ECOLOGIA BIOCÍBRIDA:Arte e Tecnologia e Sistemas vivos                                                        Msc. Camila ...
ResumoAs coisas nos apresentam como real, através de fenômenosperceptivos naturais e/ou artificiais que informam ao nossoc...
INTERPRETAÇÕES DA REALIDADE A PARTIR DA ESSÊNCIA DAS COISAS       OBJETIVO:                     Descrever                 ...
Cíbrido: continnum entre átomos e bits  cíbrido é a fusão da atualidade e da virtualidade, a conexão entre a realidade que...
São pelos nossos cinco sentidos que as formas dedescrever, compreender, interpretar, manipular, apreender etrocar os fenôm...
Entendemos por fenômenos os acontecimentos, as propriedades de uma coisa, que nósexperimentamos pela nossa relação com o m...
Em geral, os sentidos são exclusividades dos seres humanos, noentanto, estamos cada vez mais transferindo para a máquinain...
No estudo da tecnologia da visão computacional, por exemplo, podemos construirsistemas que permitem à máquina, enxergar a ...
Nesse contexto, a percepção artificial e natural está diretamente relacionada àscaracterísticas do espaço em que os fenôme...
Arte Cíbrida                               <Body>       #7 ART – Encontro Internacional de Arte e TecnologiaSistema de vis...
HAMDAN, Camila. <Body>, 2008. Desenho do marcador de realidade aumentada,sistema de visão computacional e projeção em temp...
Tatuagens tribais modeladas e animadas (3D MAX, VRML)Estudos a partir de imagens de tatuagens, modelagem e animação do Ali...
HARMAN, Kate. Botanicalls,2009. Sistema composto por sensores de umidadeconectados a uma placa de circuito que envia mensa...
patt1wrl/plant1.WRL        #objeto 10.0 0.0 0.0       # Translation - x,y,z from center of tracking pattern90 1.0 0.0 0.0 ...
patt2wrl/plant2.WRL       #objeto 20.0 0.0 0.0      # Translation - x,y,z from center of tracking pattern90 1.0 0.0 0.0   ...
wrl/plant3.WRL       #objeto 30.0 0.0 0.0      # Translation - x,y,z from center oftracking pattern90 1.0 0.0 0.0   # Rota...
wrl/plant4.WRL       #objeto 40.0 0.0 0.0      # Translation - x,y,z from center of trackingpattern90 1.0 0.0 0.0   # Rota...
CONSIDERAÇÕES FINAIS       A partir do que foi levantado nesse artigo, podemos dizer que hoje ostrabalhos que recorrem as ...
A utilização do corpo orgânico como interface configura-se como umapossibilidade de experimentação artística. De forma a p...
camilahamdan@gmail.com      Brasília-DF         2009
HAMDAN, Camila. Ecologia Biocíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. Apresentação:  II Seminário Cultura Visual UFG 2009
HAMDAN, Camila. Ecologia Biocíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. Apresentação:  II Seminário Cultura Visual UFG 2009
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

HAMDAN, Camila. Ecologia Biocíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. Apresentação: II Seminário Cultura Visual UFG 2009

413 visualizações

Publicada em

Resumo:
As coisas nos apresentam como real, através de fenômenos perceptivos naturais e/ou artificiais que informam ao nosso cérebro dados que apreendem o nosso corpo num ambiente. Nos valemos do pensamento sistêmico prático-teórico dos conceitos da arte, ciência e tecnologia, que fundamentam as relações experienciais dos seres vivos com elementos reais e virtuais, a natureza em simbiose com as tecnologias em espaços artísticos no contexto que denominamos ser arte cíbrida. Propomos a construção de ambientes artísticos a partir do jogo das sensações criadas por sistemas simbióticos onde orgânico e inorgânico são inoperantes um sem o outro e mutuamente dependentes.


