SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
África do Sul
Observe o mapa.
África – Problemas e Potencialidades

Fonte: Leda Ísola
e Vera Caldini.
Atlas Geográfico
Saraiva. São
Paulo: Saraiva,
2005. p. 91
(adaptado).
Conversa
• Quais recursos minerais existem no
território da África do Sul?
• Considerando os critérios “Reflexos da
pobreza”, “Resultado da riqueza” e
“Recursos minerais”, compare o território
da África do Sul com o restante do
continente africano. A que conclusão
podemos chegar?
África do Sul – o espaço econômico
Está localizada numa
área estratégica.
Desde o século
XVII, fazia parte
da rota marítima
da Europa e da
América em
direção à Ásia.

Apenas 11% do território da
África do Sul é considerado
apropriado para a agricultura.
As duas principais culturas são:
• a do milho e a do trigo, que
cobrem, respectivamente, 26%
e 13% das terras aráveis.

Merecem destaque também as culturas
de cana-de-açúcar e de videira.
• Na atividade criatória, o maior rebanho é o de ovinos,
com 33 milhões de cabeças aproximadamente.
• Com uma área de 1 221 037 km², esse país apresenta a
maior concentração mundial de riquezas minerais por km².
A África do Sul abriga:
• 69% das reservas mundiais de platina;
• 56% das de cromo;
• 24% das de diamante;
• 8% das de carvão mineral;
• 82% das de manganês;
• além das reservas de cobre, minério de ferro, estanho,
chumbo, zinco, níquel, urânio, cobalto e prata.
Carvão mineral
Também é um importante recurso energético.
O custo da extração mineral no país é um dos
menores do mundo

Aproximadamente
50% do PIB da África
do Sul é proveniente
da mineração.

Em virtude da
exploração da mão de
obra negra, remunerada
com baixos salários.
Carlos Tadeu de Carvalho Gamba

África do Sul - Economia

Fonte: Leda Ísola e Vera Caldini. Atlas geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, 2005. p. 85 (adaptado).
África do Sul
É o país mais industrializado do continente africano.
A indústria tem uma participação expressiva na
composição do PIB

Cerca de 30%.
A atividade industrial e a extração mineral continuam a
ser controladas pela elite branca e realizadas à custa
da força de trabalho da maioria negra.
A sociedade e o Apartheid
Em 2005, a população da África do Sul era de
47,4 milhões de habitantes, sendo:
• 75,2% negros;

• 8,6% mestiços;

• 13,6% brancos;

• 2,6% asiáticos.

Até a primeira metade dos anos 1990, os brancos
mantinham uma forte política de segregação racial:
Os negros não possuíam os mesmos direitos
dos brancos.
Era a segregação racial institucionalizada que
praticamente negava ao negro a condição humana.
Ejor/Getty Images

A frase “Atenção, cuidado com os nativos” retrata a
segregação racial predominante no período do apartheid.
Fotografia de 1956.
1953
Foi publicada a Lei de Recreações
Estabeleceu
Bibliotecas, escolas, praias e
parques separados para
brancos e para não brancos.
Esse regime de segregação racial foi criado para
controlar a maioria negra.
Com a finalidade de manter um modelo
econômico desenvolvido pelos brancos
e baseado na exploração da força de
trabalho negra.
Brancos:

Negros (ou não brancos):

• 1 piscina para cada duas
famílias brancas;

• 10 milhões de pessoas
sem acesso a água potável;

• 84% das pessoas com
curso universitário;

• apenas 7,5% tinham o
curso universitário;

• 1% era o índice de
analfabetismo;

• o índice de analfabetismo
chegou a 50%;

• renda per capita de 7 mil
dólares;

• renda per capita de 600
dólares;

• taxa de mortalidade infantil
de 10 por mil.

• taxa de mortalidade infantil
de 74 por mil.

