SlideShare uma empresa Scribd logo
Demonologia: Doutrina de Satanás e os Demônios
Demonologia: Doutrina de Satanás e os Demônios
Prof. Alex Camargo
@alexcamargoweb
IGREJA CASA DE ORAÇÃO
BAGÉ – RS
ESCOLA BÍBLICA
CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA
2
I. Plano de aula
Principais tópicos a serem abordados:
 Compreensão da doutrina de Satanás e dos demônios.
 Sua natureza, influência e papel nas escrituras bíblicas.
IMPORTANTE: As aulas seguirão os capítulos da apostila.
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
3
II. Agenda
Parte 1 - Doutrina de Satanás:
 Capítulo 1: A existência de Satanás
 Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer
 Capítulo 3: A personalidade de Satanás
 Capítulo 4: O caráter de Satanás
 Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás
 Capítulo 6: A habitação de Satanás
 Capítulo 7: A obra de Satanás
 Capítulo 8: O destino de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
4
II. Agenda
Parte 2 - Demônios:
 Capítulo 1: A existência dos demônios
 Capítulo 2: A natureza dos demônios
 Capítulo 3: As atividades dos demônios
 Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos
 Capítulo 5: O poder dos anjos caídos
 Capítulo 6: O destino dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
5
Parte 1
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
DOUTRINA DE SATANÁS
6
Capítulo 1: A existência de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
As escrituras nos revelam que existe um ser chamado o Diabo ou
Satanás, um ser verdadeiro, com existência real. Jo 13:2, Mt
13:19, At 5:3, Ap 12:9
 Satanás em seu estado original: tinha força, sabedoria,
beleza, glória e autoridade. Seu nome Lúcifer significa “o
brilhante”.
 Sinete da perfeição: é descrito como o mais belo e sábio da
criação de DeUs. Sinete significa um “padrão de perfeição”.
 Querubim da guarda ungido: um ser angelical de elevada
categoria. São guardiões das regiões celestiais.
 Impecável em sua conduta: “Perfeito eras nos teus
caminhos, desde o dia em que foste criado até que se achou
iniquidade em ti.” Ez 28:15
7
Capítulo 1: A existência de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. De Lúcifer a Satanás. Imagem ilustrativa.
8
Capítulo 1: A existência de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Cite algumas referências bíblicas que afirmam a existência de
Satanás como um ser real.
2. Como Satanás era descrito em seu estado original?
3. Qual a diferença das nomenclaturas “Lúcifer” e “Satanás”?
9
Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Ele foi criado como todos os demais anjos para gloficar a Deus,
porém, desejou reinar sobre o céu e sobre os anjos no lugar de
Deus. Ez 28:17, Is 14:12-17, 1 Tm 3:6
 Quando isso aconteceu: não temos uma resposta bíblica
fundamentada. Porém, é possível inferir que ocorreu antes da
criação da humanidade (Adão e Eva).
 Motivo de sua queda: seu orgulho, seu pecado e sua
rebeldia. Sua queda o transformou de Lúcifer em Satanás (quer
dizer Adversário).
 As consequências desse ato: foi deposto da presença do
Altíssimo, desde então se tem feito inimigo de Deus e dos que
amam a Cristo. Se tornou o chefe das potestades (autoridades)
do ar/mal.
10
Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Alguns autores delegam a queda de Lúcifer a extinção dos dinossauros.
11
Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Conforme as passagens bíblicas citadas, qual foi o motivo da
queda de Lúcifer?
2. Qual foi a consequência da queda de Lúcifer?
3. Quando a queda de Lúcifer ocorreu em relação à criação da
humanidade (antes ou depois)? E por quê?
12
Capítulo 3: A personalidade de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A Bíblia o apresenta como uma pessoa através de substantivos
próprios (nomes específicos) e pronomes pessoais (ele, dele, etc).
Ap 9.11, Mt 12:24, 1 Co 6:15
 Alguns nomes mais populares: Belzebu, Pai da Mentira,
Enganador, Tentador. Satanás também é comparado as aves, a
um dragão e uma serpente.
 Modo de operação: autor da apostasia, impedidor da
expansão da igreja, atua como um anjo de luz. A Bíblia diz que
podemos resisti-lo. Rm 16:20
 Características pessoais atribuídas: sabe de todas as
coisas, cita as escrituras e possui emoções. Além disso, opera
milagres conforme algumas passagens bíblicas. 2 Ts 2:9, At
16:14
13
Capítulo 3: A personalidade de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Satanás, o criador da apostasia.
14
Capítulo 3: A personalidade de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Cite alguns nomes específicos utilizados para se referir a
Satanás.
2. De acordo com a Bíblia, como Satanás é comparado a outros
seres ou criaturas?
3. Quais são as características pessoais atribuídas a Satanás de
acordo com as passagens bíblicas mencionadas?
15
Capítulo 4: O caráter de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Para por em prática suas artimanhas e para ver o homem pecar,
Satanás usa de ciladas e assaltos sutis. É peciso usar de toda a
armadura de Deus para poder resistir. Ef 6:11-12
 Sua astúcia: considerado um ser astuto, o seja, usa de várias
estratégias para cumprir o seu propósito. A respeito disso não
podemos ser ignorantes. Gn 3:1
 Seu poder miraculoso: possui tal poder que exibe com sinais
e falsas maravilhas. Isso o identifica como um ser sobre-
humano. 2 Ts 2:9
 Seu engano: usa de um poder tão grande que ilude a todos os
que desconhecem os seus planos. Suas mentiras são a
materialização e a expressão do mal. 2 Co 11:14, 2 Ts 2:9-10
16
Capítulo 4: O caráter de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Ilusão, uma das principais estratégias de Satanás.
17
Capítulo 4: O caráter de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Como Satanás emprega sua astúcia e artimanhas de acordo com
o texto mencionado?
2. Cite um poder miraculoso de Satanás mencionado nas
passagens bíblicas.
3. Como o engano de Satanás é principalmente retratado na Bíblia?
18
Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A posição de Satanás era tão exaltada que o tornava isento de
críticas e de condenação por parte das criaturas que lhe eram
semelhantes. Jd 1:9
 Príncipe das potestades do ar/mal: indica a sua autoridade
de poder em relaçao as regiões celestes. O considera como o
possuidor de um reino (hierarquia). Ef 2:2, Cl 1:13, At 26.18
