Chile  Tudo sobre o Chile.
Geografia do Chile O Chile é um país situado na América do Sul, localizando-se entre o oceano Pacífico, Argentina, Bolívia...
<ul><li>A geografia do Chile é extremamente distinta, visto a abrangência de diversas latitudes em seu território, o que l...
O país está localizado sobre a placa tectônica de Nazca, muito ativa, o que ocasiona violentos terremotos e maremotos - in...
•  População <ul><li>A população do Chile, em julho de 2007, era de 16.284.741 habitantes (com uma densidade demográfica d...
<ul><li>Em 1948 o governo chileno patrocinou a colonização alemã, a fim de povoar a região sul do país, à medida que o tem...
Biodiversidade <ul><li>Chile: centenas protestam contra caça às baleias   </li></ul><ul><li>Centenas de chilenos protestar...
<ul><li>A manifestação visa mobilizar o governo chileno e organizações de ecologia e meio ambiente. De acordo com a Reuter...
Cultura do Chile <ul><li>Os chilenos chamam seu país de &quot;país de poetas&quot;.  Gabriela Mistral  foi a primeira chil...
•  Música Dentro de sua rica gama, a música do Chile não oferece um acento tipológico. De um centenar de compositores dest...
No ano de 1600 tem autos sacramentales, gozos e estribillos, gerando farsas, romances e música popular profana. Em 1707 ch...
•  Literatura   <ul><li>Os chilenos chamam seu país de &quot;país de poetas&quot;.  Gabriela Mistral  foi a primeira chile...
Para lá dos elementos históricos, existem algumas personagens curiosas no  Chile : <ul><li>Papelucho   </li></ul><ul><li>P...
<ul><li>Condorito   </li></ul><ul><li>Condorito é uma  tira em quadrinhos  criada pelo  cartunista   chileno   René Ríos ,...
•  Língua   <ul><li>DIVERSIDADE IDIOMÁTICA: A língua oficial do Chile é o Espanhol; porém em algumas regiões do país usa-s...
•  Hino
O  texto  é composto por seis  estrofes  e um  refrão  que se interpreta entre cada estrofe. Oficialmente, em todo ato púb...
•  Moeda   <ul><li>O  peso chileno  é a  moeda  corrente oficial do  Chile . Seu símbolo é  CLP . </li></ul><ul><li>O  pes...
•  Comidas Típicas   Chupe de Mariscos  Pulmay  Ajiaco  A cozinha chilena é muito rica e variada, além de ser uma das cozi...
Quanto às comidas principais a variedade onde escolher pode complicar a decisão. Aconselhamos para escolher, em primeiro l...
Quanto às sobremesas, o primeiro que há para degustar, sobretudo na época do inverno, são as sopaipillas e os picarones, f...
•  Bebidas   <ul><li>Quanto a bebidas, chefiam a lista os perstigiados vinhos chilenos, especialmente os do Vale do Maipó,...
•  Esporte <ul><li>O esporte mais popular do Chile é o  futebol . O Chile tem se classificou para sete  Copas do Mundo FIF...
Marcelo Ríos <ul><li>O  tênis  é o esporte mais bem sucedido do país. Sua equipe nacional venceu o torneio  World Team Cup...
<ul><li>O  Rodeio do Chile  é um esporte único do Chile e um dos esportes mais populares do país. </li></ul><ul><li>Nos  J...
<ul><li>Sanhattan , o  centro financeiro  de  Santiago , o principal polo econômico e político do país. </li></ul><ul><li>...
<ul><li>Depois de uma década das taxas de grande crescimento econômico, o Chile começou a experimentar uma desaceleração e...
<ul><li>Ao longo dos últimos anos, o Chile assinou acordos de comércio livre com a  União Europeia ,  Coreia do Sul ,  Nov...
•  Economia <ul><li>A  economia chilena  (cuja moeda é o peso) é conhecida internacionalmente como uma das mais sólidas do...
<ul><li>O Chile é o quinto maior exportador de  vinhos  do mundo.A taxa de  desemprego  pairava no intervalo de 8%-10% apó...
<ul><li>Moais  na  Ilha de Páscoa . </li></ul><ul><li>O  turismo no Chile  tem experimentado um crescimento sustentado ao ...
Turma 1008
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Chile - Turma1008

6.309 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Turismo
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.309
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
246
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Chile - Turma1008

  1. 1. Chile Tudo sobre o Chile.
