vida do produto
Ciclo de vida do produtoCiclo de vida do produto
Ciclo de vida do produto
 
Conceito de Inovação
Conceito de InovaçãoConceito de Inovação
Conceito de Inovação
 
Introdução às Mídias Digitais
Introdução às Mídias DigitaisIntrodução às Mídias Digitais
Introdução às Mídias Digitais
 
Cidades Inteligentes
Cidades InteligentesCidades Inteligentes
Cidades Inteligentes
 
Ciclo de vida de um produto
Ciclo de vida de um produtoCiclo de vida de um produto
Ciclo de vida de um produto
 
3 revolução industrial
3   revolução industrial3   revolução industrial
3 revolução industrial
 
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
 

Semelhante a Indústria 4.0 - A nova revolução industrial

IoT Internet das Coisas
IoT Internet das CoisasIoT Internet das Coisas
IoT Internet das Coisas
Ana Carolina Ferreira
 
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASILA INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
Faga1939
 
Redes de comunicação
Redes de comunicaçãoRedes de comunicação
Redes de comunicação
Giulliana Marialva
 
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando RaspberryUma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
Tárcio Sales
 
Reuniao de estagio_internet_das_coisas
Reuniao de estagio_internet_das_coisasReuniao de estagio_internet_das_coisas
Reuniao de estagio_internet_das_coisas
Pedro Lopes
 
Oportunidades na Internet das Coisas
Oportunidades na Internet das CoisasOportunidades na Internet das Coisas
Oportunidades na Internet das Coisas
Kiev Gama
 
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
Rogerio Alencar Filho
 
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Felipe Mota
 
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Faculdade Martha Falcão
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
Frederico Madeira
 
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
André Curvello
 
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividadeInternet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Leonardo Marcão Florentino
 
Aula1 io t
Aula1 io tAula1 io t
Aula1 io t
UFRN
 
IoT Aplicada à Engenharia de Computação
IoT Aplicada à Engenharia de ComputaçãoIoT Aplicada à Engenharia de Computação
IoT Aplicada à Engenharia de Computação
André Curvello
 
Fog computing2016
Fog computing2016Fog computing2016
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Dalton Valadares
 
Tecnologia da Informação
Tecnologia da InformaçãoTecnologia da Informação
Tecnologia da Informação
cleusamoreira
 
Indústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
Indústria 4.0 no Setor de Segurança PrivadaIndústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
Indústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
Conselho Regional de Administração de São Paulo
 
Internet das Coisas – Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas – Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas – Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas – Conceitos e Aplicações
Faculdade Martha Falcão
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
JoaoVitordaSilva10
 

Semelhante a Indústria 4.0 - A nova revolução industrial (20)

IoT Internet das Coisas
IoT Internet das CoisasIoT Internet das Coisas
IoT Internet das Coisas
 
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASILA INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
A INDÚSTRIA 4.0 E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL DO BRASIL
 
Redes de comunicação
Redes de comunicaçãoRedes de comunicação
Redes de comunicação
 
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando RaspberryUma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
Uma Plataforma De Internet Das Coisas com Node-Red usando Raspberry
 
Reuniao de estagio_internet_das_coisas
Reuniao de estagio_internet_das_coisasReuniao de estagio_internet_das_coisas
Reuniao de estagio_internet_das_coisas
 
Oportunidades na Internet das Coisas
Oportunidades na Internet das CoisasOportunidades na Internet das Coisas
Oportunidades na Internet das Coisas
 
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
Internet das Coisas (IoT - Internet of Things)
 
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
Palestra - Os Trens da Internet das Coisas - Do Conceito Básico até sua Aplic...
 
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas: Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas: Conceitos e Aplicações
 
IoT - Internet of Things
IoT -  Internet of ThingsIoT -  Internet of Things
IoT - Internet of Things
 
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
Indústria 4.0 - Do chão de fábrica à sua casa por um clique.
 
