Caderno II 
Grupo 02: Los Titãs 
( Angelita, Edmar, 
Jaciene, Thamiles) 
Jovens, 
cultura, 
identidades 
e 
tecnologias
 Jovens = ponta de um “iceberg”
Análise Alberto Melucci 
Classifica os jovens de 03 formas: 
a) Com habilidade autoreflexiva; ( agir, 
sentir, reconhecer)...
Força dessa Análise 
 A identidade do jovem é múltipla, e 
inacabada; 
 identidade= é uma questão de escolha e 
não de i...
Aprender 
 Capacidade de aprender com os jovens; 
 Ofício de educar; 
 Estar junto, ser parte, nós; 
 O que é a juvent...
Com quem trabalhamos? 
 Jovens homens e mulheres; 
 Negros, hetero, homossexuais; 
 Ateus ou religiosos; 
 Sinais de i...
Nativos Digitais 
 Dos 16 a 24 anos 83 % tem acesso à internet; 
 Dos 35 a 45 anos há uma distância significativa em 
re...
Causas e consequências 
 “As tecnologias digitais são, pois, um 
importante elemento constitutivo da 
cultura juvenil.”; ...
Conclusão 
“Nós temos que enquanto 
docentes formadores de 
culturas nos adequar a esta 
realidade, enquanto o 
jovem é su...
Caderno ii
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caderno ii

333 visualizações

Publicada em

Grupo II

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caderno ii

  1. 1. Caderno II Grupo 02: Los Titãs ( Angelita, Edmar, Jaciene, Thamiles) Jovens, cultura, identidades e tecnologias
  2. 2.  Jovens = ponta de um “iceberg”
  3. 3. Análise Alberto Melucci Classifica os jovens de 03 formas: a) Com habilidade autoreflexiva; ( agir, sentir, reconhecer) b) tem noções causalidade e pertença; c) perceber/ estabelecer relações;
  4. 4. Força dessa Análise  A identidade do jovem é múltipla, e inacabada;  identidade= é uma questão de escolha e não de imposição ( nós tentamos uniformiza-los)  A tarefa é fazer com que os jovens possam fazer escolhas conscientes;  Desigualdade de oportunidade;
  5. 5. Aprender  Capacidade de aprender com os jovens;  Ofício de educar;  Estar junto, ser parte, nós;  O que é a juventude?  O que é ser jovem?  “ ser sujeito de direitos e de cultura e não apenas como “objetos” de nossas intenções educativas”
  6. 6. Com quem trabalhamos?  Jovens homens e mulheres;  Negros, hetero, homossexuais;  Ateus ou religiosos;  Sinais de identidade própria;  E você , professor, já parou para pensar que, por debaixo do uniforme da escola, existe um “corpo cultural” coexistindo fora dela?
  7. 7. Nativos Digitais  Dos 16 a 24 anos 83 % tem acesso à internet;  Dos 35 a 45 anos há uma distância significativa em relação ao acesso a internet;  “ecologia digital”;  “...as máquinas são os homens e os homens é que são as máquinas...” ( Mário de Andrade)
  8. 8. Causas e consequências  “As tecnologias digitais são, pois, um importante elemento constitutivo da cultura juvenil.”;  Temos que aceitar a era digital;  Uso = causa = problemas para docentes. 1º transtornos de ministração; 2º dificuldade de escrita e leitura; 3º dificuldade de expressão.
  9. 9. Conclusão “Nós temos que enquanto docentes formadores de culturas nos adequar a esta realidade, enquanto o jovem é sujeito, produtores da sociedade”

×