  2. 2. Geografia do Chile O Chile é um país situado na América do Sul, localizando-se entre o oceano Pacífico, Argentina, Bolívia e Peru. A forma territorial do país é certamente uma das mais incomuns do planeta. Do norte ao sul, o Chile se estende por 4 270 quilômetros, ao passo que entre leste e oeste estende-se por 177 quilômetros. No mapa, o Chile aparece como uma longa faixa que se estende do meio da costa oeste da América do Sul até o extremo meridional do continente, onde se curva levemente a leste. Cabo Horn, o ponto mais ao sul das Américas, onde o oceano Atlântico e Pacífico se encontram, é território chileno. Seus vizinhos do norte são Peru e Bolívia, e a fronteira com a Argentina, a leste, estendendo-se por 5 150 quilômetros, é uma das mais longas do mundo.
  3. 3. <ul><li>A geografia do Chile é extremamente distinta, visto a abrangência de diversas latitudes em seu território, o que lhe confere diferentes tipos de clima, vegetação e distribuição populacional. Ao passo que, ao norte, encontra-se o mais árido deserto do planeta (Atacama), ao sul encontram-se geladas florestas úmidas, na chamada Patagônia Chilena. Toda a fronteira com a Argentina é acompanhada pela Cordilheira dos Andes, o que faz com que grande parte dos rios do país sejam de regime nival. </li></ul>
  4. 4. O país está localizado sobre a placa tectônica de Nazca, muito ativa, o que ocasiona violentos terremotos e maremotos - inclusive o maior terremoto já registrado na história, que atingiu 9,5 graus na escala Richter na região de Valdivia, em 1960. O sismo deu origem a ondas de 10 metros de altura, destruindo toda a costa próxima da ilha de Chiloé. Ao passo que, a leste, o país é serpenteado pela Cordilheira dos Andes, sua costa apresenta um grande declive, tendo o oceano Pacífico, mesmo próximo ao litoral, grandes profundidades - o que nada mais é do que um reflexo da grande atividade sísmica ao longo da costa, fruto dos constantes choques da Placa de Nazca com a Placa Sul-americana . A corrente marítima de Humboldt percorre toda a costa chilena. De águas frias, move-se até ao norte, ativada pelo regime de vento predominante na borda oriental do anti-ciclone subtropical do Pacífico. Tal corrente modifica as temperaturas no norte do país, fazendo com que sejam mais frias do que corresponde a latitude do local.
  5. 5. • População <ul><li>A população do Chile, em julho de 2007, era de 16.284.741 habitantes (com uma densidade demográfica de 21,32 hab/km²), sendo que 24,1% são pessoas de 0 a 14 anos (2.010.576 de homens e 1.920.951 de mulheres), 67,4% são pessoas de 15 a 64 anos (5.480.703 de homens e 5.492.988 de mulheres) e 8,5% representam faixa etária a partir de 65 anos (576.698 de homens e 802.825 de mulheres). A taxa de natalidade é de 15,03 nascimentos em cada 1.000 habitantes. A taxa de mortalidade é de 5,87 em cada 1000 habitantes e a taxa de fecundidade é de 1,9 filhos por mulher. A  expectativa de vida , ao nascer, é de 74 anos para os homens e de 80 anos para as mulheres e o crescimento anual da população é baixo (0,92%). </li></ul><ul><li>A maior parte da população chilena está concentrada na faixa  central  do país, só na região metropolitana de Santiago, há mais de 5  milhões  de habitantes, quase 40% da população do Chile. Ali, a densidade demográfica é de 336 hab/km². </li></ul><ul><li>A população do Chile é amplamente mestiça, formada pela mistura racial dos conquistadores espanhóis e dos povos indígenas, fato que ocorreu durante o século XVII. A esta mistura foi adicionada uma maior quantidade de sangue espanhol, na medida em que o fluxo migratório de espanhóis aumentava e os índios eram mortos, durante a colonização. A população indígena do Chile (aproximadamente 5%) é formada de mapuches (aproximadamente um milhão, no sul do país), aymaras, atacamenhos, kwashkar e yaganes (em ilhas do extremo sul) e rapa nuí (estes, na Ilha de Páscoa). </li></ul><ul><li>Alguns grupos de europeus chegaram ao Chile para se estabelecer nas regiões portuárias e aos extremos sul e norte, durante os séculos XIX e XX, entre eles, iugoslavos, franceses, ingleses, irlandeses e italianos. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Em 1948 o governo chileno patrocinou a colonização alemã, a fim de povoar a região sul do país, à medida que o tempo passava, a presença alemã influenciou a cultura no sul do Chile, principalmente nas cidades de Valdívia, Osorno e Llanquihue. Deve-se destacar também a presença da colônia palestina, a mais numerosa desta origem fora do  mundo  árabe. </li></ul><ul><li>Historicamente, os principais grupos de imigrantes correspondem àqueles que vêm dos países que fazem fronteira com o Chile. A colônia peruana é a maior, seguida da argentina. Um dos principais fatores que tem produzido esta imigração foi o importante crescimento da economia chilena, durante as últimas décadas. Da mesma forma, a imigração de outros países latino-americanos tem também sido de grande importância. </li></ul>
  7. 7. Biodiversidade <ul><li>Chile: centenas protestam contra caça às baleias </li></ul><ul><li>Centenas de chilenos protestaram ontem e hoje contra a caça às baleias em Santiago, na Chile, antes do início da reunião anual da Comissão Baleeira Internacionais (CBI). Ontem os participantes vestiram camisetas brancas e azuis para formar uma baleia gigante. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>A manifestação visa mobilizar o governo chileno e organizações de ecologia e meio ambiente. De acordo com a Reuters, crianças, jovens e adultos enfrentaram o frio para participar das atividades no Prque O´higgins, no centro da cidade. </li></ul><ul><li>A gigante baleia-humana, que contou com a presença da ministra do Meio Ambiente do Chile, Ana Lya Uriarte, foi fotografada por um helicóptero. &quot;Fica evidente que o tema da proteção dos cetáceos no mundo, não somente no Chile, é um tema arraigado na cidadania&quot;, disse Ana Lya. </li></ul><ul><li>Os delegados vão avaliar a possibilidade de tornar o Atlântico Sul uma zona livre de matanças de baleias (foto: AP) </li></ul><ul><li>Cerca de 500 delegados de aproximadamente 80 países-membros debaterão temas como a caça às baleias, realizada no Japão, Noruega e Islândia, e a possibilidade de tornar o Atlântico Sul uma zona livre de matanças do animal. </li></ul><ul><li>Os manifestantes também defendem espécies que estão em vias de extinção ou que sofrem caça indiscriminada, como a baleia-de-Minke, representada pelos participantes com camisetas brancas. </li></ul>
  9. 9. Cultura do Chile <ul><li>Os chilenos chamam seu país de &quot;país de poetas&quot;. Gabriela Mistral foi a primeira chilena a ganhar o Prêmio Nobel de Literatura ( 1945 ). O mais famoso poeta chileno, no entanto, é Pablo Neruda , que também ganhou o Prêmio Nobel de Literatura ( 1971 ) e é mundialmente conhecido por sua extensa bibliografia de obras sobre romance, natureza e política. Suas três casas altamente personalizadas, localizado em Isla Negra , Santiago e Valparaíso são destinos turísticos populares. </li></ul><ul><li>Entre a lista de outros poetas chilenos estão Carlos Pezoa Véliz , Vicente Huidobro , Gonzalo Rojas , Isabel Allende e Nicanor Parra . O romance O Pássaro Obsceno da Noite do romancista José Donoso é considerado pelo crítico Harold Bloom como uma das obras canônicas da literatura ocidental do século XX . Outro escritor chileno reconhecido internacionalmente é Roberto Bolaño , cuja traduções para o inglês tiveram uma excelente recepção da crítica. </li></ul>
  10. 10. • Música Dentro de sua rica gama, a música do Chile não oferece um acento tipológico. De um centenar de compositores destacam Soro, H. Allende e G. Becerra e só Allende que tenta o filão nativista.
  11. 11. No ano de 1600 tem autos sacramentales, gozos e estribillos, gerando farsas, romances e música popular profana. Em 1707 chegam claves e música familiar, enquanto que na metade do século frailes forasteiros divulgam diversas obras. A começos do século XIX tem em todo o país arpas, guitarras, claves, pianos, violinos, violoncelos, instrumentos de vento e percussão. Dois músicos de extração popular, o violinista Robles e o claniretista Zapiola, compositores, junto à Isadora Zagers, espanhola destra no canto rossiniano e instrumentos, criam uma Sociedade Filarmônica (1827), antesala da ópera. Chile passa a ser o empório lírico americano, tendo esta fazanha duas consequências: o Conservatório Nacional de Música (1849) e o Teatro Municipal (1857).