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividadeInternet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
Internet das Coisas (IoT): Indo além da conectividade
 
Aula1 io t
Aula1 io tAula1 io t
Aula1 io t
 
IoT Aplicada à Engenharia de Computação
IoT Aplicada à Engenharia de ComputaçãoIoT Aplicada à Engenharia de Computação
IoT Aplicada à Engenharia de Computação
 
Fog computing2016
Fog computing2016Fog computing2016
Fog computing2016
 
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0Internet das Coisas e a Indústria 4.0
Internet das Coisas e a Indústria 4.0
 
Tecnologia da Informação
Tecnologia da InformaçãoTecnologia da Informação
Tecnologia da Informação
 
Indústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
Indústria 4.0 no Setor de Segurança PrivadaIndústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
Indústria 4.0 no Setor de Segurança Privada
 
Internet das Coisas – Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas – Conceitos e AplicaçõesInternet das Coisas – Conceitos e Aplicações
Internet das Coisas – Conceitos e Aplicações
 
Internet das coisas
Internet das coisasInternet das coisas
Internet das coisas
 

Mais de Thiago Fortunato

Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao umDesafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
Thiago Fortunato
 
SENAC RS - Introdução à Banco de dados
SENAC RS - Introdução à Banco de dadosSENAC RS - Introdução à Banco de dados
SENAC RS - Introdução à Banco de dados
Thiago Fortunato
 
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
Thiago Fortunato
 
Sistemas de Automação I - Interrupções
Sistemas de Automação I - InterrupçõesSistemas de Automação I - Interrupções
Sistemas de Automação I - Interrupções
Thiago Fortunato
 
Sistemas de Automação I - Revisão
Sistemas de Automação I - RevisãoSistemas de Automação I - Revisão
Sistemas de Automação I - Revisão
Thiago Fortunato
 
Sistemas de Automação I - Analog I/O
Sistemas de Automação I - Analog I/OSistemas de Automação I - Analog I/O
Sistemas de Automação I - Analog I/O
Thiago Fortunato
 
Sistemas de Automação I - Interface
Sistemas de Automação I - InterfaceSistemas de Automação I - Interface
Sistemas de Automação I - Interface
Thiago Fortunato
 
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada MóvelReconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
Thiago Fortunato
 
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
Thiago Fortunato
 
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
Thiago Fortunato
 
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
Thiago Fortunato
 

Mais de Thiago Fortunato (11)

Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao umDesafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
Desafios de trabalhar com Cloud Computing: Do zero ao um
 
SENAC RS - Introdução à Banco de dados
SENAC RS - Introdução à Banco de dadosSENAC RS - Introdução à Banco de dados
SENAC RS - Introdução à Banco de dados
 
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
Cloud of Things - Onde eu me encaixo?
 
Sistemas de Automação I - Interrupções
Sistemas de Automação I - InterrupçõesSistemas de Automação I - Interrupções
Sistemas de Automação I - Interrupções
 
Sistemas de Automação I - Revisão
Sistemas de Automação I - RevisãoSistemas de Automação I - Revisão
Sistemas de Automação I - Revisão
 
Sistemas de Automação I - Analog I/O
Sistemas de Automação I - Analog I/OSistemas de Automação I - Analog I/O
Sistemas de Automação I - Analog I/O
 
Sistemas de Automação I - Interface
Sistemas de Automação I - InterfaceSistemas de Automação I - Interface
Sistemas de Automação I - Interface
 
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada MóvelReconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
Reconhecimento de Modelos 3D em Realidade Aumentada Móvel
 
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
Sistema de Acompanhamento da Produção Baseado em Visão para Indústrias de Con...
 
