SlideShare uma empresa Scribd logo
8 PASSOS PARA
ACELERAR O
SEU PROJETO.
Descubra os 8 passos de profissionais que atuam no mercado do
Terceiro Setor aplicam nos seus projetos e organizações que geram
recursos o ano todo para desenvolver os seus projetos
na área social, ambiental e educacional.
Por Iuri Almeida
VAMOS
ACELERAR
O SEU
PROJETO.
Oi, tudo joia, me chamo Iuri Almeida e
você está tendo acesso ao meu E-book.
Primeiramente muito obrigado pelo
interesse no meu conteúdo, espero
poder te ajudar a melhorar a sua
capacidade de organizar suas ideias,
elaborar e impulsionar projetos de
Responsabilidade Social, Ambientais,
Educacionais e Relacionamento
Comunitários, além de empreender e
captar recursos para transformar a vida
de pessoas.
ENTÃO VAMOS LÁ! VOCÊ JÁ
DEVE TER TIDO ACESSO A
DIVERSOS CONTEÚDOS QUE
FALAM SOBRE COMO CAPTAR
RECURSOS, QUAIS TÉCNICAS
QUE VOCÊ PODE UTILIZAR PARA
CONVENCER POSSÍVEIS
PATROCINADORES, COMO VOCÊ
PODE CRIAR PROJETOS
INTERESSANTES, ENFIM, UMA
GAMA DE INFORMAÇÕES PARA
QUE TENHA SUCESSO NA
CAPTAÇÃO DE RECURSOS DOS
SEUS PROJETOS E, TAMBÉM, NA
SUSTENTABILIDADE DA SUA
ORGANIZAÇÃO, SE FOR O CASO.
Neste EBOOK eu faço uma nova
abordagem. Claro que um projeto bem
elaborado, com metas e resultados
previstos, também fazem parte de uma
estratégia de abordagem para
conseguir recursos e ACELERAR seus
projetos. Claro também, que quando
podemos utilizar técnicas de persuasão,
você tem mas uma ferramenta para
alcançar bons resultados, no entanto é
apenas parte do processo. Você precisa
está atento a todas etapas,
principalmente, as etapas que
precedem o momento de chegar na
CARA DO GOL!!! Quando você coloca a
bola na marca do pênalti, deve está
preparado para fazer um belo gol.
Tudo é importante quando se trata de
captar recursos e apoios para sua ONG,
mais fazer um bom PLANEJAMENTO e
se preparar internamente para iniciar
uma boa estratégia de captação de
recursos é imprescindível, sem essa
preparação, você não conseguirá fazer
o gol e ficará se perguntando sempre...
“onde foi que eu errei?”.
Então boa leitura!
305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL 
#1Faça o levantamento dos Documentos Fiscais e
Legais de Sua Organização Não Governamental.
A importância do quesito DOCUMENTAÇÃO em matéria de
Organizações que atuam no Terceiro Setor é vital para o
desenvolvimento de uma estratégia direcionada para Captação de
Recursos.
 As exigências iniciais para que você esteja apto a receber recursos
de organismos de fomento das iniciativas sociais, tanto de fontes
públicas e privadas, é essencialmente BUROCRÁTICA. Nesta etapa,
toda a sua história de luta e trabalho em torno de sua causa não é,
necessariamente, importante. 
Inicialmente você precisa atender uma serie de exigências
documentais para conseguir uma habilitação jurídica e fiscal junto a
diversas fontes de recursos públicos e, também, privados. Os
recursos públicos podem ser oriundos do Governo Federal que inclui
Secretárias, Ministérios, Fundações e Autarquias, através de repasses
direito e por editais de fomento a diversas causas, como Meio
Ambiente, Educação, Saúde, Esporte, Cultura, Tecnologia, entre
outras áreas.
Quando se tratar de recursos públicos, através de repasses ou
chamamento público, todas as exigências documentais seja ela fiscal
e/ou legal, devem ser registradas numa Plataforma que se chama
SICONV – Sistema de Convênios do Governo Federal que é
gerenciada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e
Gestão, é nesta plataforma que as propostas são cadastradas e
analisadas. A primeira vista é uma coisa “complicada”, mas basta
praticar que você consegue.
UMA DICA
PARA VOCÊ
305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL 
Acompanhe as políticas públicas que direcionam o segmento que
você tem interesse. Por exemplo, se for educação, saiba tudo que está
acontecendo na Secretaria de Educação Municipal, escolas, Secretaria
de Educação do Estado, tudo que esteja relacionado a educação, com
isso, você terá informações valiosas que podem te ajudar a ter acesso
a estes recursos, principalmente, as necessidades fiscais e legais.
Quando se tratar de oportunidades de financiamento privado, as
necessidades documentais são muito parecidas. É importante você
acompanhar sites de médias e grandes empresas que divulgam
durante todo o ano, editais de financiamento para diversas áreas, esse
acompanhamento é vital para que você possa “filtrar” o que te
interessa e partir para o “ataque”, como falamos! Esse
acompanhamento é elementar para você se acostumar com as
demandas e se organizar melhor para elas.
Claro que temos outras formas de captação e mobilização de
recursos, mais nesse EBOOK, vamos focar primeiramente nessas
fontes públicas e privadas.
#2 Você deve construir o HISTÓRICO do seu
Projeto e/ou da sua Organização.
Registrar todas as atividades da sua Instituição é imprescindível para
ressaltar os principais acontecimentos desde a criação/fundação até os
dias atuais. É incrível como existem organizações com mais de 20 anos de
fundação e não possuem um histórico básico, com pequenos registros. O
registro histórico é um fator importante para planejar uma boa estratégia
de captação de recursos.
O que vale para os possíveis
patrocinadores/financiadores/mantenedores é justamente o que você e
sua equipe foram capazes de realizar ao longo do tempo e como
