Projeto de Interiores Residenciais - Lofts

5.992 visualizações

Publicada em

Aula dedicada a projetos residenciais de lofts. Serão trabalhados momentos históricos, origem, a cidade de Nova Iorque (New York) e a região de Manhattan. O crescimento da ideia de morar em lofts com base nas referências industriais, os artistas, ocupação da região, suas influências, estúdios contemporâneos. Análise de materiais de acabamentos e revestimentos. Mobiliários. Composição espacial. Criatividade.

* esse é apenas um ppt, necessitando assim da parte teórica demonstrada em sala de aula.

Publicada em: Design
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Olá boa tarde. Você teria o conteúdo teórico em pdf deste slide, digo, o conteúdo bibliográfico? Pois seu material foi o mais completo que encontrei para pesquisa sobre os Lofts (conceito e história). Estou pesquisando a cerca de 2 meses, para um trabalho do Projeto II de Arq & Urb. Caso tenha algum material pra indicar => continox.ss@uol.com.br
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.992
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.362
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
182
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto de Interiores Residenciais - Lofts

  1. 1. LOFTS - interiores residenciais - Estudo dos Lofts Residenciais Origem, Cultura e Arquitetura Atual Professor: Danilo Saccomori Colaboração: Célio Marques www.ds.arq.br
  2. 2. LoftsLofts
  3. 3. 1950 1970 1960 1990 1980 2014 20101940 Linha do Tempo Loft
  4. 4. São Paulo - Casa Cor edição 2010
  5. 5. dormit. cozinha estar bho office Planta Baixa Loft
  6. 6. dormitório office estar
  7. 7. Planta Baixa Loft dormit. cozinha estar bho office
  8. 8. Planta Baixa Loft dormit. cozinha estar bho office
  9. 9. 1950 1970 1960 1990 19801940 Linha do Tempo Loft  Contexto prévio a criação do Loft : cenário que receberá o Loft  Pop. NY salta de 80 mil para 3 milhões de habitantes (comércio + imigração)  1868: metrô de superfície (1º) ; 1904: subway (1ª)  1886: estátua da liberdade
  10. 10. Lower Manhattan- NY SoHo District - sec XIX
  11. 11. Financial District Wall Street SoHo Industrial District Central Park Residencial Districts
  12. 12. Cena Urbana fim séc. XIX no SoHo - Ocupação
  13. 13.  Arquitetura de Ferro de James Borgadus em NY, decorador das imponentes galerias francesas que seriam as avós dos Malls (shopping centers atuais)
  14. 14. Marcus Field e Mark Irving. Lofts. Ed Laurence King 1999
  15. 15. 1950 1970 1960 1990 1980 2014 20101940 Linha do Tempo Loft  Recessão e Esforço de Recuperação da Economia Americana  World War II
  16. 16. Antiga atividade industrial do SoHo
  17. 17. Finda a atividade industrial no SoHo e chega o Artista
  18. 18. O Espaço recém apropriado e organização do Uso
  19. 19. O Ateliê de um Artista – Composição Espacial criada
  20. 20. Princípio precário, Loft instala em NY uma boemia “à francesa”
  21. 21. 1950 1970 1960 1990 1980 2014 20101940 Linha do Tempo Loft  Hegemonia Americana sobre o bloco Ocidental Capitalista  Ocupação do Soho pelo Artista; gestação do movimento de Contra-Cultura
  22. 22. As qualidades do interior e exterior atraem o Artista ao SoHo
  23. 23. O Espaço de um Ateliê constituído – típico da época
  24. 24. O distrito industrial abandonado se transformará. O artista que chega ao SoHo como primeiro morador do Loft, em gênero clássico , se tornará filósofo, político, arquiteto: agente e objeto da transformação, do Loft.
  25. 25. O Espaço de um Ateliê – Elaboração Espacial e Estética
  26. 26. Arranha Céu O Futuro a ser Edificado
  27. 27. Projeto Urbano SoHo : Highway de Robert Moses SoHo
  28. 28. 1950 1970 1960 1990 1980 2014 20101940 Linha do Tempo Loft  Guerra Fria: Hegemonia Imperialista e Corrida Espacial  Efervescência das artes e do movimento da Contra-Cultura
  29. 29. 1963 - Estudo do Prof. Chester Rapkin : pela Preservação do SoHo
  30. 30. Lofts e Habitação marcados no SoHo
  31. 31. of George Maciunas - SoHo’s FatherFluxus
  32. 32. Fluxus Influenciará Gerações no Mundo Deslocamento do eixo artístico ocidental
  33. 33. O artista não é mais simples habitante, compõe o espaço
  34. 34. A cena não é mais cotidiana, é dinâmica, também o Loft
  35. 35. Nova Identidade Arquitetônica Impressa e Amadurecida
  36. 36.  Moradia reconcebida  Produção das Artes  Inspiração e Experimentação  Espaço Social e de Eventos  Expressão da Personalidade  Resgate de Arquitetura  Popularização da Arte  Requalificação e Reuso  Morfologia Urbana Loft, o Lugar
  37. 37. 1964 – Alterada Lei de Zoneamento : Loft Uso legalizado