HAMDAN,Camila. Ecologia Cíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. In: Anais do II Seminário Nacional de Pesquisa em Cultura Visual, FAV/UFG, Goiânia, 2009. ISSN: 1983-1919. (Artigo). Disponível em: https://www.academia.edu/300741/

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
413
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

HAMDAN, Camila. Ecologia Biocíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. Apresentação: II Seminário Cultura Visual UFG 2009

  1. 1. ECOLOGIA BIOCÍBRIDA:Arte e Tecnologia e Sistemas vivos Msc. Camila Hamdan* 2009* Artista Multimídia, professora do Curso de Jogos Digitais pela Universidade do Distrito Federal (UDF), mestra em Arte e Tecnologia pelo Programade Pós-Graduação em Arte da Universidade de Brasília (UnB), bolsista de Apoio Técnico a Pesquisa do CNPq no Laboratório de Pesquisa em Arte eRealidade Virtual da UnB sob coordenação da professora Dra. Suzete Venturelli e colaboração da professora Dra. Diana Domingues. HAMDAN, Camila. Ecologia Cíbrida: arte, tecnologia e sistemas vivos. In: Anais do II Seminário Nacional de Pesquisa em Cultura Visual, FAV/UFG, Goiânia, 2009. ISBN: 19831919. Disponível em: http://brasilia.academia.edu/CamilaHamdan/Papers/253071
  2. 2. ResumoAs coisas nos apresentam como real, através de fenômenosperceptivos naturais e/ou artificiais que informam ao nossocérebro dados que apreendem o nosso corpo num ambiente.Nos valemos do pensamento sistêmico prático-teórico dosconceitos da arte, ciência e tecnologia, que fundamentam asrelações experienciais dos seres vivos com elementos reais evirtuais, a natureza em simbiose com as tecnologias em espaçosartísticos no contexto que denominamos ser arte cíbrida.Propomos a construção de ambientes artísticos a partir do jogodas sensações criadas por sistemas simbióticos onde orgânico einorgânico são inoperantes um sem o outro e mutuamentedependentes.Palavras-chave: ecologia cíbrida, arte, percepção, tecnologia,sistemas vivos.
  3. 3. INTERPRETAÇÕES DA REALIDADE A PARTIR DA ESSÊNCIA DAS COISAS OBJETIVO: Descrever algumas recentes pesquisas artísticas e cientificas que abordam uma realidade conectada pelo uso das tecnologias como forma de comunicação e potencialização dos seres vivos, assim como, propor uma experimentação artística que venha a possibilitar uma rede simbiótica* entre fenômenos reais/digitais, em tempo real.* ROSNAY, Jöel. O Homem Simbiótico: perspectivas para o terceiro milênio. Guilherme João Freitas (Trad.). Petrópolis: Vozes, 1997. 445p.
  4. 4. Cíbrido: continnum entre átomos e bits cíbrido é a fusão da atualidade e da virtualidade, a conexão entre a realidade que contém os objetos concretos e a virtualidade, que contém os objetos simulados. Os objetos concretos são os objetos reais, atualidade do espaço físico que habitamos, entendido como tendo três dimensões (x, y, z), constituídas por unidades básicas de existência, os átomos. Já o virtual, é relacionado ao espaço computacional e suas unidades que o compõem, os bits. Peter Anders 2003
  5. 5. São pelos nossos cinco sentidos que as formas dedescrever, compreender, interpretar, manipular, apreender etrocar os fenômenos*, que compreendemos a realidade.
  6. 6. Entendemos por fenômenos os acontecimentos, as propriedades de uma coisa, que nósexperimentamos pela nossa relação com o mundo (MERLEAU-PONTY, Maurice, 1999),assim, para Edmund Husserl o fenômeno “não é só o que aparece ou se manifesta ao serhumano em condições particulares, mas aquilo que aparece ou se manifesta em si mesmo,como é em si, na sua essência” (ABBAGNANO, Nicola, 2003, p. 437).
  7. 7. Em geral, os sentidos são exclusividades dos seres humanos, noentanto, estamos cada vez mais transferindo para a máquinainformações sobre a essência de nossos sentidos, como tambémde qualquer organismo vivo*. *Processo chamado de transdução (PLAZA, Júlio; TAVARES, Mônica, 1998).