transformaram vidas e contextos sociais. Tente responder as seguintes
perguntas:
Qual a sua capacidade de interagir com a comunidade?
Quantas pessoas você atingiu diretamente e indiretamente?
Quais foram os projetos/fatores/programas que foram destaque?
Qual a sua principal área de atuação?
Quanto e como você avançou desde a sua Fundação até os dias atuais?
Na construção deste histórico, todas estas perguntas devem ser
respondidas em sua totalidade, com o maior número de detalhes
possíveis. São estes dados e informações que farão parte de um conjunto
de fatores que irão nortear um possível financiamento. Um dica legal que
sempre sugiro as ONGs é fazer uma linha do tempo, que é nada mais do
que traçar uma linha reta e a cada ano você vai registrando o que de mais
importante e relevante aconteceu, depois fica muito fácil de detalhar um
histórico.
UMA DICA
PARA VOCÊ
305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL 
Existem diversas formas para você construir uma linha do tempo para
registrar tudo o que acontece. Esse registro começa no dia que você
teve a primeira ideia! 
Vou te mostrar um modelo que você pode usar. É básico e funcional.
Você também pode registrar as atividades mensalmente e contratar um
bom designer para organizar um INFOGRÁFICO com os registros que
fez. Veja o exemplo abaixo!
#3 Faça um bom Planejamento Financeiro.
Você deve se queixar que sempre faltam
recursos financeiros no final do mês,
durante todo o ano, certo? A falta de
recursos é uma consequência da falta de
planejamento e gestão, só que muitos
gestores acham ou pensam que planejar
é uma grande perda de tempo, por isso,
deixam essa ferramenta vital de lado e
são imediatistas, esse é um dos
principais gargalos do gestor ou líder
social.
O que percebo muito nesta minha
jornada são muitas ONGs com problemas
financeiros, pois não se planejaram o
suficiente para maximizar os recursos ou
NÃO fizeram nenhum planejamento e,
até mesmo, já começaram a gerar custos
sem ter recebido nenhum recurso ou, no
mínimo, sem uma previsão de recebê-lo.
A falta de um orçamento realista e de
uma cronograma de desembolso bem
elaborado e eficiente é a confirmação da
falta de organização de sua ONG. Um
exemplo bem simples, a sua ONG vai
participar de editais/chamamentos
públicos/concorrências e outras formas
de captação geralmente para garantir a
verba para o ano seguinte e, NÃO, do ano
corrente, por isso, a importância VITAL
de um bom planejamento.
#4 Tenha uma boa Assessoria Jurídica e
Contábil é fundamental.
Eu sempre digo para todos os líderes
e gestores sociais que conheço.
“...CADA MACACO NO SEU GALHO...”.
Isso mesmo, você deve direcionar as atividades de sua Organização
para profissionais especialistas naquilo que fazem. Por exemplo, você
não vai colocar um pedreiro para ser educador de crianças entre 4 e 6
anos, já que ele não tem nenhum tipo de habilidade pessoal e
pedagógica para lidar com o ensino de crianças numa fase tão
delicada e de formação.
O pedreiro pode ser até um bom pai, um bom filho, ele pode gostar de
lidar com crianças mas não terá o conhecimento técnico e pedagógico
para atuar como um educador infantil, diferente de um(a) profissional
com formação especifica para está área.
É a mesma coisa sobre questões técnicas de gestão, financeira,
contábil e fiscal. É importante que você contrate ou faça parceria com
uma assessoria contábil especializada em contabilidade para
Organizações Não Governamentais, pois, a contabilidade de uma ONG
tem algumas especificidades que precisam está em consonância com
a legislação atual.
É com base nessa gestão contábil e fiscal que a sua DOCUMENTAÇÃO
estará correta e você não terá nenhuma surpresa quando precisar de
uma certidão negativa de débitos para participar de um chamamento
público, por exemplo.
#5 FOCO na principal AÇÃO do seu Projeto
e/ou da Organização.
Eu já visitei muitas ONGs, já li muitos projetos, já me reuni com muitas
lideranças, gestores sociais e percebi que a falta de FOCO no
desenvolvimento da sua atividade principal, digo, da atividade que deu
origem a fundação da ONG ou do projeto, por exemplo, deixou de ser a
“causa social’ primordial. Isso é uma falha grave, pois o que te motivou,
o que te trouxe motivação para que você pudesse colocar todas suas
forças para criar a ONG ou desenvolver o projeto deixou de ser
PRIORIDADE número 1.
Vou te dar um exemplo. Uma importante organização que já prestei
consultoria especializada para que pudéssemos iniciar um
planejamento de captação de recursos, tinha como sua principal
atividade (causa social), educação esportiva, tinha inclusive um bom
histórico de resultados, só que, por diversos motivos, mudaram o foco,
passaram a trabalhar com educação musical e não estava indo bem.
Nesse tempo, perderam oportunidades reais de captação de recursos
por que não deram importância a tudo que conquistaram com a
educação esportiva.
Uma liderança, um gestor, um empreendedor social deve acreditar
sempre na causa que decidiu apoiar, que decidiu empreender esforços
para TRANSFORMAR a vida de pessoas.
A persistência é um quesito DETERMINANTE na sua jornada, tenho
certeza que você já recebeu vários NÃO como resposta para um
possível patrocínio, um apoio, enfim, a palavra NÃO é parte da sua
história e, nem por isso, você desistiu.
#6
Disciplina é a palavra chave. Planejar o tempo é um passo importante
