SlideShare uma empresa Scribd logo
Danças Brasileiras 
O Reisado 
Dança popular que ocorre entre a véspera de natal e 
o dia seis de janeiro, Dia de Reis. Também chamada 
defolia de Reis, essa dança envolve cantores e 
músicos que vão até as casas para anunciar a 
chegada de um Messias. As pessoas que participam 
possuem diversos personagens e são acompanhados 
por instrumentos como o violão, a sanfona, o 
triângulo e a zabumba. 
Maracatu 
O surgimento do maracatu causa controvérsias; 
porém, acredita-se que ele surgiu por volta de 1700, 
trazido pelos portugueses ao Brasil. A dança possuía 
partes com coreografias e teatro e era acompanhada 
por músicos e dançarinos. Esses vestiam roupas que 
remetiam a realeza (porta-estandarte, rei, rainha, 
príncipes, duquesas e duques, etc.). Posteriormente, 
o maracatu passou a ser realizado durante o 
Carnaval. Além disso, a dança tem a participação de instrumentos como zabumba e 
ganzas. 
Pau-da-bandeira 
Dança realizada principalmente na região nordeste que acontece principalmente 
durante o dia de Santo Antônio. Um tronco é escolhido e carregado pelos homens da 
cidade. Como manda a tradição, as mulheres que desejam casar devem tocar esse 
tronco. 
Maneiro-Pau 
Dança com maior influência no estado do Ceará, Maneiro-Pau conta com dançarinos 
que realizam os passos em rodas e com pedaços de pau nas mãos. Esses pedaços 
são batidos no chão formando o ritmo da dança. Durante toda a coreografia, alguns 
participantes duelam enquanto outros batem no chão. 
Caninha Verde 
Dança portuguesa que foi inserida no país durante o Ciclo do Açúcar. Também foi 
praticada em colônias de pescadores, festas de casamento e cordões. 
Bumba meu Boi 
Um dos símbolos folclóricos do Brasil, o Bumba meu Boi mescla dança, música e 
teatro. Além disso, é praticado nas mais variadas regiões do país. 
Os personagens cantam e dançam para contar a história de um boi que morreu e
ressuscitou após ter sua língua cortada para satisfazer os desejos de uma mulher 
grávida. 
Frevo 
O frevo, dança típica do estado do Pernambuco, surgiu por volta de 1910 e 
atualmente é uma das vertentes do Carnaval no Brasil. A música tocada durante a 
festa não possui letra e uma banda toca para embalar os foliões. Conta com diversos 
passos de danças com malabarismos, passos elaborados, rodopios e saltos. Além 
disso, o dançarino tem a possibilidade de improvisar à medida que a dança evolui. 
Fandango 
Essa dança chegou à região sul do Brasil por volta de 1750 e foi trazida por 
portugueses. Os dançarinos recebiam o nome de folgadores e folgadeiras dançavam 
em festas executando diversos passos. Atualmente, permanece preservado na região 
com passos, música e canto. Os instrumentos mais usados são as violas, a rabeca, o 
acordeão e o pandeiro. Os dançarinos vestem roupas típicas da região e rodam 
próximo ao seu par, mas sem se tocar. Eles se movimentam para atrair a atenção do 
outro e os homens sapateiam de forma contínua. A dança contém traços de valsas e 
bailes e forte presença de sensualidade. 
Carimbó 
Enquanto os homens vestem camisas e calças lisas, as mulheres utilizam blusas com 
ombros à mostra e saias rodadas. Os casais ficam em fileiras e o homem se aproxima 
de seu parbatendo palmas. Segue-se passos de volteio e as mulheres também jogam 
um lenço no chão para que seu parceiro possa pegar como forma de respeito. 
Samba 
O samba chegou junto com os negros ao Brasil e primeiramente era dançado apenas 
nassenzalas pelos escravos. Os primeiros estados brasileiros a difundirem esse ritmo 
foram o Rio de Janeiro, a Bahia e o Maranhão. A dança tinha sons de percussão 
e batidas com os pés. Já o samba de roda surgiu na África e também veio para o 
Brasil através dos escravos. O samba de roda é praticado em círculos e as pessoas 
têm a liberdade nos movimentos. Pode ser visto principalmente em estados como Rio 
de Janeiro e Bahia.
Dança Folclóricas 
As danças folclóricas são uma forma de 
desenvolver essa expressão artística com base 
em tradições e costumes de um povo. Elas 
podem ser executadas de várias formas com pares 
ou em grupos e a forma original de dançar e 
cantar permanece praticamente a mesma. Em 
diversos países, a dança folclórica é 
aexpressão daquele povo. 
No Brasil, as danças folclóricas sofreram 
influências das tradições dos estados, dos povos 
africanos e europeus. Dessa forma, dependendo 
do estado, as danças podem ser mais 
influenciadas pelos africanos, indígenas ou europeus. Além disso, a Igreja Católica 
também ajudou no surgimento de personagens e contos da história brasileira. Uma 
das principais características das danças folclóricas do país são as músicas simples e 
os personagens chamativos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Danças brasileiras
Danças brasileirasDanças brasileiras
Danças brasileiras
VALDIR CONCEICAO
 