 Príncipe deste mundo: Satanás tenta a Jesus no deserto e
lhe oferece todos os reinos da Terra. Jesus recusou a oferta e
ainda citou alguns versículos. Jo 12:31, Jo 14:30
 O deus deste século: ainda que tenha sido deposto de alta
posição, mantém um lugar de poder reconhecido. É objeto de
adoração por parte do mundo. 2 Co 11:14, 2 Ts 2:9-10
19
Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Tentação de Jesus no deserto. Imagem ilustrativa.
20
Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Qual era a posição exaltada de Satanás mencionada no texto e
como isso o tornava isento de críticas e condenação?
2. O que significa o título "Príncipe das potestades do ar/mal"
atribuído a Satanás?
3. Quando Satanás é referido como "Príncipe deste mundo" e como
isso é demonstrado na tentação de Jesus?
21
Capítulo 6: A habitação de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A habitação de Satanás é frequentemente associada a lugares ou
dimensões de maldade e afastamento de Deus. Ele parece não
estar restringido a um lugar específico no universo. 1 Jo 5:19
 Tem acesso a presença de Deus: geralmente comparece na
condição de acusador. O exemplo mais claro a ser considerado
é a acusação de Jó. Jó 1:6, Ap 12:10
 Habita nas regiões celestiais: os exércitos espirituais da
maldade habitam em lugares celestiais. Satanás, principados e
potestades. Ef 6:11-12
 É ativo na face da Terra: é o campo especial de atividades
satânicas. Embora não seja onipresente, tem acesso a todos os
lugares do planeta. Jó 1:7, 1 Pe 5:8
22
Capítulo 6: A habitação de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Exércitos espirituais nas regiões celestiais. Imagem ilustrativa.
23
Capítulo 6: A habitação de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Como a habitação de Satanás é frequentemente associada?
2. Qual é o papel de Satanás ao comparecer na presença de Deus?
Forneça um exemplo.
3. Onde Satanás e as forças malignas habitam de acordo com o
texto?
24
Capítulo 7: A obra de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A obra de Satanás deu origem ao pecado por meio da
desobediência. Por isso, o pecado não teve uma criação, mas uma
originação. Ez 28:15
 Originou o pecado na raça humana: Adão e Eva foram os
agentes reponsáveis pela origem do pecado humano. Satanás
foi o responsável pela incitação. Gn 3:1-13
 Causa sofrimento: responsável por casos específicos de
enfermidades. É a fonte primária de todo sofrimento. At 10:38
 Causa morte: tem de certa forma o direito de causar a morte.
Esse poder só vem mediante a permissão exclusiva de Deus.
Hb 2:14
 Ilude os homens: arma laços e ciladas para prender os
homens. O resultado disso é a escravidão da humanidade e a
queda do homem. 1 Tm 3:7
25
Capítulo 7: A obra de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Adão e Eva, o primeiro pecado do homem. Imagem ilustrativa.
26
Capítulo 7: A obra de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Como a obra de Satanás está relacionada à origem do pecado?
2. Quais foram os agentes responsáveis pelo pecado na raça
humana?
3. Como Satanás está envolvido no sofrimento humano?
27
Capítulo 8: O destino de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
De acordo com o livro de Apocalipse, Satanás será derrotado e
lançado no lago de fogo e enxofre, onde será atormentado para
sempre. Ap 20:10
 Nos dias de hoje: é o príncipe das potestades do mal.
Enquanto existir neste mundo, o pecado continuará. 2 Co 4:4
 No período da tribulação: a Grande Tribulação é um período
entre o arrebatamento da igreja e o Reino Milenar de Jesus. Na
Tribulação, Satanás é expulso dos lugares celestiais. Ap 12:9
 A sua prisão: ocorrerá quando Jesus implantar o seu Reino
Milenar. Satanás é lançado no abismo para que não mais
engane as nações até se completarem os mil anos. Ap 20:3
 A sua condenação eterna: depois da sua prisão no abismo,
será lançado no fogo onde passará a eternidade. Está debaixo
de uma maldição perpétua (não pode se arrepender). Ap 21:1
28
Capítulo 8: O destino de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Lago de fogo e enxofre, o destino de Satanás. Imagem ilustrativa.
29
Capítulo 8: O destino de Satanás
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Qual é o destino final de Satanás?
2. Qual é o papel de Satanás nos dias de hoje?
3. Quando ocorrerá a prisão de Satanás e qual é o propósito dela?
30
Parte 2
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
DEMÔNIOS
31
Capítulo 1: A existência dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
O termo “demônio” se refere a “deuses” e semi-deuses rebelados.
Hoje, parte se encontra preso no abismo, aguardando o juízo final,
e outra parte habita nas regiões celestes. Ap 12:4, Ef 6:12
 Reconhecimento por Jesus: falou a respeito deles e para
eles. "... em meu nome, expelirão demônios; falarão novas
línguas." Mc 16:17
 Reconhecimento pelos 70 enviados: enviados com
autoridade de dois em dois, tiveram de enfrentar os demônios.
"... Senhor, os próprios demônios se nos submetem pelo teu
nome!" Lc 10:17
 Reconhecimento pelos apóstolos:
a) Paulo advertiu o povo sobre os demônios. "... e eu não
quero que vos torneis associados aos demônios." 1 Co 10:20
b) Tiago revela que os demônios crêem em Deus, mas não o
obedecem. "Até os demônios creem e tremem." Tg 2:19
32
Capítulo 1: A existência dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. Andar em santidade define a autoridade na dimensão espiritual.
33
Capítulo 1: A existência dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Quem são os demônios mencionados no texto e qual é a sua
condição atual?
2. Como Jesus reconheceu a existência dos demônios?
3. Como os 70 enviados por Jesus reconheceram a presença dos
demônios?
34
Capítulo 2: A natureza dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Os demônios possuem personalidade e inteligência, caracterizadas
em suas ações pessoais. São criaturas de natureza maligna e estão
em oposição a Deus e aos propósitos divinos. Mt 8:29-31
 São seres espirituais: o Novo Testamento da Bíblia os
classificam como espíritos imundos. "... um espírito se apodera
dele, e, de repente, o menino grita, e o espírito o atira por
terra, convulsiona-o até espumar." Lc 9:39
 São seres numerosos: agem em legiões, que no Exército
Romano equivalem a 6.000 homens. "E perguntou-lhe: Qual é o
