SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 20
Evitar a disseminação
Prevenir a Dengue
Palestrante:
o que é
Dengue
Dengue
maneira de espalhar
como prevenir
Dengue?
Prevenção de
outras doenças
Dengue
doença
O que é?
vida não é esperar a tempestade passar, é aprender
a dançar.
Parte 1 - O que é?
O que é a Dengue?
A dengue (comumente conhecida como febre quebra-ossos) é uma doença infecciosa febril
aguda causada pelo vírus da dengue, que é transmitido aos humanos.
01 Causada pelo mosquito aedes aegypti
02 Febre, erupções cutâneas e dores
03 Transmitida pela picada do mosquito
04 Transmissão rápida
Como a Dengue
se espalha?
Parte II - Vias
Os vetores
são organismos que
podem transmitir doenças
infecciosas entre os seres
humanos ou de animais
para humanos
O que é vetor?
O vetor mais conhecido é o Aedes aegypti.
Esse reproduz-se principalmente em água
parada.
01
02
Parte II - Vias
Quando um mosquito com o vírus pica uma pessoa,
o vírus entra no sangue humano e ocorre a sua
disseminação no organismo.
Os primeiros sinais aparecem de 4 a 10 dias depois
da picada do mosquito infectado.
dengue não se espalha de pessoa para pessoa e
não é o mosquito que causa a doença. Quem faz
isso é o VÌRUS.
Qual é a via
Sintomas da dengue
Parte III - Sintomas
Quais são os sintomas
irritação na pele
O curso da doença aparece
em 4-10 dias
sangramento
A dengue pode evoluir para remissão
dos sintomas, ou pode agravar-se,
exigindo constante reavaliação e
observação, para que as intervenções
sejam oportunas e os óbitos não
ocorram
febre
Início súbito, acompanhado de
dor de cabeça, dor retro-ocular
que geralmente dura de 2 a 7
dias
Parte III - Sintomas
População suscetível
Adultos e
Crianças
Animais
Cães e gatos não podem
contrair a doença já que o
homem é o único
hospedeiro vertebrado do
vírus da dengue
Parte III - Sintomas
Recursos populares
A dengue é prevalente principalmente nas regiões tropicais e subtropicais.
Distribuição geográfica
01
02 A prevalência da dengue está relacionada à procriação e reprodução do mosquito Aedes, que
ocorre principalmente no verão e outono, quando a temperatura é alta
Sazonal
Prevenção das doenças e
cuidados com a família
Parte Quatro - Como
01
Evitar água
estagnada;
Elimine os
criadouros
02
Utilize repelente
03
Leve proteção
pessoal
Parte Quatro - Como
Para vasos de plantas aquáticas
Os tanques de água potável ou outros
recipientes de água potável devem ser trocados
e mantidos fechados
Baldes de armazenamento de água, urnas de
cerâmica, tanques de drenagem, etc. Devem
permanecer tampados.
Preencha todas as depressões dos recipientes
Limpe e troque a água a cada 5-7 dias
Evite a água estagnada e remova os criadouros do mosquito
Parte Quatro - Como
01
02
03
04
05
Os pneus devem ser armazenados em locais fechados ou protegidos da chuva,
caso sejam empilhados ao ar livre, devem ser cobertos com uma lona
Remova os potes, latas, garrafas e outros recipientes que estiverem a céu aberto
Os topos das cercas de bambu, buracos de árvores e buracos de bambu devem
ser bloqueados com areia para evitar o acúmulo da água
A água entupida nas calhas das casas
Bebedouros para aves, gado e outros animais
Parte Quatro - Como
Instale redes mosquiteiras nas janelas.Se não houver
prevenir a dengue
01
02
03
Evite ficar à sombra de árvores, grama e outros
prevenir a dengue
Ao viajar ou trabalhar em áreas endêmicas de dengue, use blusas e
calças de manga comprida e borrife repelentes
prevenir a dengue
Prevenção de
outras
Parte V - Prevenção
Chikungunya, Zika
e a Febre Amarela
O mosquito é transmissor de vírus
causadores de doenças que são
chamadas de arboviroses.
Embora apresentem sinais e sintomas clinicamente
semelhantes, como febre, dores de cabeça, dores nas
articulações, algumas particularidades marcantes
diferenciam uma doença da outra.
• Chikungunya : febre acima de 39 graus, de início
repentino, e dores intensas nas articulações de pés e
mãos (presentes em 70 a 100% dos casos), como
dedos, tornozelos e punhos. Mas a doença também
pode causar dor de cabeça, dores nos músculos e
manchas avermelhadas na pele.
01
02
04
03 • ZIKA: febre não muito alta, dores de cabeça e nas
articulações (artralgia e mialgia), manchas vermelhas
pelo corpo, vermelhidão nos olhos, cansaço, dor de
garganta, conjuntivite, tosse e vômitos.
• Febre Amarela: febre alta, calafrios, cansaço, dor de
cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos, por cerca
de três dias.
Parte V - Prevenção
Pontos de prevenção e controle
pontos principais
Lave as mãos a tempo depois
A dieta diária deve ser razoável
pontos principais
Evite ir a lugares com muita gente
pontos principais
A vacinação é a medida mais eficaz
pontos principais
O exercício moderado pode amenizar os sintomas
pontos principais
A sala de estar e o escritório devem ser ventilados
com frequência para manter o ar fresco circulando
Obrigado por assistir