A origem da dança
A origem da dançaA origem da dança
A origem da dança
Hiderson Marciano
 
Dança
DançaDança
Samba
SambaSamba
Apresentação1 aula danças
Apresentação1   aula dançasApresentação1   aula danças
Apresentação1 aula danças
Annete Melo
 
Danças de salão
Danças de salãoDanças de salão
Danças de salão
José Mársy
 
Carimbó
CarimbóCarimbó
As danças africanas
As danças africanas As danças africanas
As danças africanas
minella14
 
Projeto dança
Projeto   dançaProjeto   dança
Projeto dança
Patricia Aguirre
 
A Dança e seus elementos
A Dança e seus elementosA Dança e seus elementos
A Dança e seus elementos
Luan Lucena
 
Dança Xaxado
Dança XaxadoDança Xaxado
Dança Xaxado
Anderson Silva
 
Tipos de danças
Tipos de dançasTipos de danças
Tipos de danças
iedaromao
 
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
Evandir Araujo
 
A Origem Da DançA
A Origem Da DançAA Origem Da DançA
A Origem Da DançA
martinsramon
 
História da Música Brasileira
História da Música BrasileiraHistória da Música Brasileira
História da Música Brasileira
Carlos Zaranza
 
Maracatu
MaracatuMaracatu
Maracatu
Diana Lins
 
Projeto nos passos da dança 6º, 7º, 8º e 9º ano cest
Projeto nos passos da dança   6º, 7º, 8º e 9º ano  cestProjeto nos passos da dança   6º, 7º, 8º e 9º ano  cest
Projeto nos passos da dança 6º, 7º, 8º e 9º ano cest
SimoneHelenDrumond
 
A dança através dos tempos
A dança através dos temposA dança através dos tempos
A dança através dos tempos
José Marques
 
Aula Introdutória sobre Ritmo
Aula Introdutória sobre RitmoAula Introdutória sobre Ritmo
Aula Introdutória sobre Ritmo
Junior Oliveira
 
Dança de salão.
Dança de salão.Dança de salão.
Dança de salão.
Ajudar Pessoas
 

Mais procurados (20)

Danças brasileiras
Danças brasileirasDanças brasileiras
Danças brasileiras
 
A origem da dança
A origem da dançaA origem da dança
A origem da dança
 
Dança
DançaDança
Dança
 
Samba
SambaSamba
Samba
 
Apresentação1 aula danças
Apresentação1   aula dançasApresentação1   aula danças
Apresentação1 aula danças
 
Danças de salão
Danças de salãoDanças de salão
Danças de salão
 
Carimbó
CarimbóCarimbó
Carimbó
 
As danças africanas
As danças africanas As danças africanas
As danças africanas
 
Projeto dança
Projeto   dançaProjeto   dança
Projeto dança
 
A Dança e seus elementos
A Dança e seus elementosA Dança e seus elementos
A Dança e seus elementos
 
Dança Xaxado
Dança XaxadoDança Xaxado
Dança Xaxado
 
Tipos de danças
Tipos de dançasTipos de danças
Tipos de danças
 
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
Dança de salão: história da dança de salão, origem da dança de salão, tipos d...
 
A Origem Da DançA
A Origem Da DançAA Origem Da DançA
A Origem Da DançA
 
História da Música Brasileira
História da Música BrasileiraHistória da Música Brasileira
História da Música Brasileira
 
Maracatu
MaracatuMaracatu
Maracatu
 
Projeto nos passos da dança 6º, 7º, 8º e 9º ano cest
Projeto nos passos da dança   6º, 7º, 8º e 9º ano  cestProjeto nos passos da dança   6º, 7º, 8º e 9º ano  cest
Projeto nos passos da dança 6º, 7º, 8º e 9º ano cest
 
A dança através dos tempos
A dança através dos temposA dança através dos tempos
A dança através dos tempos
 
Aula Introdutória sobre Ritmo
Aula Introdutória sobre RitmoAula Introdutória sobre Ritmo
Aula Introdutória sobre Ritmo
 
Dança de salão.
Dança de salão.Dança de salão.
Dança de salão.
 