No grupo dos não brancos eram incluídos, além dos negros, os
mestiços e os asiáticos, também vítimas da segregação racial.
O fim do Apartheid e a nova África
do Sul
Desde os anos 1980
A comunidade internacional passou a pressionar
intensamente o governo sul-africano para que
extinguisse o regime do apartheid.
Em 1990:
• o líder negro Nelson Mandela, que estava preso havia 27
anos, foi libertado, bem como todos os presos políticos;
• diversos grupos e partidos políticos de oposição, entre eles
o CNA (Congresso Nacional Africano), foram legalizados.
Trevor Samson/AFP/Getty Images

Libertação do líder Nelson Mandela (1990).
Em 1991, foram banidas diversas leis discriminatórias.
Entre 26 e 28 de
abril de 1994,
foram realizadas
as eleições
multirraciais.

Os negros votaram pela
primeira vez na África do Sul.
Foi eleito Nelson Mandela

Que teve o grande desafio de
transformar a sociedade sul-africana,
pois toda a riqueza estava
concentrada nas mãos dos brancos.
No governo de Mandela ocorreram alguns avanços:
• mais de 3 milhões de pessoas passaram a ter acesso à
água encanada;
• quase todas as casas foram conectadas à rede de energia
elétrica;
• o parlamento sul-africano aprovou, em 1997, a Lei de
Igualdade no Trabalho.
Segundo a qual todas as empresas do país
devem adotar uma política de emprego que
amplie a participação de negros, mestiços,
mulheres e deficientes em seus quadros,
particularmente nos postos de nível
hierárquico mais elevado.
Observe a tabela.

Fonte: Revista Carta na Escola, n. 18, ago. 2007. p. 35.
Conversa
• Cite duas informações sobre a situação
econômica dos negros sul-africanos
demonstradas no texto e no gráfico.
• Na sua opinião, essa situação é reflexo do
apartheid?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialUilson Pereira da Silva
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio carlosbidu
 
Geografia - África do Norte e Subsaariana
Geografia - África do Norte e  SubsaarianaGeografia - África do Norte e  Subsaariana
Geografia - África do Norte e SubsaarianaAndré Luiz Marques
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicosArtur Lara
 
Revisão_Oceania e Regiões Polares
Revisão_Oceania e Regiões PolaresRevisão_Oceania e Regiões Polares
Revisão_Oceania e Regiões PolaresFernanda Lopes
 
Composição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiroComposição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiroRodrigo Baglini
 
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociais
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociaisCaps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociais
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociaisprofacacio
 
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)Nefer19
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoAbner de Paula
 

Mais procurados (20)

A regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundialA regionalização do espaço geográfico mundial
A regionalização do espaço geográfico mundial
 
Africa quadro humano
Africa   quadro humanoAfrica   quadro humano
Africa quadro humano
 
Populaçao mundial
Populaçao mundialPopulaçao mundial
Populaçao mundial
 
Agricultura brasileira
Agricultura brasileiraAgricultura brasileira
Agricultura brasileira
 
Conflitos Mundiais
Conflitos MundiaisConflitos Mundiais
Conflitos Mundiais
 
Africa do sul
Africa do sulAfrica do sul
Africa do sul
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
 
Antartida
AntartidaAntartida
Antartida
 
Geografia - África do Norte e Subsaariana
Geografia - África do Norte e  SubsaarianaGeografia - África do Norte e  Subsaariana
Geografia - África do Norte e Subsaariana
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Tigres asiáticos
Tigres asiáticosTigres asiáticos
Tigres asiáticos
 
Revisão_Oceania e Regiões Polares
Revisão_Oceania e Regiões PolaresRevisão_Oceania e Regiões Polares
Revisão_Oceania e Regiões Polares
 
Composição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiroComposição étnica do povo brasileiro
Composição étnica do povo brasileiro
 
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociais
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociaisCaps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociais
Caps. 7 e 8 - ÁFrica: aspectos naturais, econômicos e sociais
 
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)
O Espaço Rural no Brasil - 7º Ano (2017)
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
 
África do Sul
África do SulÁfrica do Sul
África do Sul
 
Regionalização da américa
Regionalização da américaRegionalização da américa
Regionalização da américa
 
Rússia
RússiaRússia
Rússia
 
Regiões polares
Regiões polaresRegiões polares
Regiões polares
 

Destaque (10)

Africa do Sul
Africa do SulAfrica do Sul
Africa do Sul
 
Africa do sul
Africa do sulAfrica do sul
Africa do sul
 
Africa
AfricaAfrica
Africa
 
àFrica do sul apresentação de slides
àFrica do sul  apresentação de slidesàFrica do sul  apresentação de slides
àFrica do sul apresentação de slides
 
ÁFrica do sul
ÁFrica do sulÁFrica do sul
ÁFrica do sul
 
áFrica do sul.
áFrica do sul.áFrica do sul.
áFrica do sul.
 
