As sete vidas deum gato
As vidas de Nicochino não foram fáceis, masde algum modo mereceu o que lhe fizeram. Sequiserem descobrir o que lhe acontec...
Numa ilha longínqua, onde não existe dias,horas nem minutos, havia um prédioencantador, onde cada piso era umecossistema m...
Quando subia pelas escadas, decidiu visitar oOrnipiticalu, o ornitorrinco inofensivo quevivia no 1º andar. Chegou ao andar...
O ornitorrinco manteve-se caladodeixando Nicochino sem resposta.Mas o gato decidiu ficar com ele.…Passado algum tempo, o N...
Com isto, decidiu ir visitar o Faísca, o cãomais atrevido da ilha, devido ao grandenúmero de namoradas que teve, que morav...
Continuou a subir, ate que chegou ao 3ºandar, o andar dos peixes dançante. Ogato entrou e viu um lago com peixes devárias ...
O peixe ouvindo-o deu umsalto para dentro de água e foibuscar a sua arma ao seu baúmisterioso.
É a tua hora!Prepara-te!E o peixe disparou. Abala acertou-lhe naorelha. Assim, o gatoesgotou a sua 3ª vida.
O gato subiu ao 4º andar, o andar ondehabitava um rato chamado Mickey, o bigodes,que era o melhor cozinheiro da ilha. Ele ...
Depois de tanta turbulência, Nicochinoficou com sede. Lembrou-se que haviaum rio no 5º andar, com a água mais docee fresca...
O castor foi a correrajudá-lo:Desculpe o terempurrado, mashoje perdi os meusóculos e como nãovejo nada sem eles,não o vi!N...
Ele continuou a subir as escadas atéque chegou ao sexto andar, o andaronde vivia uma minhoca chamadaMinhocal, com o cognom...
De repente a Minhocal saltou-lhe para o pescoço, para lhepoder parar a respiração.Assim, o gato perdeu a sua sextavida.
Nicochino saiu do sexto andar econtinuou a subir as escadas atéchegar ao sétimo andar, ou seja, à suacasa.Tão triste e can...
Apesar de o gato não ter amigos, osoutros habitantes do prédio e da ilhareuniram-se em homenagem aoNicochino, rezando para...
Só vos queria dizer que nãodevemos ser convencidos só portermos uma coisa que os outrosnão têm, porque isso não nos levaa ...
Trabalho realizado por:- Joana Sá Pereira- Leonor Ferreira- Mafalda Bártolo- Sara Silva-Jéssica Costa7ºC
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

8º trabalho português - 7º c - sara

398 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
398
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

