SlideShare uma empresa Scribd logo
EGBE MÒGÀJÍ IFÁ
(Comunidade Herdeiros de Ifa/GO)
EMAIL: awo.miguel@gmail.com
CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463
A INICIAÇÃO
NO BRASIL E EM VÁRIOS LUGARES DO MUNDO EXISTEM MILHARES E
MILHARES DE PESSOAS QUE, MARAVILHADAS PELO MISTÉRIO DOS ÒRÌSÀ.
QUER SEJAM DESCENDENTES DE AFRICANOS, EUROPEUS, ASIÁTICOS OU DE
QUALQUER OUTRA RAÇA DO PLANETA, ACABAM TRANSPONDO AS PORTAS DA
INICIAÇÃO, SURPREENDIDOS PELO PARADOXO DE DEFRONTAR-SE COM
CRENÇAS ALICERÇADAS EM RITUAIS DE REBUSCADA COMPLEXIDADE E AO
MESMO TEMPO SIMPLES DE ENTENDIMENTO NA SUA ESSÊNCIA. AS
CERIMÔNIAS SÃO ALEGRES, COLORIDAS, EMBALADAS PELO SOM DOS
TAMBORES NOS QUATRO CANTOS DO MUNDO, AGREGANDO PESSOAS DE
TODAS AS CAMADAS SOCIAIS; CONTUDO, O APRENDIZADO RITUAL E
FILOSÓFICO REQUER ESTUDOS SÉRIOS E CONTÍNUOS, QUE ACOMPANHARÃO
O INICIADO PELA VIDA AFORA.
QUE MISTÉRIOS SÃO ESSE, OCULTOS EM MEIO A LENDAS E ENSINAMENTOS
DE SABEDORIA ANCESTRAL?
O QUE NA VERDADE LEVA PESSOAS ÀS MAIS DIFERENTES TRADIÇÕES AFRO-
DESCENDENTES, EM BUSCA DA INICIAÇÃO?
1 - O QUE É INICIAÇÃO
INICIAR-SE (POPULARMENTE NO BRASIL DIZ-SE "FAZER SANTO") É
POSSIBILITAR ATRAVÉS DE RITUAIS PRÓPRIOS QUE O LADO DIVINO DA
CRIATURA TRANSPAREÇA; É LIBERTAR O DEUS INTERIOR (ORI INU) QUE
EXISTE EM CADA SER HUMANO, PERMITINDO-LHE VIR À TONA E PROVOCAR
IMPULSO IRRESISTÍVEL CAPAZ DE CONDUZIR A INDIVIDUALIDADE À
REALIZAÇÃO PESSOAL, ESTABELECENDO DESSA MANEIRA A MAIS PERFEITA
COMUNHÃO POSSÍVEL COM O UNIVERSO, COM A NATUREZA, COM O
CRIADOR, ENFIM, COM A PRÓPRIA VIDA, EM SEU PULSAR INFINITO. CORPO
FÍSICO, MENTE E ALMA SÃO RITUALISTICAMENTE PREPARADOS PARA
COMPONENTES DA MANIFESTAÇÃO DIVINA. CONDIÇÕES PROPÍCIAS SÃO
ESTABELECIDAS PARA QUE A MEMÓRIA ANCESTRAL POSSA FLORESCER NOS
RECESSOS DO INCONSCIENTE, PRODUZINDO MUITAS VEZES O TRANSE, EM
SUAS MAIS VARIADAS FORMAS E TAMBÉM VARIADOS GRAUS. "FAZER SANTO"
É NASCER DE NOVO, RENASCER COMO INDIVÍDUO MAIS FORTE, COMPLETO,
POTENCIALMENTE SEGURO, COM MELHORES CONDIÇÕES PARA, AO
ABANDONAR MEDOS, TRAUMAS OU BLOQUEIOS, LANÇAR-SE INTEIRO NA
BUSCA DA REALIZAÇÃO PESSOAL.
2 - POR QUE SE INICIAR? "FAZER SANTO"?
CONHECER A SI MESMO: PRESSUPOSTO BÁSICO PARA A REALIZAÇÃO
EGBE MÒGÀJÍ IFÁ
(Comunidade Herdeiros de Ifa/GO)
EMAIL: awo.miguel@gmail.com
CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463
PESSOAL EM TODOS OS NÍVEIS. DESDE SUA ORIGEM O SER HUMANO ANSEIA
PELO ENCONTRO COM O INFINITO. ESSA BUSCA INCANSÁVEL
FREQUENTEMENTE PROVOCA VERDADEIRAS BATALHAS QUE SÃO TRAVADAS
NO INTERIOR DO INDIVÍDUO, ACOMPANHADAS POR SENTIMENTOS DE
ANGÚSTIA, ANSIEDADE, INCONFORMISMO OU ATÉ MESMO DESESPERO
FRENTE AO DESCONHECIDO OU AO IRREMEDIÁVEL: AS FATALIDADES E
INCERTEZAS DO AMANHÃ, O CICLO DA VIDA, A MORTE. TODO ESSE
PROCESSO DESTINA-SE A CRIAÇÃO DE AMBIENTE PROPÍCIO AO TÃO
SONHADO ENCONTRO. A HISTÓRIA DA HUMANIDADE ESPELHA ESSA
INCANSÁVEL BUSCA DE RESPOSTAS AOS ENIGMAS DA VIDA:
QUEM SOU EU?
DE ONDE VENHO?
PARA ONDE VOU?
A FELICIDADE É PERSEGUIDA POR TODOS, SENDO MUITAS VEZES UM
DESEJO ALIMENTADO PELA INCERTEZA: "QUERO SER FELIZ, MAS NÃO SEI
BEM O QUE É FELICIDADE". E O SER HUMANO CONTINUA A COLOCAR A
PRÓPRIA FELICIDADE LONGE DE SI MESMO, EM CIRCUNSTÂNCIAS
EXTERIORES: DINHEIRO, POSIÇÃO, PODER, FAMA, OU NA DEPENDÊNCIA DE
OUTRAS PESSOAS: "SE ELE - OU ELA - ME AMAR, SEREI FELIZ".
HÁ MILHARES DE ANOS, O NATIVO DO CONTINENTE AFRICANO JÁ TINHA OS
