Banco de dados Aula 1

7.667 visualizações

Publicada em

Banco de Dados - Aula 1 - Professor Bruno Strik

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.667
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
221
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Banco de dados Aula 1

  1. 1. Banco de dados<br />Prof. Bruno Strik<br />
  2. 2. A disciplina<br />Carga Horária: 60h<br />2 Avaliações (50 pts)<br />Trabalhos (20 pts)<br />Atividades em sala(30 pts)<br />brunostrik@gmail.com<br />
  3. 3. Apresentação dos alunos<br />
  4. 4. Introdução abanco de dados<br />
  5. 5. Conceitos básicos<br />Banco de Dados<br />É o armazenamento estruturado de um conjunto de fatos que possibilitam produção de informação.<br />Na prática, é um ‘módulo acoplado’ à linguagem de programação que ‘apenas’ armazena as informações.<br />Pode ser considerado um banco de dados<br />Agenda telefônica<br />Lista de Pedidos<br />Catálogo de Produtos<br />Não pode ser considerado um banco de dados<br />Calculadora<br />Gerador de cartelas de bingo<br />
  6. 6. Conceitos básicos<br />Linguagem de Programação<br />Realiza os cálculos, manipula os textos, controla interface gráfica e mostra as informações<br />Operações: soma, se (if) enquanto (while)<br />Banco de Dados<br />Principalmente guarda as informações<br />Operações: Inserir novas informações, Apagar informações já armazenadas, coletar informações armazenadas, atualizar informações armazenadas.<br />
  7. 7. Conceitos básicos<br />Dado<br />Valor atômico<br />Registro de um fato isolado<br />Não tem significado claro<br />Importante para o usuário<br />Menor unidade de informação<br />Conteúdo do campo<br />Exemplo: 4<br />
  8. 8. Conceitos básicos<br />Campo<br />Descreve o significado de um dado<br />Exemplo: NumeroCarro<br />
  9. 9. Conceitos Básicos<br />Registro ou Tupla<br />Conjunto de campos<br />Exemplo:<br />
  10. 10. Conceitos Básicos<br />Arquivo<br />Conjunto de registros<br />
  11. 11. Conceitos básicos<br />Banco de dados<br />Armazenamento físico dos arquivos<br />
  12. 12. Conceitos Básicos<br />Sistema gerenciador de Banco de Dados (SGBD)<br />Software responsável pelo armazenamento e recuperação de dados no banco de dados<br />
  13. 13. HISTÓRICO<br />Décadas 50 e 60<br />Dados armazenados em fitas magnéticas e cartões perfurados.<br />
  14. 14. Histórico<br />Década de 70<br />Armazenamento em discos rígidos<br />Nascimento do banco de dados hierárquico<br />
  15. 15. histórico<br />Década de 80<br />Surgimento do banco de dados relacional<br />IBM System R e IBM SQL/DS<br />Oracle V2<br />
  16. 16. histórico<br />Década de 90 <br />Explosão da WEB<br />Banco de dados voltados para consultas rápidas<br />Funcionamento 24/7<br />Projetos de banco de dados orientados à objeto.<br />
  17. 17. Histórico<br />Anos 2000<br />XQUERY, um novo conceito em banco de dados<br />Banco de dados mais confiáveis<br />Expansão do Open Source<br />
  18. 18. VISÃO DO BANCO DE DADOS<br />Visão Interna<br />É aquela vista pelo responsável da manutenção do banco de dados. Deve se preocupar com características técnicas estritas do BD, como a forma em que os dados são armazenados, como o software do banco se interage com o sistema. É a visão do desenvolvedor do banco de dados.<br />
  19. 19. VISÃO DO BANCO DE DADOS<br />Visão Conceitual<br />É aquela vista pelo analista/desenvolvedor e pelo administrador do banco de dados. Deve se preocupar com segurança, confiabilidade, velocidade e qualidade do banco de dados. Esta é a nossa visão.<br />
  20. 20. VISÃO DO BANCO DE DADOS<br />Visão Externa<br />É a visão do usuário final do sistema que utiliza banco de dados. Deve ser extremamente simples. O ideal é que o usuário apenas veja os dados e os comandos fiquem transparentes para ele.<br />