teu nome. Respondeu ele: Legião é o meu nome, porque somos
muitos." Mc 5:9 (endemoniado dos sepulcros de Gadara)
 São maus e maliciosos: considerados seres de baixa moral,
degenerados, moralmente baixos e vis. "... um espírito imundo,
e ele gritou: Que queres conosco, Jesus Nazareno? Vieste para
nos destruir? Eu sei quem tu és: o Santo de Deus!" Mc 1:23-24
35
Capítulo 2: A natureza dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. O endemoninhado gadareno. Imagem ilustrativa.
36
Capítulo 2: A natureza dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Quais são as características principais dos demônios?
2. Como os demônios são descritos em termos de comportamento
moral?
3. Qual é o exemplo bíblico que mostra a presença de uma legião
de demônios?
37
Capítulo 3: As atividades dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Assim como Deus tem anjos que realizam a sua obra, Satanás
também possui mensageiros. A bíblia declara que os anjos são
seres astutos e inteligentes, para o bem e mal. Gn 3:1
 Opõem-se aos propósitos de Deus: suas estratégias
incluem tentações, mentiras e idolatria. "... estava diante do
Anjo do Senhor, e Satanás estava à mão direita dele, para se
lhe opor." Zc 3:1
 Causam males aos homens: na alma (Jó 13:27), no corpo
(Lc 13:11) e em seus bens (Ml 3:11). "Por vossa causa,
repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto
da terra." Ml 3:11
 Investem sua fúria contra a Igreja: continuamente tentam
destruí-la e incitam doutrinas erradas. "... e sobre esta pedra
edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não
prevalecerão contra ela." Mt 16:18
38
Capítulo 3: As atividades dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. A igreja perseguida, principal ação dos demônios.
39
Capítulo 3: As atividades dos demônios
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Como os mensageiros de Satanás se opõem aos propósitos de
Deus?
2. De que maneira os demônios causam males aos seres humanos?
3. Qual é o alvo principal da fúria dos demônios?
40
Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A Bíblia não fornece informações detalhadas sobre a habitação dos
anjos caídos (demônios). No entanto, podemos considerar dois
lugares. Ef 6:12
 Habitam no inferno: parte ficam no abismo chamado Tártaro,
o mais profundo abismo do Hades. É considerado uma divisão
entre o Seio de Abraão. Aguardam o juízo final para serem
lançados no lago de fogo. Lc 16:26
 Habitam nas regiões celestiais: parte dos demônios
rebeldes se situam nos ares. "... Miguel e os seus anjos
pelejaram contra o dragão. Também pelejaram o dragão e seus
anjos; todavia, não prevaleceram; nem mais se achou no céu o
lugar deles. " Ap 12:7-8
 É importante notar que: embora não tenhamos detalhes
sobre a habitação específica dos anjos caídos, a Bíblia enfatiza
a necessidade de estar vigilante contra as suas astutas ciladas.
41
Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. O domicílio da morte: uma das ideias aceitas.
42
Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Onde parte dos demônios aguarda o juízo final de acordo com a
Bíblia?
2. Onde a outra parte dos demônios rebeldes habita de acordo com
a Bíblia?
3. O que a Bíblia enfatiza em relação à habitação dos anjos caídos?
43
Capítulo 5: O poder dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Embora os anjos caídos possuam poder e influência, é importante
lembrar que Deus é supremo e tem autoridade sobre todos os
seres espirituais. 1 Jo 4:4, 2 Rs 6:16
 Em relação à Cristo: Jesus tem os principados, potestades e
demais anjos do mal sob os seus pés. "Acima de todo
principado, e potestade, e poder, e domínio, e de todo nome
que se possa referir não só no presente século, mas também
no vindouro." Ef 1:21
 Em relação à Igreja: pela posição que exerce perante Jesus
Cristo, conclue-se que também tem todas as forças do mal sob
seus pés. "E pôs todas as coisas debaixo dos pés e, para ser o
cabeça sobre todas as coisas, o deu à igreja." Ef 1:22
 Como enfrentar um poder malígno: buscar proteção de
Deus (armadura espiritual), permanecer em comunhão
(oração, participação e bíblia), resistir firmemente (não ceder).
44
Capítulo 5: O poder dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. A Armadura de Deus segundo Efésios 6:13-18.
45
Capítulo 5: O poder dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. Quem possui autoridade suprema sobre todos os seres
espirituais, incluindo os anjos caídos?
2. Qual é a posição da igreja em relação às forças do mal?
3. Qual é a importância de buscar a proteção de Deus para
enfrentar um poder maligno?
46
Capítulo 6: O destino dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
A Bíblia revela que haverá um juízo final, onde os anjos rebeldes
serão julgados e lançados no lago de fogo, também conhecido
como inferno, para serem atormentados para sempre. 1 Mt 25:41
 Serão julgados no Juízo Final (Trono Branco): todo mal
será julgado e todos os ímpios condenados à perdição eterna.
Aos anjos caídos está reservado o juízo de Deus. 2 Pe 2:4
 Não haverá salvação para os demônios: Adão e Eva
pecaram porque foram enganados. Os anjos pecaram sem
qualquer tentação. Deus providenciou uma redenção que não
vale para os anjos caídos. Mt 25:41
 Quem julgará os anjos caídos: Cristo e a Igreja julgarão
tanto os anjos caídos como todos os homens pecadores que
não se arrependeram. "Ou não sabeis que os santos hão de
julgar o mundo? … Não sabeis que havemos de julgar os
próprios anjos? Quanto mais as coisas desta vida!" 1 Co 6:2,3
47
Capítulo 6: O destino dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Figura. O julgamento do Grande Trono Branco. Imagem ilustrativa.
48
Capítulo 6: O destino dos anjos caídos
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
Responda as questões abaixo:
1. O que acontecerá com os anjos rebeldes no juízo final?
2. Quem realizará o julgamento dos anjos caídos?
3. Haverá salvação para os demônios?
49
Referências
Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
OLIVEIRA, Alex Cartana. Demonologia. 1ª ed. Bagé: Escola
Teológica Pr. João Ferreira Filho, 2007.
OpenAI. ChatGPT. Disponível em: https://www.openai.com/.
Acesso em: 24/05/2023.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A igreja de Cristo.
A igreja de Cristo.A igreja de Cristo.
A igreja de Cristo.
Márcio Martins
 