MESMOS ANSEIOS: CONHECER SEU DEUS, OS MISTÉRIOS DO UNIVERSO, A
ORIGEM DA VIDA. OLODUMÁRÈ (O CRIADOR), EM SUA GRAÇA E PODER
INFINITOS, PERMITIU-LHES CONHECER A SABEDORIA DO IFA (A
REVELAÇÃO): A CRIAÇÃO DO UNIVERSO E DOS SERES HUMANOS, OS
PRINCÍPIOS QUE REGULAM AS RELAÇÕES ENTRE ILÚ AIYÉ (A TERRA) O ORÚN
(MUNDO ESPIRITUAL) E O CONHECIMENTO DOS ÒRÌSA, DIVINDADES
PARTÍCIPES DA CRIAÇÃO E INTERMEDIÁRIAS ENTRE DEUS (OLODUMÁRÈ) E
OS HOMENS.
DESENVOLVERAM-SE RITUAIS INICIÁTICOS PARA OS MISTÉRIOS DOS ÒRÌSÀ,
COMO FORMA DE REALIZAR O SAGRADO EM SI MESMO, OU SEJA, PERMITIR
QUE O DEUS INTERIOR, NA FIGURA DE UM ANCESTRAL DIVINO, DESPERTE
EM CADA INDIVÍDUO E ESTABELEÇA A PONTE COM O COSMOS, TÃO
NECESSÁRIA À REALIZAÇÃO PESSOAL, TORNANDO-O ASSIM CAPAZ DE FAZER
ESCOLHAS MAIS ACERTADAS E CONSEQUENTES EM RELAÇÃO À VIDA E AOS
SEMELHANTES, NA CONSTRUÇÃO DA PRÓPRIA FELICIDADE. A COMPREENSÃO
CLARA DE QUE DESTINO É POSSIBILIDADE E NÃO FATALIDADE É A BASE
DESSA REALIZAÇÃO. O CONHECIMENTO DAS FORÇAS QUE REGEM O
UNIVERSO E A VIDA NAS SUAS MAIS VARIADAS FORMAS E MEIOS DE
MANIFESTAÇÃO, BEM COMO DOS PRINCÍPIOS QUE REGULAM ESSA
INTERAÇÃO É O CAMINHO DA INICIAÇÃO.
EGBE MÒGÀJÍ IFÁ
(Comunidade Herdeiros de Ifa/GO)
EMAIL: awo.miguel@gmail.com
CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463
3 - INICIAÇÃO: QUEM, QUANDO E COMO?
O MOMENTO DO CHAMADO É DIFERENTE PARA CADA PESSOA. PARA ALGUNS,
UMA DOENÇA DIFÍCIL DE SER CURADA: OUTROS, AS DIFICULDADES DO
PRÓPRIO CAMINHO; OUTROS AINDA BUSCAM FUGIR ÀS RELIGIÕES
TRADICIONAIS POR CONCLUÍREM QUE MUITAS DELAS ESTÃO TÃO VOLTADAS
PARA O DIA A DIA DOS HOMENS E SEUS INTERESSES IMEDIATOS QUE
ACABAM FUGINDO À SUA REAL FINALIDADE: PROMOVER O ENCONTRO DO
SER COM A DIVINDADE. AMPARÁ-LO EM SUAS DIFICULDADES ESPIRITUAIS E
CONSEQUENTEMENTE, TAMBÉM AS MATERIAIS.
*** O MAIS CORRETO É INICIAR EM IFÁ (ISEFA) E SABER SEU ODU, E SABER
TAMBÉM QUAIS DIVINDADES CULTUAR, E EM QUAIS CULTOS INICIAR. E
DEPOIS BUSCAR SEGUIR E ADENTRAR NOS MISTÉRIOS DOS MESMOS,
GRADATIVAMENTE, E NÃO COMO UMA SANGRIA DESATADA.
ALGUNS AINDA SÃO PROVENIENTES DE OUTRAS RELIGIÕES OU FILOSOFIAS
ESPIRITUALISTAS; FINALMENTE, EXISTEM AQUELES QUE SIMPLESMENTE
SÃO TOCADOS PELO ÒRÌSÀ, NOS RECESSOS DA PRÓPRIA ALMA. MUITOS SÃO
DESCENDENTES DE AFRICANOS, MAS NÃO É REGRA. NA ÁFRICA O CULTO
ESTÁ REALMENTE LIGADO ÀS FAMÍLIAS, MAS NO BRASIL, PRINCIPALMENTE
A MISCIGENAÇÃO, TROUXE PARA TODA A POPULAÇÃO A DENOMINAÇÃO
AFRO-DESCENDENTE. A INICIAÇÃO (FEITURA) PROPRIAMENTE DITA
ACONTECE NUM PERÍODO DE RECLUSÃO QUE VARIA DE SETE A DEZESSETE
DIAS. ESSE PERÍODO É COMPARÁVEL A GESTAÇÃO NA BARRIGA DA MÃE;
NESSE ASPECTO, O APOSENTO SAGRADO REPRESENTA O VENTRE DA
PRÓPRIA MÃE NATUREZA. O NEÓFITO APRENDE OS MISTÉRIOS BÁSICOS DAS
DIVINDADES E DA CRIAÇÃO; OS COSTUMES DA COMUNIDADE E OS
PRINCÍPIOS QUE REGULAM AS RELAÇÕES DA FAMÍLIA RELIGIOSA
(HIERARQUIA SACERDOTAL); AS FORMAS ADEQUADAS DE COMPORTAMENTO
NAS CERIMÔNIAS PÚBLICAS E RESTRITAS. CONHECIMENTOS ACERCA DE SEU
PRÓPRIO ÒRÌSÀ LHE SÃO MINISTRADOS: A MANEIRA ADEQUADA DE CULTUÁ-
LO, SUAS PROIBIÇÕES (EWÒ) (QUANDO HOUVER), AS VIRTUDES QUE DEVERÃO
SER CULTIVADAS E OS VÍCIOS QUE DEVERÃO SER EVITADOS PARA ATRAIR
INFLUÊNCIAS BENÉFICAS E UMA RELAÇÃO HARMONIOSA COM A DIVINDADE
PESSOAL.
4 - O QUE PODE MUDAR NA VIDA DO INICIADO
O DESTINO É DADO A CADA SER NA FORMA DE POSSIBILIDADE, NUNCA COMO