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
Seminário de Sistemas Embarcados - Análise sobre Super Nintendo e PlayStation 4
 
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
Crimes Virtuais - "A Arte de Iludir"
 

Indústria 4.0 - A nova revolução industrial

  • 1. INDÚSTRIA 4.0 A nova revolução industrial
  • 2. Boa noite, tudo bem?  Thiago Fortunato Mestrando em Engenharia da Computação – PPGComp/FURG Líder de Equipe NautilusLOG – Nautec  Contato Linkedin: linkedin.com/in/thiagofortunato Email: contato@thiagofortunato.com.br
  • 3. Não é o empregador que paga os salários. Os empregadores só manipulam o dinheiro, é o freguês que paga os salários. Henry Ford Foto: Library of Congress - USA
  • 6. Revolução Industrial  Primeira revolução industrial (1712-1913) - James Watt (máquina à vapor)  Segunda revolução industrial (1913-1969) - Henry Ford (linha de produção em massa)  Terceira revolução industrial (1969-2010) - Era da automação  Quarta revolução industrial (2012?) - Era da internet
  • 9. NAUTEC O que é?  Grupo de pesquisa em Automação e Robótica Inteligente  Fundado em 2001  Formado por um grupo de mais de 20 pesquisadores (professores e técnicos), 15 pós-graduandos (doutorando s e mestrandos) e 40 estudantes de graduação  Pesquisar e desenvolver novas técnicas computacionais sejam estas constituintes de Sistemas de Automação, bem como agrupadas em Sistemas Robóticos  Atua em diversos projetos junto a empresas e instituições governamentais, bem como participa de cooperações internacionais e nacionais e diversos consórcios
  • 10. NAUTEC Linhas de pesquisa e área de atuação O NAUTEC desenvolve suas ações em torno dos seguintes linhas de pesquisa:  Sistemas robóticos, equipamentos e dispositivos  Aprendizado de máquina  Rede de sensores e atuadores  Computação de alto desempenho  Sistemas tempo real  Gráficos Atuando em três principais áreas de aplicação:  Automação e Robótica Inteligente na Indústria (óleo, gás, energia)  Automação e Robótica Inteligente no Ecossistema Costeiro e Oceânico  Automação e Robótica Inteligente na Educação
  • 11. NAUTEC NautilusLOG  Identificação e avaliação do fluxo de produção a partir de tecnologias para rastreio de operações e mineração de dados  Auxiliar o aumento de produtividade e competitividade da indústria offshore brasileira  Nautilus LOG é dividido em três partes:  Um sistema utilizando visão computacional para rastreio de entes  Um sistema para rastreios de ativos utilizando a tecnologia RFID (Radio Frequency IDentifier)  Um framework permitindo a integração de ambos sistemas em uma interface
  • 13. Visão Computacional  Obtenção de dados através da imagem  Após o final da década de 1970 começaram a ter estudos mais aprofundados  É vista como parte da inteligência artificial  Aplicações incluem o controle de processos e detecção de eventos  Detecção de eventos, Reconhecimento de objetos, Aprendizagem de máquina e Restauração de imagens O que é?
  • 15. Visão Computacional Imagem: A Pratical Introduction to Computer Vision with OpenCV (Kenneth, 2014)
  • 16. Visão Computacional Imagem: A Pratical Introduction to Computer Vision with OpenCV (Kenneth, 2014)
  • 17. RFID (Radio Frequency Identifier) Foto: Embarcados.com.br
  • 18. RFID (Radio Frequency Identifier) O que é?  Método de identificação automática através de sinais de rádio, recuperando e armazenando dados remotamente através de dispositivos denominados etiquetas RFID.  Pode ser colocado em uma pessoa, animal, equipamento, embalagem ou produto, entre outros