8º trabalho português - 7º c - sara

  1. 1. As sete vidas deum gato
  2. 2. As vidas de Nicochino não foram fáceis, masde algum modo mereceu o que lhe fizeram. Sequiserem descobrir o que lhe aconteceu, terãode ouvir este conto.
  3. 3. Numa ilha longínqua, onde não existe dias,horas nem minutos, havia um prédioencantador, onde cada piso era umecossistema muito diversificado. No últimoandar vivia um gato chamado Nicochino,muito vaidoso, devido ás suas belasgalochas…Tenho que admitir, eram umasbelas galochas. Todos os seus vizinhos oodiavam por ele ser convencido, mas ele nãosabia.
  4. 4. Quando subia pelas escadas, decidiu visitar oOrnipiticalu, o ornitorrinco inofensivo quevivia no 1º andar. Chegou ao andar doOrnipiticalu. Ia bater á porta mas reparou queestava aberta, e decidiu entrar:Olá,Ornipiticalu.Tudo Bem?
  5. 5. O ornitorrinco manteve-se caladodeixando Nicochino sem resposta.Mas o gato decidiu ficar com ele.…Passado algum tempo, o Nicochino,de tanto tédio teve um ataquecardíaco. Sem recursos médicos,esgotou uma das suas sete vidas.
  6. 6. Com isto, decidiu ir visitar o Faísca, o cãomais atrevido da ilha, devido ao grandenúmero de namoradas que teve, que morava no2ºandar. Nicochino tocou à campainha, e o cãodeixou-o entrar, revirando os olhos.Precisas de algumacoisa? É que estoumuito ocupadocom a minha festa!A sério, vaisfazer umafesta?!Sim! E tunão estásconvidado!E com isto fechou-lhe a porta nacara fazendo com que ele bate-secom a cabeça no corrimão dasescadas, e lá se foi a segunda vidado gato.
  7. 7. Continuou a subir, ate que chegou ao 3ºandar, o andar dos peixes dançante. Ogato entrou e viu um lago com peixes devárias cores que saltavam e dançavam naágua.O gato como tinha muitafome, pensou logo emcomer um peixe que sechamava Noé.Oh Noé… !Onde estás?
  8. 8. O peixe ouvindo-o deu umsalto para dentro de água e foibuscar a sua arma ao seu baúmisterioso.
  9. 9. É a tua hora!Prepara-te!E o peixe disparou. Abala acertou-lhe naorelha. Assim, o gatoesgotou a sua 3ª vida.
  10. 10. O gato subiu ao 4º andar, o andar ondehabitava um rato chamado Mickey, o bigodes,que era o melhor cozinheiro da ilha. Ele estavana cozinha a preparar uma nova receita deespinafres ,quando o gato, esfomeado, entrouna pequena cozinha para comer o rato e a suanova receita.O Mickey, fugiu a sete pés para o seu quarto.Com tanto medo, o rato bateu a portafortemente e a vassoura caiu em cima dacabeça do Nicochino, criando um galo.Estranhamente, aquele galo eramais grave do que parecia, que fezcom que ele perdesse mais umavida.
  11. 11. Depois de tanta turbulência, Nicochinoficou com sede. Lembrou-se que haviaum rio no 5º andar, com a água mais docee fresca da ilha.Subiu até ao andaresperado, onde foi a correrem direção à barragem dorio miopia, designadoassim em honra do Míope,o velho castor, maisconhecido por pitosga queconstruiu a barragem. ONicochino que, aocontrário dos outros gatos,gostava de água, dirigiu-seà barragem, para saciar asua sede. Sentou-se eQuando o velhocastor, que viapessimamente mal,ia a atravessar abarragem, foi contrao gato das galochase este, caiu e afogou-se, perdendo maisuma das suas vida.
  12. 12. O castor foi a correrajudá-lo:Desculpe o terempurrado, mashoje perdi os meusóculos e como nãovejo nada sem eles,não o vi!Não fazmal… Esperoque encontresos teus óculos.Obrigado, edesculpa aqueda!
  13. 13. Ele continuou a subir as escadas atéque chegou ao sexto andar, o andaronde vivia uma minhoca chamadaMinhocal, com o cognome de“Cachecoche”.O Nicochino reparou que a minhoca estava acomer as últimas migalhas de “Chips Ahoy”.Com tanta fome que tinha até uma migalhasatisfazia o seu estômago.Já sem forças avançou em direção às migalhasda minhoca, que pareciam muito apetitosas. AMinhocal, ao ver que o gato se estava aaproximar disse, sentindo-se ameaçada:Para Nicochino!Se não pararessalto-te para opescoço.Não vou parar,estou com muitafome!
  14. 14. De repente a Minhocal saltou-lhe para o pescoço, para lhepoder parar a respiração.Assim, o gato perdeu a sua sextavida.
  15. 15. Nicochino saiu do sexto andar econtinuou a subir as escadas atéchegar ao sétimo andar, ou seja, à suacasa.Tão triste e cansado, foi para avaranda, pegou no seu MP3 ecomeçou a ouvir as “Saroana 5-O”.E deixando as suas galochas noparapeito o pobre gato atirou-se davaranda a baixo e assim, Nicochinomorreu, porque as suas vidasesgotaram-se.
  16. 16. Apesar de o gato não ter amigos, osoutros habitantes do prédio e da ilhareuniram-se em homenagem aoNicochino, rezando para o gato poderpartir em paz.
  17. 17. Só vos queria dizer que nãodevemos ser convencidos só portermos uma coisa que os outrosnão têm, porque isso não nos levaa lado nenhum.
  18. 18. Trabalho realizado por:- Joana Sá Pereira- Leonor Ferreira- Mafalda Bártolo- Sara Silva-Jéssica Costa7ºC

×