FATALIDADE. DESSE MODO, QUEM ANTES DE VOLTAR AO MUNDO ESCOLHEU,
POR EXEMPLO, SER MÉDICO, AO RENASCER NA TERRA ENCONTRARÁ EM SEU
EGBE MÒGÀJÍ IFÁ
(Comunidade Herdeiros de Ifa/GO)
EMAIL: awo.miguel@gmail.com
CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463
CAMINHO SITUAÇÕES QUE O DIRECIONEM PARA ESSA PROFISSÃO.
ENTRETANTO, ISTO NÃO QUER DIZER QUE NECESSARIAMENTE VENHA A
EXERCER A MEDICINA. ELE PODE A QUALQUER TEMPO MUDAR OS RUMOS DA
PRÓPRIA VIDA ATRAVÉS DO EXERCÍCIO DO LIVRE-ARBÍTRIO (O QUE, ALIÁS, É
UM CONCEITO UNIVERSAL). CADA QUAL CONSTRÓI A PRÓPRIA HISTÓRIA.
OCORRE MUITAS VEZES A PESSOA ACABAR FAZENDO ESCOLHAS ERRADAS E
SOFRENDO CONSEQUÊNCIAS DESASTROSAS. PODE SER FRUTO DE UM
DESTINO RUIM, QUE EXIGIRÁ TEMPO E DETERMINAÇÃO PARA SER
SUPERADO. A DOR TRANSFORMA-SE EM COMPANHEIRA CONSTANTE. LIGAM -
SE A TUDO ISSO OS PROBLEMAS DO DIA A DIA (PARA NÃO MENCIONAR A
SITUAÇÃO DIFÍCIL DA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA); O CONJUNTO ACABA
PROVOCANDO SENTIMENTOS DE IMPOTÊNCIA FRENTE AOS OBSTÁCULOS E
ENCRUZILHADAS DA VIDA, OU SIMPLESMENTE SOLIDÃO, CARÊNCIA DE
ACONCHEGO, DE ORIENTAÇÃO, DE CORAGEM. CARÊNCIA DE FÉ. O ÒRÌSÀ
PESSOAL, NESSE PARTICULAR, PODE INFLUENCIAR E MUITO, PREVENINDO
OU MESMO REMEDIANDO TAIS SITUAÇÕES, CONFERINDO FORÇA E
EQUILÍBRIO AO SEU TUTELADO, RESTAURANDO-LHE AS ENERGIAS,
ESTENDENDO-LHE PROTEÇÃO E ORIENTANDO-O QUANTO AO MELHOR
CAMINHO A SEGUIR. MAS O INDIVÍDUO DEVE PERMITIR QUE O ÒRÌSÀ ATUE
DE MODO CONSTRUTIVO NA SUA PRÓPRIA VIDA. ÒRÌSÀ NÃO REPRESENTA
PROBLEMA NO CAMINHO DE NINGUÉM - PODE SIGNIFICAR A SOLUÇÃO.
ATRAVÉS DO SEU APOIO DIVINO O SER HUMANO PODE CRIAR CONDIÇÕES
PARA VENCER AS BARREIRAS INTERNAS E EXTERNAS PARA A CONSTRUÇÃO
DE UM FUTURO MELHOR.
IGBERE – INICIAÇÃO
A PRESENÇA DO ORISA NA VIDA DE UMA PESSOA DEPENDE DO
FORTALECIMENTO DO ORI PARA ACOPLAMENTO DO SEU ASE, ATRAVÉS DO
RITUAL DE INICIAÇÃO. APÓS DIVERSOS TIPOS DE EBO, BANHOS DE FOLHAS E
EBORI, O INICIANDO ESTÁ PURIFICADO E FORTALECIDO PARA TER
PLANTADA NO SEU CORPO A ENERGIA DO SEU ORISA TUTELAR. TRATA-SE DE
RITUAL COMPLEXO E COM CARACTERÍSTICAS SOB MEDIDA PARA A
ENTIDADE ÚNICA QUE É O INICIANDO EM QUESTÃO E O SEU ORISA. O RITUAL
DE INICIAÇÃO NÃO DECORRE DE DESEJO PRÓPRIO, MAS DEPENDE DE
PRESCRIÇÃO ORACULAR E CONFORME O PRÓPRIO TERMO, MARCA, NÃO A
CONCRETIZAÇÃO, MAS O INÍCIO DE UM APRENDIZADO E DESAFIOS
CONSTANTES QUE REQUEREM DISCIPLINA E DEDICAÇÃO ESPIRITUAL PELO
RESTO DA VIDA.
NÃO IMPLICA EM QUALQUER TIPO DE SUBMISSÃO CONTRARIADA, POIS O ORI
É SOBERANO NO SEU LIVRE-ARBÍTRIO. NO ENTANTO, UMA VEZ TENDO
VIVENCIADO A SUBLIME E DIVINA PRESENÇA DO ORISA, O AFASTAMENTO
EGBE MÒGÀJÍ IFÁ
(Comunidade Herdeiros de Ifa/GO)
EMAIL: awo.miguel@gmail.com
CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463
DESTE, MESMO QUE VOLUNTÁRIO, SE FAZ SENTIR COMO UM VAZIO SOMBRIO
QUE PODE ATÉ SER CONFUNDIDO – ERRÔNEAMENTE - COM CASTIGO. O
ORISA NÃO NECESSITA INFRINGIR CASTIGOS, PRIMEIRO PORQUE, COMO
ENERGIA DA NATUREZA, NÃO DEPENDE DA ADESÃO DE DEVOTOS - NÓS É
QUE PRECISAMOS DO ORISA - SEGUNDO, PORQUE A SUA SIMPLES AUSÊNCIA
EM NOSSAS VIDAS, JÁ SE CARACTERIZA POR SI SÓ, COMO DESGRAÇA.
BABALAWO IFASEUN
EGBE HERDEIROS DE IFÁ/GO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Dice ifá traduzido portugues
Dice ifá traduzido portuguesDice ifá traduzido portugues
Dice ifá traduzido portugues
AWO IFASEUN MIGUEL
 