África do Sul - Geografia
África do Sul - GeografiaÁfrica do Sul - Geografia
África do Sul - Geografia
 
Continente africano contexto político e histórico
Continente africano contexto político e históricoContinente africano contexto político e histórico
Continente africano contexto político e histórico
 
Africa do Sul
Africa do SulAfrica do Sul
Africa do Sul
 
Revisão de geografia europa - 9º ano
Revisão de geografia   europa - 9º anoRevisão de geografia   europa - 9º ano
Revisão de geografia europa - 9º ano
 

Semelhante a África do sul

Geo h e_9ano_cap16_site_final
Geo h e_9ano_cap16_site_finalGeo h e_9ano_cap16_site_final
Geo h e_9ano_cap16_site_finalrdbtava
 
trabalho de geografia
trabalho de geografia trabalho de geografia
trabalho de geografia Gabriel Luis
 
Slide grupo 1
Slide grupo 1Slide grupo 1
Slide grupo 1thaygomez
 
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)Carlos Benjoino Bidu
 
Africa continente sofrido_explorado(1)
Africa continente sofrido_explorado(1)Africa continente sofrido_explorado(1)
Africa continente sofrido_explorado(1)jonatha741
 
áFrica em busca da virada introdução e desenvolvimento
áFrica em busca da virada   introdução e desenvolvimentoáFrica em busca da virada   introdução e desenvolvimento
áFrica em busca da virada introdução e desenvolvimentobaltazar
 
África em busca da virada : introdução e desenvolvimento
África em busca da virada : introdução e desenvolvimentoÁfrica em busca da virada : introdução e desenvolvimento
África em busca da virada : introdução e desenvolvimentobaltazar
 
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024Igor da Silva
 
Africa subsaariana
Africa subsaarianaAfrica subsaariana
Africa subsaarianaDeaaSouza
 

Semelhante a África do sul (20)

Geo h e_9ano_cap16_site_final
Geo h e_9ano_cap16_site_finalGeo h e_9ano_cap16_site_final
Geo h e_9ano_cap16_site_final
 
Africa I
Africa IAfrica I
Africa I
 
áFrica 2
áFrica 2áFrica 2
áFrica 2
 
Africa so Sul
Africa so SulAfrica so Sul
Africa so Sul
 
África
ÁfricaÁfrica
África
 
trabalho de geografia
trabalho de geografia trabalho de geografia
trabalho de geografia
 
Slide grupo 1
Slide grupo 1Slide grupo 1
Slide grupo 1
 
ÁFRICA - 2o ANO.pdf
ÁFRICA - 2o ANO.pdfÁFRICA - 2o ANO.pdf
ÁFRICA - 2o ANO.pdf
 
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
ISOLADAS DE HISTÓRIA> ÁFRICA (COLONIZAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO)
 
8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)
 
Africa continente sofrido_explorado(1)
Africa continente sofrido_explorado(1)Africa continente sofrido_explorado(1)
Africa continente sofrido_explorado(1)
 
áFrica em busca da virada introdução e desenvolvimento
áFrica em busca da virada   introdução e desenvolvimentoáFrica em busca da virada   introdução e desenvolvimento
áFrica em busca da virada introdução e desenvolvimento
 
África em busca da virada : introdução e desenvolvimento
África em busca da virada : introdução e desenvolvimentoÁfrica em busca da virada : introdução e desenvolvimento
África em busca da virada : introdução e desenvolvimento
 