  • 19. RFID (Radio Frequency Identifier)  A tecnologia é composta dos seguintes equipamentos:  Etiqueta (tag/transponder)  Leitor  Antena  Patente de etiquetas ativas (1973)  Uso em escala pela Procter & Gamble e Gillette (1999)
  • 20. RFID (Radio Frequency Identifier) Foto: GradeTI (2014)
  • 21. RFID (Radio Frequency Identifier) Foto: RFID for Dummies
  • 22. NFC (Near Field Communication) Imagem: StrakRFID
  • 23. NFC (Near Field Communication) O que é?  Near Field Communication (2002)  Tentativa de promover o uso do RFID mundialmente  NFC Fórum (2004)  Qualcomm, LG, Nokia, Huawei, HTC, Motorola, NEC, RIM Samsung, Sony Ericsson, Toshiba, AT&T, Sprint, Google, Microsoft, Paypal, Visa, Mastercard, American Express e Intel  Tem alcance de até 20 cm  Acompanha boa parte dos smartphones  Nokia lançou em 2004 primeiro celular com suporte a NFC o 3200 GSM
  • 24. NFC (Near Field Communication) Foto: Techmundo
  • 26. Internet Como tudo começou?  1962 – ARPANET [MIT]  29 de outubro de 1969 – “LOGIN”  1989 – Rede Nacional de Ensino e Pesquisa [RNP]  1992 – Criação do Wide World Web (WWW)  2003 – 750 milhões de pessoas conectadas  2008 – 1 bilhão e meio de usuários  2015 – 3 bilhões e 300 mil usuários Fonte: http://www.internetlivestats.com/internet-users/
  • 27. IoT (Internet of Things) Imagem: Britsh Science
  • 28. IoT (Internet of Things)  Internet of Things (1999)  Internet = Pessoas e comunidade  Estimam 50 bilhões até 2020  Migração para IPv6
  • 29. IoT (Internet of Things) Imagem: IDC
  • 30. IoT (Internet of Things) Imagem: CBInsights
  • 31. IoT (Internet of Things) Imagem: Intel
  • 32. Is watching you!  Qual dado armazenar?  Segurança da informação  Big brother is watching you! (Orwell, 1949)
  • 33. M2M (Machine to Machine) Imagem: Mobinil
  • 34. M2M (Machine to Machine) O que é?  Patenteado em 1973  Faz parte do IoT, termo criado para automação e instrumentação  Exemplo: medidor de temperatura
  • 35. CPS (Cyber-Phisycal System) Imagem: Sistemas Cyber-Physical: Conceitos e Desafios
  • 36. CPS (Cyber-Phisycal System) O que é?  Uma classe de sistemas computacionais que efetuam con trole sobre elementos físicos conectados em rede  Componentes físicos interligados em rede e administrados por um sistema computacional  Redes de energia elétrica, redes de distribuição de água, sistemas de transporte, marca-passos cardíacos
  • 38. Indústria 4.0 O que é?  É alimentada por três vertentes:  Avanço exponencial da capacidade dos computadores;  Imensa quantidade de informação digitalizada;  Novas estratégias de inovação (pessoas, pesquisa e tecnologia)
  • 40. Indústria 4.0  Uso de Cloud (as informações estarão na Nuvem – compartilhada)  Uso do Big Data (todas as informações reunidas, de forma dinâmica para tomada de decisões)  Uso de RFID (todo movimento de materiais é rastreado com todas as informações)
  • 41. Indústria 4.0  Uso do Protocolo IPV6 (ampliação dos pontos de conexão IP de todos devices)  Uso do Wireless (ampla utilização de redes sem fio)  Uso de Virtualização (criação de diversos computadores a partir de softwares)
  • 44. Indústria 4.0 “A previsão do tempo é de chuva para daqui a dois dias, o governo precisa ampliar os estoques de etanol em 10% até o final da safra, o valor do açúcar tem previsão de suba de 3% até o final da safra. O fornecedor de insumos não tem estoque suficiente para a produção no pico, duas válvulas e dois inversores de frequência críticos para disponibilidade de planta estão previstos para manutenção daqui a uma semana.”
  • 45. Por hoje é isso pessoal! Slide disponível em slideshare.com/thiagofortunato
  • 46. INDÚSTRIA 4.0 A nova revolução industrial