01 apostila de fundamentos do camdomblé
01   apostila de fundamentos do camdomblé01   apostila de fundamentos do camdomblé
01 apostila de fundamentos do camdomblé
Elieser Bezerra
 
Ewe orisa
Ewe orisaEwe orisa
Apostila Curso-Magia-Dos-Odus
Apostila Curso-Magia-Dos-OdusApostila Curso-Magia-Dos-Odus
Apostila Curso-Magia-Dos-Odus
RODRIGO ORION
 
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
edison wander de s.felippe
 
Animais e os ebós
Animais e os ebósAnimais e os ebós
Animais e os ebós
Roger Oliveira
 
67364840 adura-orunmila-completa
67364840 adura-orunmila-completa67364840 adura-orunmila-completa
67364840 adura-orunmila-completa
Danilo Zei
 
Estudo de exu
Estudo de exuEstudo de exu
Estudo de exu
vanda joaquim
 
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-famaguia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
marmartinez555
 
Apostila novos oros
Apostila novos orosApostila novos oros
Apostila novos oros
Alexandro Schneeweiss
 
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasilTratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
Odesi-Ifa Babalawo Ibualamo Ilé Asé - Arun Aiye.
 
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
Helton Pereira
 
Apostila de folhas sagradas
Apostila de folhas sagradasApostila de folhas sagradas
Apostila de folhas sagradas
Carmen Prisco
 
Odù de nascimento
Odù de nascimentoOdù de nascimento
Odù de nascimento
Regina Freitas
 
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp0201 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
Ana Barreto
 
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp0167765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
Victor Lopes
 
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp0201 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
naldo stuart
 
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
Rodrigo Agra
 
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeria
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeriaEbbo de tablero en yoruba completo nigeria
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeria
Denise Barquet
 
Dafa traduzido
Dafa traduzidoDafa traduzido
Dafa traduzido
AWO IFASEUN MIGUEL
 

Mais procurados (20)

Dice ifá traduzido portugues
Dice ifá traduzido portuguesDice ifá traduzido portugues
Dice ifá traduzido portugues
 
01 apostila de fundamentos do camdomblé
01   apostila de fundamentos do camdomblé01   apostila de fundamentos do camdomblé
01 apostila de fundamentos do camdomblé
 
Ewe orisa
Ewe orisaEwe orisa
Ewe orisa
 
Apostila Curso-Magia-Dos-Odus
Apostila Curso-Magia-Dos-OdusApostila Curso-Magia-Dos-Odus
Apostila Curso-Magia-Dos-Odus
 
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
140109274 orientacao-fundamentos-dos-odus-de-ifa-jogo-de-buzios
 
Animais e os ebós
Animais e os ebósAnimais e os ebós
Animais e os ebós
 
67364840 adura-orunmila-completa
67364840 adura-orunmila-completa67364840 adura-orunmila-completa
67364840 adura-orunmila-completa
 
Estudo de exu
Estudo de exuEstudo de exu
Estudo de exu
 
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-famaguia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
guia-practica-para-profesionales-de-ifa-chief-fama
 
Apostila novos oros
Apostila novos orosApostila novos oros
Apostila novos oros
 
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasilTratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
Tratado dos-256-odus-de-ifa-brasil
 
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
128316034 ifa-divination-poetry-abimbo3
 
Apostila de folhas sagradas
Apostila de folhas sagradasApostila de folhas sagradas
Apostila de folhas sagradas
 
Odù de nascimento
Odù de nascimentoOdù de nascimento
Odù de nascimento
 
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp0201 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
 
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp0167765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
67765852 orunmila-ifa-para-reza-os-256-odus-130208085155-phpapp01
 
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp0201 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
01 apostiladefundamentosdocamdombl-120919061608-phpapp02
 
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
21759209 18107606-16654601-esu-a-pedra-primordial-da-teologia-yoruba-apostila...
 
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeria
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeriaEbbo de tablero en yoruba completo nigeria
Ebbo de tablero en yoruba completo nigeria
 
Dafa traduzido
Dafa traduzidoDafa traduzido
Dafa traduzido
 

Destaque

Esu bara do corpo vs baraa a pessoa
Esu bara do corpo vs baraa a pessoaEsu bara do corpo vs baraa a pessoa
Esu bara do corpo vs baraa a pessoa
Luiz L. Marins
 
Mapas Historia da Africa UEG GO/BR
Mapas Historia da Africa UEG GO/BRMapas Historia da Africa UEG GO/BR
Mapas Historia da Africa UEG GO/BR
AWO IFASEUN MIGUEL
 
O perigo para as religioes afro brasileiras
O perigo para as religioes afro brasileirasO perigo para as religioes afro brasileiras
O perigo para as religioes afro brasileiras
Luiz L. Marins
 
Aje iyaami
Aje iyaamiAje iyaami
Aje iyaami
Luiz L. Marins
 
O novo livro "Èsù" de juana elbein
O novo livro "Èsù" de juana elbeinO novo livro "Èsù" de juana elbein
O novo livro "Èsù" de juana elbein
Luiz L. Marins
 
Olodumare e o destino do homem
Olodumare e o destino do homemOlodumare e o destino do homem
Olodumare e o destino do homem
AWO IFASEUN MIGUEL
 
12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn
AWO IFASEUN MIGUEL
 
15 odù de òsé
15 odù de òsé15 odù de òsé
15 odù de òsé
AWO IFASEUN MIGUEL
 
Os nago e a morte - um estudo das fontes
Os nago e a morte - um estudo das fontesOs nago e a morte - um estudo das fontes
Os nago e a morte - um estudo das fontes
Luiz L. Marins
 
Ipori 5
Ipori 5Ipori 5
10 odù de òsá
10 odù de òsá10 odù de òsá
10 odù de òsá
AWO IFASEUN MIGUEL
 
15 odù de òsé
15 odù de òsé15 odù de òsé
15 odù de òsé
AWO IFASEUN MIGUEL
 
8 odù de òkànràn
8 odù de òkànràn8 odù de òkànràn
8 odù de òkànràn
AWO IFASEUN MIGUEL
 
Aje - a energia e a pessoa (fama)
Aje - a energia e a pessoa (fama)Aje - a energia e a pessoa (fama)
Aje - a energia e a pessoa (fama)
Luiz L. Marins
 
As origens de ifa na geomancia
As origens de ifa na geomanciaAs origens de ifa na geomancia
As origens de ifa na geomancia
Luiz L. Marins
 

Destaque (15)

Esu bara do corpo vs baraa a pessoa
Esu bara do corpo vs baraa a pessoaEsu bara do corpo vs baraa a pessoa
Esu bara do corpo vs baraa a pessoa
 
Mapas Historia da Africa UEG GO/BR
Mapas Historia da Africa UEG GO/BRMapas Historia da Africa UEG GO/BR
Mapas Historia da Africa UEG GO/BR
 
O perigo para as religioes afro brasileiras
O perigo para as religioes afro brasileirasO perigo para as religioes afro brasileiras
O perigo para as religioes afro brasileiras
 
Aje iyaami
Aje iyaamiAje iyaami
Aje iyaami
 
O novo livro "Èsù" de juana elbein
O novo livro "Èsù" de juana elbeinO novo livro "Èsù" de juana elbein
O novo livro "Èsù" de juana elbein
 
Olodumare e o destino do homem
Olodumare e o destino do homemOlodumare e o destino do homem
Olodumare e o destino do homem
 
12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn
 
15 odù de òsé
15 odù de òsé15 odù de òsé
15 odù de òsé
 
Os nago e a morte - um estudo das fontes
Os nago e a morte - um estudo das fontesOs nago e a morte - um estudo das fontes
Os nago e a morte - um estudo das fontes
 
Ipori 5
Ipori 5Ipori 5
Ipori 5
 
10 odù de òsá
10 odù de òsá10 odù de òsá
10 odù de òsá
 
15 odù de òsé
15 odù de òsé15 odù de òsé
15 odù de òsé
 
8 odù de òkànràn
8 odù de òkànràn8 odù de òkànràn
8 odù de òkànràn
 
Aje - a energia e a pessoa (fama)
Aje - a energia e a pessoa (fama)Aje - a energia e a pessoa (fama)
Aje - a energia e a pessoa (fama)
 
As origens de ifa na geomancia
As origens de ifa na geomanciaAs origens de ifa na geomancia
As origens de ifa na geomancia
 

Semelhante a A INICIAÇÃO - AWO IFASEUN

Aula cultura e artes introdução à arte e cultura
Aula cultura e artes introdução à arte e culturaAula cultura e artes introdução à arte e cultura
Aula cultura e artes introdução à arte e cultura
GustavoTxaiTorres1
 
Filosofia 1
Filosofia 1Filosofia 1
Filosofia 1
Caíque Santos
 
O céu está na alma
O céu está na almaO céu está na alma
O céu está na alma
Luzia Gabriele
 