Ressurreição
RessurreiçãoRessurreição
Ressurreição
Dókimos Aprovado
 
Lição 01 Doutrina da Criação
Lição 01   Doutrina da CriaçãoLição 01   Doutrina da Criação
Lição 01 Doutrina da Criação
Coop. Fabio Silva
 
Lição 10 Vencendo as Tentações
Lição 10   Vencendo as TentaçõesLição 10   Vencendo as Tentações
Lição 10 Vencendo as Tentações
Wander Sousa
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Éder Tomé
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
Icm Bela Vista
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
ESCATOLOGIA - ANTICRISTO
ESCATOLOGIA - ANTICRISTOESCATOLOGIA - ANTICRISTO
ESCATOLOGIA - ANTICRISTO
Leonam dos Santos
 
Historia da igreja i aula 1
Historia da igreja i  aula 1Historia da igreja i  aula 1
Historia da igreja i aula 1
Moisés Sampaio
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Éder Tomé
 
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
RODRIGO FERREIRA
 
Doutrina do Pecado
Doutrina do Pecado Doutrina do Pecado
Doutrina do Pecado
Geversom Sousa
 
Cristologia aula01
Cristologia aula01Cristologia aula01
Cristologia aula01
Pastor W. Costa
 
8. tribunal de cristo
8. tribunal de cristo8. tribunal de cristo
8. tribunal de cristo
Moisés Sampaio
 
O Reino das Trevas
O Reino das TrevasO Reino das Trevas
O Reino das Trevas
Samir Isac Dantas
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
guestc5d870
 
ibadep parte 2 apocalipse e escatologia
ibadep parte 2 apocalipse e escatologiaibadep parte 2 apocalipse e escatologia
ibadep parte 2 apocalipse e escatologia
Jordânio Pinheiro
 
02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas
faculdadeteologica
 
Apocalipse
ApocalipseApocalipse
Apocalipse
ricardosantista
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Éder Tomé
 

Mais procurados (20)

A igreja de Cristo.
A igreja de Cristo.A igreja de Cristo.
A igreja de Cristo.
 
Ressurreição
RessurreiçãoRessurreição
Ressurreição
 
Lição 01 Doutrina da Criação
Lição 01   Doutrina da CriaçãoLição 01   Doutrina da Criação
Lição 01 Doutrina da Criação
 
Lição 10 Vencendo as Tentações
Lição 10   Vencendo as TentaçõesLição 10   Vencendo as Tentações
Lição 10 Vencendo as Tentações
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃO
 
ESCATOLOGIA - ANTICRISTO
ESCATOLOGIA - ANTICRISTOESCATOLOGIA - ANTICRISTO
ESCATOLOGIA - ANTICRISTO
 
Historia da igreja i aula 1
Historia da igreja i  aula 1Historia da igreja i  aula 1
Historia da igreja i aula 1
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
 
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
19º AULA - AS SETE TAÇAS DO APOCALIPSE
 
Doutrina do Pecado
Doutrina do Pecado Doutrina do Pecado
Doutrina do Pecado
 
Cristologia aula01
Cristologia aula01Cristologia aula01
Cristologia aula01
 
8. tribunal de cristo
8. tribunal de cristo8. tribunal de cristo
8. tribunal de cristo
 
O Reino das Trevas
O Reino das TrevasO Reino das Trevas
O Reino das Trevas
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
 
ibadep parte 2 apocalipse e escatologia
ibadep parte 2 apocalipse e escatologiaibadep parte 2 apocalipse e escatologia
ibadep parte 2 apocalipse e escatologia
 
02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas02 doutrinas bíblicas
02 doutrinas bíblicas
 
Apocalipse
ApocalipseApocalipse
Apocalipse
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
 

Semelhante a Escola Bíblica - Demonologia

Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igrejaComo remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
Renize Lima
 
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptxO Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
Samuel A. Nunes
 
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiaisOs três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
Os três campos de batalha parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
Os três campos de batalha   parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAISOs três campos de batalha   parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
Os três campos de batalha parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
Lição 3 - Jó e a Realidade de SatanásLição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
Éder Tomé
 
006-Jornal Cesesul 04-05-14
006-Jornal Cesesul 04-05-14006-Jornal Cesesul 04-05-14
006-Jornal Cesesul 04-05-14
CESESUL
 
Aula 9 satanalogia
Aula 9   satanalogiaAula 9   satanalogia
Aula 9 satanalogia
magnao2
 
Satanás e seu destino
Satanás e seu destinoSatanás e seu destino
Satanás e seu destino
Antonio Ferreira
 
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docxDEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
Nelson Pereira
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
Filipe Rodrigues
 
10 doutrina cristã acerca do diabo
10   doutrina cristã acerca do diabo10   doutrina cristã acerca do diabo
10 doutrina cristã acerca do diabo
Luiz Ferreira
 
Satanás e seu destino
Satanás e seu destinoSatanás e seu destino
Satanás e seu destino
antonio ferreira
 
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - AngelologiaDoutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Roberto Trindade
 
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
Éder Tomé
 
TRONO DE SATANÁS.pdf....................
TRONO DE SATANÁS.pdf....................TRONO DE SATANÁS.pdf....................
TRONO DE SATANÁS.pdf....................
Nelson Pereira
 
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptxLicao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
GiovanaCosta40
 
A igreja triunfante
A igreja triunfanteA igreja triunfante
A igreja triunfante
Natália e Silva
 
Não existem demônios
Não existem demôniosNão existem demônios
Não existem demônios
Divino Moab
 
Cópia de livro a verdade
Cópia de livro  a verdadeCópia de livro  a verdade
Cópia de livro a verdade
Gustavo Bicalho
 
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptxEstudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
ssuserbf1c56
 

Semelhante a Escola Bíblica - Demonologia (20)

Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igrejaComo remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
Como remover os quatro espíritos que tentam destruir a igreja
 
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptxO Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
O Inimigo das Nossas Almas Lição 21.pptx
 
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiaisOs três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
 
Os três campos de batalha parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
Os três campos de batalha   parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAISOs três campos de batalha   parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
Os três campos de batalha parte 3 - NAS REGIÕES CELESTIAIS
 
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
Lição 3 - Jó e a Realidade de SatanásLição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás
 
