Relatório lei de incentivo 2014 fbtm

187 visualizações

Publicada em

Descrição e análise de dados coletados em realização de evento via Lei de Incentivo ao Esporte. Federação Baiana de Tênis de Mesa. FBTM BAHIA

Publicada em: Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
187
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório lei de incentivo 2014 fbtm

  1. 1. RELATÓRIO Cumprimento do Objeto Circuito Baiano de Maratonas Populares de Tênis de Mesa SLIE - 1204262-50 SUSTENTABILIDADE E RESPONSABILIDADE SOCIAL Não basta conhecimento, informação, dedicação e trabalho! É preciso ter PAIXÃO
  2. 2. INTRODUÇÃO O Projeto Maratonas Populares de Tênis de Mesa e Ping-Pong foi um evento proposto com o objetivo de proporcionar aos cidadãos entretenimento de forma gratuita e para que percebessem que podem ter uma vida com mais saúde usando a ferramenta esportiva do esporte e lazer PING-PONG em jogos nas praças públicas realizados em cidades da Bahia. Além de dar um estímulo extra e oportunidade a todos de participarem de eventos gratuitos educativos e de entretenimento aliados à qualidade de vida, uma forma de aumentar o esporte e o lazer nas cidades participantes. Lazer total com ações culturais e esportivas para a população: Música, Atividade física, Esporte, Gincanas, Jogos interativos, Desafios do saque, Torneio Universitário, Torneio Estudantil, Torneio Aberto, Ações preventivas de saúde e Palestras do cotidiano.
  3. 3. Entidade A FBTM fundada em Salvador em 1958 e estruturada pela atual gestão do técnico-contabil Paulo Carneiro é uma das mais antigas Federações baianas. Tem como missão organizar, difundir e promover o esporte tênis de mesa no Estado da Bahia realizando ações de desenvolvimento do esporte aliadas à sustentabilidade e responsabilidade social. O objetivo central da FBTM é tornar-se referência em Gestão de Entidade Esportiva no Brasil, conquistando espaço na mídia e na percepção do grande público consumidor de esportes, fidelizando e surpreendo os seus clientes a cada evento e agregando forte ação social, pedagógica com prevenção à saúde, possibilitando inserção e melhor qualidade de vida de cidadãos na sociedade baiana. Briefing Incentivar a prática de atividades físicas nos cidadãos através da ferramenta de inclusão de lazer ping-pong, fomentando o esporte tênis de mesa com ações transversais de prevenção à saúde como exames de medição de pressão e bioimpedância, palestras sobre nutrição, Dst´s, combate as drogas e coleta seletivas de resíduos, incentivando a mudança de atitudes através de ações cotidianas simples que visam melhorar a sustentabilidade ambiental e a qualidade de vida dos cidadãos.
  4. 4. LEGADOS PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS , LAZER E CULTURAIS DISTRIBUIÇÃO DE KITS GRATUITOS PREVENÇÃO À SAÚDE COM REALIZAÇÃO DE EXAMES INCLUSÃO SOCIAL ATRAVÉS DE ESPORTE E PEDAGOGIA PALESTRAS SOBRE NUTRIÇÃO, COMBATE ÀS DROGAS, DST´S E SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL UTILIZAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS POR CENTROS MUNICIPAIS DA FBTM POPULARIZAÇÃO DO ESPORTE TÊNIS DE MESA PELO ESTADO DIVULGAÇÃO MACIÇA NA MÍDIA ESPORTIVA PARTICIPAÇÃO DE COLABORADORES ATLETAS DO PATROCINADOR
  5. 5. Contrapartidas Sociais RESULTANTES DO PROJETO CT POPULAR CAMAÇARI – Espaço Camelódromo – SEDEL-PMC Acesso gratuito à cidadãos com mais de 1000 atendimentos CT POPULAR FEIRA DE SANTANA – Ginásio Oyama Pinto – SECEL – PMFS Acesso gratuito a cidadãos com mais de 200 atendimentos CT BAIRRO DA PAZ SALVADOR – CEMPA-SUDESB Acesso gratuito a estudantes com 400 atendimentos APOIOS PÓLOS ITABUNA, VALENÇA, LAURO DE FREITAS, SIMÕES FLHO Participação gratuita de novos atletas
  6. 6. Design
  7. 7. Design
  8. 8. Salvador 1ª Etapa realizada em frente ao Teatro Castro Alves no Campo Grande em Salvador, evento contou com um número absurdo de participantes, pois esperávamos em torno de 800 participantes e mais de 2000 pessoas participaram ao longo do dia. Como pontos positivos o fato de conseguirmos colocar por quatro vezes pré e pós evento na principal rede de televisão do estado e reunir um público heterogêneo de crianças a idosos.