Curso de ifá 2
Curso de ifá 2Curso de ifá 2
Curso de ifá 2
monica mamedes mamedes
 
Curso de ifá 2
Curso de ifá 2Curso de ifá 2
Curso de ifá 2
monica mamedes mamedes
 
Congressojairo2007
Congressojairo2007Congressojairo2007
Congressojairo2007
Myrle Zanatta
 
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdfG6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
FilipeDuartedeBem
 
Aprender a pensar com os filósofos antigos
Aprender a pensar com os filósofos antigosAprender a pensar com os filósofos antigos
Aprender a pensar com os filósofos antigos
Quizanior Oliveira
 
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentaçõesJornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
ADEP Portugal
 
Tudo começa com uma idéia..)pps
Tudo começa com uma idéia..)ppsTudo começa com uma idéia..)pps
Tudo começa com uma idéia..)pps
Paulo Zornitta
 
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vidaApostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
Grazieli Marques
 
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos PrincipaisDoutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
hamletcrs
 
Resenha espírita on line 96
Resenha espírita on line 96Resenha espírita on line 96
Resenha espírita on line 96
MRS
 
Candomble nacoes
Candomble nacoesCandomble nacoes
Candomble nacoes
Itamar Silva
 
Criação x evolução
Criação x evoluçãoCriação x evolução
Criação x evolução
Orlando Fermino Cardoso Junior
 
Universo em desencanto 03º volume da obra
Universo em desencanto   03º  volume da obraUniverso em desencanto   03º  volume da obra
Universo em desencanto 03º volume da obra
atilagouveia
 
Trabalho de filosofia ingrid[1]
Trabalho de filosofia ingrid[1]Trabalho de filosofia ingrid[1]
Trabalho de filosofia ingrid[1]
ingridagacce
 
RENOVAÇÃO EMOCIONAL
RENOVAÇÃO EMOCIONALRENOVAÇÃO EMOCIONAL
RENOVAÇÃO EMOCIONAL
Mariselma Santos Batista
 
Hanseníase
HanseníaseHanseníase
Hanseníase
Solange Broggine
 
Precursores do espiritismo nilton
Precursores do espiritismo niltonPrecursores do espiritismo nilton
Precursores do espiritismo nilton
NILTON CARVALHO
 

Semelhante a A INICIAÇÃO - AWO IFASEUN (20)

Aula cultura e artes introdução à arte e cultura
Aula cultura e artes introdução à arte e culturaAula cultura e artes introdução à arte e cultura
Aula cultura e artes introdução à arte e cultura
 
Filosofia 1
Filosofia 1Filosofia 1
Filosofia 1
 
O céu está na alma
O céu está na almaO céu está na alma
O céu está na alma
 
Curso de ifá 2
Curso de ifá 2Curso de ifá 2
Curso de ifá 2
 
Curso de ifá 2
Curso de ifá 2Curso de ifá 2
Curso de ifá 2
 
Congressojairo2007
Congressojairo2007Congressojairo2007
Congressojairo2007
 
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdfG6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
G6 - AULA 4 - MEDIUNIDADE COM JESUS.pdf
 
Aprender a pensar com os filósofos antigos
Aprender a pensar com os filósofos antigosAprender a pensar com os filósofos antigos
Aprender a pensar com os filósofos antigos
 
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentaçõesJornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
Jornadas ADEP 2011 - Todas as apresentações
 
Tudo começa com uma idéia..)pps
Tudo começa com uma idéia..)ppsTudo começa com uma idéia..)pps
Tudo começa com uma idéia..)pps
 
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vidaApostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
Apostila%20 evolu%c3%87%c3%83o%20da%20vida
 
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos PrincipaisDoutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
Doutrina Espírita - Resumo dos Pontos Principais
 
Resenha espírita on line 96
Resenha espírita on line 96Resenha espírita on line 96
Resenha espírita on line 96
 
Candomble nacoes
Candomble nacoesCandomble nacoes
Candomble nacoes
 
Criação x evolução
Criação x evoluçãoCriação x evolução
Criação x evolução
 
Universo em desencanto 03º volume da obra
Universo em desencanto   03º  volume da obraUniverso em desencanto   03º  volume da obra
Universo em desencanto 03º volume da obra
 
Trabalho de filosofia ingrid[1]
Trabalho de filosofia ingrid[1]Trabalho de filosofia ingrid[1]
Trabalho de filosofia ingrid[1]
 
RENOVAÇÃO EMOCIONAL
RENOVAÇÃO EMOCIONALRENOVAÇÃO EMOCIONAL
RENOVAÇÃO EMOCIONAL
 
Hanseníase
HanseníaseHanseníase
Hanseníase
 
Precursores do espiritismo nilton
Precursores do espiritismo niltonPrecursores do espiritismo nilton
Precursores do espiritismo nilton
 

Mais de AWO IFASEUN MIGUEL

16 odù de òfún
16 odù de òfún16 odù de òfún
16 odù de òfún
AWO IFASEUN MIGUEL
 
6 odù de òwónrín
6 odù de òwónrín6 odù de òwónrín
6 odù de òwónrín
AWO IFASEUN MIGUEL
 
12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn
AWO IFASEUN MIGUEL
 
14 odù de ìretè
14 odù de ìretè14 odù de ìretè
14 odù de ìretè
AWO IFASEUN MIGUEL
 
13 odù de òtúá
13 odù de òtúá13 odù de òtúá
13 odù de òtúá
AWO IFASEUN MIGUEL
 
11 odù de ìká
11 odù de ìká11 odù de ìká
11 odù de ìká
AWO IFASEUN MIGUEL
 
9 odù de ògúndá
9 odù de ògúndá9 odù de ògúndá
9 odù de ògúndá
AWO IFASEUN MIGUEL
 
7 òbàrà
7 òbàrà7 òbàrà
7 òbàrà
AWO IFASEUN MIGUEL
 
5 odù de ìrosùn
5 odù de ìrosùn5 odù de ìrosùn
5 odù de ìrosùn
AWO IFASEUN MIGUEL
 
4 odù de òdí
4 odù de òdí4 odù de òdí
4 odù de òdí
AWO IFASEUN MIGUEL
 
3 odù de ìwòrì
3 odù de ìwòrì3 odù de ìwòrì
3 odù de ìwòrì
AWO IFASEUN MIGUEL
 
2 odu de òyèkú
2 odu de òyèkú2 odu de òyèkú
2 odu de òyèkú
AWO IFASEUN MIGUEL
 
1 odu de eji ogbe
1 odu de eji ogbe1 odu de eji ogbe
1 odu de eji ogbe
AWO IFASEUN MIGUEL
 
àDúrà àwon òrìsà
àDúrà àwon òrìsààDúrà àwon òrìsà
àDúrà àwon òrìsà
AWO IFASEUN MIGUEL
 