006-Jornal Cesesul 04-05-14
006-Jornal Cesesul 04-05-14006-Jornal Cesesul 04-05-14
006-Jornal Cesesul 04-05-14
 
Aula 9 satanalogia
Aula 9   satanalogiaAula 9   satanalogia
Aula 9 satanalogia
 
Satanás e seu destino
Satanás e seu destinoSatanás e seu destino
Satanás e seu destino
 
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docxDEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
DEUS CRIOU O DIABO - Parte 1.docx
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
 
10 doutrina cristã acerca do diabo
10   doutrina cristã acerca do diabo10   doutrina cristã acerca do diabo
10 doutrina cristã acerca do diabo
 
Satanás e seu destino
Satanás e seu destinoSatanás e seu destino
Satanás e seu destino
 
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - AngelologiaDoutrinas Bíblicas - Angelologia
Doutrinas Bíblicas - Angelologia
 
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
Lição 3 - Jó e a Realidade de Satanás (Windscreen)
 
TRONO DE SATANÁS.pdf....................
TRONO DE SATANÁS.pdf....................TRONO DE SATANÁS.pdf....................
TRONO DE SATANÁS.pdf....................
 
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptxLicao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 2 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
 
A igreja triunfante
A igreja triunfanteA igreja triunfante
A igreja triunfante
 
Não existem demônios
Não existem demôniosNão existem demônios
Não existem demônios
 
Cópia de livro a verdade
Cópia de livro  a verdadeCópia de livro  a verdade
Cópia de livro a verdade
 
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptxEstudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
Estudo Seitas e Heresias - Satanismo.pptx
 

Mais de Alex Camargo

Escola Bíblica - Eclesiologia
Escola Bíblica - EclesiologiaEscola Bíblica - Eclesiologia
Escola Bíblica - Eclesiologia
Alex Camargo
 
Python para finanças: explorando dados financeiros
Python para finanças: explorando dados financeirosPython para finanças: explorando dados financeiros
Python para finanças: explorando dados financeiros
Alex Camargo
 
A practical guide: How to use Bitcoins?
A practical guide: How to use Bitcoins?A practical guide: How to use Bitcoins?
A practical guide: How to use Bitcoins?
Alex Camargo
 
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínasIA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
Alex Camargo
 
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurançaIntrodução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
Alex Camargo
 
Introdução às criptomoedas: criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
Introdução às criptomoedas:  criando a sua própria moeda como o Bitcoin!Introdução às criptomoedas:  criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
Introdução às criptomoedas: criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
Alex Camargo
 
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
Alex Camargo
 
Empatia e compaixão: O Bom Samaritano
Empatia e compaixão: O Bom SamaritanoEmpatia e compaixão: O Bom Samaritano
Empatia e compaixão: O Bom Samaritano
Alex Camargo
 
Alta performance em IA: uma abordagem pratica
Alta performance em IA: uma abordagem praticaAlta performance em IA: uma abordagem pratica
Alta performance em IA: uma abordagem pratica
Alex Camargo
 
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidadeBioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
Alex Camargo
 
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mãoInteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
Alex Camargo
 
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
Alex Camargo
 
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
Alex Camargo
 
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigaçãoFake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
Alex Camargo
 
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
Alex Camargo
 
Ia versus covid 19 - alex
Ia versus covid 19 - alexIa versus covid 19 - alex
Ia versus covid 19 - alex
Alex Camargo
 
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
Alex Camargo
 
Aula 5 - Considerações finais
Aula 5 - Considerações finaisAula 5 - Considerações finais
Aula 5 - Considerações finais
Alex Camargo
 
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
Alex Camargo
 
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
Alex Camargo
 

Mais de Alex Camargo (20)

Escola Bíblica - Eclesiologia
Escola Bíblica - EclesiologiaEscola Bíblica - Eclesiologia
Escola Bíblica - Eclesiologia
 
Python para finanças: explorando dados financeiros
Python para finanças: explorando dados financeirosPython para finanças: explorando dados financeiros
Python para finanças: explorando dados financeiros
 
A practical guide: How to use Bitcoins?
A practical guide: How to use Bitcoins?A practical guide: How to use Bitcoins?
A practical guide: How to use Bitcoins?
 
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínasIA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
IA e Bioinformática: modelos computacionais de proteínas
 
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurançaIntrodução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
Introdução às criptomoedas: investimento, mercado e segurança
 
Introdução às criptomoedas: criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
Introdução às criptomoedas:  criando a sua própria moeda como o Bitcoin!Introdução às criptomoedas:  criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
Introdução às criptomoedas: criando a sua própria moeda como o Bitcoin!
 
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
Cristão versus Redes Sociais - Alex (Arca da Aliança)
 
Empatia e compaixão: O Bom Samaritano
Empatia e compaixão: O Bom SamaritanoEmpatia e compaixão: O Bom Samaritano
Empatia e compaixão: O Bom Samaritano
 
Alta performance em IA: uma abordagem pratica
Alta performance em IA: uma abordagem praticaAlta performance em IA: uma abordagem pratica
Alta performance em IA: uma abordagem pratica
 
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidadeBioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
Bioinformática do DNA ao medicamento: ferramentas e usabilidade
 
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mãoInteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
Inteligência Artificial aplicada: reconhecendo caracteres escritos à mão
 
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
IA versus COVID-19 Deep Learning, Códigos e Execução em nuvem (Tchelinux 2020)
 
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
Algoritmos de inteligência artificial para classificação de notícias falsas. ...
 