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024 (20)

Mpdf
MpdfMpdf
Mpdf
 
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Caderno Especial Dengue - 16/12/2015
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Caderno Especial Dengue - 16/12/2015Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Caderno Especial Dengue - 16/12/2015
Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Caderno Especial Dengue - 16/12/2015
 
mosquito da Dengue
mosquito da Denguemosquito da Dengue
mosquito da Dengue
 
zica,Chikunya e Dengue
zica,Chikunya e Denguezica,Chikunya e Dengue
zica,Chikunya e Dengue
 
6C - Allice e kaylanne
6C - Allice e kaylanne6C - Allice e kaylanne
6C - Allice e kaylanne
 
6B - Gabriel e guilherme
6B - Gabriel e guilherme6B - Gabriel e guilherme
6B - Gabriel e guilherme
 
6B - Isabely e karolina n 10 n 18
6B - Isabely  e karolina  n 10  n 186B - Isabely  e karolina  n 10  n 18
6B - Isabely e karolina n 10 n 18
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
6B - Karina e iasmim
6B - Karina e iasmim6B - Karina e iasmim
6B - Karina e iasmim
 
6B - Isabely e karolina
6B - Isabely  e karolina6B - Isabely  e karolina
6B - Isabely e karolina
 
Apresentação dengue
Apresentação dengueApresentação dengue
Apresentação dengue
 
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 bDengue -Guilherme grangeia willman n 15  8 b
Dengue -Guilherme grangeia willman n 15 8 b
 
6B - Susana e fernanda1
6B - Susana e fernanda16B - Susana e fernanda1
6B - Susana e fernanda1
 
6B - Vinnycius
6B - Vinnycius6B - Vinnycius
6B - Vinnycius
 
Dengue 5º c
Dengue 5º cDengue 5º c
Dengue 5º c
 
6A - Fabricio erick
6A - Fabricio erick6A - Fabricio erick
6A - Fabricio erick
 
6A Fabricio erick
6A Fabricio erick6A Fabricio erick
6A Fabricio erick
 

Último

clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 

Último (20)

PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdfPLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdfDiálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e SenegalTrabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 

Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024

  • 1. Evitar a disseminação Prevenir a Dengue Palestrante:
  • 2. o que é Dengue Dengue maneira de espalhar como prevenir Dengue? Prevenção de outras doenças Dengue doença
  • 3. O que é? vida não é esperar a tempestade passar, é aprender a dançar.
  • 4. Parte 1 - O que é? O que é a Dengue? A dengue (comumente conhecida como febre quebra-ossos) é uma doença infecciosa febril aguda causada pelo vírus da dengue, que é transmitido aos humanos. 01 Causada pelo mosquito aedes aegypti 02 Febre, erupções cutâneas e dores 03 Transmitida pela picada do mosquito 04 Transmissão rápida
  • 5. Como a Dengue se espalha?
  • 6. Parte II - Vias Os vetores são organismos que podem transmitir doenças infecciosas entre os seres humanos ou de animais para humanos O que é vetor? O vetor mais conhecido é o Aedes aegypti. Esse reproduz-se principalmente em água parada. 01 02
  • 7. Parte II - Vias Quando um mosquito com o vírus pica uma pessoa, o vírus entra no sangue humano e ocorre a sua disseminação no organismo. Os primeiros sinais aparecem de 4 a 10 dias depois da picada do mosquito infectado. dengue não se espalha de pessoa para pessoa e não é o mosquito que causa a doença. Quem faz isso é o VÌRUS. Qual é a via
  • 9. Parte III - Sintomas Quais são os sintomas irritação na pele O curso da doença aparece em 4-10 dias sangramento A dengue pode evoluir para remissão dos sintomas, ou pode agravar-se, exigindo constante reavaliação e observação, para que as intervenções sejam oportunas e os óbitos não ocorram febre Início súbito, acompanhado de dor de cabeça, dor retro-ocular que geralmente dura de 2 a 7 dias
  • 10. Parte III - Sintomas População suscetível Adultos e Crianças Animais Cães e gatos não podem contrair a doença já que o homem é o único hospedeiro vertebrado do vírus da dengue
  • 11. Parte III - Sintomas Recursos populares A dengue é prevalente principalmente nas regiões tropicais e subtropicais. Distribuição geográfica 01 02 A prevalência da dengue está relacionada à procriação e reprodução do mosquito Aedes, que ocorre principalmente no verão e outono, quando a temperatura é alta Sazonal
  • 12. Prevenção das doenças e cuidados com a família
  • 13. Parte Quatro - Como 01 Evitar água estagnada; Elimine os criadouros 02 Utilize repelente 03 Leve proteção pessoal
  • 14. Parte Quatro - Como Para vasos de plantas aquáticas Os tanques de água potável ou outros recipientes de água potável devem ser trocados e mantidos fechados Baldes de armazenamento de água, urnas de cerâmica, tanques de drenagem, etc. Devem permanecer tampados. Preencha todas as depressões dos recipientes Limpe e troque a água a cada 5-7 dias Evite a água estagnada e remova os criadouros do mosquito
  • 15. Parte Quatro - Como 01 02 03 04 05 Os pneus devem ser armazenados em locais fechados ou protegidos da chuva, caso sejam empilhados ao ar livre, devem ser cobertos com uma lona Remova os potes, latas, garrafas e outros recipientes que estiverem a céu aberto Os topos das cercas de bambu, buracos de árvores e buracos de bambu devem ser bloqueados com areia para evitar o acúmulo da água A água entupida nas calhas das casas Bebedouros para aves, gado e outros animais
  • 16. Parte Quatro - Como Instale redes mosquiteiras nas janelas.Se não houver prevenir a dengue 01 02 03 Evite ficar à sombra de árvores, grama e outros prevenir a dengue Ao viajar ou trabalhar em áreas endêmicas de dengue, use blusas e calças de manga comprida e borrife repelentes prevenir a dengue
  • 18. Parte V - Prevenção Chikungunya, Zika e a Febre Amarela O mosquito é transmissor de vírus causadores de doenças que são chamadas de arboviroses. Embora apresentem sinais e sintomas clinicamente semelhantes, como febre, dores de cabeça, dores nas articulações, algumas particularidades marcantes diferenciam uma doença da outra. • Chikungunya : febre acima de 39 graus, de início repentino, e dores intensas nas articulações de pés e mãos (presentes em 70 a 100% dos casos), como dedos, tornozelos e punhos. Mas a doença também pode causar dor de cabeça, dores nos músculos e manchas avermelhadas na pele. 01 02 04 03 • ZIKA: febre não muito alta, dores de cabeça e nas articulações (artralgia e mialgia), manchas vermelhas pelo corpo, vermelhidão nos olhos, cansaço, dor de garganta, conjuntivite, tosse e vômitos. • Febre Amarela: febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos, por cerca de três dias.
  • 19. Parte V - Prevenção Pontos de prevenção e controle pontos principais Lave as mãos a tempo depois A dieta diária deve ser razoável pontos principais Evite ir a lugares com muita gente pontos principais A vacinação é a medida mais eficaz pontos principais O exercício moderado pode amenizar os sintomas pontos principais A sala de estar e o escritório devem ser ventilados com frequência para manter o ar fresco circulando