para melhorar a sua PRODUTIVIDADE. Saber dosar a intensidade do que
você almeja alcançar é essencial para que consiga bons resultados na
sua pesquisa.
Na internet existem diversos sites que divulgam semanalmente tudo
que está acontecendo no Brasil e no exterior no que se refere a
financiamento de projetos/programas para Organizações Não
Governamentais.
Ter um tempo para pesquisar as fontes de recursos é premissa principal
de um bom planejamento para captação de recursos, com base nos
resultados da sua pesquisa, você irá saber o que precisa organizar para
submeter sua proposta para uma fonte de recursos pesquisada. Essa é
uma etapa indispensável!
O ideal é que você tenha essa rotina de pesquisa durante o seu dia de
trabalho. Vai chegar num período que já terá uma previsão das
principais fontes de financiamento do seu interesse. Isso irá se tornará
automático!
Separe 2 horas por dia para Pesquisar
Fontes de Financiamento.
#7Monte uma equipe engajada e comprometida
com o seu projeto e sua Organização.
O coração da ONG é a sua equipe. Monte uma equipe engajada,
principalmente, com a causa que você defende. De nada irá adiantar
pessoas que não estejam definitivamente interessadas em defender uma
causa por você.
Internamente, organize a ONG por setores, pessoas que tenham habilidade
com números, façam parte da área financeira, cuidem de orçamentos,
cotação de preços, pagamentos.
Pessoas com habilidade de falar em público são profissionais estratégicos
e essenciais para participarem de reuniões com objetivos de captar,
mobilizar recursos e construir novas parcerias.
Para minimizar os custos fixos da sua ONG, já que os recursos estão cada
vez mais escassos, contrate profissionais especialistas quando tiver
demanda de projetos/programas que você pretende implantar. Neste
caso, você deve fazer uma previsão financeira para estes profissionais no
momento da construção do seu planejamento técnico e financeiro que irá
subsidiar o seu programa e/ou projeto.
#8 Obtenha as certificações, qualificações e
títulos para sua ONG.
Muitas vezes os líderes e/ou gestores sociais não se empenham para
conseguir as certificações que estão disponíveis por falta de
conhecimento, tempo para empreender esforços ou por que não
pesquisam o suficiente para entender quais são os procedimentos para
se obter determinadas titulações e quais as vantagens que oferecem.
Os títulos são recursos que trazem uma seriedade e credibilidade para
sua ONG. Por isso, é de extrema valia que você, como gestor, se
empenhe para obtê-los, se realmente deseja construir uma história
sólida na área em que atua.
No processo de captação de recursos, por exemplo, pode ser
estritamente essencial você possuir o título de Utilidade Pública Estadual
ou ser qualificada como uma Organização da Sociedade Civil de
Interesse Público (OSCIP), pois permite em alguns casos, a dedução do
Imposto de Renda e o repasse de recursos financeiros de Órgãos
Públicos.
Veja um exemplo. Uma ONG que utiliza mão de obra intensiva como de
hospitais e de escolas, ter a certificação de Entidades Beneficentes de
Assistência Social (CEBAS), é fator vital para sustentabilidade da ONG,
pois ela pode ter isenção de impostos entre 20% a 30%, isso faz muita
diferença nos resultados financeiros.
Sem o Título de Utilidade Pública Municipal, por exemplo, o convênio
para repasse de recursos com os órgãos públicos municipais, fica
inviável.
CHECK LIST
A importância da documentação legal e jurídica da sua ONG é vital para o seu
desenvolvimento.
Construir um histórico da Instituição e alimentar com informações e dados ao
longo dos anos é de fundamental necessidade para validar tudo que acontece
de “destaque“ na ONG. Lembre-se que REGISTRAR "fatos e dados" pode fazer a
diferença no momento da captação ou mobilização de recursos.
Ter um planejamento financeiro consistente e realista é imprescindível. O
recursos são escassos, então muita atenção para não investir no que não é
PRIORIDADE.
Cada macaco no seu galho. Ter uma boa assessoria contábil e jurídica irá facilitar
sua vida. Procure construir parcerias com empresas da área. Quem sabe, você
pode conseguir uma assessoria gratuita.
Priorizar a "causa social" que deu origem ao nascimento da sua ONG na minha
opinião, agrega valor a sua Instituição. Tenha foco no que acredita que você irá
conseguir alcançar os resultados.
Captar recursos não é uma coisa simples e fácil, exige disciplina, paciência e
persistência. Se organize e dedique 2 horas do seu dia para pesquisar possíveis
fontes de financiamento e mãos a obra!
Não fazemos nada sozinho. Monte uma equipe engajada e comprometida com
você e a causa social que defende com todas suas forças. Uma equipe motivada
e engajada fará diferença!
De acordo com uma pesquisa do IBGE em 2010, existem mais de 290 mil ONGs
no Brasil, esse número vem aumentando. Ter um diferencial é pisar fora da caixa.
Então se dedique a conseguir o maior número de certificações, premiações e
resultados incríveis. Você vai precisar disso em algum momento da sua vida!
Me acompanhe nas
REDES SOCIAIS
Os direitos de todos os textos contidos neste PDF são
reservados a seu autor, e estão registrados e protegidos
pelas leis do direito autoral. Esta é uma edição
eletrônica (e-book), que não pode ser vendida nem
comercializada em hipótese nenhuma, nem utilizada
para quaisquer fins que envolvam interesse monetário.
© COPYRIGHT