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigaçãoFake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
Fake News - Conceitos, métodos e aplicações de identificação e mitigação
 
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
PredictCovid: IA. SIEPE UNIPAMPA 2020
 
Ia versus covid 19 - alex
Ia versus covid 19 - alexIa versus covid 19 - alex
Ia versus covid 19 - alex
 
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
2a Mini-conf PredictCovid. Field: Artificial Intelligence
 
Aula 5 - Considerações finais
Aula 5 - Considerações finaisAula 5 - Considerações finais
Aula 5 - Considerações finais
 
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
Aula 04 - Injeção de código (Cross-Site Scripting)
 
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
Aula 03 - Autenticação quebrada (Broken Authentication)
 

Último

SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
André Luiz Marques
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
claudiovieira83
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
JaquelineSantosBasto
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
Nilson Almeida
 

Último (14)

SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
 

Escola Bíblica - Demonologia

  • 1. Demonologia: Doutrina de Satanás e os Demônios Demonologia: Doutrina de Satanás e os Demônios Prof. Alex Camargo @alexcamargoweb IGREJA CASA DE ORAÇÃO BAGÉ – RS ESCOLA BÍBLICA CURSO BÁSICO EM TEOLOGIA
  • 2. 2 I. Plano de aula Principais tópicos a serem abordados:  Compreensão da doutrina de Satanás e dos demônios.  Sua natureza, influência e papel nas escrituras bíblicas. IMPORTANTE: As aulas seguirão os capítulos da apostila. Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
  • 3. 3 II. Agenda Parte 1 - Doutrina de Satanás:  Capítulo 1: A existência de Satanás  Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer  Capítulo 3: A personalidade de Satanás  Capítulo 4: O caráter de Satanás  Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás  Capítulo 6: A habitação de Satanás  Capítulo 7: A obra de Satanás  Capítulo 8: O destino de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
  • 4. 4 II. Agenda Parte 2 - Demônios:  Capítulo 1: A existência dos demônios  Capítulo 2: A natureza dos demônios  Capítulo 3: As atividades dos demônios  Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos  Capítulo 5: O poder dos anjos caídos  Capítulo 6: O destino dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração
  • 5. 5 Parte 1 Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração DOUTRINA DE SATANÁS
  • 6. 6 Capítulo 1: A existência de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração As escrituras nos revelam que existe um ser chamado o Diabo ou Satanás, um ser verdadeiro, com existência real. Jo 13:2, Mt 13:19, At 5:3, Ap 12:9  Satanás em seu estado original: tinha força, sabedoria, beleza, glória e autoridade. Seu nome Lúcifer significa “o brilhante”.  Sinete da perfeição: é descrito como o mais belo e sábio da criação de DeUs. Sinete significa um “padrão de perfeição”.  Querubim da guarda ungido: um ser angelical de elevada categoria. São guardiões das regiões celestiais.  Impecável em sua conduta: “Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado até que se achou iniquidade em ti.” Ez 28:15
  • 7. 7 Capítulo 1: A existência de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. De Lúcifer a Satanás. Imagem ilustrativa.
  • 8. 8 Capítulo 1: A existência de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Cite algumas referências bíblicas que afirmam a existência de Satanás como um ser real. 2. Como Satanás era descrito em seu estado original? 3. Qual a diferença das nomenclaturas “Lúcifer” e “Satanás”?
  • 9. 9 Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Ele foi criado como todos os demais anjos para gloficar a Deus, porém, desejou reinar sobre o céu e sobre os anjos no lugar de Deus. Ez 28:17, Is 14:12-17, 1 Tm 3:6  Quando isso aconteceu: não temos uma resposta bíblica fundamentada. Porém, é possível inferir que ocorreu antes da criação da humanidade (Adão e Eva).  Motivo de sua queda: seu orgulho, seu pecado e sua rebeldia. Sua queda o transformou de Lúcifer em Satanás (quer dizer Adversário).  As consequências desse ato: foi deposto da presença do Altíssimo, desde então se tem feito inimigo de Deus e dos que amam a Cristo. Se tornou o chefe das potestades (autoridades) do ar/mal.
  • 10. 10 Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Alguns autores delegam a queda de Lúcifer a extinção dos dinossauros.
  • 11. 11 Capítulo 2: Rebeldia e queda de Lúcifer Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Conforme as passagens bíblicas citadas, qual foi o motivo da queda de Lúcifer? 2. Qual foi a consequência da queda de Lúcifer? 3. Quando a queda de Lúcifer ocorreu em relação à criação da humanidade (antes ou depois)? E por quê?
  • 12. 12 Capítulo 3: A personalidade de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A Bíblia o apresenta como uma pessoa através de substantivos próprios (nomes específicos) e pronomes pessoais (ele, dele, etc). Ap 9.11, Mt 12:24, 1 Co 6:15  Alguns nomes mais populares: Belzebu, Pai da Mentira, Enganador, Tentador. Satanás também é comparado as aves, a um dragão e uma serpente.  Modo de operação: autor da apostasia, impedidor da expansão da igreja, atua como um anjo de luz. A Bíblia diz que podemos resisti-lo. Rm 16:20  Características pessoais atribuídas: sabe de todas as coisas, cita as escrituras e possui emoções. Além disso, opera milagres conforme algumas passagens bíblicas. 2 Ts 2:9, At 16:14
  • 13. 13 Capítulo 3: A personalidade de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Satanás, o criador da apostasia.
  • 14. 14 Capítulo 3: A personalidade de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Cite alguns nomes específicos utilizados para se referir a Satanás. 2. De acordo com a Bíblia, como Satanás é comparado a outros seres ou criaturas? 3. Quais são as características pessoais atribuídas a Satanás de acordo com as passagens bíblicas mencionadas?
  • 15. 15 Capítulo 4: O caráter de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Para por em prática suas artimanhas e para ver o homem pecar, Satanás usa de ciladas e assaltos sutis. É peciso usar de toda a armadura de Deus para poder resistir. Ef 6:11-12  Sua astúcia: considerado um ser astuto, o seja, usa de várias estratégias para cumprir o seu propósito. A respeito disso não podemos ser ignorantes. Gn 3:1  Seu poder miraculoso: possui tal poder que exibe com sinais e falsas maravilhas. Isso o identifica como um ser sobre- humano. 2 Ts 2:9  Seu engano: usa de um poder tão grande que ilude a todos os que desconhecem os seus planos. Suas mentiras são a materialização e a expressão do mal. 2 Co 11:14, 2 Ts 2:9-10
