Introdução a informática

189 visualizações

Publicada em

I.I

Publicada em: Internet
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Introdução a informática

  1. 1.  Sistema Operacional e Introdução à Informática  Prof. Armando  Alunos:  Gabrielly Rodrigues Estevan  Gustavo Freitas Carrasco  João Augusto Tiago da Silva  Kellyana Ferreira Ressude Batista  Matheus Ferreira da Silva  Luana Gomes Viana
  2. 2. SISTEMA OPERACIONAL E INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA TRABALHO DE ISLAIDE -Geração Zero Comp. Mecânicos -1ª Geração Válvulas -2ª Geração Transistor -3ª Geração Circuito Integrado -4ª Geração Microprocessador
  3. 3. Geração Zero(1642-1945)  Geração zero: Computadores mecânicos  Pascalina (primeira calculadora mecânica). Criada por Blaise Pascal para auxiliar o seu trabalho de contabilidade, no escritório de coleta de impostos juntamente com seu pai. Era baseada em 2 conjuntos de discos: em para introdução dos dados e outro para armazenar os resultados, interligados por meios de engrenagens. A máquina utilizava o sistema decimal, de maneira que quando um disco ultrapassava o valor de 9, retornava ao 0 e aumentava um unidade no disco imediatamente.
  4. 4. 1822- Maquina das diferenças de Babbage entrada de dados através de cartões perfurados.
  5. 5. 1833- Máquina analítica de Babbage ( Considerado o primeiro computador. Necessitava de Software). Era muito similar, em conceitos, aos computadores atuais. Usava um sistema decimal e era capaz de realizar virtualmente qualquer operação. De acordo com o projeto, a máquina analítica de Babbage podia somar, subtrair, multiplicar e dividir em seqüencia automática a uma velocidade de 60 somas por minuto.
  6. 6. 1ª Geração (1945-1955)  O 1º computador digital foi projetado pelo Charles Babbage (1792-1871). Embora Babbage tenha empregado a maior parte de sua vida e de sua fortuna para construir a sua “maquina analítica”, ele nunca consegui vê-la funcionando de modo apropriado pois era inteiramente mecânica e a tecnologia de sua época não poderia produzir as rodas, as engrenagens e as correias de alta precisão que eram necessárias. É obvio que a máquina analítica não possuía sistema operacional.
  7. 7. 1ª Geração - Válvulas  Depois dos infrutiferos esforços de Babbage, surgiram-se poucos processos na construção de computadores digitais até a segunda guerra mundial, que estimulou uma explosão de atividades. O professor John Atanasoff e seu então aluno Clifford Berry construiram oque considera-se o primeiro computador digital em funcionamento, na Universidade do Estado de Iowa. Ele usava 300 válvulas. Quase ao mesmo tempo, Konrad Zuse, em Berlim, construiu o computador Z3 de relés.
  8. 8. 2ª Geração - Transistor  Em 1952 surgiu um novo componente que apresentava inúmeras vantagens em relação às antigas válvulas: ele tinha características como menor aquecimento, maior poder de cálculo e confiabilidade e um consumo de energia bem menor - com o adicional de que não necessitava de tempo para aquecer. A Bell Laboratories inventava o transistor. Os cálculos passaram a ser medidos de segundos para microssegundos. As linguagens utilizadas para esses computadores eram normalmente a FORTRAN, COBOL ou ALGOL.
  9. 9. 2ªGeração A partir desse momento, devido à maior facilidade e praticidade do transistor, muito modelos de computador surgiram. O primeiro modelo de computado 100% transistorizado foi o TRADIC, da Bell Laboratories. Outro modelo dessa época era o IBM 1401, com uma capacidade memória base de 4.096 bytes operando em ciclos de memória de 12 microssegundos. A instalação de um IBM 1401 ocupava uma sala e o tamanho dos computadores ainda era bastante grande. Existiam também outros modelos, como o sofisticado IBM 7094. O IBM TX-0, de 19558, tinha um monitor de vídeo de alta qualidade, além de ser rápido e relativamente pequeno.
  10. 10. 3ª Geração: Os circuitos integrados (1965-1980)  A 3ª geração inicia-se com a introdução do circuitos integrados(transistores, resistores, diodos e outras variações de componentes eletrônicos miniaturizados e montados sobre um único chip) aos computadores. Após o surgimento desses circuitos, no final da década de 50, eles foram aprimorando-se até chegar ao estágio de adaptação aos computadores. Os custo de produção de um computador começavam a cair, atingindo uma faixa de mercado que abrangia empresas de médio porte, centros de pesquisa e universidades menores. Uma nova linguagem foi desenvolvida pelo Grupo de Cambridge: a CPL. O Burroughs B-2500 foi um dos primeiros modelos dessa geração.
  11. 11. 4ª Geração  A quarta geração teve início em 1971, quando a Intel lançou o primeiro microprocessador, o Intel 4004, muito mais potente que os circuitos SSI e MSI de até então, e só terminou em 1981 com o lançamento dos circuitos ULSI (Circuitos de Escala Ultra Grande).
  12. 12. 4ª Geração  Continuou-se o desenvolvimento do Circuito Integrado e a busca de se colocar cada vez mais um maior número de componentes em um chip.  A Intel começou suas pesquisas nessa área em 1969.Os resultados foram vistos quando,em novembro de 1971,buscando atender ao pedido de uma empresa japonesa que precisava de um circuito integrado especial,a Intel elaborou o 4004,criado por Federico Faggin,Ted Hoff e StanleyMazor,primeiro microprocessador comercial.

×