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 8 passos para acelerar o seu projeto

Plano de negócios Agência Add+
Plano de negócios Agência Add+Plano de negócios Agência Add+
Plano de negócios Agência Add+
Érica Alves
 
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
Elizabeth Custodio
 
Escritorio de arquitetura
Escritorio de arquiteturaEscritorio de arquitetura
Escritorio de arquitetura
George Wallace
 
Como fazer um briefing de Comunicação
Como fazer um briefing de ComunicaçãoComo fazer um briefing de Comunicação
Como fazer um briefing de Comunicação
Renato Martinelli
 
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
ABCR
 
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto SocialCase Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
Instituto de Cidadania Empresarial do Maranhão
 
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captação
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captaçãoFestival 2019 - Transparência como instrumento para captação
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captação
ABCR
 
Guia de Elaboração de Projetos
Guia de Elaboração de ProjetosGuia de Elaboração de Projetos
Guia de Elaboração de Projetos
Instituto Abaçaí
 
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario juniorPalestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
Universidade de Pernambuco
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
Dfajardo
 
Introdução a Captação de Recursos
Introdução a Captação de RecursosIntrodução a Captação de Recursos
Introdução a Captação de Recursos
Squadra Assessoria e Consultoria
 
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
ABCR
 
Marcas e patentes
Marcas e patentesMarcas e patentes
Marcas e patentes
David Michel da Silva
 
Curso gratuito alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
Curso gratuito   alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2Curso gratuito   alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
Curso gratuito alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
Interidade Cursos Online - Consultoria - Mentoria - Produção Digital
 
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
Adriano Alves de Aquino
 
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
Interidade Cursos Online - Consultoria - Mentoria - Produção Digital
 
Folha de São Paulo
Folha de São PauloFolha de São Paulo
Folha de São Paulo
Vinicius Mota Ribeiro
 
Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1
Lilianeschneider
 
Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1
Lilianeschneider
 
Elaboração de projetos Sociais
Elaboração de projetos SociaisElaboração de projetos Sociais
Elaboração de projetos Sociais
Daniel Motta
 

Semelhante a 8 passos para acelerar o seu projeto (20)

Plano de negócios Agência Add+
Plano de negócios Agência Add+Plano de negócios Agência Add+
Plano de negócios Agência Add+
 
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
Empreendedorismo teleaula 5_temas_6e7
 
Escritorio de arquitetura
Escritorio de arquiteturaEscritorio de arquitetura
Escritorio de arquitetura
 
Como fazer um briefing de Comunicação
Como fazer um briefing de ComunicaçãoComo fazer um briefing de Comunicação
Como fazer um briefing de Comunicação
 
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
fabcr22_apresentação_Como identificar as melhores estratégias de Captação den...
 
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto SocialCase Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
Case Dín4mo apresentado no Café com Investidores de Impacto Social
 
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captação
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captaçãoFestival 2019 - Transparência como instrumento para captação
Festival 2019 - Transparência como instrumento para captação
 
Guia de Elaboração de Projetos
Guia de Elaboração de ProjetosGuia de Elaboração de Projetos
Guia de Elaboração de Projetos
 
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario juniorPalestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
Palestra como montar e gerir uma empresa na visao de um empresario junior
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Introdução a Captação de Recursos
Introdução a Captação de RecursosIntrodução a Captação de Recursos
Introdução a Captação de Recursos
 
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
fabcr22_ppt palestrantes_Masterclass_ESG: O que isso tem a ver com a captação...
 
Marcas e patentes
Marcas e patentesMarcas e patentes
Marcas e patentes
 
Curso gratuito alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
Curso gratuito   alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2Curso gratuito   alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
Curso gratuito alcançar seus apoiadores e futuros eleitores - parte 2
 
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
FATORES QUE CONTRIBUEM PARA O SUCESSOS DE MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO COMÉRC...
 
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
7 maneiras de abraçar as redes sociais que podem mudar sua vida, marca, negóc...
 