  • 16. 16 Capítulo 4: O caráter de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Ilusão, uma das principais estratégias de Satanás.
  • 17. 17 Capítulo 4: O caráter de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Como Satanás emprega sua astúcia e artimanhas de acordo com o texto mencionado? 2. Cite um poder miraculoso de Satanás mencionado nas passagens bíblicas. 3. Como o engano de Satanás é principalmente retratado na Bíblia?
  • 18. 18 Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A posição de Satanás era tão exaltada que o tornava isento de críticas e de condenação por parte das criaturas que lhe eram semelhantes. Jd 1:9  Príncipe das potestades do ar/mal: indica a sua autoridade de poder em relaçao as regiões celestes. O considera como o possuidor de um reino (hierarquia). Ef 2:2, Cl 1:13, At 26.18  Príncipe deste mundo: Satanás tenta a Jesus no deserto e lhe oferece todos os reinos da Terra. Jesus recusou a oferta e ainda citou alguns versículos. Jo 12:31, Jo 14:30  O deus deste século: ainda que tenha sido deposto de alta posição, mantém um lugar de poder reconhecido. É objeto de adoração por parte do mundo. 2 Co 11:14, 2 Ts 2:9-10
  • 19. 19 Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Tentação de Jesus no deserto. Imagem ilustrativa.
  • 20. 20 Capítulo 5: A posição exaltada de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Qual era a posição exaltada de Satanás mencionada no texto e como isso o tornava isento de críticas e condenação? 2. O que significa o título "Príncipe das potestades do ar/mal" atribuído a Satanás? 3. Quando Satanás é referido como "Príncipe deste mundo" e como isso é demonstrado na tentação de Jesus?
  • 21. 21 Capítulo 6: A habitação de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A habitação de Satanás é frequentemente associada a lugares ou dimensões de maldade e afastamento de Deus. Ele parece não estar restringido a um lugar específico no universo. 1 Jo 5:19  Tem acesso a presença de Deus: geralmente comparece na condição de acusador. O exemplo mais claro a ser considerado é a acusação de Jó. Jó 1:6, Ap 12:10  Habita nas regiões celestiais: os exércitos espirituais da maldade habitam em lugares celestiais. Satanás, principados e potestades. Ef 6:11-12  É ativo na face da Terra: é o campo especial de atividades satânicas. Embora não seja onipresente, tem acesso a todos os lugares do planeta. Jó 1:7, 1 Pe 5:8
  • 22. 22 Capítulo 6: A habitação de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Exércitos espirituais nas regiões celestiais. Imagem ilustrativa.
  • 23. 23 Capítulo 6: A habitação de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Como a habitação de Satanás é frequentemente associada? 2. Qual é o papel de Satanás ao comparecer na presença de Deus? Forneça um exemplo. 3. Onde Satanás e as forças malignas habitam de acordo com o texto?
  • 24. 24 Capítulo 7: A obra de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A obra de Satanás deu origem ao pecado por meio da desobediência. Por isso, o pecado não teve uma criação, mas uma originação. Ez 28:15  Originou o pecado na raça humana: Adão e Eva foram os agentes reponsáveis pela origem do pecado humano. Satanás foi o responsável pela incitação. Gn 3:1-13  Causa sofrimento: responsável por casos específicos de enfermidades. É a fonte primária de todo sofrimento. At 10:38  Causa morte: tem de certa forma o direito de causar a morte. Esse poder só vem mediante a permissão exclusiva de Deus. Hb 2:14  Ilude os homens: arma laços e ciladas para prender os homens. O resultado disso é a escravidão da humanidade e a queda do homem. 1 Tm 3:7
  • 25. 25 Capítulo 7: A obra de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Adão e Eva, o primeiro pecado do homem. Imagem ilustrativa.
  • 26. 26 Capítulo 7: A obra de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Como a obra de Satanás está relacionada à origem do pecado? 2. Quais foram os agentes responsáveis pelo pecado na raça humana? 3. Como Satanás está envolvido no sofrimento humano?
  • 27. 27 Capítulo 8: O destino de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração De acordo com o livro de Apocalipse, Satanás será derrotado e lançado no lago de fogo e enxofre, onde será atormentado para sempre. Ap 20:10  Nos dias de hoje: é o príncipe das potestades do mal. Enquanto existir neste mundo, o pecado continuará. 2 Co 4:4  No período da tribulação: a Grande Tribulação é um período entre o arrebatamento da igreja e o Reino Milenar de Jesus. Na Tribulação, Satanás é expulso dos lugares celestiais. Ap 12:9  A sua prisão: ocorrerá quando Jesus implantar o seu Reino Milenar. Satanás é lançado no abismo para que não mais engane as nações até se completarem os mil anos. Ap 20:3  A sua condenação eterna: depois da sua prisão no abismo, será lançado no fogo onde passará a eternidade. Está debaixo de uma maldição perpétua (não pode se arrepender). Ap 21:1
  • 28. 28 Capítulo 8: O destino de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Lago de fogo e enxofre, o destino de Satanás. Imagem ilustrativa.
  • 29. 29 Capítulo 8: O destino de Satanás Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Qual é o destino final de Satanás? 2. Qual é o papel de Satanás nos dias de hoje? 3. Quando ocorrerá a prisão de Satanás e qual é o propósito dela?
  • 30. 30 Parte 2 Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração DEMÔNIOS
  • 31. 31 Capítulo 1: A existência dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração O termo “demônio” se refere a “deuses” e semi-deuses rebelados. Hoje, parte se encontra preso no abismo, aguardando o juízo final, e outra parte habita nas regiões celestes. Ap 12:4, Ef 6:12  Reconhecimento por Jesus: falou a respeito deles e para eles. "... em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas." Mc 16:17  Reconhecimento pelos 70 enviados: enviados com autoridade de dois em dois, tiveram de enfrentar os demônios. "... Senhor, os próprios demônios se nos submetem pelo teu nome!" Lc 10:17  Reconhecimento pelos apóstolos: a) Paulo advertiu o povo sobre os demônios. "... e eu não quero que vos torneis associados aos demônios." 1 Co 10:20 b) Tiago revela que os demônios crêem em Deus, mas não o obedecem. "Até os demônios creem e tremem." Tg 2:19
  • 32. 32 Capítulo 1: A existência dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. Andar em santidade define a autoridade na dimensão espiritual.
  • 33. 33 Capítulo 1: A existência dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Quem são os demônios mencionados no texto e qual é a sua condição atual? 2. Como Jesus reconheceu a existência dos demônios? 3. Como os 70 enviados por Jesus reconheceram a presença dos demônios?