Semelhante a Danças brasileiras

Danças nordestinas
Danças nordestinasDanças nordestinas
Danças nordestinas
Gilvan Ressurreição
 
danasbrasileiras0-170415153903.pdf
danasbrasileiras0-170415153903.pdfdanasbrasileiras0-170415153903.pdf
danasbrasileiras0-170415153903.pdf
WeslleyDias8
 
Danças Nordestinas - Kellyson Yalan
Danças Nordestinas - Kellyson YalanDanças Nordestinas - Kellyson Yalan
Danças Nordestinas - Kellyson Yalan
Kellyson Ferreira
 
Danças existentes no brasil
Danças existentes no brasilDanças existentes no brasil
Danças existentes no brasil
Atylla Maria
 
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
Helena Santana
 
Danças da região norte
Danças da região norteDanças da região norte
Danças da região norte
lalinhaw
 
Roteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
Roteiro de estudo ARTE - Ensino FundamentalRoteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
Roteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
VALDOMIRO PEREIRA DE PEREIRA DE SOUZA JUNIOR
 
Danças existentes
Danças existentesDanças existentes
Danças existentes
euler223
 
MúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
MúSicas Populares E FolclóRicas BrasileirasMúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
MúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
HOME
 
Dança
DançaDança
Carlos
CarlosCarlos
Dancas folcloricas do brasil
Dancas folcloricas do brasilDancas folcloricas do brasil
Dancas folcloricas do brasil
RaiRosa1
 
Carvanal
CarvanalCarvanal
Carvanal
Ronaldo Moraes
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
Weberth Diniz
 
AULA SOBRE O SAMBA.pdf
AULA SOBRE O SAMBA.pdfAULA SOBRE O SAMBA.pdf
AULA SOBRE O SAMBA.pdf
SauloLaraCoimbra1
 
Dancas folcloricas
Dancas folcloricasDancas folcloricas
Dancas folcloricas
Johnny Dourado
 
GENEROS.pptx
GENEROS.pptxGENEROS.pptx
GENEROS.pptx
AndreJose15
 
Dancas Folclóricas
Dancas FolclóricasDancas Folclóricas
Dancas Folclóricas
silsiane
 
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiroTrabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
Hudson Giovanni
 
Danças folclóricas
Danças folclóricasDanças folclóricas
Danças folclóricas
Rodrigo73950
 

Semelhante a Danças brasileiras (20)

Danças nordestinas
Danças nordestinasDanças nordestinas
Danças nordestinas
 
danasbrasileiras0-170415153903.pdf
danasbrasileiras0-170415153903.pdfdanasbrasileiras0-170415153903.pdf
danasbrasileiras0-170415153903.pdf
 
Danças Nordestinas - Kellyson Yalan
Danças Nordestinas - Kellyson YalanDanças Nordestinas - Kellyson Yalan
Danças Nordestinas - Kellyson Yalan
 
Danças existentes no brasil
Danças existentes no brasilDanças existentes no brasil
Danças existentes no brasil
 
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
Danças,Festas e Músicas Brasileiras com influencias africanas
 
Danças da região norte
Danças da região norteDanças da região norte
Danças da região norte
 
Roteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
Roteiro de estudo ARTE - Ensino FundamentalRoteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
Roteiro de estudo ARTE - Ensino Fundamental
 
Danças existentes
Danças existentesDanças existentes
Danças existentes
 
MúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
MúSicas Populares E FolclóRicas BrasileirasMúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
MúSicas Populares E FolclóRicas Brasileiras
 
Dança
DançaDança
Dança
 
Carlos
CarlosCarlos
Carlos
 
Dancas folcloricas do brasil
Dancas folcloricas do brasilDancas folcloricas do brasil
Dancas folcloricas do brasil
 
Carvanal
CarvanalCarvanal
Carvanal
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
 
AULA SOBRE O SAMBA.pdf
AULA SOBRE O SAMBA.pdfAULA SOBRE O SAMBA.pdf
AULA SOBRE O SAMBA.pdf
 
Dancas folcloricas
Dancas folcloricasDancas folcloricas
Dancas folcloricas
 
GENEROS.pptx
GENEROS.pptxGENEROS.pptx
GENEROS.pptx
 
Dancas Folclóricas
Dancas FolclóricasDancas Folclóricas
Dancas Folclóricas
 
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiroTrabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
Trabalho sobre influencia da africa no espaço brasileiro
 
Danças folclóricas
Danças folclóricasDanças folclóricas
Danças folclóricas
 

Último

Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
mozalgebrista
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantililSEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
menesabi
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
Geagra UFG
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 

Último (20)

Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantililSEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
(45-ESTUDO - LUCAS) A EPIRITUALIDADE DE JESUS
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 