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
AWO IFASEUN MIGUEL
 
Akoses
AkosesAkoses
Fundamento de la religion yoruba fama
Fundamento de la religion yoruba famaFundamento de la religion yoruba fama
Fundamento de la religion yoruba fama
AWO IFASEUN MIGUEL
 
Dice ifa
Dice ifaDice ifa
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundoEl saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
AWO IFASEUN MIGUEL
 

Mais de AWO IFASEUN MIGUEL (19)

16 odù de òfún
16 odù de òfún16 odù de òfún
16 odù de òfún
 
6 odù de òwónrín
6 odù de òwónrín6 odù de òwónrín
6 odù de òwónrín
 
12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn12 odù de òtúrúpòn
12 odù de òtúrúpòn
 
14 odù de ìretè
14 odù de ìretè14 odù de ìretè
14 odù de ìretè
 
13 odù de òtúá
13 odù de òtúá13 odù de òtúá
13 odù de òtúá
 
11 odù de ìká
11 odù de ìká11 odù de ìká
11 odù de ìká
 
9 odù de ògúndá
9 odù de ògúndá9 odù de ògúndá
9 odù de ògúndá
 
7 òbàrà
7 òbàrà7 òbàrà
7 òbàrà
 
5 odù de ìrosùn
5 odù de ìrosùn5 odù de ìrosùn
5 odù de ìrosùn
 
4 odù de òdí
4 odù de òdí4 odù de òdí
4 odù de òdí
 
3 odù de ìwòrì
3 odù de ìwòrì3 odù de ìwòrì
3 odù de ìwòrì
 
2 odu de òyèkú
2 odu de òyèkú2 odu de òyèkú
2 odu de òyèkú
 
1 odu de eji ogbe
1 odu de eji ogbe1 odu de eji ogbe
1 odu de eji ogbe
 
àDúrà àwon òrìsà
àDúrà àwon òrìsààDúrà àwon òrìsà
àDúrà àwon òrìsà
 
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
Una definición de la tradición de ifa baba ifakarade imoye+(libro)
 
Akoses
AkosesAkoses
Akoses
 
Fundamento de la religion yoruba fama
Fundamento de la religion yoruba famaFundamento de la religion yoruba fama
Fundamento de la religion yoruba fama
 
Dice ifa
Dice ifaDice ifa
Dice ifa
 
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundoEl saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
El saserdote-de-ifa-del-nuevo-mundo
 

Último

CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
ESCRIBA DE CRISTO
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 

Último (16)

CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
CRISTO E EU [MENSAGEM DE CHARLES SPURGEON]
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
JERÔNIMO DE BELÉM DA JUDÉIA [TERRA SANTA]
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 