  38. 38. Celebration Party
  39. 39. “A.I.R.” - Oficial
  40. 40. “A.I.R.” - Oficial Artists’ Lofts: 1960’s-1970’s — Many buildings in SoHo had been built as commercial lofts, which provided large, unobstructed spaces for manufacturing and other industrial uses. These spaces attracted artists who valued them for their large areas, large windows admitting natural light and low rents. Once loft living in SoHo was legalized, artists living in commercial buildings posted personalized plates written “A.I.R.” (Artist in Residence), signs that indicated that someone was living in the building and on what floor, in case of fire or other emergency. These plates are pieces of fine art collection nowadays.
  41. 41. O pensamento artístico e toda a cultura Loft já não se restringia ao SoHo NY.  De NY para grandes metrópoles americanas e européias, Chicago, Londres, Glasgow, Berlin, Paris, Roma... Difusãono Mundo
  42. 42. SoHo 60’s aos 80s ... cenas em formação
  43. 43. 60’s aos 80s ... cenas em formação
  44. 44. 1950 19601940 1970 1980 1990 Linha do Tempo Loft  Loft: Consolidado no Meio Artístico, ainda underground à Sociedade  Mudança de endereço de Galerias tradicionais NY para vizinhança do SoHo  Popularização do estilo de vida em Loft através das mídias: cinema  Consagração do Estilo Loft pela Arquitetura: do reuso ao uso novo
  45. 45. Loft – Arquitetura legado contemporâneo
  46. 46. Edifício Novo – Apartamento Loft
  47. 47. Relações Espaciais – Secção Vertical – apto 501
  48. 48. apto 502
  49. 49. Loft – Interiores legado contemporâneo
  50. 50. Elementos Clássicos – Evocação aos Materiais
  51. 51. Elementos Clássicos – Evocação ao Industrial
  52. 52. Elementos Clássicos – Evocação ao Despojado
  53. 53. Elementos Clássicos – Evocação ao Industrial
  54. 54. Elementos Clássicos – Evocação ao Industrial
  55. 55. Elementos Clássicos – Construção Espacial
  56. 56. Secções Oblíquas e Curvas
  57. 57. Elementos Clássicos – Evocação a Arte
  58. 58. Elementos Clássicos – Evocação a Arte
  59. 59. Elementos Clássicos – Estilo & Ousadia: Personalidade
  60. 60. Criativo & Inusitado
  61. 61. Criativo & Despojado
  62. 62. Rústico & Versátil
  63. 63. Amplitude & Gesto
  64. 64. Amplitude & Gesto
  65. 65. Amplitude & Gesto
  66. 66. Linguagem & Estilo
  67. 67. Gesto & Coesão
  68. 68. Design & Estilo
  69. 69. Design & Conceito
  70. 70. Materiais & Detalhamento
  71. 71. Personalidade e Criatividade
  72. 72. Inusitado & Criativo
  73. 73. Inusitado & Criativo
  74. 74. Loft Fórmula ou Conceito? um projeto moderno em estudo
  75. 75.  Natureza (amplo?) ...  Elementos da Natureza (todos ?) ...  terra (?) ...  frutos da terra (?) ...
  76. 76. Loft Contemporâneo? projetos modernos
  77. 77. Conceito e os Materiais
  78. 78. Estrutura & Sofisticação
  79. 79. Relações Espaciais & Destaques
  80. 80. Design,Cor&Revestimentos
  81. 81. Design, Cor & Composição
  82. 82. Minimalismo ?
  83. 83. Desing, Materiais & Luminotécnico
  84. 84. Planos e o Espaço
  85. 85. Loft Exercício de Projeto Alunos: Matheus Nicácio e Maria Carolina Valim
  86. 86. LOFT - MEMORIAL
  87. 87. LOFT - MEMORIAL
  88. 88. LOFT - MEMORIAL DESCRITIVO
  89. 89. LOFT - ESPECIFICAÇÕES
  90. 90. LOFT - SETORIZAÇÃO
  91. 91. LOFT - SETORIZAÇÃO
  92. 92. LOFT - FLUXO
  93. 93. LOFT - FLUXO
  94. 94. LOFT – PLANTA BAIXA
  95. 95. LOFT – PLANTA BAIXA
  96. 96. LOFT – PLANTA BAIXA COLORIDA
  97. 97. LOFT – PLANTA BAIXA COLORIDA
  98. 98. LOFT – PLANTA BAIXA LAYOUT
  99. 99. LOFT – PLANTA BAIXA LAYOUT
  100. 100. LOFT – PLANTA BAIXA PISO
  101. 101. LOFT – PLANTA BAIXA PISO
  102. 102. LOFT – PLANTA BAIXA TETO
  103. 103. LOFT – PLANTA BAIXA TETO
  104. 104. LOFT – PLANTA BAIXA ILUMINAÇÃO
  105. 105. LOFT – PLANTA BAIXA ILUMINAÇÃO
  106. 106. LOFT – PLANTA BAIXA AR COND.
  107. 107. LOFT – PLANTA BAIXA AR COND.
  108. 108. LOFT – CORTES
  109. 109. LOFT – VISTAS
  110. 110. LOFT – PERSPECTIVAS
  111. 111. 1950 1970 1960 1990 1980 20001940 Linha do Tempo Loft  A Última Fronteira?.... BIBLIOGRAFIA - referências de aula -
  112. 112. FIELD, Marcus; IRVING, Mark. Lofts. Ed. Laurence King, 1999. SLESIN, Suzanne; CLIFF, Stafford; ROZENSZTROCH, Daniel. The Book of Lofts. Ed. Thames and Hudson, 6ª Ed. 1999.  RICHARDS, Ivor. Manhattan Lofts. Ed. Wiley-Academy, 1ª Ed. 2000.  CORCUERA, Antonio; LLEONART, Aitana. El Gran Libro de Los Lofts. Ed. Monsa, 2007. - lofts - bibliografias
  113. 113. OBRIGADO www.ds.arq.br - interiores residenciais - Estudo dos Lofts Residenciais Origem, Cultura e Arquitetura Atual Professor: Danilo Saccomori Colaboração: Célio Marques

×