  21. 21. VISÃO DO BANCO DE DADOS<br />Externa<br />Conceitual<br />Interna<br />
  22. 22. VANTAGENS DO BANCO DE DADOS<br />Sistema tradicional de armazenamento:<br />Armazena diversos arquivos sem lógica padrão<br />Inseguro e lento<br />Sem padronização<br />Redundância (dados repetidos)<br />Somente um acesso simultâneo<br />Banco de Dados<br />Armazena arquivos indexados (ordenados)<br />Seguro (Senha, permissões, níveis) e mais rápido<br />Dados padronizados<br />Repetições controladas<br />Vários acessos simultâneos<br />
  23. 23. DADO E INFORMAÇão<br />Dado é uma informação abstrata, você consegue ler, mas não sabe onde e como se aplica.<br />40 kg<br />Leite desnatado<br />20 dias<br />Informação é algo que você compreende e sabe seu significado e utilidade.<br />João pesa 40 kg<br />Pedi para comprar leite desnatado.<br />A promoção dura 20 dias<br />
  24. 24. aTIVIDADE<br />
  25. 25. COMPATIBILIDADE<br />O banco de dados serve para armazenar os dados de um programa;<br />Uma linguagem de programação é compatível com vários bancos de dados.<br />Um banco de dados é compatível com várias linguagens de programação.<br />Um banco de dados pode servir a mais de um programa<br />Um programa pode ter mais de um banco de dados.<br />
  26. 26. COMPATIBILIDADE<br />
  27. 27. aBSTRAÇÃO<br />
  28. 28. ABSTRAÇÃO<br />Ao analisar um caso e a partir dele montar um modelo de banco de dados, devemos observar:<br />Entidades<br />Atributos<br />Relacionamentos<br />Cardinalidade<br />Tipos de Dados<br />
  29. 29. ENTIDADES<br />Objetos ou conceitos que possuem um conjunto de características comuns, compostas ou caracterizadas por um conjunto de atributos. Corresponde a uma tabela de um Banco de Dados.<br />
  30. 30. ENTIDADES - EXEMPLO<br />
  31. 31. ENTIDADES - EXEMPLO<br />Nome<br />Idade<br />RG<br />CPF<br />Peso<br />Altura<br />Cor do Cabelo<br />Tamanho calçado<br />
  32. 32. ENTIDADES - ESTUDO DE CASO f1<br />Um portal de fãs de esportes gostaria de registrar as novas informações sobre a temporada 2011 de fórmula 1. Os fãs gostariam de saber as informações sobre os novos carros e seus pilotos.<br />Quais entidades podemos encontrar nesse modelo?<br />
  33. 33. Entidades – estudo de caso f1<br />Carros<br />Pilotos<br />
  34. 34. ENTIDADES - EXERCÍCIO<br />Uma revendedora de veículos gostaria de um sistema para registrar os carros de seu estoque. Você como analista contratado, deve encontrar as entidades para montar o banco de dados.<br />
  35. 35. Atributos<br />Características comuns aos objetos ou conceitos definidos pela Entidade. É qualquer propriedade de uma Entidade. Corresponde aos campos de uma tabela.<br />
  36. 36. ATRIBUTOS - EXEMPLO<br />
  37. 37. Atributos - exemplo<br />
  38. 38. ATRIBUTOS – ESTUDO DE CASO f1<br />Um portal de fãs de esportes gostaria de registrar as novas informações sobre a temporada 2011 de fórmula 1. Os fãs gostariam de saber as informações sobre os novos carros e seus pilotos.<br />Sabendo que Piloto e Carro são entidades, quais os atributos?<br />
  39. 39. Atributos - ESTUDO DE CASO - carros<br />Nome: MVR-02<br />Motor: Consworth CA2011<br />Pneus: Pirelli<br />Rodas: BBS<br /><ul><li>Nome: R31
  40. 40. Motor: Renault RS272011
  41. 41. Pneus: Pirelli
  42. 42. Rodas: OZ</li></li></ul><li>Atributos - ESTUDO DE CASO - pilotos<br />Nome: Timo Glock<br />País: Alemanha<br />Idade: 28<br />Estréia na F1: 2008<br /><ul><li>Nome: Jerome D’Ambrosio
  43. 43. País: Bélgica
  44. 44. Idade: 25
  45. 45. Estréia na F1: 2011</li></li></ul><li>Atributos - EXERCÍCIO<br />Uma revendedora de veículos gostaria de um sistema para registrar os carros de seu estoque. Você como analista contratado, deve encontrar as entidades para montar o banco de dados.<br />Sabendo que Carro é uma entidade, quais seus atributos? <br />Atributos importantes para revenda<br />

×