A INICIAÇÃO - AWO IFASEUN

  • 1. EGBE MÒGÀJÍ IFÁ (Comunidade Herdeiros de Ifa/GO) EMAIL: awo.miguel@gmail.com CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463 A INICIAÇÃO NO BRASIL E EM VÁRIOS LUGARES DO MUNDO EXISTEM MILHARES E MILHARES DE PESSOAS QUE, MARAVILHADAS PELO MISTÉRIO DOS ÒRÌSÀ. QUER SEJAM DESCENDENTES DE AFRICANOS, EUROPEUS, ASIÁTICOS OU DE QUALQUER OUTRA RAÇA DO PLANETA, ACABAM TRANSPONDO AS PORTAS DA INICIAÇÃO, SURPREENDIDOS PELO PARADOXO DE DEFRONTAR-SE COM CRENÇAS ALICERÇADAS EM RITUAIS DE REBUSCADA COMPLEXIDADE E AO MESMO TEMPO SIMPLES DE ENTENDIMENTO NA SUA ESSÊNCIA. AS CERIMÔNIAS SÃO ALEGRES, COLORIDAS, EMBALADAS PELO SOM DOS TAMBORES NOS QUATRO CANTOS DO MUNDO, AGREGANDO PESSOAS DE TODAS AS CAMADAS SOCIAIS; CONTUDO, O APRENDIZADO RITUAL E FILOSÓFICO REQUER ESTUDOS SÉRIOS E CONTÍNUOS, QUE ACOMPANHARÃO O INICIADO PELA VIDA AFORA. QUE MISTÉRIOS SÃO ESSE, OCULTOS EM MEIO A LENDAS E ENSINAMENTOS DE SABEDORIA ANCESTRAL? O QUE NA VERDADE LEVA PESSOAS ÀS MAIS DIFERENTES TRADIÇÕES AFRO- DESCENDENTES, EM BUSCA DA INICIAÇÃO? 1 - O QUE É INICIAÇÃO INICIAR-SE (POPULARMENTE NO BRASIL DIZ-SE "FAZER SANTO") É POSSIBILITAR ATRAVÉS DE RITUAIS PRÓPRIOS QUE O LADO DIVINO DA CRIATURA TRANSPAREÇA; É LIBERTAR O DEUS INTERIOR (ORI INU) QUE EXISTE EM CADA SER HUMANO, PERMITINDO-LHE VIR À TONA E PROVOCAR IMPULSO IRRESISTÍVEL CAPAZ DE CONDUZIR A INDIVIDUALIDADE À REALIZAÇÃO PESSOAL, ESTABELECENDO DESSA MANEIRA A MAIS PERFEITA COMUNHÃO POSSÍVEL COM O UNIVERSO, COM A NATUREZA, COM O CRIADOR, ENFIM, COM A PRÓPRIA VIDA, EM SEU PULSAR INFINITO. CORPO FÍSICO, MENTE E ALMA SÃO RITUALISTICAMENTE PREPARADOS PARA COMPONENTES DA MANIFESTAÇÃO DIVINA. CONDIÇÕES PROPÍCIAS SÃO ESTABELECIDAS PARA QUE A MEMÓRIA ANCESTRAL POSSA FLORESCER NOS RECESSOS DO INCONSCIENTE, PRODUZINDO MUITAS VEZES O TRANSE, EM SUAS MAIS VARIADAS FORMAS E TAMBÉM VARIADOS GRAUS. "FAZER SANTO" É NASCER DE NOVO, RENASCER COMO INDIVÍDUO MAIS FORTE, COMPLETO, POTENCIALMENTE SEGURO, COM MELHORES CONDIÇÕES PARA, AO ABANDONAR MEDOS, TRAUMAS OU BLOQUEIOS, LANÇAR-SE INTEIRO NA BUSCA DA REALIZAÇÃO PESSOAL. 2 - POR QUE SE INICIAR? "FAZER SANTO"? CONHECER A SI MESMO: PRESSUPOSTO BÁSICO PARA A REALIZAÇÃO
  • 2. EGBE MÒGÀJÍ IFÁ (Comunidade Herdeiros de Ifa/GO) EMAIL: awo.miguel@gmail.com CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463 PESSOAL EM TODOS OS NÍVEIS. DESDE SUA ORIGEM O SER HUMANO ANSEIA PELO ENCONTRO COM O INFINITO. ESSA BUSCA INCANSÁVEL FREQUENTEMENTE PROVOCA VERDADEIRAS BATALHAS QUE SÃO TRAVADAS NO INTERIOR DO INDIVÍDUO, ACOMPANHADAS POR SENTIMENTOS DE ANGÚSTIA, ANSIEDADE, INCONFORMISMO OU ATÉ MESMO DESESPERO FRENTE AO DESCONHECIDO OU AO IRREMEDIÁVEL: AS FATALIDADES E INCERTEZAS DO AMANHÃ, O CICLO DA VIDA, A MORTE. TODO ESSE PROCESSO DESTINA-SE A CRIAÇÃO DE AMBIENTE PROPÍCIO AO TÃO SONHADO ENCONTRO. A HISTÓRIA DA HUMANIDADE ESPELHA ESSA INCANSÁVEL BUSCA DE RESPOSTAS AOS ENIGMAS DA VIDA: QUEM SOU EU? DE ONDE VENHO? PARA ONDE VOU? A FELICIDADE É PERSEGUIDA POR TODOS, SENDO MUITAS VEZES UM DESEJO ALIMENTADO PELA INCERTEZA: "QUERO SER FELIZ, MAS NÃO SEI BEM O QUE É FELICIDADE". E O SER HUMANO CONTINUA A COLOCAR A PRÓPRIA FELICIDADE LONGE DE SI MESMO, EM CIRCUNSTÂNCIAS EXTERIORES: DINHEIRO, POSIÇÃO, PODER, FAMA, OU NA DEPENDÊNCIA DE OUTRAS PESSOAS: "SE ELE - OU ELA - ME AMAR, SEREI FELIZ". HÁ MILHARES DE ANOS, O NATIVO DO CONTINENTE AFRICANO JÁ TINHA OS MESMOS ANSEIOS: CONHECER SEU DEUS, OS MISTÉRIOS DO UNIVERSO, A ORIGEM DA VIDA. OLODUMÁRÈ (O CRIADOR), EM SUA GRAÇA E PODER INFINITOS, PERMITIU-LHES CONHECER A SABEDORIA DO IFA (A REVELAÇÃO): A CRIAÇÃO DO UNIVERSO E DOS SERES HUMANOS, OS PRINCÍPIOS QUE REGULAM AS RELAÇÕES ENTRE ILÚ AIYÉ (A TERRA) O ORÚN (MUNDO ESPIRITUAL) E O CONHECIMENTO DOS ÒRÌSA, DIVINDADES PARTÍCIPES DA CRIAÇÃO E INTERMEDIÁRIAS ENTRE DEUS (OLODUMÁRÈ) E OS HOMENS. DESENVOLVERAM-SE RITUAIS INICIÁTICOS PARA OS MISTÉRIOS DOS ÒRÌSÀ, COMO FORMA DE REALIZAR O SAGRADO EM SI MESMO, OU SEJA, PERMITIR QUE O DEUS INTERIOR, NA FIGURA DE UM ANCESTRAL DIVINO, DESPERTE EM CADA INDIVÍDUO E ESTABELEÇA A PONTE COM O COSMOS, TÃO NECESSÁRIA À REALIZAÇÃO PESSOAL, TORNANDO-O ASSIM CAPAZ DE FAZER ESCOLHAS MAIS ACERTADAS E CONSEQUENTES EM RELAÇÃO À VIDA E AOS SEMELHANTES, NA CONSTRUÇÃO DA PRÓPRIA FELICIDADE. A COMPREENSÃO CLARA DE QUE DESTINO É POSSIBILIDADE E NÃO FATALIDADE É A BASE DESSA REALIZAÇÃO. O CONHECIMENTO DAS FORÇAS QUE REGEM O UNIVERSO E A VIDA NAS SUAS MAIS VARIADAS FORMAS E MEIOS DE MANIFESTAÇÃO, BEM COMO DOS PRINCÍPIOS QUE REGULAM ESSA INTERAÇÃO É O CAMINHO DA INICIAÇÃO.