  • 34. 34 Capítulo 2: A natureza dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Os demônios possuem personalidade e inteligência, caracterizadas em suas ações pessoais. São criaturas de natureza maligna e estão em oposição a Deus e aos propósitos divinos. Mt 8:29-31  São seres espirituais: o Novo Testamento da Bíblia os classificam como espíritos imundos. "... um espírito se apodera dele, e, de repente, o menino grita, e o espírito o atira por terra, convulsiona-o até espumar." Lc 9:39  São seres numerosos: agem em legiões, que no Exército Romano equivalem a 6.000 homens. "E perguntou-lhe: Qual é o teu nome. Respondeu ele: Legião é o meu nome, porque somos muitos." Mc 5:9 (endemoniado dos sepulcros de Gadara)  São maus e maliciosos: considerados seres de baixa moral, degenerados, moralmente baixos e vis. "... um espírito imundo, e ele gritou: Que queres conosco, Jesus Nazareno? Vieste para nos destruir? Eu sei quem tu és: o Santo de Deus!" Mc 1:23-24
  • 35. 35 Capítulo 2: A natureza dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. O endemoninhado gadareno. Imagem ilustrativa.
  • 36. 36 Capítulo 2: A natureza dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Quais são as características principais dos demônios? 2. Como os demônios são descritos em termos de comportamento moral? 3. Qual é o exemplo bíblico que mostra a presença de uma legião de demônios?
  • 37. 37 Capítulo 3: As atividades dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Assim como Deus tem anjos que realizam a sua obra, Satanás também possui mensageiros. A bíblia declara que os anjos são seres astutos e inteligentes, para o bem e mal. Gn 3:1  Opõem-se aos propósitos de Deus: suas estratégias incluem tentações, mentiras e idolatria. "... estava diante do Anjo do Senhor, e Satanás estava à mão direita dele, para se lhe opor." Zc 3:1  Causam males aos homens: na alma (Jó 13:27), no corpo (Lc 13:11) e em seus bens (Ml 3:11). "Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra." Ml 3:11  Investem sua fúria contra a Igreja: continuamente tentam destruí-la e incitam doutrinas erradas. "... e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela." Mt 16:18
  • 38. 38 Capítulo 3: As atividades dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. A igreja perseguida, principal ação dos demônios.
  • 39. 39 Capítulo 3: As atividades dos demônios Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Como os mensageiros de Satanás se opõem aos propósitos de Deus? 2. De que maneira os demônios causam males aos seres humanos? 3. Qual é o alvo principal da fúria dos demônios?
  • 40. 40 Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A Bíblia não fornece informações detalhadas sobre a habitação dos anjos caídos (demônios). No entanto, podemos considerar dois lugares. Ef 6:12  Habitam no inferno: parte ficam no abismo chamado Tártaro, o mais profundo abismo do Hades. É considerado uma divisão entre o Seio de Abraão. Aguardam o juízo final para serem lançados no lago de fogo. Lc 16:26  Habitam nas regiões celestiais: parte dos demônios rebeldes se situam nos ares. "... Miguel e os seus anjos pelejaram contra o dragão. Também pelejaram o dragão e seus anjos; todavia, não prevaleceram; nem mais se achou no céu o lugar deles. " Ap 12:7-8  É importante notar que: embora não tenhamos detalhes sobre a habitação específica dos anjos caídos, a Bíblia enfatiza a necessidade de estar vigilante contra as suas astutas ciladas.
  • 41. 41 Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. O domicílio da morte: uma das ideias aceitas.
  • 42. 42 Capítulo 4: Habitação dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Onde parte dos demônios aguarda o juízo final de acordo com a Bíblia? 2. Onde a outra parte dos demônios rebeldes habita de acordo com a Bíblia? 3. O que a Bíblia enfatiza em relação à habitação dos anjos caídos?
  • 43. 43 Capítulo 5: O poder dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Embora os anjos caídos possuam poder e influência, é importante lembrar que Deus é supremo e tem autoridade sobre todos os seres espirituais. 1 Jo 4:4, 2 Rs 6:16  Em relação à Cristo: Jesus tem os principados, potestades e demais anjos do mal sob os seus pés. "Acima de todo principado, e potestade, e poder, e domínio, e de todo nome que se possa referir não só no presente século, mas também no vindouro." Ef 1:21  Em relação à Igreja: pela posição que exerce perante Jesus Cristo, conclue-se que também tem todas as forças do mal sob seus pés. "E pôs todas as coisas debaixo dos pés e, para ser o cabeça sobre todas as coisas, o deu à igreja." Ef 1:22  Como enfrentar um poder malígno: buscar proteção de Deus (armadura espiritual), permanecer em comunhão (oração, participação e bíblia), resistir firmemente (não ceder).
  • 44. 44 Capítulo 5: O poder dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. A Armadura de Deus segundo Efésios 6:13-18.
  • 45. 45 Capítulo 5: O poder dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. Quem possui autoridade suprema sobre todos os seres espirituais, incluindo os anjos caídos? 2. Qual é a posição da igreja em relação às forças do mal? 3. Qual é a importância de buscar a proteção de Deus para enfrentar um poder maligno?
  • 46. 46 Capítulo 6: O destino dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração A Bíblia revela que haverá um juízo final, onde os anjos rebeldes serão julgados e lançados no lago de fogo, também conhecido como inferno, para serem atormentados para sempre. 1 Mt 25:41  Serão julgados no Juízo Final (Trono Branco): todo mal será julgado e todos os ímpios condenados à perdição eterna. Aos anjos caídos está reservado o juízo de Deus. 2 Pe 2:4  Não haverá salvação para os demônios: Adão e Eva pecaram porque foram enganados. Os anjos pecaram sem qualquer tentação. Deus providenciou uma redenção que não vale para os anjos caídos. Mt 25:41  Quem julgará os anjos caídos: Cristo e a Igreja julgarão tanto os anjos caídos como todos os homens pecadores que não se arrependeram. "Ou não sabeis que os santos hão de julgar o mundo? … Não sabeis que havemos de julgar os próprios anjos? Quanto mais as coisas desta vida!" 1 Co 6:2,3
  • 47. 47 Capítulo 6: O destino dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Figura. O julgamento do Grande Trono Branco. Imagem ilustrativa.
  • 48. 48 Capítulo 6: O destino dos anjos caídos Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração Responda as questões abaixo: 1. O que acontecerá com os anjos rebeldes no juízo final? 2. Quem realizará o julgamento dos anjos caídos? 3. Haverá salvação para os demônios?
  • 49. 49 Referências Escola Bíblica - Demonologia Casa de Oração OLIVEIRA, Alex Cartana. Demonologia. 1ª ed. Bagé: Escola Teológica Pr. João Ferreira Filho, 2007. OpenAI. ChatGPT. Disponível em: https://www.openai.com/. Acesso em: 24/05/2023.