Aula sobre a África
Aula sobre a ÁfricaAula sobre a África
Aula sobre a África
 
5ºANO-África-Sul
5ºANO-África-Sul5ºANO-África-Sul
5ºANO-África-Sul
 
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024
África - Divisão - Conteúdo do ENEM 2024
 
Africa subsaariana
Africa subsaarianaAfrica subsaariana
Africa subsaariana
 
Geo49
Geo49Geo49
Geo49
 
ÁFrica
ÁFricaÁFrica
ÁFrica
 
A
AA
A
 

Mais de landipaula

Estrutura geológica da terra e solo
Estrutura geológica da terra e soloEstrutura geológica da terra e solo
Estrutura geológica da terra e sololandipaula
 
Estrutura geológica 2010
Estrutura geológica 2010Estrutura geológica 2010
Estrutura geológica 2010landipaula
 
Comércio e transporte 1
Comércio e transporte 1Comércio e transporte 1
Comércio e transporte 1landipaula
 
Capitalismo x socialismo = 2010
Capitalismo x socialismo = 2010Capitalismo x socialismo = 2010
Capitalismo x socialismo = 2010landipaula
 
Aula sobre japão e tigres asiáticos
Aula sobre japão e tigres asiáticosAula sobre japão e tigres asiáticos
Aula sobre japão e tigres asiáticoslandipaula
 
Aula de geografia resolução de questões
Aula de geografia  resolução de questõesAula de geografia  resolução de questões
Aula de geografia resolução de questõeslandipaula
 
Revisão 2° fase da u f p e 2010
Revisão 2° fase da  u f p e  2010Revisão 2° fase da  u f p e  2010
Revisão 2° fase da u f p e 2010landipaula
 

Mais de landipaula (7)

Estrutura geológica da terra e solo
Estrutura geológica da terra e soloEstrutura geológica da terra e solo
Estrutura geológica da terra e solo
 
Estrutura geológica 2010
Estrutura geológica 2010Estrutura geológica 2010
Estrutura geológica 2010
 
Comércio e transporte 1
Comércio e transporte 1Comércio e transporte 1
Comércio e transporte 1
 
Capitalismo x socialismo = 2010
Capitalismo x socialismo = 2010Capitalismo x socialismo = 2010
Capitalismo x socialismo = 2010
 
Aula sobre japão e tigres asiáticos
Aula sobre japão e tigres asiáticosAula sobre japão e tigres asiáticos
Aula sobre japão e tigres asiáticos
 
Aula de geografia resolução de questões
Aula de geografia  resolução de questõesAula de geografia  resolução de questões
Aula de geografia resolução de questões
 
Revisão 2° fase da u f p e 2010
Revisão 2° fase da  u f p e  2010Revisão 2° fase da  u f p e  2010
Revisão 2° fase da u f p e 2010
 