  • 3. EGBE MÒGÀJÍ IFÁ (Comunidade Herdeiros de Ifa/GO) EMAIL: awo.miguel@gmail.com CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463 3 - INICIAÇÃO: QUEM, QUANDO E COMO? O MOMENTO DO CHAMADO É DIFERENTE PARA CADA PESSOA. PARA ALGUNS, UMA DOENÇA DIFÍCIL DE SER CURADA: OUTROS, AS DIFICULDADES DO PRÓPRIO CAMINHO; OUTROS AINDA BUSCAM FUGIR ÀS RELIGIÕES TRADICIONAIS POR CONCLUÍREM QUE MUITAS DELAS ESTÃO TÃO VOLTADAS PARA O DIA A DIA DOS HOMENS E SEUS INTERESSES IMEDIATOS QUE ACABAM FUGINDO À SUA REAL FINALIDADE: PROMOVER O ENCONTRO DO SER COM A DIVINDADE. AMPARÁ-LO EM SUAS DIFICULDADES ESPIRITUAIS E CONSEQUENTEMENTE, TAMBÉM AS MATERIAIS. *** O MAIS CORRETO É INICIAR EM IFÁ (ISEFA) E SABER SEU ODU, E SABER TAMBÉM QUAIS DIVINDADES CULTUAR, E EM QUAIS CULTOS INICIAR. E DEPOIS BUSCAR SEGUIR E ADENTRAR NOS MISTÉRIOS DOS MESMOS, GRADATIVAMENTE, E NÃO COMO UMA SANGRIA DESATADA. ALGUNS AINDA SÃO PROVENIENTES DE OUTRAS RELIGIÕES OU FILOSOFIAS ESPIRITUALISTAS; FINALMENTE, EXISTEM AQUELES QUE SIMPLESMENTE SÃO TOCADOS PELO ÒRÌSÀ, NOS RECESSOS DA PRÓPRIA ALMA. MUITOS SÃO DESCENDENTES DE AFRICANOS, MAS NÃO É REGRA. NA ÁFRICA O CULTO ESTÁ REALMENTE LIGADO ÀS FAMÍLIAS, MAS NO BRASIL, PRINCIPALMENTE A MISCIGENAÇÃO, TROUXE PARA TODA A POPULAÇÃO A DENOMINAÇÃO AFRO-DESCENDENTE. A INICIAÇÃO (FEITURA) PROPRIAMENTE DITA ACONTECE NUM PERÍODO DE RECLUSÃO QUE VARIA DE SETE A DEZESSETE DIAS. ESSE PERÍODO É COMPARÁVEL A GESTAÇÃO NA BARRIGA DA MÃE; NESSE ASPECTO, O APOSENTO SAGRADO REPRESENTA O VENTRE DA PRÓPRIA MÃE NATUREZA. O NEÓFITO APRENDE OS MISTÉRIOS BÁSICOS DAS DIVINDADES E DA CRIAÇÃO; OS COSTUMES DA COMUNIDADE E OS PRINCÍPIOS QUE REGULAM AS RELAÇÕES DA FAMÍLIA RELIGIOSA (HIERARQUIA SACERDOTAL); AS FORMAS ADEQUADAS DE COMPORTAMENTO NAS CERIMÔNIAS PÚBLICAS E RESTRITAS. CONHECIMENTOS ACERCA DE SEU PRÓPRIO ÒRÌSÀ LHE SÃO MINISTRADOS: A MANEIRA ADEQUADA DE CULTUÁ- LO, SUAS PROIBIÇÕES (EWÒ) (QUANDO HOUVER), AS VIRTUDES QUE DEVERÃO SER CULTIVADAS E OS VÍCIOS QUE DEVERÃO SER EVITADOS PARA ATRAIR INFLUÊNCIAS BENÉFICAS E UMA RELAÇÃO HARMONIOSA COM A DIVINDADE PESSOAL. 4 - O QUE PODE MUDAR NA VIDA DO INICIADO O DESTINO É DADO A CADA SER NA FORMA DE POSSIBILIDADE, NUNCA COMO FATALIDADE. DESSE MODO, QUEM ANTES DE VOLTAR AO MUNDO ESCOLHEU, POR EXEMPLO, SER MÉDICO, AO RENASCER NA TERRA ENCONTRARÁ EM SEU
  • 4. EGBE MÒGÀJÍ IFÁ (Comunidade Herdeiros de Ifa/GO) EMAIL: awo.miguel@gmail.com CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463 CAMINHO SITUAÇÕES QUE O DIRECIONEM PARA ESSA PROFISSÃO. ENTRETANTO, ISTO NÃO QUER DIZER QUE NECESSARIAMENTE VENHA A EXERCER A MEDICINA. ELE PODE A QUALQUER TEMPO MUDAR OS RUMOS DA PRÓPRIA VIDA ATRAVÉS DO EXERCÍCIO DO LIVRE-ARBÍTRIO (O QUE, ALIÁS, É UM CONCEITO UNIVERSAL). CADA QUAL CONSTRÓI A PRÓPRIA HISTÓRIA. OCORRE MUITAS VEZES A PESSOA ACABAR FAZENDO ESCOLHAS ERRADAS E SOFRENDO CONSEQUÊNCIAS DESASTROSAS. PODE SER FRUTO DE UM DESTINO RUIM, QUE EXIGIRÁ TEMPO E DETERMINAÇÃO PARA SER SUPERADO. A DOR TRANSFORMA-SE EM COMPANHEIRA CONSTANTE. LIGAM - SE A TUDO ISSO OS PROBLEMAS DO DIA A DIA (PARA NÃO MENCIONAR A SITUAÇÃO DIFÍCIL DA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA); O CONJUNTO ACABA PROVOCANDO SENTIMENTOS DE IMPOTÊNCIA FRENTE AOS OBSTÁCULOS E ENCRUZILHADAS DA VIDA, OU SIMPLESMENTE SOLIDÃO, CARÊNCIA DE ACONCHEGO, DE ORIENTAÇÃO, DE CORAGEM. CARÊNCIA DE FÉ. O ÒRÌSÀ PESSOAL, NESSE PARTICULAR, PODE INFLUENCIAR E MUITO, PREVENINDO OU MESMO REMEDIANDO TAIS SITUAÇÕES, CONFERINDO FORÇA E EQUILÍBRIO AO SEU TUTELADO, RESTAURANDO-LHE AS ENERGIAS, ESTENDENDO-LHE PROTEÇÃO E ORIENTANDO-O QUANTO AO MELHOR CAMINHO A SEGUIR. MAS O INDIVÍDUO DEVE PERMITIR QUE O ÒRÌSÀ ATUE DE MODO CONSTRUTIVO NA SUA PRÓPRIA VIDA. ÒRÌSÀ NÃO REPRESENTA PROBLEMA NO CAMINHO DE NINGUÉM - PODE SIGNIFICAR A SOLUÇÃO. ATRAVÉS DO SEU APOIO DIVINO O SER HUMANO PODE CRIAR CONDIÇÕES PARA VENCER AS BARREIRAS INTERNAS E EXTERNAS PARA A CONSTRUÇÃO DE UM FUTURO MELHOR. IGBERE – INICIAÇÃO A PRESENÇA DO ORISA NA VIDA DE UMA PESSOA DEPENDE DO FORTALECIMENTO DO ORI PARA ACOPLAMENTO DO SEU ASE, ATRAVÉS DO RITUAL DE INICIAÇÃO. APÓS DIVERSOS TIPOS DE EBO, BANHOS DE FOLHAS E EBORI, O INICIANDO ESTÁ PURIFICADO E FORTALECIDO PARA TER PLANTADA NO SEU CORPO A ENERGIA DO SEU ORISA TUTELAR. TRATA-SE DE RITUAL COMPLEXO E COM CARACTERÍSTICAS SOB MEDIDA PARA A ENTIDADE ÚNICA QUE É O INICIANDO EM QUESTÃO E O SEU ORISA. O RITUAL DE INICIAÇÃO NÃO DECORRE DE DESEJO PRÓPRIO, MAS DEPENDE DE PRESCRIÇÃO ORACULAR E CONFORME O PRÓPRIO TERMO, MARCA, NÃO A CONCRETIZAÇÃO, MAS O INÍCIO DE UM APRENDIZADO E DESAFIOS CONSTANTES QUE REQUEREM DISCIPLINA E DEDICAÇÃO ESPIRITUAL PELO RESTO DA VIDA. NÃO IMPLICA EM QUALQUER TIPO DE SUBMISSÃO CONTRARIADA, POIS O ORI É SOBERANO NO SEU LIVRE-ARBÍTRIO. NO ENTANTO, UMA VEZ TENDO VIVENCIADO A SUBLIME E DIVINA PRESENÇA DO ORISA, O AFASTAMENTO
  • 5. EGBE MÒGÀJÍ IFÁ (Comunidade Herdeiros de Ifa/GO) EMAIL: awo.miguel@gmail.com CELULAR E WHATSAPP: 55 62 8417-0463 DESTE, MESMO QUE VOLUNTÁRIO, SE FAZ SENTIR COMO UM VAZIO SOMBRIO QUE PODE ATÉ SER CONFUNDIDO – ERRÔNEAMENTE - COM CASTIGO. O ORISA NÃO NECESSITA INFRINGIR CASTIGOS, PRIMEIRO PORQUE, COMO ENERGIA DA NATUREZA, NÃO DEPENDE DA ADESÃO DE DEVOTOS - NÓS É QUE PRECISAMOS DO ORISA - SEGUNDO, PORQUE A SUA SIMPLES AUSÊNCIA EM NOSSAS VIDAS, JÁ SE CARACTERIZA POR SI SÓ, COMO DESGRAÇA. BABALAWO IFASEUN EGBE HERDEIROS DE IFÁ/GO