Folha de São Paulo
Folha de São PauloFolha de São Paulo
Folha de São Paulo
 
Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1
 
Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1Captaçaoderecursos1
Captaçaoderecursos1
 
Elaboração de projetos Sociais
Elaboração de projetos SociaisElaboração de projetos Sociais
Elaboração de projetos Sociais
 

Mais de Paulo Carneiro

Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercadoCosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
Paulo Carneiro
 
Portfolio
PortfolioPortfolio
Portfolio
Paulo Carneiro
 
Liga Nordeste de Basquete
Liga Nordeste de BasqueteLiga Nordeste de Basquete
Liga Nordeste de Basquete
Paulo Carneiro
 
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovadoClube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
Paulo Carneiro
 
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
Paulo Carneiro
 
Relatorio Final FBTM-CTB
Relatorio Final FBTM-CTBRelatorio Final FBTM-CTB
Relatorio Final FBTM-CTB
Paulo Carneiro
 
Corrida Salvador 10 milhas 2019
Corrida Salvador 10 milhas 2019Corrida Salvador 10 milhas 2019
Corrida Salvador 10 milhas 2019
Paulo Carneiro
 
Cosports Branding&Funil de vendas
Cosports Branding&Funil de vendasCosports Branding&Funil de vendas
Cosports Branding&Funil de vendas
Paulo Carneiro
 
COSPORTS Canvas
COSPORTS CanvasCOSPORTS Canvas
COSPORTS Canvas
Paulo Carneiro
 
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negóciosStartup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
Paulo Carneiro
 
Soccer futebol-usa
Soccer futebol-usaSoccer futebol-usa
Soccer futebol-usa
Paulo Carneiro
 
Programa Incentivo esportivo FBTM
Programa Incentivo esportivo FBTMPrograma Incentivo esportivo FBTM
Programa Incentivo esportivo FBTM
Paulo Carneiro
 
Projeto Circuito Corrida Salvador
Projeto Circuito Corrida SalvadorProjeto Circuito Corrida Salvador
Projeto Circuito Corrida Salvador
Paulo Carneiro
 
Projeto Game Show Ping Pong
Projeto Game Show Ping PongProjeto Game Show Ping Pong
Projeto Game Show Ping Pong
Paulo Carneiro
 
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
Paulo Carneiro
 
Corrida Salvador 10_milhas_2018
Corrida Salvador 10_milhas_2018Corrida Salvador 10_milhas_2018
Corrida Salvador 10_milhas_2018
Paulo Carneiro
 
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundoProjeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
Paulo Carneiro
 
ODS3 Abrantes Futebol Plano Start
ODS3 Abrantes Futebol Plano StartODS3 Abrantes Futebol Plano Start
ODS3 Abrantes Futebol Plano Start
Paulo Carneiro
 
Negócios-Sociais&Esportivos-2018
Negócios-Sociais&Esportivos-2018Negócios-Sociais&Esportivos-2018
Negócios-Sociais&Esportivos-2018
Paulo Carneiro
 
FBTM - Atleta-Cidadão
FBTM - Atleta-CidadãoFBTM - Atleta-Cidadão
FBTM - Atleta-Cidadão
Paulo Carneiro
 

Mais de Paulo Carneiro (20)

Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercadoCosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
Cosports Basquetebol - Estudo de potencial de mercado
 
Portfolio
PortfolioPortfolio
Portfolio
 
Liga Nordeste de Basquete
Liga Nordeste de BasqueteLiga Nordeste de Basquete
Liga Nordeste de Basquete
 
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovadoClube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
Clube dos Tenistas da Bahia - Projeto LIE aprovado
 
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
FBTM-CTB Relatório de Fotos 2016
 
Relatorio Final FBTM-CTB
Relatorio Final FBTM-CTBRelatorio Final FBTM-CTB
Relatorio Final FBTM-CTB
 
Corrida Salvador 10 milhas 2019
Corrida Salvador 10 milhas 2019Corrida Salvador 10 milhas 2019
Corrida Salvador 10 milhas 2019
 
Cosports Branding&Funil de vendas
Cosports Branding&Funil de vendasCosports Branding&Funil de vendas
Cosports Branding&Funil de vendas
 
COSPORTS Canvas
COSPORTS CanvasCOSPORTS Canvas
COSPORTS Canvas
 
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negóciosStartup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
Startup - COSPORTS - ODS3 - Modelo de negócios
 
Soccer futebol-usa
Soccer futebol-usaSoccer futebol-usa
Soccer futebol-usa
 
Programa Incentivo esportivo FBTM
Programa Incentivo esportivo FBTMPrograma Incentivo esportivo FBTM
Programa Incentivo esportivo FBTM
 
Projeto Circuito Corrida Salvador
Projeto Circuito Corrida SalvadorProjeto Circuito Corrida Salvador
Projeto Circuito Corrida Salvador
 
Projeto Game Show Ping Pong
Projeto Game Show Ping PongProjeto Game Show Ping Pong
Projeto Game Show Ping Pong
 
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
Pós-Venda Salvador10_milhas_2018
 
Corrida Salvador 10_milhas_2018
Corrida Salvador 10_milhas_2018Corrida Salvador 10_milhas_2018
Corrida Salvador 10_milhas_2018
 
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundoProjeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
Projeto Futebol - Estudar para ter uma visão de mundo
 
ODS3 Abrantes Futebol Plano Start
ODS3 Abrantes Futebol Plano StartODS3 Abrantes Futebol Plano Start
ODS3 Abrantes Futebol Plano Start
 
Negócios-Sociais&Esportivos-2018
Negócios-Sociais&Esportivos-2018Negócios-Sociais&Esportivos-2018
Negócios-Sociais&Esportivos-2018
 
FBTM - Atleta-Cidadão
FBTM - Atleta-CidadãoFBTM - Atleta-Cidadão
FBTM - Atleta-Cidadão
 