  12. 12. • Literatura <ul><li>Os chilenos chamam seu país de &quot;país de poetas&quot;. Gabriela Mistral foi a primeira chilena a ganhar o Prêmio Nobel de Literatura ( 1945 ). O mais famoso poeta chileno, no entanto, é Pablo Neruda , que também ganhou o Prêmio Nobel de Literatura ( 1971 ) e é mundialmente conhecido por sua extensa bibliografia de obras sobre romance, natureza e política. Suas três casas altamente personalizadas, localizado em Isla Negra , Santiago e Valparaíso são destinos turísticos populares. </li></ul><ul><li>Entre a lista de outros poetas chilenos estão Carlos Pezoa Véliz , Vicente Huidobro , Gonzalo Rojas , Isabel Allende e Nicanor Parra . O romance O Pássaro Obsceno da Noite do romancista José Donoso é considerado pelo crítico Harold Bloom como uma das obras canônicas da literatura ocidental do século XX . Outro escritor chileno reconhecido internacionalmente é Roberto Bolaño , cuja traduções para o inglês tiveram uma excelente recepção da crítica. </li></ul>
  13. 13. Para lá dos elementos históricos, existem algumas personagens curiosas no Chile : <ul><li>Papelucho </li></ul><ul><li>Papelucho é o caráter principal em uma série dos livros das crianças criados perto Chilean escritor Marcela Paz . Papelucho é baseado nas experiências do autor como uma criança, e os livros são escritos no formulário dos diários pelo caráter do título. Os livros são os a maioria lidos por crianças de escola Chilean. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>Condorito </li></ul><ul><li>Condorito é uma tira em quadrinhos criada pelo cartunista chileno René Ríos , conhecido como Pepo . Estrelada por uma personificação antropomórfica de um condor que habita uma cidade fictícia chamada Pelotillehue — estereótipo de diversas cidades provincianas chilenas - a obra é extremamente popular por toda a América Latina hispanófona , onde passou a fazer parte da cultura popular geral, apesar de sua origem chilena. A estrutura do Condorito é extremamente simplista; cada página tem uma piada independente, sem qualquer continuidade com as outras (embora algumas piadas sejam maiores ou menores que uma página). As piadas frequentemente tem uma natureza sexista ou chauvinista , e alguns dos detalhes dos desenhos retratam de maneira caricatural os sexos; porém o humor da tira costuma ser fundamentado em duplos sentidos que crianças dificilmente podem compreender. </li></ul>
  15. 15. • Língua <ul><li>DIVERSIDADE IDIOMÁTICA: A língua oficial do Chile é o Espanhol; porém em algumas regiões do país usa-se alguns dialetos, que podemos também chamar de outras línguas como o Araucano e outras línguas Indígenas. E em algumas regiões encontra-se também o uso de línguas aborígines, mas esse uso é bem limitado. </li></ul>
  16. 16. • Hino
  17. 17. O texto é composto por seis estrofes e um refrão que se interpreta entre cada estrofe. Oficialmente, em todo ato público se interpreta o refrão (escrito por Bernardo de Vera y Pintado) e a quinta estrofe escrita por Eusebio Lillo: Original Tradução Puro, Chile, es tu cielo azulado, puras brisas te cruzan también, y tu campo de flores bordado es la copia feliz del Edén Majestuosa es la blanca montaña que te dio por baluarte el Señor, y ese mar que tranquilo te baña te promete futuro esplendor. Refrão Dulce Patria, recibe los votos con que Chile en tus aras juró. Que o la tumba serás de los libres, o el asilo contra la opresión. Puro, Chile, é teu céu azulado, puras brisas te cruzam também, e teu campo de flores bordado, é a cópia feliz do Éden. Majestosa é a branca montanha Que te deu por baluarte o Senhor e esse mar que tranquilo te banha, te promete um futuro esplendor. Refrão Doce pátria, receba os votos Com os que Chile em teus altares jurou Que ou será tumba dos livres, ou o asilo contra a opressão.