  9. 9. Salvador O principal fator de sucesso deste evento pela atratividade do ping-pong e em praça pública pois muitos dos participantes foram praticantes de atividades físicas como andar, correr e pedalar que realizam suas atividades ao ar livre e foram incentivados e participaram com bastante ênfase durante todo o dia.
  10. 10. Salvador 1ª Etapa contou com a participação do marketing e assessoria de imprensa do patrocinador BNB que questionou a não utilização da marca do banco, conforme determinação prevista em lei ficamos obrigados a não usar marcas oficiais durante o período eleitoral ao qual só utilizaríamos após as eleições em 26 de outubro de 2014.
  11. 11. Salvador A imprensa local ativou o evento jornalisticamente com bastante ênfase tanto nos jornais e sites como também na Globo local, Rede Bahia com transmissão estadual onde participamos de 02 chamadas pré-evento sendo esta na foto ao vivo no Bahia Esporte programa estadual que no dia anterior ao evento fez a entrevistas diretamente do Campo Grande local que se realizaria o evento, além de matéria no Jornal da Manhã na segunda-feira pós-evento sendo matéria principal de esportes no programa.
  12. 12. Santo Amaro 2ª Etapa no município de Santo Amaro sob muita chuva conseguimos realizar com a participação de muitos jovens sendo a principal atividade do dia das crianças que aconteceu no município no dia 12/12/2014.
  13. 13. Santo Amaro Apesar de toda chuva que caiu neste dia até mesmo adultos e praticantes de ping-pong participaram do evento que iniciou com atraso pelas condições climáticas, mas ao final teve a participação maciça da população pela inovação em praça pública e por pouco acesso a atividades esportivas no município do recôncavo baiano.
  14. 14. Feira de Santana Na 3ª etapa chegamos na principal cidade do interior baiano e realizamos no centro da cidade em local de grande fluxo de pessoas na Av. Getulio Vargas onde realizamos no mesmo dia da Parada LGBT o que nos proporcionou atingir um público diferenciado e contagiante pois houve total interação esportiva e grande participação.
  15. 15. Feira de Santana Muitos praticantes de ping-pong assistiram as apresentações de atletas de alto- rendimento e os desafios realizados onde eram distribuídos brindes para quem conseguisse recepcionar os saques de atletas e técnicos, a fila era sempre imensa e motivava o público que arriscava nas disputas com nosso staff.
  16. 16. Vitória da Conquista Etapa que encerraria o evento foi alterada pelo vendaval que assolou o município na data programada e modificamos com aval do comitê gestor da LIE. Realizamos um belo evento na Praça da Juventude da cidade com bastante cobertura da mídia local e ótima participação de público principalmente crianças.
  17. 17. Vitória da Conquista Realçando a participação da mídia local com cobertura de diversos veículos e da Globo local – Tv Sudoeste com matéria em seu principal jornal noturno e Tv UESB que gravou e exibiu em seu canal local e também disponível no You Tube.
  18. 18. Salvador Na 2ª etapa no município de Salvador inauguramos os eventos na Praça Ana Lúcia Magalhães com muitas crianças inclusive de colo, perfil do bairro jovem da cidade. Muitos exames foram realizados e a participação de profissionais de educação física que realizaram diversas atividades lúdicas e da atleta Luana Andrade de São Paulo.
  19. 19. Salvador Crianças de todas as idades participaram das atividades lúdicas, exames e palestras que abrilhantaram os evento durante as 05 etapas realizadas com sucesso em praças públicas de 04 cidades baianas.
  20. 20. Apresentações Ocorreram muitas participações entre professores palestrantes, técnicos e atletas de alto-rendimento, como na foto abaixo o Campeão Baiano Mirim, Kauan Monteiro que participou dos desafios do saque para oferecer brindes ao público receptador e chamou a atenção pelas habilidades apesar de sua idade 11 anos.