8 passos para acelerar o seu projeto

  • 1. 8 PASSOS PARA ACELERAR O SEU PROJETO. Descubra os 8 passos de profissionais que atuam no mercado do Terceiro Setor aplicam nos seus projetos e organizações que geram recursos o ano todo para desenvolver os seus projetos na área social, ambiental e educacional. Por Iuri Almeida
  • 2. VAMOS ACELERAR O SEU PROJETO. Oi, tudo joia, me chamo Iuri Almeida e você está tendo acesso ao meu E-book. Primeiramente muito obrigado pelo interesse no meu conteúdo, espero poder te ajudar a melhorar a sua capacidade de organizar suas ideias, elaborar e impulsionar projetos de Responsabilidade Social, Ambientais, Educacionais e Relacionamento Comunitários, além de empreender e captar recursos para transformar a vida de pessoas. ENTÃO VAMOS LÁ! VOCÊ JÁ DEVE TER TIDO ACESSO A DIVERSOS CONTEÚDOS QUE FALAM SOBRE COMO CAPTAR RECURSOS, QUAIS TÉCNICAS QUE VOCÊ PODE UTILIZAR PARA CONVENCER POSSÍVEIS PATROCINADORES, COMO VOCÊ PODE CRIAR PROJETOS INTERESSANTES, ENFIM, UMA GAMA DE INFORMAÇÕES PARA QUE TENHA SUCESSO NA CAPTAÇÃO DE RECURSOS DOS SEUS PROJETOS E, TAMBÉM, NA SUSTENTABILIDADE DA SUA ORGANIZAÇÃO, SE FOR O CASO. Neste EBOOK eu faço uma nova abordagem. Claro que um projeto bem elaborado, com metas e resultados previstos, também fazem parte de uma estratégia de abordagem para conseguir recursos e ACELERAR seus projetos. Claro também, que quando podemos utilizar técnicas de persuasão, você tem mas uma ferramenta para alcançar bons resultados, no entanto é apenas parte do processo. Você precisa está atento a todas etapas, principalmente, as etapas que precedem o momento de chegar na CARA DO GOL!!! Quando você coloca a bola na marca do pênalti, deve está preparado para fazer um belo gol. Tudo é importante quando se trata de captar recursos e apoios para sua ONG, mais fazer um bom PLANEJAMENTO e se preparar internamente para iniciar uma boa estratégia de captação de recursos é imprescindível, sem essa preparação, você não conseguirá fazer o gol e ficará se perguntando sempre... “onde foi que eu errei?”. Então boa leitura! 305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL 
  • 3. #1Faça o levantamento dos Documentos Fiscais e Legais de Sua Organização Não Governamental. A importância do quesito DOCUMENTAÇÃO em matéria de Organizações que atuam no Terceiro Setor é vital para o desenvolvimento de uma estratégia direcionada para Captação de Recursos.  As exigências iniciais para que você esteja apto a receber recursos de organismos de fomento das iniciativas sociais, tanto de fontes públicas e privadas, é essencialmente BUROCRÁTICA. Nesta etapa, toda a sua história de luta e trabalho em torno de sua causa não é, necessariamente, importante.  Inicialmente você precisa atender uma serie de exigências documentais para conseguir uma habilitação jurídica e fiscal junto a diversas fontes de recursos públicos e, também, privados. Os recursos públicos podem ser oriundos do Governo Federal que inclui Secretárias, Ministérios, Fundações e Autarquias, através de repasses direito e por editais de fomento a diversas causas, como Meio Ambiente, Educação, Saúde, Esporte, Cultura, Tecnologia, entre outras áreas. Quando se tratar de recursos públicos, através de repasses ou chamamento público, todas as exigências documentais seja ela fiscal e/ou legal, devem ser registradas numa Plataforma que se chama SICONV – Sistema de Convênios do Governo Federal que é gerenciada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, é nesta plataforma que as propostas são cadastradas e analisadas. A primeira vista é uma coisa “complicada”, mas basta praticar que você consegue.
  • 4. UMA DICA PARA VOCÊ 305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL  Acompanhe as políticas públicas que direcionam o segmento que você tem interesse. Por exemplo, se for educação, saiba tudo que está acontecendo na Secretaria de Educação Municipal, escolas, Secretaria de Educação do Estado, tudo que esteja relacionado a educação, com isso, você terá informações valiosas que podem te ajudar a ter acesso a estes recursos, principalmente, as necessidades fiscais e legais. Quando se tratar de oportunidades de financiamento privado, as necessidades documentais são muito parecidas. É importante você acompanhar sites de médias e grandes empresas que divulgam durante todo o ano, editais de financiamento para diversas áreas, esse acompanhamento é vital para que você possa “filtrar” o que te interessa e partir para o “ataque”, como falamos! Esse acompanhamento é elementar para você se acostumar com as demandas e se organizar melhor para elas. Claro que temos outras formas de captação e mobilização de recursos, mais nesse EBOOK, vamos focar primeiramente nessas fontes públicas e privadas.