  18. 18. • Moeda <ul><li>O peso chileno é a moeda corrente oficial do Chile . Seu símbolo é CLP . </li></ul><ul><li>O peso se difundiu em muitos países americanos: Argentina , Chile , Colômbia , Cuba , Filipinas , Uruguai , México , República Dominicana . </li></ul>
  19. 19. • Comidas Típicas Chupe de Mariscos Pulmay Ajiaco A cozinha chilena é muito rica e variada, além de ser uma das cozinhas mais saborosas do Cono Sul. Sua gastronomia baseia-se, principalmente, na tradição culinária espanhola. Carbonada
  20. 20. Quanto às comidas principais a variedade onde escolher pode complicar a decisão. Aconselhamos para escolher, em primeiro lugar, os peixes e mariscos, já que, graças as extensas costas, o país possui o melhor. Comece com o chupe de mariscos, típico prato de mar adereçado com um delicioso molho tradicional de pão, com um toque de picante, ou com o tradicional curanto e o pulmay, dois pratos em base à mariscos que apenas diferenciam-se pela forma de preparo. O primeiro é cozido em um buraco aberto na terra, sobre pedras quentes com folhas de nalca. Nele são depositados os mariscos, carne de ave e porco, cebolas, ají e outras espécies. Serve-se acompanhado de batatas e com &quot;chapaleles&quot; (espécie de omeletes à brasa). O pulmay é cozido em uma panela. Experimente também a sopa de mariscos, a cazuela de mariscos ou a sopa de peixe, todas elas uma delícia.
  21. 21. Quanto às sobremesas, o primeiro que há para degustar, sobretudo na época do inverno, são as sopaipillas e os picarones, fritos e preparados com abóbora e adoçados com almíbar de chancaca (açúcar mascavado). Preferindo pode desfrutar das frutas como a manga. Goiaba, mamão, chirimoia, lúcuma, damasco, melancia, laranja, maçã, pereira, morango ou uva, preparados em deliciosos sucos ou em &quot;liquados&quot;, com leite. sopaipillas e os picarones
  22. 22. • Bebidas <ul><li>Quanto a bebidas, chefiam a lista os perstigiados vinhos chilenos, especialmente os do Vale do Maipó, onde são obtidos os melhores caldos tintos e brancos. Chile é famoso por seus excelentes vinhos que exportam-se ao mundo inteiro. </li></ul><ul><li>Não deixe de experimentar o pisco, especialmente o &quot;pisco sour&quot;, drinque preparado com suco de limão e açúcar. Nos feriados nacionais costuma-se beber chicha, suco de uva ou mançã fermentado. </li></ul><ul><li>A guinja é uma fruta parecida à cerejeira, utilizada para preparar guindano. A fruta é engarrafada com água e deixa-se macerar 2 ó 3 meses até transformar-se em um líquido vermelho e oscuro, adquirindo consistência e sabor. O guindado novo é da cor laranja. </li></ul><ul><li>Bares e restaurantes costumam vender cerveja de barril (chop), mais econômica que a cerveja engarrafada. Só nos resta dizer que no Chile a água é potável em quase todo lugar. </li></ul>
  23. 23. • Esporte <ul><li>O esporte mais popular do Chile é o futebol . O Chile tem se classificou para sete Copas do Mundo FIFA , que inclui a Copa do Mundo FIFA de 1962 , sediada no país, onde a seleção nacional de futebol terminou em terceiro. Outros resultados alcançados pela selecção nacional de futebol incluem quatro finais na Copa América , uma medalha de prata e duas de bronze nos Jogos Pan-americanos , uma medalha de bronze nas Olimpíadas de 2000 e dois terceiro lugares nos torneios FIFA Sub-17 e sub- 20. Os principais clubes de futebol são o Colo-Colo , Universidad de Chile e Universidad Católica . O Colo-Colo é um clube de futebol do país mais bem sucedido, tendo mais campeonatos nacionais e internacionais, incluindo a cobiçada Copa Libertadores da América , o torneio de clubes sul-americanos . O Universidad Católica foi o último campeão internacional ( Copa Interamericana de 1994). </li></ul>Estádio Nacional de Chile .