  21. 21. RESULTADOS METAS Realizar 05 eventos esportivos gratuitos – CUMPRIDO METAS QUANTITATIVAS Meta inicial – 4000 cidadãos – CUMPRIDO Ao longo das etapas praticamente dobramos a participação dos beneficiários com quase 6385 participantes nas 04 cidades onde foram realizados os 05 eventos com destaque para a capital Salvador com mais de 65% do efetivo de participantes. METAS QUALITATIVAS Realização de exames gratuitos – Com apoio do Laboratório Sabin e Prefeituras de Santo Amaro, Feira de Santana e Vitória da conquista foram realizados exames de glicemia e bioimpedância. Apresentação de atletas e técnicos de alto-rendimento: Ednaldo Souza – Octacampeão Brasileiro Veterano 60 José Clarindo – Bi Campeão Brasileiro 70 Rafael Rocha – Tri-Campeão Baiano Adulto / 3º Juventude do Ranking Nacional Gabriela Santiago – Tri-Campeã Baiana – Campeã Brasileira – Seleções Luana Andrade - Campeã Brasileira – Seleções Moalisson Marques – Campeão Baiano Absoluto A Kauan Monteiro – Campeão Baiano Infantil Palestras com Técnicos Mauricio Moreira – Técnico Seleção Baiana Alonso Camandaroba – Professor Engenheiro Eletricista Wanderby Junior – Professor Química Ronival Andrade – Profissional de Educação Física Hitomi Miyamoto – Bióloga e Mestranda em Meio Ambiente
  22. 22. Análise Pontos Positivos • Grande participação popular; • Apoio jornalístico da mídia com excelente repercussão nos meios esportivos; • Conteúdo bem assimilado pelo público; • Atividades transversais mobilizou profissionais mais diversos; • Participação dos atletas e técnicos de tênis de mesa; • Alta receptividade nos municípios para prática esportiva; • Efetivação de política pública esportiva para grande público. Pontos Negativos • Dificuldade imensa de captação, nos gerou custo impensável anteriormente; • Alta Burocracia para realização de eventos em praças públicas; • Taxas absurdas no município de Salvador para eventos públicos; • Obrigatoriedades extras que onerou nosso projeto como: UTI Móvel, taxas diversas, • tempo despendido com a necessidade de ir em vários órgãos públicos (em Salvador • 05 órgãos) 60 dias anterior e mais de 20 visitas; • Planejamento interno financeiro abaixo do necessário, faltaram serviços como: Toldos, • Cadeiras, Energia, Segurança, Transporte de pessoal, Alimentação e Hospedagem.
  23. 23. Conclusão Sem dúvidas que a LIE é um instrumento fundamental de política pública e de desenvolvimento das atividades físicas e esportivas no país. Mas repensar o sistema e seu formato para desenvolver, inscrever, aprovar e captar deve ser estratégia para melhorar a qualidade dos processos. As instituições esportivas carecem de um novo formato e regulação, pois o modelo esportivo não atende as necessidades do mercado nem dos usuários. A LIE pode ter este papel relevante de transformação da gestão esportiva nacional, as possibilidades são extremamente abrangentes se o foco principal for atendido que é o desenvolvimento de um mercado esportivo gerador de emprego e renda e a realização das atividades meio com excelência (gestão) para sustentabilidade das atividades fins (esportes e atividades físicas). Após a aprovação deste projeto na LIE iniciamos uma verdadeira via- crúcis para captar os recursos. Começamos nós mesmos o processo de mapeamento das empresas locais, contatos e envio de emails, visitas, e busca de feedback, e o que encontramos foi um total desconhecimento da LIE e sentimos que o mercado sente falta de credibilidade no proponente e medo de ser investigado fiscal ou tributariamente pela Receita Federal ou órgãos públicos. Em um segundo momento iniciamos a prospecção com empresas do eixo macro nacional principalmente com suas sedes na região sudeste, utilizando o mesmo formato de mapeamento-contato telefônico- envio por email-visita-feedback. Novamente não conseguimos sucesso na iniciativa. Então nos demos conta que precisávamos de profissionais para possibilitar a captação contatando agências de propaganda e empresas de captação, até que enfim conseguimos um patrocinador, Banco BNB que nos apoiou e somos muito gratos. Finalizando como benchmarking podemos dizer que os custos de captação que tivemos em todo o processo foram extremamente superiores ao que idealizamos e nos impossibilitou de dar continuidade ao nosso processo de desenvolvimento pois gastamos acima do possível viajando pelo estado e país buscando o apoio de empresas. O gastos foram tão fora da realidade que comprometeu nossa sustentabilidade e gestão de forma abrupta, mais já estávamos tão comprometidos que tínhamos que continuar e executar o projeto. A LIE é excelente mas o processo de captação extenuante aqui para as entidades do nordeste e demonstra o fracasso na Bahia pela mínima participação das entidades locais e quase nenhuma execução da mesma no estado.

×