  • 5. #2 Você deve construir o HISTÓRICO do seu Projeto e/ou da sua Organização. Registrar todas as atividades da sua Instituição é imprescindível para ressaltar os principais acontecimentos desde a criação/fundação até os dias atuais. É incrível como existem organizações com mais de 20 anos de fundação e não possuem um histórico básico, com pequenos registros. O registro histórico é um fator importante para planejar uma boa estratégia de captação de recursos. O que vale para os possíveis patrocinadores/financiadores/mantenedores é justamente o que você e sua equipe foram capazes de realizar ao longo do tempo e como transformaram vidas e contextos sociais. Tente responder as seguintes perguntas: Qual a sua capacidade de interagir com a comunidade? Quantas pessoas você atingiu diretamente e indiretamente? Quais foram os projetos/fatores/programas que foram destaque? Qual a sua principal área de atuação? Quanto e como você avançou desde a sua Fundação até os dias atuais? Na construção deste histórico, todas estas perguntas devem ser respondidas em sua totalidade, com o maior número de detalhes possíveis. São estes dados e informações que farão parte de um conjunto de fatores que irão nortear um possível financiamento. Um dica legal que sempre sugiro as ONGs é fazer uma linha do tempo, que é nada mais do que traçar uma linha reta e a cada ano você vai registrando o que de mais importante e relevante aconteceu, depois fica muito fácil de detalhar um histórico.
  • 6. UMA DICA PARA VOCÊ 305-985-3865  | 1116 WARNER STREET BIG PINE KEY, FL  Existem diversas formas para você construir uma linha do tempo para registrar tudo o que acontece. Esse registro começa no dia que você teve a primeira ideia!  Vou te mostrar um modelo que você pode usar. É básico e funcional. Você também pode registrar as atividades mensalmente e contratar um bom designer para organizar um INFOGRÁFICO com os registros que fez. Veja o exemplo abaixo!
  • 7. #3 Faça um bom Planejamento Financeiro. Você deve se queixar que sempre faltam recursos financeiros no final do mês, durante todo o ano, certo? A falta de recursos é uma consequência da falta de planejamento e gestão, só que muitos gestores acham ou pensam que planejar é uma grande perda de tempo, por isso, deixam essa ferramenta vital de lado e são imediatistas, esse é um dos principais gargalos do gestor ou líder social. O que percebo muito nesta minha jornada são muitas ONGs com problemas financeiros, pois não se planejaram o suficiente para maximizar os recursos ou NÃO fizeram nenhum planejamento e, até mesmo, já começaram a gerar custos sem ter recebido nenhum recurso ou, no mínimo, sem uma previsão de recebê-lo. A falta de um orçamento realista e de uma cronograma de desembolso bem elaborado e eficiente é a confirmação da falta de organização de sua ONG. Um exemplo bem simples, a sua ONG vai participar de editais/chamamentos públicos/concorrências e outras formas de captação geralmente para garantir a verba para o ano seguinte e, NÃO, do ano corrente, por isso, a importância VITAL de um bom planejamento.
  • 8. #4 Tenha uma boa Assessoria Jurídica e Contábil é fundamental. Eu sempre digo para todos os líderes e gestores sociais que conheço. “...CADA MACACO NO SEU GALHO...”. Isso mesmo, você deve direcionar as atividades de sua Organização para profissionais especialistas naquilo que fazem. Por exemplo, você não vai colocar um pedreiro para ser educador de crianças entre 4 e 6 anos, já que ele não tem nenhum tipo de habilidade pessoal e pedagógica para lidar com o ensino de crianças numa fase tão delicada e de formação. O pedreiro pode ser até um bom pai, um bom filho, ele pode gostar de lidar com crianças mas não terá o conhecimento técnico e pedagógico para atuar como um educador infantil, diferente de um(a) profissional com formação especifica para está área. É a mesma coisa sobre questões técnicas de gestão, financeira, contábil e fiscal. É importante que você contrate ou faça parceria com uma assessoria contábil especializada em contabilidade para Organizações Não Governamentais, pois, a contabilidade de uma ONG tem algumas especificidades que precisam está em consonância com a legislação atual. É com base nessa gestão contábil e fiscal que a sua DOCUMENTAÇÃO estará correta e você não terá nenhuma surpresa quando precisar de uma certidão negativa de débitos para participar de um chamamento público, por exemplo.
  • 9. #5 FOCO na principal AÇÃO do seu Projeto e/ou da Organização. Eu já visitei muitas ONGs, já li muitos projetos, já me reuni com muitas lideranças, gestores sociais e percebi que a falta de FOCO no desenvolvimento da sua atividade principal, digo, da atividade que deu origem a fundação da ONG ou do projeto, por exemplo, deixou de ser a “causa social’ primordial. Isso é uma falha grave, pois o que te motivou, o que te trouxe motivação para que você pudesse colocar todas suas forças para criar a ONG ou desenvolver o projeto deixou de ser PRIORIDADE número 1. Vou te dar um exemplo. Uma importante organização que já prestei consultoria especializada para que pudéssemos iniciar um planejamento de captação de recursos, tinha como sua principal atividade (causa social), educação esportiva, tinha inclusive um bom histórico de resultados, só que, por diversos motivos, mudaram o foco, passaram a trabalhar com educação musical e não estava indo bem. Nesse tempo, perderam oportunidades reais de captação de recursos por que não deram importância a tudo que conquistaram com a educação esportiva. Uma liderança, um gestor, um empreendedor social deve acreditar sempre na causa que decidiu apoiar, que decidiu empreender esforços para TRANSFORMAR a vida de pessoas. A persistência é um quesito DETERMINANTE na sua jornada, tenho certeza que você já recebeu vários NÃO como resposta para um possível patrocínio, um apoio, enfim, a palavra NÃO é parte da sua história e, nem por isso, você desistiu.