  24. 24. Marcelo Ríos <ul><li>O tênis é o esporte mais bem sucedido do país. Sua equipe nacional venceu o torneio World Team Cup duas vezes ( 2003 e 2004 ), e jogou a final da Copa Davis contra a Itália em 1976 . No Jogos Olímpicos de Verão de 2004 do país ganhou ouro e bronze no individual masculino e ouro em duplas masculinas. Marcelo Ríos se tornou o primeiro latino-americano a alcançar o primeiro lugar no ranking individual da ATP em 1998. Anita Lizana venceu o US Open em 1937 , tornando-se a primeira mulher da América Latina a ganhar um torneio de Grand Slam . Luis Ayala foi duas vezes vice-campeão no Aberto da França e Ríos e Fernando González chegaram ao final do Australian Open . </li></ul>
  25. 25. <ul><li>O Rodeio do Chile é um esporte único do Chile e um dos esportes mais populares do país. </li></ul><ul><li>Nos Jogos Olímpicos , o Chile possui duas medalhas de ouro (tênis), sete medalhas de prata ( atletismo , equitação , boxe , tiro e tênis) e quatro medalhas de bronze (tênis, boxe e futebol). O Rodeio do Chile é o esporte nacional do país e é praticado em zonas mais rurais do país. Um esporte semelhante ao hóquei chamado chueca era jogado pelo povo mapuche durante a conquista espanhola. O esqui e o snowboard são praticados em centros de esqui localizada nos Andes Centrais, e em centros de esqui do sul perto de cidades como Osorno , Puerto Varas , Temuco e Punta Arenas . O surfe é popular em algumas cidades costeiras. O polo é praticado profissionalmente no Chile e em 2008 o Chile alcançou o prêmio máximo no Campeonato do Mundo de Polo , um torneio em que o país ganhou dois segundo e terceiro lugares em edições anteriores. O basquetebol é um esporte popular no qual o Chile ganhou uma medalha de bronze no Campeonato Mundial de Basquetebol da FIBA , realizado em 1950, e ganhou uma medalha de bronze quando o Chile sediou Campeonato Mundial de Basquetebol de 1959 . O Chile sediou o primeiro Campeonato Mundial de Basquetebol Feminino , em 1953, terminando o torneio com a medalha de prata. Outros esportes, como maratonas e ultramaratonas também estão aumentando em popularidade. Do Chile, San Pedro de Atacama é o anfitrião anual do &quot; Atacama Crossing &quot;, uma das seis fases de corrida a pé de 250 quilômetros, que atrai anualmente cerca de 150 concorrentes de 35 países. </li></ul>
  26. 26. <ul><li>Sanhattan , o centro financeiro de Santiago , o principal polo econômico e político do país. </li></ul><ul><li>Chile tem uma economia dinâmica e orientada para o mercado caracterizado por um elevado nível de comércio exterior . Durante a década de 1990 , a reputação do Chile como um modelo para a reforma econômica foi reforçado quando o governo democrático de Patricio Aylwin - que assumiu o governo dos militares em 1990 - aprofundou as reformas econômicas iniciadas pelo governo militar. A média de crescimento do PIB foi de 8% durante o período de 1991 - 1997 , mas caiu para metade do nível que em 1998 devido a políticas monetárias implementadas para manter o déficit em conta corrente em cheque e por causa dos ganhos de exportação mais baixos - o último produto da crise financeira asiática . A economia do Chile desde então recuperou e tem taxas de crescimento de 5% a 7% ao longo do últimos anos. Em 2006 , o Chile se tornou o país com o maior PIB nominal per capita na América Latina </li></ul>
  27. 27. <ul><li>Depois de uma década das taxas de grande crescimento econômico, o Chile começou a experimentar uma desaceleração econômica moderada em 1999, trazido pela desfavoráveis condições econômicas globais relacionadas com a crise financeira asiática , que começou em 1997 . A economia permaneceu lenta até 2003 , quando começou a mostrar sinais claros de recuperação, alcançando 4,0% de crescimento do PIB real. [55] A economia chilena terminou 2004 com crescimento de 6,0%. O crescimento real do PIB atingiu 5,7% em 2005, antes de cair novamente para o crescimento de 4,0% em 2006. O PIB cresceu 5,1% em 2007. [4] </li></ul><ul><li>Políticas econômicas sólidas, mantidas constantes desde os anos 1980 , contribuíram para um crescimento estável e reduzindo as taxas de pobreza pela metade. [4] O governo militar (1973-1990) vendeu muitas empresas estatais , e os três governos democráticos desde 1990 prosseguiram com o precesso de privatização , embora a um ritmo mais lento. O papel do governo na economia é essencialmente limitado à regulação, embora o Estado continue a controlar a gigante do cobre CODELCO e algumas outras empresas (não existe um banco estatal). O Chile está fortemente empenhado no livre comércio e tem recebido grande quantidade de investimentos estrangeiros. O país assinou acordos de livre comércio (TLC) com toda uma rede de países, incluindo um TLC com os Estados Unidos , que foi assinado em 2003 e implementado em Janeiro de 2004 </li></ul>