África do sul

  • 2. Observe o mapa. África – Problemas e Potencialidades Fonte: Leda Ísola e Vera Caldini. Atlas Geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, 2005. p. 91 (adaptado).
  • 3. Conversa • Quais recursos minerais existem no território da África do Sul? • Considerando os critérios “Reflexos da pobreza”, “Resultado da riqueza” e “Recursos minerais”, compare o território da África do Sul com o restante do continente africano. A que conclusão podemos chegar?
  • 4. África do Sul – o espaço econômico Está localizada numa área estratégica. Desde o século XVII, fazia parte da rota marítima da Europa e da América em direção à Ásia. Apenas 11% do território da África do Sul é considerado apropriado para a agricultura. As duas principais culturas são: • a do milho e a do trigo, que cobrem, respectivamente, 26% e 13% das terras aráveis. Merecem destaque também as culturas de cana-de-açúcar e de videira.
  • 5. • Na atividade criatória, o maior rebanho é o de ovinos, com 33 milhões de cabeças aproximadamente. • Com uma área de 1 221 037 km², esse país apresenta a maior concentração mundial de riquezas minerais por km². A África do Sul abriga: • 69% das reservas mundiais de platina; • 56% das de cromo; • 24% das de diamante; • 8% das de carvão mineral; • 82% das de manganês; • além das reservas de cobre, minério de ferro, estanho, chumbo, zinco, níquel, urânio, cobalto e prata.
  • 6. Carvão mineral Também é um importante recurso energético. O custo da extração mineral no país é um dos menores do mundo Aproximadamente 50% do PIB da África do Sul é proveniente da mineração. Em virtude da exploração da mão de obra negra, remunerada com baixos salários.
  • 7. Carlos Tadeu de Carvalho Gamba África do Sul - Economia Fonte: Leda Ísola e Vera Caldini. Atlas geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, 2005. p. 85 (adaptado).
  • 8. África do Sul É o país mais industrializado do continente africano. A indústria tem uma participação expressiva na composição do PIB Cerca de 30%. A atividade industrial e a extração mineral continuam a ser controladas pela elite branca e realizadas à custa da força de trabalho da maioria negra.
  • 9. A sociedade e o Apartheid Em 2005, a população da África do Sul era de 47,4 milhões de habitantes, sendo: • 75,2% negros; • 8,6% mestiços; • 13,6% brancos; • 2,6% asiáticos. Até a primeira metade dos anos 1990, os brancos mantinham uma forte política de segregação racial: Os negros não possuíam os mesmos direitos dos brancos. Era a segregação racial institucionalizada que praticamente negava ao negro a condição humana.
  • 10. Ejor/Getty Images A frase “Atenção, cuidado com os nativos” retrata a segregação racial predominante no período do apartheid. Fotografia de 1956.
  • 11. 1953 Foi publicada a Lei de Recreações Estabeleceu Bibliotecas, escolas, praias e parques separados para brancos e para não brancos. Esse regime de segregação racial foi criado para controlar a maioria negra. Com a finalidade de manter um modelo econômico desenvolvido pelos brancos e baseado na exploração da força de trabalho negra.
  • 12. Brancos: Negros (ou não brancos): • 1 piscina para cada duas famílias brancas; • 10 milhões de pessoas sem acesso a água potável; • 84% das pessoas com curso universitário; • apenas 7,5% tinham o curso universitário; • 1% era o índice de analfabetismo; • o índice de analfabetismo chegou a 50%; • renda per capita de 7 mil dólares; • renda per capita de 600 dólares; • taxa de mortalidade infantil de 10 por mil. • taxa de mortalidade infantil de 74 por mil. No grupo dos não brancos eram incluídos, além dos negros, os mestiços e os asiáticos, também vítimas da segregação racial.
  • 13. O fim do Apartheid e a nova África do Sul Desde os anos 1980 A comunidade internacional passou a pressionar intensamente o governo sul-africano para que extinguisse o regime do apartheid. Em 1990: • o líder negro Nelson Mandela, que estava preso havia 27 anos, foi libertado, bem como todos os presos políticos; • diversos grupos e partidos políticos de oposição, entre eles o CNA (Congresso Nacional Africano), foram legalizados.
  • 14. Trevor Samson/AFP/Getty Images Libertação do líder Nelson Mandela (1990).
  • 15. Em 1991, foram banidas diversas leis discriminatórias. Entre 26 e 28 de abril de 1994, foram realizadas as eleições multirraciais. Os negros votaram pela primeira vez na África do Sul. Foi eleito Nelson Mandela Que teve o grande desafio de transformar a sociedade sul-africana, pois toda a riqueza estava concentrada nas mãos dos brancos.
  • 16. No governo de Mandela ocorreram alguns avanços: • mais de 3 milhões de pessoas passaram a ter acesso à água encanada; • quase todas as casas foram conectadas à rede de energia elétrica; • o parlamento sul-africano aprovou, em 1997, a Lei de Igualdade no Trabalho. Segundo a qual todas as empresas do país devem adotar uma política de emprego que amplie a participação de negros, mestiços, mulheres e deficientes em seus quadros, particularmente nos postos de nível hierárquico mais elevado.
  • 17. Observe a tabela. Fonte: Revista Carta na Escola, n. 18, ago. 2007. p. 35.
  • 18. Conversa • Cite duas informações sobre a situação econômica dos negros sul-africanos demonstradas no texto e no gráfico. • Na sua opinião, essa situação é reflexo do apartheid?