  • 10. #6 Disciplina é a palavra chave. Planejar o tempo é um passo importante para melhorar a sua PRODUTIVIDADE. Saber dosar a intensidade do que você almeja alcançar é essencial para que consiga bons resultados na sua pesquisa. Na internet existem diversos sites que divulgam semanalmente tudo que está acontecendo no Brasil e no exterior no que se refere a financiamento de projetos/programas para Organizações Não Governamentais. Ter um tempo para pesquisar as fontes de recursos é premissa principal de um bom planejamento para captação de recursos, com base nos resultados da sua pesquisa, você irá saber o que precisa organizar para submeter sua proposta para uma fonte de recursos pesquisada. Essa é uma etapa indispensável! O ideal é que você tenha essa rotina de pesquisa durante o seu dia de trabalho. Vai chegar num período que já terá uma previsão das principais fontes de financiamento do seu interesse. Isso irá se tornará automático! Separe 2 horas por dia para Pesquisar Fontes de Financiamento.
  • 11. #7Monte uma equipe engajada e comprometida com o seu projeto e sua Organização. O coração da ONG é a sua equipe. Monte uma equipe engajada, principalmente, com a causa que você defende. De nada irá adiantar pessoas que não estejam definitivamente interessadas em defender uma causa por você. Internamente, organize a ONG por setores, pessoas que tenham habilidade com números, façam parte da área financeira, cuidem de orçamentos, cotação de preços, pagamentos. Pessoas com habilidade de falar em público são profissionais estratégicos e essenciais para participarem de reuniões com objetivos de captar, mobilizar recursos e construir novas parcerias. Para minimizar os custos fixos da sua ONG, já que os recursos estão cada vez mais escassos, contrate profissionais especialistas quando tiver demanda de projetos/programas que você pretende implantar. Neste caso, você deve fazer uma previsão financeira para estes profissionais no momento da construção do seu planejamento técnico e financeiro que irá subsidiar o seu programa e/ou projeto.
  • 12. #8 Obtenha as certificações, qualificações e títulos para sua ONG. Muitas vezes os líderes e/ou gestores sociais não se empenham para conseguir as certificações que estão disponíveis por falta de conhecimento, tempo para empreender esforços ou por que não pesquisam o suficiente para entender quais são os procedimentos para se obter determinadas titulações e quais as vantagens que oferecem. Os títulos são recursos que trazem uma seriedade e credibilidade para sua ONG. Por isso, é de extrema valia que você, como gestor, se empenhe para obtê-los, se realmente deseja construir uma história sólida na área em que atua. No processo de captação de recursos, por exemplo, pode ser estritamente essencial você possuir o título de Utilidade Pública Estadual ou ser qualificada como uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), pois permite em alguns casos, a dedução do Imposto de Renda e o repasse de recursos financeiros de Órgãos Públicos. Veja um exemplo. Uma ONG que utiliza mão de obra intensiva como de hospitais e de escolas, ter a certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social (CEBAS), é fator vital para sustentabilidade da ONG, pois ela pode ter isenção de impostos entre 20% a 30%, isso faz muita diferença nos resultados financeiros. Sem o Título de Utilidade Pública Municipal, por exemplo, o convênio para repasse de recursos com os órgãos públicos municipais, fica inviável.
  • 13. CHECK LIST A importância da documentação legal e jurídica da sua ONG é vital para o seu desenvolvimento. Construir um histórico da Instituição e alimentar com informações e dados ao longo dos anos é de fundamental necessidade para validar tudo que acontece de “destaque“ na ONG. Lembre-se que REGISTRAR "fatos e dados" pode fazer a diferença no momento da captação ou mobilização de recursos. Ter um planejamento financeiro consistente e realista é imprescindível. O recursos são escassos, então muita atenção para não investir no que não é PRIORIDADE. Cada macaco no seu galho. Ter uma boa assessoria contábil e jurídica irá facilitar sua vida. Procure construir parcerias com empresas da área. Quem sabe, você pode conseguir uma assessoria gratuita. Priorizar a "causa social" que deu origem ao nascimento da sua ONG na minha opinião, agrega valor a sua Instituição. Tenha foco no que acredita que você irá conseguir alcançar os resultados. Captar recursos não é uma coisa simples e fácil, exige disciplina, paciência e persistência. Se organize e dedique 2 horas do seu dia para pesquisar possíveis fontes de financiamento e mãos a obra! Não fazemos nada sozinho. Monte uma equipe engajada e comprometida com você e a causa social que defende com todas suas forças. Uma equipe motivada e engajada fará diferença! De acordo com uma pesquisa do IBGE em 2010, existem mais de 290 mil ONGs no Brasil, esse número vem aumentando. Ter um diferencial é pisar fora da caixa. Então se dedique a conseguir o maior número de certificações, premiações e resultados incríveis. Você vai precisar disso em algum momento da sua vida!
  • 15. Os direitos de todos os textos contidos neste PDF são reservados a seu autor, e estão registrados e protegidos pelas leis do direito autoral. Esta é uma edição eletrônica (e-book), que não pode ser vendida nem comercializada em hipótese nenhuma, nem utilizada para quaisquer fins que envolvam interesse monetário. © COPYRIGHT