  8. 8. No estudo da tecnologia da visão computacional, por exemplo, podemos construirsistemas que permitem à máquina, enxergar a detecção de eventos, informações,objetos ou ambientes constituídos na interação humano-computador (IHC). Aspercepções visuais dos seres vivos resultam como modelos para os sistemascomputacionais operarem sob os termos dos processos fisiológicos. Portanto, ossentidos como meios através dos quais os seres vivos percebem e reconhecem outrosorganismos, também possibilitam a descrição de informações que permitem amáquina criar e/ou interpretar fenômenos.
  9. 9. Nesse contexto, a percepção artificial e natural está diretamente relacionada àscaracterísticas do espaço em que os fenômenos se encontram, já que estenecessariamente se dá pela nossa relação com o mundo. Assim, nossasinterações com as tecnologias da comunicação permitem a construção de espaçosdinâmicos a partir das inter-relações entre a percepção orgânica/digital e o meioambiente. São combinações sistêmicas, interligadas e interdependentes de umarealidade conectada. A percepção de um espaço misto em que elementosorgânicos e inorgânicos coexistem e podem interagir, pode ser tanto, aquilo que épercebido através de estímulos sensoriais naturais, quanto, informações digitaisinterpretadas pelo nosso cérebro e/ou máquina.
  10. 10. Arte Cíbrida <Body> #7 ART – Encontro Internacional de Arte e TecnologiaSistema de visão computacional: leitura dos marcadores pela webcam e projeção na exposição - EmMeio, no Museu Nacional da República, Brasília-DF, 2008.
  11. 11. HAMDAN, Camila. <Body>, 2008. Desenho do marcador de realidade aumentada,sistema de visão computacional e projeção em tempo real na exposição. Tatuagemvirtual animada sobre a superfície da pele.
  12. 12. Tatuagens tribais modeladas e animadas (3D MAX, VRML)Estudos a partir de imagens de tatuagens, modelagem e animação do Alien Tattoo
  13. 13. HARMAN, Kate. Botanicalls,2009. Sistema composto por sensores de umidadeconectados a uma placa de circuito que envia mensagens para o Twitter.
  14. 14. patt1wrl/plant1.WRL #objeto 10.0 0.0 0.0 # Translation - x,y,z from center of tracking pattern90 1.0 0.0 0.0 # Rotation angle + axis, eg 90.0 1.0 0.0 0.0555
  15. 15. patt2wrl/plant2.WRL #objeto 20.0 0.0 0.0 # Translation - x,y,z from center of tracking pattern90 1.0 0.0 0.0 # Rotation angle + axis, eg 00.0 1.0 0.0 0.0555
  16. 16. wrl/plant3.WRL #objeto 30.0 0.0 0.0 # Translation - x,y,z from center oftracking pattern90 1.0 0.0 0.0 # Rotation angle + axis, eg 90.0 1.00.0 0.010 10 10 patt3
  17. 17. wrl/plant4.WRL #objeto 40.0 0.0 0.0 # Translation - x,y,z from center of trackingpattern90 1.0 0.0 0.0 # Rotation angle + axis, eg 90.0 1.0 0.0 0.015 15 15 patt4
  18. 18. CONSIDERAÇÕES FINAIS A partir do que foi levantado nesse artigo, podemos dizer que hoje ostrabalhos que recorrem as tecnologias da realidade aumentada em sistemas,aproximam o ser vivo ao desejo de ubiqüidade e fortalecem a cultura cíbrida empráticas experimentais de comunicação. A realidade em conexão com as tecnologias tem como característica, comovimos, uma nova percepção do ambiente, pelo diálogo dos sistemas vivos sobre oespaço, pela possibilidade de interpretar informações geradas a partir de fenômenosnaturais e/ou artificiais em uma interação de sistemas vivos e computador.
  19. 19. A utilização do corpo orgânico como interface configura-se como umapossibilidade de experimentação artística. De forma a pigmentar tais reflexõesabordadas, acreditamos, com bases nas experimentações artísticas e científicasdescritas, que as interfaces acopladas aos seres vivos mesclarão de forma sutil,o orgânico em diálogo com o inorgânico através das estruturas sistêmicas,criando modelos criativos de espaço para a arte e para a vida.
  20. 20. camilahamdan@gmail.com Brasília-DF 2009

×