  28. 28. <ul><li>Ao longo dos últimos anos, o Chile assinou acordos de comércio livre com a União Europeia , Coreia do Sul , Nova Zelândia , Singapura , Brunei , China e Japão . O país chegou a um acordo de comércio parcial com a Índia em 2005 e começou negociações para um TLC de pleno direito com os indianos em 2006 . O governo chileno também concluiu acordos comerciais preferenciais com a Venezuela , Colômbia e Equador . Um acordo de associação com o Mercosul ( Argentina , Brasil , Paraguai e Uruguai ), entrou em vigor em outubro de 1996 . O Chile conduziu negociações comerciais em 2007 com a Austrália , Malásia e Tailândia , bem como com a China para expandir um acordo existente além do simples comércio de bens. O governo chileno concluiu as negociações com a Austrália e a expansão do acordo com a China em 2008. Os membros do P4 (Chile, Singapura, Nova Zelândia e Brunei ), também pretendem concluir um capítulo sobre finanças e investimentos em 2008. [4] A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) concordou em convidar Chile para estar entre os quatro países para abrir discussões para se tornar um membro oficial da organização. [57] O país foi convidado a participar da organização em dezembro de 2009 e aprovado em janeiro de 2010 . </li></ul><ul><li>O elevado nível de poupança doméstica e as taxas de investimento ajudou a impulsionar a economia do Chile para taxas de crescimento médio de 8% durante a década de 1990 . O sistema de pensões nacionais privatizadas (AFP) tem incentivado o investimento doméstico e contribuiu para uma estimativa de taxa de poupança total nacional de cerca de 21% do PIB </li></ul><ul><li>Chuquicamata , a maior mina a céu aberto do mundo. </li></ul>
  29. 29. • Economia <ul><li>A economia chilena (cuja moeda é o peso) é conhecida internacionalmente como uma das mais sólidas do continente. Durante o período militar (1973-1990), foi adotado o modelo neoliberal, que foi mantido pelos governos posteriores. Graças a uma sólida base institucional e a uma forte coesão parlamentar voltadas para a política econômica, o Chile manteve, durante a década de 90, um crescimento anual de 7% e, de 2000 a 2007, uma taxa de crescimento de 5%. </li></ul>
  30. 30. <ul><li>O Chile é o quinto maior exportador de vinhos do mundo.A taxa de desemprego pairava no intervalo de 8%-10% após o início da desaceleração econômica em 1999, acima da média de 7% em 1990. Desemprego finalmente caiu para 7,8% em 2006, e manteve a queda em 2007, com uma média mensal de 6,8% (até agosto).Os salários subiram mais rapidamente do que a inflação como resultado da maior produtividade , aumentando o padrão de vida nacional. A porcentagem dos chilenos com renda familiar abaixo da linha da pobreza , definido como duas vezes o custo para satisfazer uma pessoa em necessidades mínimas nutricionais caiu de 45,1% em 1987 para 13,7% em 2006 , de acordo com pesquisas do governo. Os críticos, no Chile, no entanto, argumentam que os valores verdadeiros de pobreza são consideravelmente mais elevados do que os oficialmente publicados, porque o governo constrói a linha de pobreza com base em uma pesquisa de consumo desatualizada. Segundo esses críticos, utilizando os dados da pesquisa de 1997, a taxa de pobreza sobe para 29%. Usando o critério relativo favorecido em muitos países europeus , 27% dos chilenos seria pobre, de acordo com Juan Carlos Feres da CEPAL </li></ul>
  31. 31. <ul><li>Moais na Ilha de Páscoa . </li></ul><ul><li>O turismo no Chile tem experimentado um crescimento sustentado ao longo das últimas décadas. Em 2005 , o turismo cresceu 13,6%, gerando mais de 4,5 mil milhões de dólares , dos quais 1,5 bilhões são atribuídos aos turistas estrangeiros. De acordo com o Serviço Nacional de Turismo (Sernatur), 2 milhões de pessoas por ano visitam o país. A maioria destes visitantes vêm de outros países no continente americano , principalmente Argentina , seguido por um número cada vez maior dos Estados Unidos , Europa e Brasil com um número crescente de asiáticos da Coreia do Sul e da República Popular da China </li></ul>
  32. 32. Turma 1008

×