Danças brasileiras

  • 1. Danças Brasileiras O Reisado Dança popular que ocorre entre a véspera de natal e o dia seis de janeiro, Dia de Reis. Também chamada defolia de Reis, essa dança envolve cantores e músicos que vão até as casas para anunciar a chegada de um Messias. As pessoas que participam possuem diversos personagens e são acompanhados por instrumentos como o violão, a sanfona, o triângulo e a zabumba. Maracatu O surgimento do maracatu causa controvérsias; porém, acredita-se que ele surgiu por volta de 1700, trazido pelos portugueses ao Brasil. A dança possuía partes com coreografias e teatro e era acompanhada por músicos e dançarinos. Esses vestiam roupas que remetiam a realeza (porta-estandarte, rei, rainha, príncipes, duquesas e duques, etc.). Posteriormente, o maracatu passou a ser realizado durante o Carnaval. Além disso, a dança tem a participação de instrumentos como zabumba e ganzas. Pau-da-bandeira Dança realizada principalmente na região nordeste que acontece principalmente durante o dia de Santo Antônio. Um tronco é escolhido e carregado pelos homens da cidade. Como manda a tradição, as mulheres que desejam casar devem tocar esse tronco. Maneiro-Pau Dança com maior influência no estado do Ceará, Maneiro-Pau conta com dançarinos que realizam os passos em rodas e com pedaços de pau nas mãos. Esses pedaços são batidos no chão formando o ritmo da dança. Durante toda a coreografia, alguns participantes duelam enquanto outros batem no chão. Caninha Verde Dança portuguesa que foi inserida no país durante o Ciclo do Açúcar. Também foi praticada em colônias de pescadores, festas de casamento e cordões. Bumba meu Boi Um dos símbolos folclóricos do Brasil, o Bumba meu Boi mescla dança, música e teatro. Além disso, é praticado nas mais variadas regiões do país. Os personagens cantam e dançam para contar a história de um boi que morreu e
  • 2. ressuscitou após ter sua língua cortada para satisfazer os desejos de uma mulher grávida. Frevo O frevo, dança típica do estado do Pernambuco, surgiu por volta de 1910 e atualmente é uma das vertentes do Carnaval no Brasil. A música tocada durante a festa não possui letra e uma banda toca para embalar os foliões. Conta com diversos passos de danças com malabarismos, passos elaborados, rodopios e saltos. Além disso, o dançarino tem a possibilidade de improvisar à medida que a dança evolui. Fandango Essa dança chegou à região sul do Brasil por volta de 1750 e foi trazida por portugueses. Os dançarinos recebiam o nome de folgadores e folgadeiras dançavam em festas executando diversos passos. Atualmente, permanece preservado na região com passos, música e canto. Os instrumentos mais usados são as violas, a rabeca, o acordeão e o pandeiro. Os dançarinos vestem roupas típicas da região e rodam próximo ao seu par, mas sem se tocar. Eles se movimentam para atrair a atenção do outro e os homens sapateiam de forma contínua. A dança contém traços de valsas e bailes e forte presença de sensualidade. Carimbó Enquanto os homens vestem camisas e calças lisas, as mulheres utilizam blusas com ombros à mostra e saias rodadas. Os casais ficam em fileiras e o homem se aproxima de seu parbatendo palmas. Segue-se passos de volteio e as mulheres também jogam um lenço no chão para que seu parceiro possa pegar como forma de respeito. Samba O samba chegou junto com os negros ao Brasil e primeiramente era dançado apenas nassenzalas pelos escravos. Os primeiros estados brasileiros a difundirem esse ritmo foram o Rio de Janeiro, a Bahia e o Maranhão. A dança tinha sons de percussão e batidas com os pés. Já o samba de roda surgiu na África e também veio para o Brasil através dos escravos. O samba de roda é praticado em círculos e as pessoas têm a liberdade nos movimentos. Pode ser visto principalmente em estados como Rio de Janeiro e Bahia.
  • 3. Dança Folclóricas As danças folclóricas são uma forma de desenvolver essa expressão artística com base em tradições e costumes de um povo. Elas podem ser executadas de várias formas com pares ou em grupos e a forma original de dançar e cantar permanece praticamente a mesma. Em diversos países, a dança folclórica é aexpressão daquele povo. No Brasil, as danças folclóricas sofreram influências das tradições dos estados, dos povos africanos e europeus. Dessa forma, dependendo do estado, as danças podem ser mais influenciadas pelos africanos, indígenas ou europeus. Além disso, a Igreja Católica também ajudou no surgimento de personagens e contos da história brasileira. Uma das principais características das danças folclóricas do país são as músicas simples e os personagens chamativos.